Carlos Queiroz - Novo Blog Geração Benfica
O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Um espaço de opinião individual, alheio a quaisquer interesses individuais ou colectivos.
Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


terça-feira, 26 de junho de 2018

Carlos Queiroz

Avatar
 ●  + 49 comentários  ● 

Confesso que tenho uma simpatia especial por Carlos Queiroz. 
Essa simpatia vem desde o minuto 45 do jogo disputado em Alvalade no dia 14 de Maio de 1994. Foi quando Paulo Torres é substituído por Pacheco. Essa auto-estrada do lado esquerdo da defesa do Sporting, criada por Carlos Queiroz, foi fundamental para um 3-6 que ainda hoje é uma alegria rever.

Carlos Queiroz tem a altivez legítima de quem conseguiu os primeiros resultados de topo para o futebol português. Foi campeão do mundo 2 vezes seguidas e lançou para o futebol português a chamada "Geração de Ouro". Sim foi ele, com a ajuda da sua equipa técnica, que deu as noções de trabalho e rigor a um sem número de jogadores que marcaram o futebol português e mundial durante 20 anos.

Alguns deles perderam-se pelo caminho, por falta de apoio nos clubes ou culpa própria. Mas Carlos Queiroz recebeu e lapidou uma geração notável de jogadores.

Também no Manchester United Queiroz deixou a sua marca, de tal forma que Ferguson não hesitou em chamá-lo de volta após a experiência armadilhada do português como treinador do Real Madrid.

Daí que, percebendo que Queiroz terá um feitio díficil de aturar segundo quem treinou com ele, tenho dificuldades em compreender a hostilidade para com um treinador que tem mais provas dadas e currículo que qualquer outro treinador português, à excepção de Mourinho.

Nunca se limitou, trabalhou pelo mundo inteiro e tem apresentado resultados. Percebo a raiva de Queiroz face ao futebol em geral em especial quando viu a preparação da selecção que treina boicotada. Todos puderam fazer vários jogos de preparação excepto o Irão. Pegou numa selecção sem qualquer historial e competitividade e faz um Mundial em que não merece perder qualquer jogo.

Ontem Queiroz cumpriu o seu papel. Não estava ali como português mas sim como iraniano. Como Pepe não esteve em campo como brasileiro. Podemos gostar mais ou menos de certas atitudes mas não é assim em qualquer campo ou jogo em qualquer parte do mundo?

Podia Queiroz ter admitido que o penalty que dá o empate ao Irão nem o Carlos Calheiros tinha a coragem de o marcar? Sim. 

Mas será que qualquer outro jogador se teria safo ao vermelho se não se chamasse Ronaldo? Não.

Pedem respeito ao Queiroz, mas ninguém presta o devido respeito por alguém que fez mais pelo futebol português que 99% dos que lhe apontam o dedo ou se passeam na FPF.

P.S.: Falaremos do "Mala Ciao" às 12h30.

49 comentários blogger

  1. eu não sou de todo fã de Ronaldo, sou um admirador da sua carreira e do seu talento, não sou groupie da personagem.

    vermelho para o Ronaldo!?!?!?

    comédia... nem amarelo era, uma falta mais que comum...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O que eu escrevi? Que com qualquer outro jogador era vermelho. Ou ignoras que do VAR deram indicação para vermelho? Que foi o árbitro que discordou e deu o amarelo?

      Eliminar
    2. As indicações que o VAR da não são instruções que o árbitro tem que seguir a justa. Aliás, esse VAR que não viu uma cotovelada, para mim mais vermelho que este lance do Ronaldo, e ficou caladinho que nem um rato. No resto, não me choca o discurso de Queiroz, a defender a sua parte, normal. Mau perder é quando se dirige a Moutinho quando não tem que o fazer, um jogador claramente injustiçado por ele na seleção.

      Eliminar
    3. O lance do cartão do CR7 nem para amarelo é.

      Eliminar
    4. E depois Sr Apache, altera a verdade dos factos?!

      Eliminar
    5. Não é de todo lance para cartão. Ronaldo ganha a posição, até te digo mais se fosse outro jogador o VAR nem dizia nada.

      Eliminar
  2. ah e dizer que a mão do cepo cédric não é penalty... és pouco tendencioso és...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. e tu se o o unico argumento que tens é esse és apenas ignorante, aliás como todos os "des" e "das" assim como o "de" carvalho.

      pretenciosos que se acham muito e na realidade são apenas mal educados.

      Eliminar
  3. Não tenho nem nunca tive simpatia por Carlos Queiroz. Ontem mostrou mais uma vez quem é...rancoroso, ressabiado...ainda não digeriu o facto do seu insucesso na seleção A

    Reconheço-lhe mérito e um papel muito importante no futebol português pelos mundiais sub-20 e o trabalho nas seleções jovens

    Não vejo qq interesse neste Post, o Queiroz nada diz ao Benfica, não é Benfiquista

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mas comentaste. Algum interesse viste. Não somos como outros. Aqui comenta-se tudo.

      Eliminar
  4. Quem não se sente não é filho de boa gente, e o Queirós está sentido com a FPF, talvez sem razão é verdade, mas na cabeça dele com toda a razão.

    Podia ter tido uma atitude mais discreta como teve por exemplo o Oceano, que mostrou muito mais classe, mas ao menos teve a virtude de não ser hipócrita, saiu a mal da Selecção, continua mal com a FPF e não o esconde.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A segunda saída agravou o que sentiu na primeira saída da Selecção principal. E um dos motivos foi mesmo Ronaldo. Queiroz nunca concordou com o tratamento diferenciado dado a Ronaldo. Nem eu concordo com isso.

      Eliminar
    2. Shadows

      O Ronaldo e de outro Mundo quando ele falha toda gente fala e graças a ele que Portugal esta onde esta o resto conversa tira o Ronaldo de la e vais ver o que da

      Eliminar
    3. O Queirós na África do Sul só fez "caca". Lembrem-se do Nani e da gestão desse processo e até da convocatória tardia do Ruben Amorim, que não estava nos 23 e depois até joga a titular... Se isto é boa gestão de equipa...

      Eliminar
    4. Shadows e Tiago da Fonseca, o que ambos dizem tem a sua razoabilidade, se por um lado tratar um jogador de forma diferenciada pode ser prejudicial para o grupo, por outro o jogador em questão é mesmo diferente dos outros, não pode é claro estar acima do grupo.

      Pessoalmente estou mais com o Shadows, "there's no I in team", mas objectivamente o Ronaldo é o abono de família da Selecção, mas não é só no campo, é também em muitas outras coisas fora de campo.

      Um bom exemplo foi a saída do André Silva ontem, o Rui Costa viu o segundo amarelo na Alemanha em 1998 ou 1999 por ter saído ao dobro da velocidade do André Silva ontem, pelo critério do árbitro desse jogo na Alemanha acho que ontem o André Silva tinha sido irradiado do futebol.

      Eliminar
    5. Mark

      So quem não percebe de Futebol fala assim olha tens o melhor exemplo dentro do Benfica quando o Jonas o J.César estão aflitos das costas também não vão com Equipa no Autocarro vão de Mercedes qual e diferença? No Real Madrid a jogadores superiores aos da seleção e mesmo assim eles trabalham para CR7 porque ele e realmente o melhor ponto em todos os clubes e sempre assim e sempre foi

      Eliminar
  5. Vermelho ao Ronaldo? Só deram amarelo pela pressão feita pelos iranianos todo o jogo. Foi inadmissível como a equipa de arbitragem se deixou influenciar por aquela estratégia de autenticos ciganos. O penalti contra o Cedric foi igual.

    Alias, tudo o que envolveu os iranianos durante, antes e após o jogo fez lembrar o fcp. Desde a festa que os adeptos fizeram às portas do hotel da seleção portuguesa durante a noite, a pressão feita antes do jogo pelo pessoal responsável pela seleção iraniana e para terminar, toda a pressão durante o jogo, com todos os elementos da equipa a rodear os árbitros por várias vezes.

    Foi vergonhoso aquilo que se viu.

    E ainda vens tu defender estas personagens? Por amor da Santa!

    Cumprimentos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pedro, o que digo é que qualquer outro jogador tinha levado o vermelho. É a realidade por muito que não te agrade.

      O penalty a favor do Irão veio do VAR assim como a indicação para vermelho ao Ronaldo. O mesmo VAR que levou a Espanha ao colo no jogo com o Irão e ontem com Marrocos. Não percebes que Portugal era para ter ficado de fora ontem?

      Não defendo nem deixo de defender. Em Portugal há muito esta tendência de atacar em matilha ou de menorizar os outros só porque interessa. Tudo isto serve para branquear mais um jogo miserável da selecção de Fernando Santos.

      Eliminar
    2. Se fosse para Portugal ficar de fora o Var não tinha dado sinal para o penalti sobre o Ronaldo.

      O problema aqui é mesmo o comportamento inadmissível do irão, coagindo e influenciando a seu favor o desempenho da equipa de arbitragem. Ontem pensei que estávamos a jogar contra o fcp. Foi uma vergonha, o lugar destas equipas é fora dos grandes palcos, até o Panamá dá muito melhor exemplo.

      Eliminar
    3. @ Shadows

      "Não percebes que Portugal era para ter ficado de fora ontem" - WTF?!!? Claro, por isso é que marcaram penalty a favor de Portugal...

      Eliminar
  6. Sem dúvida que tudo o que dizes sobre o Queiroz é vdd, todos os países por onde tem passado, vão ás fases finais das provas...e não jogam mal!!
    Esqueceste-te de dizer que foi o Ronaldo quem o mandou para a fogueira, tal como mandou o Paulo Bento.
    è certo que á conta do CR7 temos ultrapassado vários adversários, inegável, mas também é vdd que se o CR7 não gostar do selecionador, o mesmo vai de pinote...nem duvidem.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Falo nisso no comentário acima ao Mark. Totalmente verdade. Aliás, no Brasil foi um fracasso essencialmente por isso.

      Eliminar
    2. Se o treinador não sabe estar em consonância com o melhor do mundo então tem que ter guia de marcha. É uma questão de se saberem adaptar, se o treinador não sabe e/ou é demasiado orgulhoso, então tem que sair.

      Há alguém que percebe e faça uma melhor leitura do jogo que o Ronaldo? Não é por acaso que ele é o melhor do mundo. Se o treinador não aceita receber as instruções do Ronaldo então é porque não sabe o que está lá a fazer.

      Cumps

      Eliminar
  7. Estava a concordar com tudo até à parte do vermelho ao Ronaldo pá. Alguma vez aquilo é motivo para vermelho?! Nunca na vida!!! O Iraniano faz uma obstrução clássica, tão descarada que irritou o Ronaldo. Aqui o escândalo é ter havido obstrução sem amarelo, porque isto foi claramente de propósito, e não é raro ver uma obstrução destas, onde o defesa sabe que o amarelo para si mesmo ele tem garantido, mas quer ver se arranca um amarelo ao avançado também. Aqui não só não levou cartão como ainda deu para se fazer de vítima!!!
    E tu pedes vermelho?! Porra... -.-

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Filipe, eu não peço vermelho nem digo que é vermelho. Longe disso.
      O que afirmo é que, depois da indicação do VAR, qualquer outro jogador tinha visto o vermelho. O árbitro deu o amarelo porque não teve coragem.

      Eliminar
  8. Como já diversas vezes escrevi… a equipa da FPF passa me ao lado… mas gosto de registar a incoerência do "Ontem Queiroz cumpriu o seu papel. Não estava ali como português mas sim como iraniano. Como Pepe não esteve em campo como brasileiro." mas relativamente a jogadores do Benfica serem benfiquistas desde pequeninos já interessa! lol.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não bebo de manhã por isso custa-me entender onde queres chegar com esse comentário... :)

      Eliminar
  9. Queiroz é um "professor artista" que sempre teve boa imprensa em Portugal.
    Um dos seus fans incondicionais é o inenarrável...Rui Santos.
    Por aqui podemos avaliar bem a peça.

    Deram-lhe os louros pela prestação valiosa nos escalões de formação, quando ele foi tão somente e apenas, o rosto mais visível.

    Depois no futebol sénior profissional o seu percurso fala por si.
    Esteve mais tempo como adjunto de Ferguson no United.
    O Real de Madrid haveria de o ir buscar, numa altura em que houve uma aposta clara na comercialização da imagem. Queiroz tinha boa figura, era bem falante (embora se perceba pouco do que diz, de tão rebuscado ser).

    Ficou na história do Real de Madrid como dos piores treinadores que alguma vez o colosso espanhol teve. Apurar-se-ia por uma unha negra para a então denominada Taça UEFA.
    Época desastrosa, balneário destroçado, intrigas, maledicência, passa culpas, resultados desportivos miseráveis...tudo matérias e caldeiradas nas quais Queiroz é especialista.

    Antes, no Sporting e selecção portuguesa havia de ser também corrido, praticamente pelas mesmas coisas.

    Depois andou errante pelo Mundo, em clubes de dimensão insignificante, até que iniciou o périplo pelas selecções (corrido da portuguesa, da sul africana...), sempre com a presunção de ser um...adiantado mental.

    Embora tudo o que conseguiu na vida tenha sido à custa do Futebol, Queiroz tem uma relação de profunda antipatia pelo Futebol, achando que é um mundo de labregos e tipos sem nível, no qual ele (sempre ele) sobressai como luz maior e cintilante.

    Não deve haver um único jogador que diga bem dele.
    Comprou guerras com todos eles, designadamente Figo e Cristiano Ronaldo, com quem teve aquela cena patética no Mundial da África do Sul.

    Pertence àquela escola de treinadores, cuja máxima principal é "jogar para não perder".

    Teve ao longo de toda a carreira, um tipo que o aturou e lhe aparou tudo e mais alguma coisa : Sir Alex Ferguson, de quem foi simples adjunto durante um bom par de anos.

    No fundo, Queiroz acha-se tão bom, tão bom, tão bom e tão acima dos demais, que o Mundo e o Futebol não o merecem.

    Morrerá angustiado pelo facto do futebol português, de quem ele se acha tão credor, nunca lhe ter dado trabalho, obrigando-o a andar por locais e países recônditos, onde o futebol não tem a visibilidade que tem noutros continentes.

    Provavelmente, como outros, nunca deveria ter saído do futebol de formação, onde foi tão feliz.
    Trabalhar e lidar com profissionais de futebol é uma coisa. Com meninos, outra completamente diferente.

    Talvez Queiroz nunca tivesse percebido isso.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O futebol português ofereceu-lhe também o cargo de treinador quer no FCP quer no SLB, que recusou mesmo por essa antipatia para com o nosso futebol. Devo dizer que tem razão em mais de 80% das razões que apresenta quanto ao que se passa no futebol em Portugal. Uma delas prende-se com o estatuto de Ronaldo na Selecção. Ou acham que o jogador A ou B não jogam porque Fernando Santos não quer? Acham que os jogadores ficam indiferentes a dias de férias extra dados a Ronaldo? A Ronaldo poder passar noites fora do hotel da Selecção? Só quem nunca geriu um grupo pode achar que isso passa ao lado dos outros.

      Eliminar
    2. Caro Shadows, quem conhece bem as dinâmicas dos grupos, sabe que há sempre quem se diferencie dos demais, por múltiplos factores.
      Ronaldo não pode ser igual aos outros e tratado como os outros, porque é diferente. Tem números impressionantes.
      Ronaldo é daqueles tipos que daqui a 500 anos, se ainda houver Mundo e Futebol ha-de ser sempre recordado como alguém estratosférico que marcou indelevelmente o futebol no século XXI.

      Tem o estatuto que tem por força do que fez e continua a fazer no futebol.
      E olhe que não vejo ninguém no seio do grupo contestar o tratamento deferencial que ele tem.

      Ronaldo é Ronaldo. E impôs-se naturalmente no grupo, não por força das tatuagens, piercing's, exotismos ou excentricidades, mas por força da sua competência e números verdadeiramente impressionantes.

      Se me me perguntar se eu gosto do estilo e do vedetismo, venha ele de onde e de quem vier, digo-lhe já que não.
      Mas em todos os grupos, há "estrelas" que cintilam mais que outras.
      Tomáramos nós que todas as estrelas fossem da natureza do Ronaldo...
      Ao menos ele, é-o de verdade.
      Mas outros há que por aí andam, que não chegando aos calcanhares daquilo que fez e faz o madeirense, se arrogam o direito de ter tratamentos diferenciados.
      Estes sim, são maçãs pôdres e nocivas para o balneário e grupo.

      Eliminar
    3. A história do Semedo e do Cancelo tem muito que se lhe diga, nada contra o rapaz Cedric que faz o seu trabalho e que apesar de "vir do outro lado" é um atleta com o qual simpatizo.

      Eliminar
    4. Parece que pouca gente reparou que mal terminou o jogo o petulante cr abandonou o relvado rapidamente “esquecendo-se” dos companheiros que capitaneia.... fosse qualquer outro e caia-lhe tudo em cima.... deve ser muito bom ser companheiro de equipa deste artista...

      Eliminar
  10. Carlos Queiroz conseguiu ser 2 vezes campeão do Mundo de júniores.

    Mérito dele, de um conjunto de jogadores muito bom (alguns excepcionais como Figo, João Pinto, Paulo Sousa,...), da Federação que lhe deu condições muito boas, e dos clubes que formaram esses jogadores.

    Como treinador de adultos nunca conseguiu grandes resultados: não ganhou nada no Sporting (que tinha a melhor equipa dos últimos 40 anos), não ganhou nada em Madrid (dos galáticos), e não ganhou nada nas 2 vezes que passou pela selecção.
    Mas nunca por culpa dele: perdeu no Sporting por causa do Santana Lopes e do Sousa Cintra, em Madrid por causa do presidente, na selecção por causa da porcaria, do VAR, da relva, do árbitro, do Luis Hora e da ADOP, da rotação da terra, da declinação do Sol,.... Nunca por culpa dele.

    Também não foi por culpa dele que os jogadores e equipa técnica iranianos fizeram pressão sobre os árbitros do 1º ao último minuto. Ou para consultar o VAR ou porque não devia ir consultar o VAR, ou porque todos os jogadores portugueses agrediram barbaramente todos os santos jogadores iranianos.

    No mundo de Queiroz só a opinião de Queiroz conta. Se há um toque com o cotovelo tem de ser expulsão. Se a bola toca nos pelos do braço, é penalti. Mas só quando o favorece. Quando o desfavorece já não devia haver VAR.

    No mundo de Queiroz, se o golo Espanha contra Portugal no Mundial de 2010 tivesse sido invalidade seria Portugal a passar. Seria a 1ª vez que uma equipa iria passar por se ter superiorizado 0-0 ao adversário.

    Queiroz é apenas mais 1 que no nosso país não tem cultura desportiva.

    Ah.... e Queiroz não foi o 1º em Portugal a alcançar resultados de topo.
    O Benfica já tinha ganho a taça latina e sido campeão Europeu 2 vezes e ido a mais 4 finais.
    O Porto já tinha sido campeão europeu.
    A selecção já tinha conquistado um 3º lugar no mundial de 66, a melhor classificação de sempre e de longe um resultado melhor que uma dúzia de mundiais de júniores.

    Queiroz é um homem pequenino, ressabiado, arrogante e mal educado.

    JVP

    ResponderEliminar
  11. O Ronaldo, quer se goste ou não, é um jogador com estatuto e com números impressionantes.
    Todas as estrelas têm o seu quê de antipático e de má criação e Ronaldo não escapa à regra.
    Mas só um louco põe em causa o seu prestígio e compra uma guerra com ele.

    O próprio grupo está perfeitamente identificado com ele e lhe reconhece autoridade para ser como é.

    Não gostava de estar no papel de Fernando Santos.
    Deve ser das coisas mais ingratas e delicadas na vida de um treinador de futebol que é gerir um balneário com vedeta(s). Mas, vedetas de verdade, não de pacote.

    Como técnico, não simpatizo minimamente com Santos, embora estas miseráveis prestações (desde que tomou conta da selecção, Euro de França incluído) não me surpreendam, face ao percurso que teve como treinador.

    Já como condutor de homens, tem sido fabuloso, culminado com o feito heróico de colocar o Ronaldo a...defender e a correr quilómetros e quilómetros durante os jogos.

    Apenas dois técnicos o conseguiram : Zidane e Santos. Todos os restantes, entraram em choque com o madeirense.

    Isto, é como diz o nosso Povo : "todo o burro come palha, é preciso é saber dar-lha".

    Quanto a Queiroz, o "professor" sempre foi um ressabiado.
    Presumia-se tão bom, tão bom, tão bom e tão acima dos outros que se aguentou como adjunto de Ferguson durante não sei quantos anos no United.

    Queiroz é uma criatura execrável, mas curiosamente, com uma imprensa em Portugal que lhe tece os maiores tributos, a começar pelo matulão do...Rui Santos.

    ResponderEliminar
  12. Houve outro jogo a uns dias atras (nao me lembro qual foi) em que o VAR ligou ao arbitro para ir ver a jogada por indicacoes de cartao vermelho. O arbitro foi, viu o lance, e ... deu um amarelo ao jogador. A decisao correta. Neste caso, o arbitro, se tivesse coragem, tinha mostrado amarelo...ao iraniano. Esta arbitragem foi vergonhosa. Este arbitro quebrou com a constante pressao iriana (jogadores, staff e espectadores) e, combinada com a arbitragem do jogo Espanha-Marrocos, foi a razao por qual ficamos em segundo.

    Anyway...onward and forward.

    E Pluribus Unum
    A Canadian Benfiquista.

    ResponderEliminar
  13. O amarelo a Ronaldo é tão certo como Portugal quase nada ter feito para ser apurado.

    Aliás, já deram a explicação: Ronaldo estava irritado. Coitado. Ontem na RTP sempre que o homem tocava na bola havia orgasmos por todo o lado. Deviam pôr uma bolinha vermelha, há muitas crianças a verem o jogo.

    ResponderEliminar
  14. Até podes ter razão em algumas coisas, mas dizer que se apurou no Real para a Taça UEFA por uma unha negra quando terminou a época em 3o lugar, é só falar mal porque sim.

    ResponderEliminar
  15. Queiroz é pequenino em tudo. E não desperdiça oportunidade para o mostrar.
    Espero que a FIFA o castigue pelo que disse do árbitro e VAR na conferência.
    Ronaldo não fez qualquer falta. O adversário fez jogo anti desportivo fazendo obstruçáo sem bola, ronaldo afastou-o com o braço num movimento normalíssimo, o referido jogador simulou agressão e deitou-se para o chão esperneando no que merecia um segundo cartão amarelo. O árbitro em cima do lance ajuizou bem mas o video árbitro viu o que não existiu. É falsa a ideia de que a isão com imagens é mais perfeita que a imagem estereoscópica quando vemos diretamente com os nossos olhos. E é errado o video árbitro intervir em lances de interpretação. O árbitro convencido de que cristiano nada tinha feito mas para não desautorizar o vda decidiu-se salomonicamente por um amarelo.

    ResponderEliminar
  16. Ficou claro que:
    Guedes deve jogar em vez de andré silva
    Bernardo deve ficar no banco
    Quaresma e gelson devem alternar na esquerda
    Bruno fernandes deve jogar no lugar do joão mário
    Adrien está melhor que moitinho mas provavelmente deveria jogar sim no lugar do william pois não há pachorra para a forma de jogar dele. Parece que toma um comprimido para dormir antes do jogo.
    Que o ricardo deve jogar no lugar do defesa esquerdo
    Que o Ruben dias deve jogar no lugar do fontes
    Que o queiroz é parvo e mau carácter
    Que o fernando santos é teimoso e medroso. Os jogadores estão muito estáticos na manobra atacante. Muito presos a pretensas posições tácticas sem vontade de ter bola.
    Que as exibições da equpa são paupérrimas.

    ResponderEliminar
  17. E, no final, o Queiroz vai parar ao SCP outra vez... Vai uma apostinha? :)

    ResponderEliminar
  18. nada como um treinador portugues para montar um bom dum autocarro.
    nada como um portugues para fazer pressão sobre os árbitros.
    o que é mais extraordinários são os comentadeiros e jornalistas ficarem muito ofendidos só porque foi contra nós.
    o mais incrivel foi ontem qlguem ter dito que esta postura do CQ nos custou o segundo lugar, mas estavam à espera que o homem estende-se a passadeira.

    e quanto ao lances referidos já tivemos dois exactamente iguais, penalty e possível expulsão, e com as mesmas decisões finais, quer se concorde com elas ou não as indicações são naquele sentido.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Os profs fazem escola

      Eliminar
    2. mas são só os professores? e os engenheiros e os que não são professores e o mourinho ou o outro que quando treinou o felgueiras, e não só, também montou muitos autocarros.

      Eliminar
  19. O Carlos Queiroz é o Bruno de Carvalho dos treinadores! É um triste que tinha tudo para ter mais sucesso mas que não consegue perceber que a origem dos seus fracassos é sua culpa e não aprende. E continua a culpar o mundo por isso.

    ResponderEliminar
  20. Vou reciclar um post meu de 15 junho noutro tasco

    "na história Queiroz irá ficar como um dos mais importantes treinadores de Portugal e no mundo, e até vou citar um treinador que normalmente discordo na sua bajulação groupie a JJ, "Há trinta e quatro anos atrás, havia um português a determinar e a defender muito daquilo que o jogo é hoje."
    Estamos a falar de um treinador que deu dois campeonatos do mundo de u20 a portugal, passou por Real Madrid, Manchester, apurou equipas de 3 continentes diferentes para 4 campeonatos do mundo de séniores, transformou um trinca espinhas num jogador que mais tarde conquistou o mundo (Figo), passou-lhe nas mãos outro desconhecido (CR7), deu a portugal uma geração de ouro que nos fez sonhar e que metemos nas mão de Scolari, teve uma importãncia fulcral no surgimento de uma nova geração de talentos (olhar o gap que houve entre a geração de Figo, Rui Costa, Sousa e a nova de Bernardo Silva, João Mário, Guedes, Danilo) através de uma política desportiva que deu a devida importãncia às seleções jovens e ao trabalho da formação nos clubes.

    http://www.maisfutebol.iol.pt/espanha/internacional/carrick-explica-como-queiroz-parou-o-barca-com-dois-tapetes-de-ginasio

    este artigo é extremamente interessante sobre como Queiroz parou um super Barça e acabou a ganhar a liga dos campeões, coisa pouca de um treinador que será talvez o mais injustiçado pelos portugueses, seguido logo atrás por Rui Vitória"

    E continuo, descrição peca por defeito, achar que Queiroz tem boa imprensa em Portugal depois de ter sido trucidado publicamente após campeonato do mundo de 2010 é obra.
    Sempre teve uma personalidade que não esconde algum ressabiamento para com outros, e no meu entender quase sempre com razão, onde até no caso do BES não teve problema em vir dar a cara.

    Ontem li enormidades no facebook acerca de Queiroz por quase ter chegado aos oitavos, tivesse sido o contrário e gostava de ler o que se diria sobre a falta de William dentro da área (nem precisei de repetição). Estivesse algum de vós na pele de um Iraniano para ver como seria comentado o jogo.

    ResponderEliminar
  21. HAT TRICK DO JOAO PINTO. QUE DEUS!

    ResponderEliminar
  22. Penalti claro do William carvalho na nossa área
    Vermelho para o Ronaldo
    Penalti claro sobre o Ronaldo na área do Irão.
    O lance do Cedric é claramente subjectivo. Uns dirão que a bola desviou no braço dele, outros dirão que o cedric não teve tempo parar tirar o braço ou melhor que não teve intenção de desviar o braço. Os iranianos defenderão o pênalti , os portugueses não.

    ResponderEliminar
  23. CQ é um dos melhores treinadores de sempre. Gosto muito de RV e qunado ele sair podemos pensar em CQ.

    ResponderEliminar

Atenção: O NGB mantém um registo completo de todos os comentários.
Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado.
Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado.
Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no âmbito do NGB

ranking

recentes

Mensagens populares