Bruno Carvalho responde aos leitores do NGB.
O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


quarta-feira, 10 de julho de 2013

Bruno Carvalho responde aos leitores do NGB.

Avatar
 ●  + 14 comentários  ● 

4. PERGUNTAS DOS LEITORES DO NGB

4.1. INOCÊNCIO
- Se fosse Presidente do Benfica manteria os jogos do Benfica fora da Sport TV?

Sim. Absolutamente.

- se fosse Presidente do Benfica denunciaria publicamente o elevadíssimo número de
treinadores e directores desportivos de clubes da 1ª divisão oriundos do FC Porto?

A questão não é bem essa. O que nos devemos perguntar é porque será que não há
treinadores e directores que sejam oriundos do Benfica?

- se fosse Presidente do Benfica seria capaz de mandar a equipa sair do campo quando
atacada com bolas de golfe?

Não se faz sair uma equipa de ânimo leve. Eu vi atirarem uma cabeça de porco ao Figo
em Barcelona e o Real Madrid não saiu de campo.
É fácil dar respostas populistas, mas não contem comigo para isso.
No entanto, é claro que tem que haver condições de segurança e que o Benfica tem que
ser respeitado em todo o lado.

- se fosse presidente do Benfica seria capaz de ir à UEFA entregar o material que está no
youtube, relativamente a escutas feitas durante o apito dourado?

Evidentemente que a UEFA tem conhecimento desse material. Também me parece que
no caso Apito Dourado a aplicação da justiça deixou muito a desejar.

4.2. BCOOL
- Várias vezes se ouve falar do passivo de 500 milhões. Está a falar do passivo da
SAD ou do passivo do clube? Como se propõe reduzir esse passivo, isto é quais as
medidas concretas para reduzir o passivo financeiro? Com o aumento do passivo tem
havido aumento do activo, havendo valores ocultos (valor dos passes dos jogadores),
utilizaria a venda de activos para reduzir os passivos?

Quando se fala em Passivo de 500 milhões (ou mais), está-se a falar de todo o Universo
Benfica: Clube + SAD. Recordo que esse Passivo, quando Vale e Azevedo saiu do Benfica,
rondava os 80 milhões.
O Passivo tem de ser reduzido, disso não há dúvidas. Ou o reduzimos nós por nossa
iniciativa ou um dia obrigam-nos, outros, a fazê-lo.
Há várias medidas concretas para a redução do Passivo. Dou-lhe dois exemplos:
- proibir orçamentos deficitários no Clube e SAD
- obrigar que 25% das receitas das vendas de jogadores sejam canalizadas para a
amortização de Passivo Bancário

Quanto ao Activo, gostava que ficasse uma coisa clara: muitos Benfiquistas contrapõem
que a subida do Passivo é colmatada pela subida do Activo e, portanto, o Benfica não
tem um problema.
Isso é uma ilusão.
É uma ilusão porque o Passivo é todo para pagar, até ao último cêntimo, e a grande
parte do Activo não se pode vender.
Os dois principais Activos que o Benfica tem são o Estádio e a equipa de futebol.
É evidente que se queremos que o Benfica continue não os podemos vender. Se
vendermos o Estádio e a equipa de futebol não há mais Benfica.
Fica claro que não se podem vender todos os Activos para pagar o Passivo que é, repito,
todo para pagar.
É por isso que o Activo teria que ser bem maior que o Passivo.
Ora, no Benfica passa-se o contrário, o Passivo é maior do que o Activo e isso até tem
um nome técnico: chama-se a essa situação “Falência Técnica”.
Parece-me lamentável que tenham conduzido o Benfica a esta situação e ainda falem
em milagres financeiros!

- Há poucos meses o Benfica substituiu um empréstimo obrigacionista de 40
milhões por um de 45 a uma taxa superior. Para Dezembro haverá um empréstimo
obrigacionista de 50 milhões a vencer-se. O que considera que a SAD deve fazer
relativamente a esse empréstimo? Como financiaria a tesouraria se optasse pelo
pagamento parcial ou integral desse empréstimo?

À SAD outro remédio não resta do que pedir outro empréstimo obrigacionista.

- O Benfica tem vários jogadores que parece que não os consegue alienar. Optava
por propor o fim dos contratos aos jogadores ou manteria a actual política de
empréstimos? E se os jogadores não aceitassem a resolução dos contratos, estaria
disposto para suportar os custos das rescisões?

Só vendo caso a caso. O importante aqui é que o Benfica não deveria ter mais de 60-65
jogadores com contrato profissional.

- Desses jogadores que se têm vindo a emprestar, alguns deles são detidos em parte
pelo BSF, como se articularia com esta entidade nesses casos?

O Benfica Stars Fund é uma pequena bomba-relógio. Veremos isso quando o fundo
chegar ao fim.

- Ao que tudo indica, o Benfica terá renovado os patrocínios técnicos e institucionais.
Adicionalmente com o desvio de parte significativa das quotizações para o clube
em detrimento da SAD as receitas quotas vão cair a pique (porque mesmo que não
mudasse, os valores do 3.º trimestre indicam uma quebra significativa). As receitas
de bilheteira caíram na época passada e com a crise não é expectável que as mesmas
venham a subir para a próxima. A BTV como todos os projectos que se iniciam deverá
demorar um pouco de tempo a arrancar. Perante este quadro de diminuição de
receitas e como os custos operacionais são muito mais rígidos, como pensa vir a gerar
resultados para libertar recursos financeiros para fazer uma efectiva diminuição de
passivo?

São muitos problemas ao mesmo tempo! Sem cortarmos custos, sem diminuirmos o
número de jogadores, sem uma profunda racionalização será muito difícil diminuir o
Passivo.

- Que medidas propõe para aumentar as assistências no Estádio da Luz, sendo que com
BTV a 9,90 euros, muitos dos adeptos que vivem longe têm uma alternativa barata
para ver os jogos em casa? Quais os impactos em termos de receitas das medidas que
propõe?

Creio que tem de se estudar um método para vender todos os lugares do Estádio da Luz
antes do início da época como fazem alguns grandes clubes da Europa.
Um estádio cheio significa fervor clubístico, mais apoio ao Clube e, como é evidente,
mais marketing.
Não nos esqueçamos que o Benfica é um Clube e quanto mais sócios estiverem no
estádio, mais o Clube se realiza, se cumpre.

4.3. RICARDO ALVES
- Na AG do ano passado, levou seguranças consigo. Tinha medo de algum acto menos
próprio de alguma pessoa para consigo por tudo o que passou aquando das eleições
em 2009?

É verdade que levei dois seguranças para a AG de Setembro de 2012 porque recebi
várias ameaças. É muito lamentável que essas ameaças tenham existido. No entanto,
tive uma recepção normal por parte dos sócios. Com tristeza minha vi o Presidente do
Benfica sair rodeado por mais de 10 seguranças após o chumbo das contas do Benfica.
Em Junho deste ano fui à AG para aprovação do Orçamento e já não levei qualquer
segurança. Mais uma vez lamento ter visto o Presidente do Benfica sair do pavilhão
rodeado, mais uma vez, por seguranças mesmo tendo o Orçamento para a época 2013/14 
sido aprovado.

- Com os acontecimentos já distanciados no tempo, não considera agora que a sua
candidatura em 2009 foi de tal modo "agressiva" que fez com que muitos benfiquistas
olhassem para si com desconfiança e se tornasse num alvo fácil de toda a máquina
vieirista (refiro-me por exemplo à comunicação social afecta ao LFV)?

Eu não acho que a minha campanha tivesse sido agressiva. Os Benfiquistas não estavam
habituados que alguém lhes dissesse a verdade olhos nos olhos. Infelizmente eu tinha
razão no que dizia.
Desportivamente continuamos num marasmo e financeiramente a situação piora de ano
para ano.
Se eu tivesse sido eleito Presidente do Benfica em 2009 o Benfica, hoje, estaria muito
melhor.

- Como classifica as manifestações de apoio após as derrotas no Dragão e Amesterdão?
Não acha que festejar vitórias morais é um tiro no coração do Benfiquismo, por mais
orgulho que se possa ter da prestação dos jogadores?

Eu percebo as manifestações de orgulho após Amesterdão.
Já tenho a maior dificuldade em entender quaisquer outras manifestações de alegria se
não ganharmos.
O Benfica tem que ganhar. Ponto final.
Parece-me essencial subir os níveis de exigência no Benfica e isso aplica-se a todos:
Presidente, Direcção, treinador, jogadores e adeptos.

4.4. NAUBENFICA
- Reconhece alguns méritos nas direcções de Luís Filipe Vieira? Em caso afirmativo,
quais?

O maior mérito que Luís Filipe Vieira à frente do Benfica foi ter ajudado a devolver o
orgulho aos Benfiquistas.
Sendo certo que o principal obreiro foi Manuel Vilarinho que ganhou as eleições a Vale e
Azevedo e mandou construir o estádio, não há dúvida que os Benfiquistas recuperaram
entusiasmo com Vieira, apesar de tal entusiasmo não ser correspondente ao número de
títulos.
Outro mérito que Vieira tem é o de conseguir transmitir aos Benfiquistas que o Clube
está sólido financeiramente, o que é totalmente falso. De facto, o cumprimento dos
nossos compromissos que existe, é um facto, é feito à custa da escalada do Passivo
como nunca se viu na história do Benfica.

- O que se propõe fazer para «...pôr o Benfica a ganhar sistematicamente», «limpar
financeiramente o clube» e «restabelecer a democracia no Benfica»?

Esta pergunta é excelente e exige uma pequena introdução.
É importante que todos saibamos que em 10 anos de Presidência de Vieira, o Benfica
perdeu 8 campeonatos. Vieira é o Presidente que perdeu mais campeonatos na história
do Benfica.
É importante também notarmos que quando Vale e Azevedo saiu do Benfica o passivo
total do Benfica era de 80 milhões de euros. Hoje ultrapassa largamente os 500 milhões.
É preciso, finalmente, não nos esquecermos que, em 2010, foram aprovados uns
estatutos tão pouco democráticos que nas últimas eleições nenhum dos candidatos
a Presidente do Benfica (Vieira e Rangel) cumpriam os requisitos previstos para se
poderem candidatar ao cargo.

Terminada a introdução, vamos lá, então, às soluções para os problemas:
- Pôr o Benfica a ganhar sistematicamente: isso só é possível com uma estrutura
organizada, competente, exigente e Benfiquista. Há poucos dias publiquei as 10 regras
para a criação de uma estrutura forte no Benfica. Sem isso o Benfica ganhará muito
pouco. (se o NGB quiser posso colocá-las aqui, Senão poderá lê-las na minha página de
facebook)
- Limpar financeiramente o clube: também já propus medidas concretas que implicavam
a redução de custos, diminuição do número de jogadores com contrato, proibição
estatutária no Clube e SAD de haver exercícios negativos e utilização imediata de 25% do
valor de venda de cada jogador para amortizar passivo bancário. Indiquei estas e outras
medidas que têm que ser implementadas imediatamente sob pena de depois ser tarde
demais.
- Restabelecer a democracia no Benfica: com esse objectivo já tive a ocasião de
apresentar uma proposta de revisão estatutária assente em 13 pontos (se o NGB quiser
posso colocá-las aqui, Senão poderá lê-las na minha página de facebook)

4.5. CONDE DE VIMIOSO
- Ainda na mesma vertente da sua profissão qual a sua receita para que o Benfica
voltasse a ser representado consentaneamente na comunicação social?

Eu defendo que os órgãos de comunicação social deverão ser livres de convidarem
quem quiserem e as pessoas só devem ser indicadas pelos clubes se tal for expressa e
publicamente pedido. Há que haver muita transparência nessa matéria.
Dito isto, acho inadmissível que quem tenha um cargo de dirigente no Benfica depois
comente na televisão. Qualquer coisa que for dita por um dirigente pode ser mal
interpretada e condicionar o grupo de trabalho.  Num clube organizado é impensável
colocar dirigentes como comentadores.

- Como analisa e como combateria o departamento de desporto da RTP, empresa
pública, que entregou a gestão do desporto a uma RTP-i que mais não é do que um
braço armado do FC Porto?

Essa leitura não é a minha. Não se combate a RTP, nem a SIC, nem a TVI.
O Benfica se ganhar dentro das 4 linhas não precisa de andar a combater ninguém.
A RTP é uma empresa séria.
Já chega do discurso de que somos sempre vítimas de tudo.
Nós somos é vítimas da falta de competência interna, isso sim!

4.6. GONÇALVES PEDRO
- Por muito profissionais que sejam, aceitaria pessoas sportinguistas ou portistas ou
outras no clube? (sem ser o JJ)

No meu Benfica só aceitaria Benfiquistas, com a natural excepção de jogadores e
treinadores.
De resto, só aceitaria trazer para o Benfica um profissional altamente qualificado que
não fosse Benfiquista se fosse estrangeiro.
O Benfica é para os Benfiquistas, para ser dirigido por Benfiquistas e com colaboradores
Benfiquistas.
O Benfica é um clube, não é uma empresa, mesmo que detenha um universo
empresarial.

4.7. FRANCISCO SILVA
- Como é que se sente actualmente BC, sabendo que quando se candidatou ao Benfica,
descredibilizou jogadores (Saviola e Aimar) afirmando que 'se fossem bons não
vinham para o Benfica'? Ou seja, afirmar com leviandade que o Benfica não é atractivo
para bons jogadores, diminuindo o clube, e simultaneamente ataca jogadores do clube
que, caso tivesse ganho as eleições, seria Presidente.

A pergunta é muito interessante, apesar de as minhas palavras terem sido retiradas de
contexto o que altera o seu sentido.
No entanto, a pergunta toca num ponto importante que gostava de esclarecer.
Vamos lá ver, com que jogadores o Benfica fez um encaixe financeiro significativo: fê-lo
com Di Maria, David Luiz, Ramirez, Fábio Coentrão, Javi Garcia, Witsel e prepara-se para
ganhar com Matic e poderá ganhar com Gaitan.
O meu ponto é de que não devemos ir atrás de jogadores consagrados, mas sim
descobrir jogadores, promovê-los, retirar rendimento desportivo deles, sermos
campeões com eles e depois retirar proveito económico com eles.
Ganhámos algum dinheiro com Aimar?
Não confundamos as coisas, Aimar era um jogador consagrado, sabia-se dos seus
problemas físicos, era o jogador mais bem pago do plantel, mas só fez uma época em
pleno e não nos deu quaisquer proveitos financeiros.
Se queremos um clube com futuro e com contas saudáveis temos que:
- apostar em jogadores desconhecidos na Europa (Di Maria, David Luiz)
- ou que sejam jovens e nunca tenham sido estrelas nos seus clubes (como Javi ou
Matic)
- ou de clubes com pouca expressão no futebol europeu (Witsel, Ola John)
- ou então portugueses com futuro (Fábio Coentrão).
Os únicos clubes que podem comprar jogadores sem a preocupação de os rentabilizar
no futuro são equipas como Real Madrid, Barcelona, Bayern de Munique ou Manchester
United que estão em campeonatos em que conseguem obter outro tipo de receitas
(nomeadamente televisivas) ou equipas detidas por milionários como o Chelsea,
Manchester City e agora PSG ou Mónaco.
Concluindo, contratar jogadores como Pablo Aimar ou Saviola, por muito orgulho que
nos dê (e dá!) não é o caminho correcto para o Benfica. Não confundamos gestão com
paixão: Saviola era o ídolo do meu filho do meio e o Aimar é um senhor e um grande
ídolo de todos os Benfiquistas. Mas isso é a paixão a falar e não a razão. Um líder deve
ter paixão, mas deve ser a razão a guiá-lo.

4.8. NUNO MADEIRA DO Ó
- Qual a sua opinião em relação à Benfica Estádio contrair empréstimos para a
construção do museu, sendo que os lucros do mesmo vão para a Benfica SAD?

O Museu do Benfica é algo de enorme orgulho para a família Benfiquista e que escapa a
qualquer visão economicista do mesmo.
Dou os parabéns ao Presidente do Benfica por concretizar um projecto de que se falava
há décadas.
Estou muito curioso por ver o museu!

- Qual a sua opinião em relação ao namimg to Estádio (vamos deixar de ser puristas e
perceber que temos um passivo enorme e perceber que temos que fazer dinheiro)?

Evidentemente que sou favorável ao naming do Estádio e é algo que proponho desde
2009. Claro que para mim será sempre o Estádio da Luz (que nem sequer é o nome
oficial), mas os tempos modernos exigem que os clubes procurem maximizar os seus
proveitos.
Dito isto, é importante encontrar uma marca internacional de prestígio que dignifique
essa operação que é sempre um pouco triste para nós.
O naming dos estádios será algo parecido ao que foi a colocação de publicidade nas
camisolas: ninguém gosta muito, mas aceitamos e compreendemos a necessidade e,
hoje, não é tema para ninguém.

- Qual a estratégia para abordar mercados como a China ou Médio Oriente?
Os maiores clubes do mundo têm sucesso nesses países porque as ligas deles são as
mais vistas nesses mercados. Estou a falar da Liga Inglesa e Espanhola e agora também a
Alemã.
O problema é saber quem se interessa pela Liga Portuguesa.
Quem é que quer ver um jogo em que as equipas pequenas colocam 11 jogadores à
frente da baliza, o jogo está metade do tempo parado e os estádios estão tantas vezes
vazios?
Para o Benfica ser verdadeiramente competitivo nesses mercados seria necessário que o
futebol português também o fosse, mas isso é impossível com a actual mentalidade que
há em Portugal.

- Qual a sua opinião relativa à centralização dos direitos televisivos pela Liga de Clubes?
Na mesma linha, qual a sua opinião relativamente a Mário Figueiredo e a Fernando
Gomes (FPF)?

A centralização dos direitos não é boa nem é má por si mesmo.
Sou favorável, em princípio, desde que devidamente salvaguardados os direitos do
Benfica.
Quanto a Mário Figueiredo, conheço-o mal, mas do que vi até agora não gostei nada.
Quanto a Fernando Gomes, creio que se deve perguntar a Luís Filipe Vieira como é que
foi possível dar o apoio do Benfica à sua eleição. Isso só mostra a falta de rumo e visão
estratégica do actual Presidente do Benfica. Como podemos combater o “sistema” se
apoiamos para Presidente da FPF um dos rostos do denominado “sistema”?

4.9. PEDRO
- O que tem a dizer aqueles que o acusam de no passado elogiar Pinto da Costa sabendo
que hoje temos um presidente que era amigo intimo, sócio em alguns negócios,
frequentadores das mesmas "casas", sócio do FCP e adepto "ferranho" do FCP ao
ponto de festejar golos com PC? Que tem a dizer sobre não lhe perdoarem uma frase e
assobiar para o lado todos os fatos de colagem ao FCP por parte de LFV?

A pergunta é excelente e muito inteligente. Não lhe sei responder. É óbvio que isso faz
parte de uma campanha orquestrada contra mim.
De facto, olhemos apenas para factos inquestionáveis:
- Vieira era amigo pessoal de Pinto da Costa
- Vieira era sócio do FC Porto
- Vieira era amigo de Joaquim Oliveira
- Vieira é amigo de Fernando Gomes
- Vieira é amigo de António Salvador tendo ambos negócios no Brasil
Depois de tudo isto como é que é possível alguém atacar-me quando eu não tenho
nenhuma, repito, nenhuma destas relações?
- Seria possível ao Benfica apresentar melhores resultados desportivos sem o
enormíssimo investimento/passivo que esta direcção faz e fez? Como?
Não só era possível como era quase obrigatório.
O Benfica é o maior clube de Portugal. Se fosse bem gerido era o que ganharia mais de
muito longe.
Mas a má organização, a falta de estratégia, a arrogância e a ausência de uma estrutura
sólida e que obedeça a princípios rígidos deita tudo a perder.
Noto igualmente um abaixamento brutal do grau de exigência dos Benfiquistas e isso é
dramático.

- O que acha que ainda se pode fazer para afrontar e derrotar o sistema se é que
acredita?

Se formos bem organizados, metódicos e profissionais não há sistema que nos consiga
impedir de chegarmos às vitórias.

- Admitia um elemento da SAD participar em programas desportivos?
Evidentemente que não.

4.10. D10S PABLITO
- O que acha que "está bem" no Benfica e que não sente necessidade de alterar?

Cada pessoa tem o seu estilo de liderança próprio. Se eu um dia vier a ser Presidente do
Benfica notar-se-ão alterações transversais em todas as áreas.

4.11. MIGUEL
- O que correu mal no Benfica nas últimas épocas, que explique os maus resultados
desportivos? O que acha que deveria ser feito para mudar isso?

A primeira coisa que falha no Benfica é uma cultura de exigência.
Os segundos lugares não são bons sob nenhum ponto de vista.
Parece-me óbvio que enquanto o Benfica não tiver uma estrutura organizada e
orientada para o sucesso vai ganhar poucas vezes.
Infelizmente o problema começa no Presidente que não sabe criar essa estrutura e que
não acompanha o Clube nos momentos decisivos e que permite que no Benfica haja
uma verdadeira feira de vaidades..
No Benfica actual falta humildade, falta humildade no discurso e falta humildade na
forma como se encaram os adversários.
Falamos como se ganhássemos todos os anos, mas nada mais longe da realidade.
A verdade é que enquanto não admitirmos que perdemos muito mais do que ganhamos
e enquanto não enfrentarmos a realidade nunca mais seremos liderantes no futebol
português.

- Que comentários lhe merece a aposta na não renovação do contrato com a
Olivedesportos?

Plenamente de acordo com a não renovação desde que tenha sido feita legalmente e
salvaguardando qualquer potencial implicação jurídica.
Era imperativo não renovar com a Sport TV.
No entanto, neste momento, tenho sérias dúvidas que o Benfica tenha adoptado
a melhor solução com uma Benfica TV paga. Havia outras alternativas ao dispor da
Direcção do Benfica e que esta as conhecia.
Veremos com o tempo se o Benfica fez bem em deter um canal Premium e chamar-lhe
Benfica TV.

- O que lhe parece a opção de contratação de tantos jogadores sérvios (depois de
no passado terem sido contratados em grande número argentinos, uruguaios e
brasileiros)?

Contratar um número significativo de jogadores todos do mesmo país e com uma língua
e cultura tão distantes da nossa parece-me algo arriscado.
Quando vem só um jogador de um país com pouca afinidade com o nosso, esse
elemento tenta adaptar-se a nós rapidamente. Quando são vários há o risco que se
possa formar um grupo à parte dentro do balneário.
Mas eu confio que tudo irá correr bem, até porque o problema do Benfica não tem
sido o de jogadores nem da qualidade do plantel, mas de uma falta de visão e de uma
estrutura sólida capaz de responder aos desafios necessários para tornar o Benfica
campeão.

- Consigo na presidência, pessoas como Jorge "o Porto é uma religião" gomes
continuariam a trabalhar no clube?
Claro que não. Comigo só trabalharão Benfiquistas (excepto treinadores e jogadores).
Pessoas de outros clubes serão convidas a sair do Benfica no meu primeiro dia.

4.12. BICADAS DE AGUIA
- Porque para si, a alteração aos estatutos foi um golpe, o chumbo do R&C foi um elogio
à democracia, se ambas as coisas aconteceram ambas em assembleias dos sócios do
Benfica ?

Gostava de fazer uma pequena correcção inicial: eu nunca disse que “a alteração aos
estatutos foi um golpe, o chumbo do R&C foi um elogio à democracia”. Nunca disse isso!
Mas vamos por partes esclarecer esse assunto que importa clarificar.
A alteração dos estatutos veio afectar seriamente a democracia no Benfica. Disso não
há dúvidas. A prova está no facto de os sócios terem chumbado as contas apresentadas
pela Direcção e nada ter sucedido, nem sequer a sua reapresentação.
Mas há muito mais coisas que afectam a democracia no Benfica. Por exemplo, a
exigência de 25 anos de sócio consecutivos para se poder ser candidato a Presidente
do Benfica é tão surreal que nenhum dos dois candidatos às últimas eleições cumpriam
esse requisito.
A disparidade de votos actual entre sócios é injustificável, bem como a ausência de um
voto físico que possa ser recontado.
Por tudo isso é que apresentei, recentemente, uma proposta de revisão de estatutos.
Finalmente, quanto diz que “o chumbo do R&C foi um elogio à democracia”, devo-lhe já
dizer que não foi. Foi, sim, um exercício inútil em que os sócios foram profundamente
desrespeitados. Ficamos a saber que a Direcção não está ao serviço dos sócios. Portanto,
não houve qualquer “elogio à democracia”, mas o seu insulto!

4.13. F.L.
- Uma pergunta/proposta para BC: faria uma auditoria rigorosa, independente e
completa ao Benfica desde Jorge de Brito? Há muitas mentiras institucionalizadas,
muito lixo escondido em armários...teria coragem para abrir os armários?
Faria. Sem medos. Doa a quem doer.

14 comentários blogger

  1. Reconhece alguns méritos nas direcções de Luís Filipe Vieira? Em caso afirmativo,
    quais?

    O maior mérito que Luís Filipe Vieira à frente do Benfica foi ter ajudado a devolver o
    orgulho aos Benfiquistas.
    Sendo certo que o principal obreiro foi Manuel Vilarinho que ganhou as eleições a Vale e
    Azevedo e mandou construir o estádio, não há dúvida que os Benfiquistas recuperaram
    entusiasmo com Vieira, apesar de tal entusiasmo não ser correspondente ao número de
    títulos.
    Outro mérito que Vieira tem é o de conseguir transmitir aos Benfiquistas que o Clube
    está sólido financeiramente, o que é totalmente falso. De facto, o cumprimento dos
    nossos compromissos que existe, é um facto, é feito à custa da escalada do Passivo
    como nunca se viu na história do Benfica.

    Incapacidade de reconhecer o que o actual presidente fez de bom.


    Como analisa e como combateria o departamento de desporto da RTP, empresa
    pública, que entregou a gestão do desporto a uma RTP-i que mais não é do que um
    braço armado do FC Porto?

    Essa leitura não é a minha. Não se combate a RTP, nem a SIC, nem a TVI.
    O Benfica se ganhar dentro das 4 linhas não precisa de andar a combater ninguém.
    A RTP é uma empresa séria.
    Já chega do discurso de que somos sempre vítimas de tudo.
    Nós somos é vítimas da falta de competência interna, isso sim!

    Aqui somos vítimas da incompetência.

    Qual a sua opinião relativa à centralização dos direitos televisivos pela Liga de Clubes?
    Na mesma linha, qual a sua opinião relativamente a Mário Figueiredo e a Fernando
    Gomes (FPF)?

    A centralização dos direitos não é boa nem é má por si mesmo.
    Sou favorável, em princípio, desde que devidamente salvaguardados os direitos do
    Benfica.
    Quanto a Mário Figueiredo, conheço-o mal, mas do que vi até agora não gostei nada.
    Quanto a Fernando Gomes, creio que se deve perguntar a Luís Filipe Vieira como é que
    foi possível dar o apoio do Benfica à sua eleição. Isso só mostra a falta de rumo e visão
    estratégica do actual Presidente do Benfica. Como podemos combater o “sistema” se
    apoiamos para Presidente da FPF um dos rostos do denominado “sistema”?

    Aqui o sistema já existe...

    ResponderEliminar
  2. Na resposta à pergunta 4,7 do Francisco Silva mostra que a estratégia seguida no futebol será a mesma que é seguida actualmente. Contratar jogadores baratos e vendê-los por valores elevados.

    ResponderEliminar
  3. A resposta à pergunta do Francisco Silva sobre Aimar e Saviola demonstra claramente que Bruno Carvalho não percebe nada de futebol.

    Adiante.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ele disse alguma mentira? Eu até acrescento que pouco trouxe a nível desportivo esses dois elementos, a relação preço/desempenho foi muito lesivo para o Benfica, claro que para os amantes do futebol como eu, adoramos ver o grande Saviola e o magico Aimar com a nossa camisola, mas temos de ser justos, o Aimar em 5 anos de Benfica nunca foi essencial, talvez com a exceção de 2009-2010, tal como o Saviola, tendo em conta que ganhavam os dois mais de 200.000€ por mês ,foi um mau negócio para o Benfica! Concordo que precisamos de jogadores em ascensão, ao invés de jogadores em declínio na carreira, claro que há jogadores que não esperamos retorno financeiro, como o Lima por exemplo, mas nesse caso nem de longe recebe um vencimento daqueles, e rende, corre e faz 50-60 jogos por época.

      Eliminar
    2. Nem percebe de futebol nem percebeu o que levou à contratação de Aimar e Saviola. Explicar-lhe que esses atletas vieram para o SLB para abrirem portas para atletas que se recusavam a vir para o SLB pela má fama instalada. Aimar e Saviola só vieram para o SLB pq alguem (Rui Costa) os convenceu a aceitarem representar um clube cujo dirigente anterior tinha colocado na lama.Veja-se a repercução do pagamento de Poborsky...

      Eliminar
    3. Tiago Neves10 Julho, 2013 11:01

      Ele disse exactamente o que a direcção actual anda a fazer actualmente e fartou-se de dar exemplos de sucesso que a direcção actual teve !!

      Então por ele está tudo bem!! Mas agora presumindo que Bruno de Carvalho teria sido eleito, então ele não teria contratado Saviola e Aimar é isso ? Nesse caso nem em 2009/2010 teriamos sido campeões porque sabemos bem que Saviola foi um dos obreiros do título e Aimar teve tb uma época excepcional ao seu melhor nível.

      Tal como o Pedro disse ele não sabe de futebol, e se ele sabe é de negócios vai perder para LFV e bom se alguém disser que a direcção do LFV não esteve bem nesse plano épa é como um qualquer português que diz que em Portugal está TUDO mal.

      Eliminar
  4. Tiago, não leves a mal mas estás na mesma onda do BC. Achar que Saviola e Aimar não rendaram diz tudo. Achar que jogadores com 28 anos estão em declínio diz tudo.

    ResponderEliminar
  5. Não havia sistema, agora já há.
    Tá tudo mal e o que há de bom foi o Vilarinho.
    Aimar e Saviola são jogadores que não interessam.
    A Benfica Tv e os direitos é bom (deve ser obra do Vilarinho), mas está mal concebida (obra de Vieira).
    Etc etc
    Mais um papagaio.

    ResponderEliminar
  6. Eu já tinha feito um pequeno comentário sobre a entrevista que este senhor tinha dado ao NGB, e agora pelas respostas que deu aos leitores, mais forte é a minha convicção que este senhor gosta de futebol tal como todos nós, tem umas ideias sobre os males que infectam o futebol portugués tal como nós, sabe o que está mal no clube e necessita de ser corrigidos tal como nós, mas só isso é claramente insuficiente para ganhar o estatuto de candidato ao lugar de presidente de uma instituição como o S.L.BENFICA.

    Não basta espalhar aos quatro ventos que tem soluções, é necessário mostrar trabalho feito, tarimba, coisa que pelos vistos este senhor ainda não sabe o que é... Bastou uma pergunta mais incómoda sobre a retirada da equipa do terreno de jogo,para ter começado de imediato a desviar-se...
    Até o José Gaspar Ramos que os tinha no sitio, no célebre jogo no Estádio das Antas, quando sentiram que os balneários tinham sido regados com criolina, sugeriu que os jogadores se equipassem no corredor, e entrassem em campo para pegar o "touro pelos cornos" e em boa hora o fez !

    Este senhor volto a repetir, é muita parra é pouca uva

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Águia Preocupada10 julho, 2013 19:47

      Bom! Mas então "Gaspar Ramos que os tinha no sítio", também não mandou a equipa abandonar...
      Não entendo esta argumentação! Se calhar sou eu que só tenho um neurónio...
      E quem te disse que BC não diria o mesmo aos jogadores?! Entrem em campo e peguem o "touro pelos cornos"?!
      Eu confesso que às vezes me surpreendo com estes comentários que mais não fazem que confirmar o que outros pretendem ainda que pensem que estão a defender o contrário...

      Na minha opinião, defendo que já deveriamos ter abandonado um dos jogos em que a violência excedeu todos os limites. A esta hora, muitas situações já teriam sido erradicadas em definitivo...

      Eliminar
  7. " - Se fosse Presidente do Benfica manteria os jogos do Benfica fora da Sport TV?

    Sim. Absolutamente."

    Ri-me. Depois de o Vieira ter criado todas as condições e mais algumas é fácil responder a esta questão.

    A pergunta deveria ser: Teria capacidade e coragem para criar todas condições de modo que o Benfica pudesse transmitir os seus jogos na BTV?

    Mas isto seria uma pergunta retórica. É evidente que não.

    JF

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não seria capaz, e o LFV foi capaz porque angariou as condições essenciais para fazer o projecto.

      É do conhecimento geral que o Moniz era da oposição no LFV, no entanto todos sabemos que de acordo com o projecto delineado por LFV o Moniz acho que tinha todas as condições de seguir em frente e ajudar a construir uma Televisão que daria orgulho a todos os Benfiquistas, e LFV nem piscou o olho quando tratou de ir buscar alguém à concorrência.
      Isso tb demonstra que estava em jogo o futuro do clube e foi tudo feito em Prol do Benfica, ou estou a mentir ? Alguém se atrave a dizer que o Moniz e LFV ganharam dinheiro com isso ?

      Quem era o Moniz da TV que o Bruno de Carvalho traria para melhorar a TV ? Seria tb o Moniz ? Então se sim é porque tudo vai bem e se não é porque estamos a fazer as coisas mal, o que discordo totalmente.

      E que ideias tem o Bruno de Carvalho para melhor, até agora nenhuma melhor que a direcção.

      A candidatura dele deixa muito a desejar e a única coisa que ele fala, com razão, é dos títulos que um não ganha e que com ele vai ser tudo diferente. No entanto isso são promessas o LFV disse que iria ganhar 3 campeonatos e este vai dizer 4 ? Eu tb posso prometer ao meu filho que para o ano vamos ser campeões e ele vai acreditar e se ganharmos optimo, se nao fica triste, mas se eu não disser ele vai ficar chateado... (em relacao ao passivo é impossível fazer melhor que o LFV, porque toda a gente sabe que nos negócios ele é o melhor)

      Eliminar
    2. "...(em relacao ao passivo é impossível fazer melhor que o LFV, porque toda a gente sabe que nos negócios ele é o melhor)"
      De 8 a 80... como quem diz de 83M€ a 539M€ em 2012... e o que aí se aproxima é uma verdadeira tempestade!

      Eliminar
  8. Eu tb posso prometer ao meu filho que para o ano vamos ser campeões e ele vai acreditar e se ganharmos optimo, se nao fica triste, mas se eu não disser ele vai ficar chateado...
    Ai as criancinhas...

    ResponderEliminar

Atenção: O NGB mantém um registo completo de todos os comentários. Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado. Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado. Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no âmbito do NGB

ranking

recentes

Mensagens populares