O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. novogeracaobenfica@gmail.com


terça-feira, 4 de fevereiro de 2014

Carne para canhão

Avatar
 ●  9 comentários  ● 
Piotr Parzyszek esteve perto de ser contratado pelo Benfica ao De Graafschap, mas acabou por assinar pelo Charlton.

O avançado polaco fartou-se de esperar que o emblema português consumasse a contratação, e decidiu aceitar a propista inglesa.

«Não me arrependo. Decidi não ir para lá. Quero jogar, não quero ficar na bancada, jogar pelas reservas ou ser emprestado», começou por dizer o avançado, que relatou aos compatriotas do «Przeglad Sportowy» as negociações.

«A primeira negociação teve lugar no início de dezembro, e tudo foi tratado. Tinham só de enviar-me o contrato e os bilhetes para fazer os exames médicos. Só passadas três ou quatro semanas é que me enviaram um papel. Não era o normal, o acordo concreto, era apenas um papel», explicou. 

«Esperei até ao Natal e depois viajei para a Polónia. Dissera-me que entre o Natal e o Ano Novo tinha de ir a Lisboa. Disse que tinham deixado passar três semanas em que podia ir, e que naquela altura não dava, pois não tinha férias. Voltei à Holanda a 3 ou 4 de janeiro e disse que ou me enviavam os bilhetes e o contrato, ou terminávamos as negociações.

Enviaram-me os bilhetes mas não o contrato. Não vou jogar num clube que não confia em mim, que me trata desta forma. Precisava também da garantia que, se não ficasse no plantel, escolheria o clube ao qual seria emprestado. Eles também não queriam aceitar isto.

Perdi interesse em ir para para lá e até o nome Benfica deixou de atrair-me», concluiu o jogador.
in Maisfutebol


Naturalmente não vou discutir o valor do jogador, não sei se e bom, se é mau, se tem lugar  ou não no Benfica A, B ou C.

O que sei é que para mim este é um caso elucidativo, que demonstra o entreposto de jogadores em que está transformado o futebol do Benfica, jogadores contratados a bruto, sem qualquer rigor nem critério, jogadores que num dia se quer e no seguinte já não se sabe se quer, a maior parte deles sem presente nem qualquer perspectiva de futuro.

Não é assim Cortês, Mitrovic, Uros Matic, Lizandro, Steven, Funes, Fariña, Pizzi, Rodrigo Mora, e sei lá... tantos outros? 


9 comentários blogger

  1. Mais grave parece-me o amadorismo com que os processos são tratados...

    ResponderEliminar
  2. Mas este jogador foi contratado?

    Ja nem conseguem encontrar nada que seja verdadeiramente criticavel. Dai serem obrigados a inventar temas verdadeiramente ridiculos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ridiculo é arranjares tempo para estares sempre a procurar "desmanchar" as opiniões dos outros.

      Alguém disse que o jogador foi contratado???? Alguém está a falar do jogador nessa perspectiva.

      Quando a vontade é so vir para aqui mandar bocas dá nisso: Só se comenta asneiras.

      Eliminar
    2. So comento asneiras porque so me propoes asneiras.
      Se a proposta fosse batatas comentaria batatas

      Eliminar
  3. Mas tu sabes se o jogador foi observado? E se foi observado, quantas vezes o fizeram?

    Do que o jogador disse retenho a parte em que não quis vir a Lisboa porque senão não tinha férias....

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. :))

      Ok, ao menos não tens problema em reconhecer que reteste a parte que mais te interessa, obviamente a menos importante.

      Podias ter retido a parte em que evidentemente, esta não é a melhor abordagem para fazer um jogador sentir-se querido e importante. Mas isso já era pedir demais!

      Ou seja, o acordo foi feito no principio de Dezembro como o jogador diz, mas em Janeiro continuava a lenga lenga do empata porque o Benfica nao se decidia.

      E a parte que tu retens é aquela em que o jogador nao foi a Lisboa porque estava na holanda nas ferias do natal?! heheh... e repara, ia a POrtugal para quê, se pelos vistos, nem o contrato lhe foi enviado?!

      Eliminar
  4. É mais uma opinião ao nível das outras. Se não há tema para dizer mal arranja-se...

    ResponderEliminar
  5. O rapazinho não quis vir porque sabia que não iria jogar na equipa principal. Então, resolveu não abdicar de dois dias de férias para vir a Lisboa e assinou por um clube da 2. Liga inglesa. Deve pensar que é o Lewandovski.

    ResponderEliminar
  6. A ser verdade aquilo que ele diz... ainda bem que não veio!
    Mas afinal quem decide onde o jogador deve jogar? É que pela conversa do menino" ou jogo na A... ou eu decido onde jogo". Era bonito ter um destes no plantel.

    Até posso compreender a parte de querer ver o contrato antes de vir... mas poderia vir e ver o contrato cá. Pois tudo ia ser pago pelo SLB... e ninguém o obrigava a assinar. Se não concordasse com os termos depois de falar com os dirigentes e depois de conhecer tudo em promenor podia ir à vida dele.
    A mim quando me oferecem um contrato... só o vejo depois de visitar as instalações e conhecer as pessoas om quem vou trabalhar.
    Boa sorte para ele e para o futurl dele... mas com esta atitude era mais um Nelson Oliveira... e para isso não precisamos de pagar.

    ResponderEliminar

Atenção: O NGB mantém um registo completo de todos os comentários. Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado. Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado. Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no âmbito do NGB

ranking