O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. novogeracaobenfica@gmail.com


segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

Putos da Formação para 2011/12?

 ●  17 comentários  ● 
O Presidente do SLBenfica disse que no plantel da próxima temporada, o SLBenfica terá cerca de 4 a 5 jogadores formados nos nossos escalões de formação. Acho um número talvez demasiado ambicioso, dado que eu apontaria a, no máximo, três jogadores - a não ser que o Presidente esteja a contar com o Roderick, Moreira e Amorim.

O SLBenfica tem emprestados alguns valores que penso que nos próximos três anos poderão representar valores seguros para o SLBenfica. Destes quem acham que deveria ser integrado para 2011/12, ou acham que nenhum deveria por não reunir qualidade para tal?

Paços Ferreira: Nelson Oliveira e David Simão
Beira-Mar: Ismahel Yartey e Ruben Lima
Olhanense: Jan Oblak
Fátima: André Carvalhas, João Pereira e Leandro Pimenta
Belenenses: Miguel Rosa
Servette: Lassana Camará e André Soares
Leicester: Miguel Victor

Destaquei a bold os que entendo fazerem mais sentido. A escolha mais "arrojada" seria a de Oblak, mas apenas porque Julio Cesar admito poder ser um bom guarda-redes, mas a mim não me convence, tal como o Moreira. Ele ou Moreira, um deles tem que dar lugar a um jovem com muita qualidade que jogará na Taça da Liga e treinará ao mais alto nível.

Há aqui muita matéria de discussão, como a não inclusão do David Simão, que entendo que deve ter uma temporada mais regular (como o Miguel Rosa) antes de chegar ao plantel, o mesmo se aplica ao Yartey que tem que trabalhar mais nos treinos antes de chegar ao plantel principal do SLBenfica. Leandro Pimenta e Saná têm que ser emprestados a clubes que lutem pela subida na Orangina na próxima temporada. O João Pereira e o André Soares, acho que dificilmente terão oportunidade, ainda que sejam bons jogadores, o Miguel Victor tem ritmo e qualidade, mas a baixa estatura limita-lhe a oportunidade.

Obviamente que temos mais emprestados, mas penso que esses (e mesmo alguns destes), dificilmente alguma vez chegarão ao plantel principal. E na forja há também mais uns quantos como o Ruben Pinto - muita, muita qualidade.

17 comentários blogger

  1. O Ruben Lima já não pertence aos quadros do Benfica.
    Para mim é um mistério o JJ não apostar no Urreta nem no Shaffer (sempre que jogou nunca comprometeu e o Benfica ganhou).

    ResponderEliminar
  2. Gostaria que assim fosse, pelos motivos mais óbvios.
    Concordo com aqueles que destacaste, talvez junta-se a eles, David Simão.
    Os outros, julgo que seria importanteb rodarem, mas em clubes da 1ª liga.

    ResponderEliminar
  3. Concordo em absoluto com o 'Eagle One'

    ResponderEliminar
  4. GB: Alguns dos jogadores que falas fazem parte da equipa que foi Campeã Nacional de Júniores e que depois viu a FPF pura e simplesmente roubar-lhes o campeonato e entregar ao “novo Belenenses”.
    Sempre tive grandes expectativas sobre essa equipa mas com o tempo temos visto que a transição para o futebol profissional se tem tornado muito difícil.
    Como já escrevi hoje num outro tópico, o jogador que tem demonstrado maior crescimento é mesmo o David Simão. Está claramente mais maduro, joga mais rápido e de forma clarividente. Está ainda no inicio do processo evolutivo e estou seguro que no final da temporada ainda vai melhorar de forma a não deixar “espaço de manobra” ao JJ para o deixar fora do plantel principal na próxima temporada.

    Quanto ao Nélson Oliveira (e como sabes bem) eu tenho a convição que ele vai ser dentro de pouco tempo a referência do ataque do Benfica e da selecção, mas esperava que ele este ano já se tivesse conseguido impor um pouco mais. Acho que é de esperar até ao final da época para ver os resultados do seu futebol…Apenas mais um pormenor sobre ele. Tem quatro golos, todos eles marcados na qualidade de “suplente utilizado”, sendo a “arma secreta” da Liga que mais golos tem vindo do banco.

    Miguel Rosa: Apesar de eu não o achar um grande jogador, ele já tem sete golos marcados esta época. Se a isto juntarmos o facto do Belenenses só ter duas equipas atrás de si e apenas vinte e um golos marcados, os números dele saltam á vista! No entanto há uma coisa que se destaca este ano, é a quantidade de vezes que é substituído…Na próxima temporada já tem 23 anos e se não for desta, já não é…

    Camará e André Soares: O empréstimo ao Servette está a correr mal. O Camará jogou três minutos enquanto o André soma apenas seis jogos depois de na época passada não ter jogado no Carregado. Acho que nenhum deles terá infelizmente o futuro que sonharam…

    Yartey e Leandro Pimenta terão que rodar.

    Finalmente o Miguel Victor. Baixa estatura? Convém lembrar que ele tem 1m83…ou seja mais alguns centímetros que um senhor chamado Fabio Cannavaro, curiosamente alguém cujo estilo se assemelha muito. Cada um que pense o que quiser, mas o Miguel está a “pagar” o facto de ter passado a ser agenciado pelo Pini Zahavi. É um excelente jogador, que demonstrou ter valor para estar no plantel sénior e que no passado até supriu muito bem o Maxi Pereira quando este esteve lesionado. O seu empréstimo é um profundo disparate…

    ResponderEliminar
  5. Eu concordo com o Thern e acho que os nomes de que falas sao um pouco rebuscados.

    Tu preferes o Oblak ao Julio Cesar para o plantel principal?? Porra... Ainda se dissesses em vez do Moreira para 3o guarda-redes eu era capaz de compreender!

    E falas da irregularidade do David Simao mas queres o Nelson Oliveira que nem sequer conseguiu agarrar a titularidade no Pacos de Ferreira a frente de uns colossos como Pizzi e Ozeias (ou la como se chama o PL titular do Pacos) e de quem os adeptos do Pacos se queixam de que nao trabalha o suficiente em campo!
    Alias eu se fosse ao Benfica tentava era contratar o Pizzi ao Braga porque esse jogador e entusiasmante, portugues e jovem.

    Os 3 jogadores mais do que obvios para mim para ficarem no plantel da proxima temporada seriam Miguel Vitor (ele nao e baixo, o JJ e que prefere torres no centro do terreno defensivo e alem do mais com treino especifico consegue-se aumentar a capacidade de impulsao), David Simao e quanto muito Miguel Rosa.

    Roderick emprestava para jogar, Nelson Oliveira idem, Oblak punha a rodar num Fatima ou Belenenses onde pudesse jogar para evoluir.

    ResponderEliminar
  6. o miguel rosa não é, de momento, jogador para o plantel do SLB. talvez seja daqueles que se faz com o tempo, como o carlos martins, ou em menor escala o nuno assis. preferia ver lá o ruben pinto directo. até porque há aimar, martins para esse lugar... e essa é a posical de raiz do proprio gaitan!

    ResponderEliminar
  7. Vermelhusco, nada a ver com essa a análise.

    volto a repetir-te a diferença q é treinar com o Roberto e treinadores de alto nível... ou ser suplente de um marreta em Olhão ou treinar com um maneta em Fátima.

    Isto aplica-se a todos. Os putos qd chegarem à Luz a treinar ao mais alto nivel evoluem muito mais.

    Quanto à questão do Nelson se impor a jogadores como o Pizzi ou o Rondon, nem vou comentar... porque a resposta é demasiado obvia, amigo.

    ResponderEliminar
  8. A integração destes jovens vai ser um problema, se continuarmos assim dependentes, de empréstimos, para eles terem uma primeira experiência como sénior e, aí mostrarem-se aos adeptos(benfiquistas) e ao treinador(do Benfica)!!! Desvantagem para o jogador e clube, se não for "estrela" ou "jovem com potencial" não joga ou tem poucos minutos; e, com o fracasso, evidentemente que não vai ter margem de manobra no clube de origem...

    Uma solução que parece que resolveria este problema, era a criação da equipa B (um erro ter acabado com ela), a qual, deveria ter um onze base formado pelas reservas da equipa A e os potenciais jovens dos juniores, ou seja, o plantel da equipa B composto por aqueles que jogam pouco ou nada do plantel principal(olhando ao actual estamos a falar de 12/13 jogadores...além de que pelo menos mantinham um ritmo competitivo regular..e até era benéfico para eles quando entrassem na equipa titular, não acusavam tanta falta de competição...outro aspecto a reter, a equipa B devia ter o mesmo modelo táctico e inclusive ser treinada por um dos adjuntos da principal...para haver um observação de eventuais promessas para explodirem na equipa A) e os restantes 7/10 jogadores iam se buscar a equipa de juniores. Vantagem disto, quando os juniores fossem a estrear na equipa A, já sabíamos do seu potencial, já o conhecíamos (sim nós adeptos, por causa da BenficaTV), por tanto um mau jogo, era um mau jogo, e, nada mais...não era do tipo "andamos a gastar milhões na formação pra isto"; e, o treinador principal tinha mais segurança quanto aos jogadores "menores" do plantel principal, aqui incluem-se jogadores do tipo Jara, Felipe Menezes e por aí, são jogadores que necessitam de estar no Benfica, numa equipa B, pois não podem viver a espaços das oportunidades que Jesus dá na Taça da Liga(pois agora na meia final, nem são convocados).
    Por isso é urgente a criação de uma equipa B, porque assim estes jogadores, bem como os jovens, tem de competir regularmente, tem um objectivo no tempo(colectivo, p. ex. ficar no pódio da divisão que a equipa B disputa), e, o mais importante, desde que a equipa B seja orientada por um adjunto da equipa principal, seguindo a táctica e modelo de jogo da equipa A, melhor para esses jogadores, pois quando forem chamados a actuar na equipa principal, menos desculpas terão para justificarem o seu falhanço(pois uma noite de má qualidade todos têm, falta de capacidade para jogar num clube grande, muitos jogadores têm..e assim). Pois com equipa B, muito dos nossos problemas em termos de contratação e jogadores flops seriam solucionados em menos de seis meses; e, em termos de custos, neste modelo é só mesmo as deslocações, e as organizações dos jogos!!
    Mas em termos de ganhos, o outro lado da balança, há muitos, desde logo, jogadores como Jara, Menezes, Faria, Roderick, entre outros, não estariam sem competir tanto tempo, e eram convocados quase todos os 8 dias para os jogos das equipas B... e os juniores/jovens estrelas, teriam hipóteses de jogarem num campeonato sénior, e, ambientarem-se. E, jogadores como o Nelson, David, Miguel Rosa, poderia pensar-se se era melhor emprestar ou ficar na B, a cumprirem um programa especifico de treino!!!
    O actual modelo da liga intercalar não é o ideal, e, quando tem oportunidades nas taças, encontram se sem ritmo e sem entrosamento!!!
    Numa equipa B, nestes moldes, junta-se experiência(reservas da equipa principal) com inexperiência(jovens ou juniores), e, dá mais confiança aos jogadores da B para singrarem na equipa principal, e, ao treinador da equipa principal serve para tirar as dúvidas sobre as reservas da equipa A ou de jovens com potencial!!! E, se calhar, poderiam se evitar muitas idas ao mercado, de inverno, principalmente!!!
    É uma ideia.

    ResponderEliminar
  9. Pois é...sabem o que acontece quando não publicam os nossos comentários "reacionários" ...apago o blog GB dos meus favoritos! Falam da PIDE mas qualquer Tuga gosta (ainda) de ter um lápis azul na mão para censurar !!! Este blog tem um perfil muito crispado, facioso e extremista!...eu estou FORA!

    ResponderEliminar
  10. É curioso que agora que num momento em que o José Eduardo do Submissos Clube de Portugal vem falar em equipa B e planteis de vinte jogadores, já toda a gente acha uma ideia brilhante e que deveria ser seguida dando o Barcelona como exemplo....enfim, o que as pessoas deviam primeiro saber é que o Barcelona não tem um plantel principal com vinte jogadores mas sim com 26/27 mais a equipa “B” com outros vinte cinco, TODOS com contratos profissionais, com todos os custos associados a isso mesmo...

    Depois há outra questão, porventura a mais importante. É que segundo os regulamentos actuais, as equipas “B” não podem ascender á Liga Orangina, ou seja, não podem passar da 2ª Divisão B onde há pouca margem de evolução para um ex-Júnior.

    Eu seria favoravel á criacção de uma equipa B se esta pudesse ascender á Liga Orangina e se houvesse um limite de jogadores estrangeiros, porque também não acho que as mesmas devam ser o “estaleiro” dos estrangeiros sem lugar na equipa principal.

    Trabalhar semanalmente com o plantel principal e ao domingo jogar nos “B”?
    Bem, então e rotinas de jogo? Desmotivação? Modelo táctico? Com o actual quadro competitivo não faz sentido...

    ResponderEliminar
  11. Infelizmente, o futebol português mostrou que não está preparado para equipas B. Nesse aspecto á que dar crédito ao Vale e Azevedo que empurrou essa ideia para a frente mas infelizmente os clubes pequenos da Liga de Honra vetaram a subida das equibas B á Liga de Honra.

    Na minha opinião a recriação dessas equipas devia ser alvo de reflecção e integradas de uma maneira bem pensada no actual quadro competitivo. Por exemplo, porque não criar um limite para o número máximo de equipas B na Liga de honra? Digamos 4 de máximo, e a última classificada descia sempre para a segunda divisão em troca com a melhor equipa B na 2ª Divisão B. Desse modo mantinham-se 16 clubes na Liga de Honra e até garantiam mais jogos, previsivelmente contra equipas dos 3 grandes o que até iria garantir dinheiro para esses clubes.

    ResponderEliminar
  12. Caro anónimo, tem as regras de publicação de comentários escritas na barra direita do blogue!
    Em vez de fazer figuras parvas e chamar-nos de fascistas e termos comportamentos pidescos siga o raio das regras para ter os seus comentários aprovados. Porque já estão ali á MESES!!!

    Para quem tem o blogue na barra de favoritos até me admira que não tenha lido as regras para publicação de comentários e/ou não as queira seguir.

    ResponderEliminar
  13. Plenamente de acordo com o Jonas Thern.
    A maior parte das equipas nao tem condicoes de aguentar o orcamento de uma equipa principal, vai ter entao condicoes para aguentar o orcamento de duas?

    Muito bonito no papel... Na pratica 'e que sao elas

    ResponderEliminar
  14. meu caro Geração...um apenas diferença de opinião...eu penso que o Júlio César não é inferior ao Roberto...opinião minha baseada em feeling...nada mais..

    ResponderEliminar
  15. Não sejamos românticos! Com equipa B, ou sem equipa B, serão sempre, para já, muitos poucos os jogadores com qualidade para se imporem no plantel principal do Benfica. A qualidade em Portugal é muito Baixa! Os campeonatos de juniores são muito desequilibrados. Mesmo jogadores que, quando emprestados, fartam-se de jogar e até têm alguma evidência, não conseguem lá chegar. Nos corruptos são imensos os exemplos, até porque, têm muitos clubes submissos para os colocar! Mas se olharmos para o plantel principal não vemos nada! Eles evidenciam-se a rodar e voltam ao clube, passam a época no banco ou na bancada e vão embora! No Sporting o caso é diferente, aproveita-se de imediato, até se força o aproveitamento, para logo depois os emprestarem e até tem qualidade mas ela não chega para o que o clube necessita!

    Nelson Oliveira não é um jogador para equipa pequena, tem muito bons pés, joga bem de costas para a baliza e é inteligente, mas não é muito rápido ou jogador para progredir 30 ou 40 metros com a bola em correria loucas, ao contrário de Pizi. Para o tipo de futebol que jesus gosta, acho que ele merece uma oportunidade!

    David Simão é futebol puro, grande técnica e boa visão de jogo! No Sporting já tinha feitos muitos jogos no plantel principal e se calhar depois acabava emprestado... Talvez mais um ano rodar não fosse má ideia, mas também acredito que JJ o queira junto de si! Acho que é daqueles jogadores que pode vir a ser um grande jogador ou um novo Hugo Leal...

    Depois há os casos como Sílvio que ninguém dá nada por eles e de repente "emancipam-se" e ficamos todos a pensar como os deixamos escapar!!! É para casos destes que as equipas B, são o melhor, mas muitas vezes é preciso ter paciência e esperar que o jogador expluda e que não se desmotive por se ver muitos anos numa equipa B. Muitos só depois de se libertarem da equipa que os forma e sentirem que têm que fazer pela vida mostram o seu real valor...

    Espero que a afirmação de LFV, seja prenúncio de uma estratégia/entendimento com toda a estrutura técnica e não uma afirmação de intenções, se assim for, JJ já terá os alvos escolhidos...

    ResponderEliminar
  16. Ahahahahahahahahah. Demagogia presidencial nada +...

    ResponderEliminar
  17. Não sei quando é que esse senhor falou, mas assim como fui um dos entusiasta da liga intercalar, a ideia era melhor que o projecto final, agora, e, como sempre achei um erro o fim da equipa B.

    Não sei quando o José dos lados de Alvalidl defendeu tal coisa, mas eu já comentara isto noutro blog http://chamagloriosa.blogspot.com/2011/02/benfica-uma-nova-politica-desportiva.html#comments;
    só para demonstrar que a minha ideia quanto às equipas B ou de reservas (como em inglaterra) são antigas, e, nada tem haver com ideias de outros cubles!!

    Quanto ao falado modelo do Barcelona, não cola no Benfica por várias razões, uma das quais, é que os adeptos do Benfica são similares ao do Real; e, a segunda, um jovem da "cantera" do Benfica nunca teria tantas oportunidades dadas pelos adeptos até singrar, se não repare, Miguel Victor e Urreta...conta-se pelo os dedos os blogs que pedem o regresso do primeiro, enquanto que o segundo vai de fracasso e problemas disciplinares e, quantos não reclamam por uma oportunidade...é um exemplo, no qual não avalio pelas suas qualidades e potencial, mas sim pelo facto de serem ambos jovens, praticamente da mesma idade, e, qual é a diferença??? Um vem da "cantera" do Benfica, o outro vem do Uruguai!!!! Por isso é que não acredito no modelo do Barça como exemplo para o Benfica, e, até, porque eles na base da sua formação tem muito estrangeiros, os exemplos mais mediáticos são o Messi e Giovani dos Santos. Quanto ao facto de o plantel do Barça ou qualquer equipa em Espanha, só podem ter 25 jogadores, dos quais só 4 podem ser extra-comunitários, regra imposta pela Liga. Cá não acontece por incompetência da Liga. Contudo, essa regra é ultrapassada com os jogadores da equipa B(25jogadores à mesma), pois uma vez inscritos nesta, podem jogar na equipa principal.

    ResponderEliminar

Atenção: O NGB mantém um registo completo de todos os comentários. Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado. Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado. Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no âmbito do NGB

ranking