É só um «suponhamos»
O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


terça-feira, 21 de dezembro de 2010

É só um «suponhamos»

 ●  + 6 comentários  ● 
Por ser um «suponhamos» não quer dizer que é a minha opinião, mas que é uma coisa que podemos pensar e se calhar até ver se faz sentido ou não. É sobre isso do espanhol da Vitória que dizem que se chama Barnabé, mas para mim não passa de um espanhol que treina a águia Vitória, a águia do Benfica.

Já li alguns comentários aqui no blog e no forum serbenfiquista onde participo todos os dias a dizerem que uma situação parecida com esta foi feita aquele homem que dava as voltas ao estádio junto com o homem da bandeira e que tinha sempre uma águia (é um milhafre, mas vai dar ao mesmo) para tirar umas fotos com os putos (à borla) e para eles fazerem festas.

Há até uma reportagem no jornal i e no correio da manhã que falam disso. Com a chegada do espanhol e entusiasmados com a reacção dos benfiquistas ao voo da águia, o milhafre Glória acabou por ficar impedido de entrar na Luz e ao Paixão, que nunca foi funcionário do clube e nunca recebeu nada pelo que fazia, foi-lhe impedida a volta, mas continua a ir por sua vontade às casas do Benfica sem cobrar nada.

Ao contrário, o espanhol que deve ter percebido que tinha algo que os dirigentes valorizavam, tratou de «se tratar bem» e lá montou o seu esquema de negócio, com as vendas das fotografias na loja do Benfica e nos camarotes em dias de jogo. Dizem que por essa disponibilidade e para o voo da águia, recebia 5.000 euricos por mês + fotos. Coisa pouca, mas claro que tudo com o aval do Benfica.

Isto durou mais de 5 anos. Com o espanhol a acompanhar as visitas oficiais do Vieira às Casas (e cobrava-se por isso) e a outros eventos, a estar presente em jogos decisivos das modalidades, ou seja a fazer parte da vida do Benfica. Claro que todo esse negócio tinha o acordo do Benfica.

É agora que entra o «suponhamos» que dois dirigentes benfiquistas dos sete costados (ou então não) se esqueceram de por no contrato deste homem uma clausula simpática que se chama exclusividade. «Suponhamos» que a mesma visão que o espanhol teve para o Benfica, outros copiaram como fazem a muitas coisas que fazemos e desafiam o esperto para ir lá fora.

Agora «suponhamos» que no Benfica ficam danados, que o presidente fica piurso e questiona os dois dirigentes benfiquistas dos sete costados como é possível aquilo acontecer. Estes dois grandes benfiquistas (ahahah) ficam também eles em braza com a situação e resolvem mandar dificultar a vida ao espanhol para este não ter a mania que faz o que quer e este a achar que tem a razão do seu lado, lhes faz frente porque percebe que é mais importante para os benfiquistas a águia do que esses dois grandes bastiões do benfiquismo. E começam aí a medir forças com o resultado que se conhece.

Era só um «suponhamos» que se calhar não tem nada a ver com a verdade, mas que podiam ser a explicação para esta situação, para os comportamentos do Benfica e para os comportamentos do espanhol.

6 comentários blogger

  1. ehheh e esse supônhamos, está construído sempre em desfavor e a malhar nos mesmos....vira o disco e toca o mesmo.

    ResponderEliminar
  2. caro, tu não dás descanso aos homens! Que tal deixares rolar esse tema, de preferencia sem grandes mediatismos, e esperar que a verdade venha ao de cima como o azeite?

    deixa-te la de suponhamos, mesmo que nem tu acredites neles, ou acredites. Isso é contigo

    ResponderEliminar
  3. mas este srº é benfiquista? Não Parece...
    Socio nº 218219

    ResponderEliminar
  4. GB,
    De facto não tens carácter: ha uns dias escrevi que o melhor que tinhas a fazer, se fosses justo e defendesses verdadeiramente o Clube, o que teinhas a fazer era esperar até que soubéssemos o que se passou.

    Como o meu comentário foi demasiado inteligente para ti, não o publicaste e agora vens dizer o mesmo, a vender moral e inteligência que não tens. Ganha vergonha, já que não és capaz de ganhar carácter.
    E aprende a responder à altura, a ter espírito democrático e a ter atitudes à homenzinho. Afinal, grande parte dos nossos sucessos foram construídos com base nisso, sabias?
    Ricardo Gomes

    ResponderEliminar
  5. Engraçado, dizes que me escreveste isso quando eu o outros bloggers nos limitámos a comentar sem fazer juizos de valor e dedicamos a nossa atenção acima de tudo a pedir que estas coisas fossem contidas.

    Portanto, das duas uma: Ou lês mal e respondeste uma coisa quando eu escrevi sobre outra; Ou simplesmente nao escreveste nada disso e resolveste agora vir apontar-me o dedo so porque sim.

    Enfim, seja como for e como vês eu não corto comentários pelo simples facto de não os aprovar ou reprovar. Já pensaste que se calhar ignoraste as regras dos Administradores do blog (Vermelhusco e DarthVader) e não assinaste o que escreveste? Se é que escreveste com o conteudo que dizes, porque não vi.

    ResponderEliminar
  6. Oh SouBenfica isso já teve mais um episódio:

    http://www.record.xl.pt/Futebol/Nacional/1a_liga/Benfica/interior.aspx?content_id=635882

    ResponderEliminar

Atenção: O NGB mantém um registo completo de todos os comentários. Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado. Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado. Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no âmbito do NGB

ranking

recentes

Mensagens populares