O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


segunda-feira, 6 de maio de 2013

A Injustiça nos bilhetes para Amesterdão

 ●  39 comentários  ● 

Olhando à política de venda de bilhetes para a Final da Liga Europa divulgada no tópico Venda de bilhetes para a Final de Amsterdão, não há como não ficar triste com a situação.

Os 9807 bilhetes disponíveis para venda (recordo que o estádio tem lotação para 48.000 lugares!!!!) irão então respeitar uma ordem... hierárquica.

Primeiro os detentores de Red Pass Fundador, depois os Red Pass Centenarium e Premium, depois os Red Pass tradicionais (a grande maioria dos existentes), prefazendo um total de cerca de 18.000 sócios que poderão candidatar-se aos cerca de 9.800 bilhetes.

Portanto, havendo um rácio de 1 bilhete para cada 2 Red Pass, a probabilidade de sobrarem bilhetes para sexta-feira (dia 10) destinados a sócios comuns pagantes e com quotas em dia é praticamente nula.

Ou seja, no site da UEFA já não é possível adquirir bilhetes, cada clube tem menos de 1/4 da lotação do estádio para venda (e no caso do SLBenfica impõe regras de hierarquia) e o resto dos bilhetes circulam pelo mercado negro a valores "pornográficos".

Eu compreendo a vontade do SLBenfica de promover os benefícios da utilização e aquisição dos RedPass. Compreendo inclusivé na qualidade de titular de um, mas não posso (apesar de beneficiado) estar de acordo com esta estratificação dos sócios.

Não há sócios de 1ª e sócios de 2ª! Mais ainda, não foram seguramente os titulares de RedPass que andaram a viajar no país a acompanhar o SLBenfica em Olhão, Coimbra, Braga... Não foram seguramente os titulares de RedPass que "sobreviveram" aos momentos menos bons ou que estiveram na Luz naquelas noites frias ou chuvosas...

... Ou sendo mais honesto, DE CERTEZA que não foram apenas os titulares de RedPass que estiveram com a equipa ao longo de todo o ano, ao longo dos últimos anos, pelo que não se percebe porque é permitido que sejam apenas estes os beneficiados com a possibilidade de ter um lugar em Amesterdão.

Manda a elementar justiça de um clube do povo que num contexto de tão poucos ingressos, não houvesse "estratificação" de sócios do SLBenfica, algo que faria todo o sentido se tivéssemos ao nosso dispor metade da lotação do estádio (20.000 bilhertes).

Fica apenas uma opinião de quem se considera injustamente "sortudo" por ter um RedPass...

39 comentários blogger

  1. Flic Flac Açores06 maio, 2013 01:07

    Não vou a Amesterdão. Cedi o meu Red Pass a um sócio comum. Sou favorável à hierarquização. Quem tem RED PASS adquiri-o no início de uma época sem saber o que vai acontecer e paga pela incerteza. O sócio comum paga os jogos em função da carreira da equipa. se esta estiver mal, não vai ao jogo e não paga o bilhete. O detentor de RED PASS já pagou qualquer que seja a contingência. Por isso, parece-me pertinente o benefício. Esses sócios deverão ter privilégios que compensem o risco que os demais não querem assumir. Aliás, desconhecia que só 18 mil tinham adquirido RED PASS, o que só vem determinar a razão do benefício, atento o facto de não há muito tempo haver 34 mil cativos.

    ResponderEliminar
  2. Estou em completo desacordo com este artigo. Acho justíssima a maneira escolhida pela direcção do benfica para resolver este problema.
    No texto critica-se a maneira escolhida para lidar com o problema, mas não vi nenhuma sugestão para uma alternativa.
    E então a parte em que se diz que não foram os detentores de red pass que foram a olhao e aqui e ali e apanharam chuva e bla bla, é hilariante! Mas não foram pq?? Como sabe isso? Qual o seu ponto?
    A verdade é que menos de 10.000 bilhetes para mais de 200.000 sócios é sempre um problema. E é normalíssimo e justíssimo que aqueles que mais contribuem para o clube sejam privilegiados na aquisição de bilhete para a final.
    É a opinião de um sócio com as quotas em dias sem qql red pas.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Concordo, assim como com o comentário anterior. É tão óbvio...

      Eliminar
  3. Estou em completo desacordo com este artigo. Acho justíssima a maneira escolhida pela direcção do benfica para resolver este problema.
    No texto critica-se a maneira escolhida para lidar com o problema, mas não vi nenhuma sugestão para uma alternativa.
    E então a parte em que se diz que não foram os detentores de red pass que foram a olhao e aqui e ali e apanharam chuva e bla bla, é hilariante! Mas não foram pq?? Como sabe isso? Qual o seu ponto?
    A verdade é que menos de 10.000 bilhetes para mais de 200.000 sócios é sempre um problema. E é normalíssimo e justíssimo que aqueles que mais contribuem para o clube sejam privilegiados na aquisição de bilhete para a final.
    É a opinião de um sócio com as quotas em dias sem qql red pas.

    ResponderEliminar
  4. Estou em completo desacordo com o texto, não tem pés nem cabeça. Diga-me lá uma maneira mais justa de lidar com a situação de haverem 10 mil bilhetes para mais de 200 mil sócios?
    A maneira escolhida é a mais justa sem qql dúvida. Não se trata de haver sócios de 1ª nem de 2ª, trata-se de recompensar quem mais ajuda o clube. E sim, existem sócios de 1ª e sócios de 2ª. Ou um sócio que acompanha o clube a todo o lado mesmo qdo este fica a 25 pontos do FCP compara-se a um que só vai à bola no último jogo do campeonato pq o benfica vai ser campeão e que não paga as cotas há 5 anos? Acha que não há sócios de 1ª e de 2ª.
    Qual a sua sugestão para o critério de venda dos bilhetes? Tem uma mais justa?
    A parte em que diz que não foram os sócios detentores de red pass que foram a olhao e aqui e ali e ficaram à chuva e isto e aquilo, é simplesmente hilariante! Mas não foram pq? Qual o sentido de dizer isso? Enfim...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Concordo com o João e pode ser que sirva de incentivo à compra do Red Pass.

      Eliminar
  5. Águia Preocupada06 maio, 2013 01:40

    Como já escrevi noutro comentário, esta questão é como a história do velho, do rapaz e do burro!
    Nem mesmo a colocação de bilhetes à venda e cada um que se amanhasse, seria a mais justa! Lá viriam uns dizer que os de Lisboa tinham mais facilidades, etc., etc., etc..
    Diga lá de sua justiça uma forma perfeita!
    A venda desta forma não me preocupa muito. O que realmente me preocupa, é o "desvio" de uma boa parte desses bilhetes, para gente que nem é do Benfica e para os chulos e oportunistas habituais!
    Esses sim, são bilhetes muito mal distribuídos!

    ResponderEliminar
  6. Estou completamente de acordo com o artigo, por exemplo eu, estou nos AÇores não fazendo grande sentido ter um red pass (pois as viagens a lisboa são cerca de 300 euros, limitando-me a ver no máximo 2 jogos epoca no estadio da Luz e com grande sacrifício!) contudo sou sócio e gostaria muito de ir a Amesterdão mas com essa hierarquização torna-se quase impossível arranjar bilhete. A medida mais justa seria os 9800 bilhetes apenas para socios, sendo que cada um apenas poderia comprar um bilhete, não existido a diferenciação entre sócios de 1ª e de 2ª!

    ResponderEliminar
  7. Estou completamente de acordo com o artigo, por exemplo eu, estou nos AÇores não fazendo grande sentido ter um red pass (pois as viagens a lisboa são cerca de 300 euros, limitando-me a ver no máximo 2 jogos epoca no estadio da Luz e com grande sacrifício!) contudo sou sócio e gostaria muito de ir a Amesterdão mas com essa hierarquização torna-se quase impossível arranjar bilhete. A medida mais justa seria os 9800 bilhetes apenas para socios, sendo que cada um apenas poderia comprar um bilhete, não existido a diferenciação entre sócios de 1ª e de 2ª!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Flic Flac Açores06 maio, 2013 11:33

      Barcelos

      Vivo nos Açores. Sei quanto (nos) custa ir a Lisboa. Tenho RED PASS, com grande sacrifício. Vejo 4/5 jogos por época na LUZ (este ano só vi 2). Mantenho a minha opinião. Ter lugar cativo, deverá conferir privilégios como este. Quem quiser, designadamente aqueles que vivem em Lisboa que comprem o lugar anual. Poupa-lhes alguns dissabores, se a época for boa. O problema é que uma boa parte dos sócios do Glorioso só se lembram de Santa Bárbara quando trovoa...

      Eliminar
  8. Perfeitamentea ceitável a prioridade dada aos detentores de cativos. Afinal tantas se clama por justiça, aqui também, quando a direcção promove ofertas ou "borlas" a outro tipo de sócios ou público em geral no decorrer da época, precisamente em deterimento dos sócios com Rep Pass.
    Tenho redpass, 39 anos de sócio e não, não acompanhei o Benfica a Olhão ou Guimarães! Simplesmente porque não tenho dinheiro para o fazer. Podem sempre ~propôr à direcção a contabilização de jogos a que se assiste. Não me aprece que exista algum Benficómetro e sinceramente já cansa o discurso de alguns, quase como se fosse coitadinhos, por percorrerem o país ou viajarem até Inglaterra, Turquia ou França. Quem me dera!

    ResponderEliminar
  9. nao concordo. Acho que o problema passa pela quantidade muito limitada pela UEFA que devia ceder mais bilhetes p os clubes e assim evitar a candonga. esses bilhetes que aparecem sao comprados ate janeiro. se eles vendessem 80% dos bilhetes aos clubes havia muito menos candonga.

    quanto 'a compra tem que haver prioritizacao, mas eu acho que o clube deveria fazer um sorteio para quem quiser comprar. vejam o meu exemplo que tenho redpass e vivo nos EUA. se nao tivesse o meu irmao em Portugal como e' que eu vou para a fila?

    podia haver no site um local onde se candidatasse (com a mesma ordem de prioridade e sem transmissibilidade) para que nao sejam os gajos das claques a dormir no estadio com 50 cartoes a levar os bilhetes todos...

    so algumas ideias :)

    ResponderEliminar
  10. Discordo totalmente. Não se trata de uma hierarquização de benfiquismo, mas sim de fé e de lealdade para com a equipa. Faz todo o sentido.

    ResponderEliminar
  11. Portanto, os que no início da época, quando tudo falava mal da equipa e ninguém dava nada por ela, não acreditando sequer que conseguiríam discutir um título quanto mais ganhá-lo, esses "burros" que acreditaram que podiam com o seu apoio ajudar a equipa a chegar mais longe e se dignaram a pagar o seu redpass, contribuindo para as finanças do clube e apoio do mesmo têm é de ir para a fila como os que resolveram abandonar o clube e apoiam agora, que está tudo bem, com a equipa a jogar bem e discutir finais. Bardamerda! Prioridade a quem acredita sempre e não só quando temos hipóteses de ganhar algo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Águia Preocupada06 maio, 2013 17:27

      De acordo! Eu por exemplo, comprei um Título Fundador, 2.500,00€ x 10 anos e pagos no início, que sabia à priori que o Benfica não iria ganhar todos os campeonatos e mais, numa altura em que o Benfica andava pelas ruas da amargura, devia ter o tratamento dos que só são benfiquistas quando ganham! No estádio antigo tive lugar cativo mais de 20 anos e neste tenho RedPass ainda antes do "nascimento" do estádio. (Paguei em Julho de 2003 e foi inaugurado em Outubro do mesmo ano).
      Algum benefício havia de ter...

      Eliminar
  12. O Benfica tem de ser rentável e para isso tem de premiar os melhores clientes. Eu não tenho Red Pass, mas agora estou arrependido e se calhar para o ano vou ter - por isto, concordo com a medida. Em resumo: prescindo sem queixumes da oportunidade de ver uma final ao vivo em prol de um Benfica mais saudável financeiramente.

    A medida é comum na Europa entre os clubes de grande dimensão como o nosso Benfica.

    ResponderEliminar
  13. Mesmo para quem tem o "comum" red pass vai ser o filme total para arranjar bilhete, se ainda houver nessa altura, já que dos 9.800 alguns já foram distribuidos, e existem cerca de 8.000 fundadores / premium.

    A grande questão é: como é que num estádio de para 50.000 pessoas são apenas distribuidos 10.000 bilhetes para cada clube? Os outros 30.000 vão para....? Como é possivel a uefa fazer a venda antecipada dos bilhetes, sabendo que a quase totalidade vai ser usada para fazer mais-valias, em alguns casos astronómicas?

    É VERGONHOSO!

    ResponderEliminar
  14. Caros Detentores de Red Pass.

    Vivo no porto...E sou sócio efetivo...recusei a "paneleirice" de ser sócio correspondente. Pago as minhas quotas por transferência bancária, nunca tive um atraso na vida...Como é óbvio não sou titular de um Red Pass uma vez que os custos para ir 2 vezes a Lisboa ver futebol são insuportáveis para mim. Todos os jogos de Coimbra para cima do SLB vou assistir...Sou acionista do clube (aprox: 1000 ações). Agora digam-me porque é que não tenho hipóteses de ir a Amesterdão? Porque não vivo em Lisboa?

    Desculpem-me mas é uma injustiça....

    Cumprimentos

    ResponderEliminar
  15. Estou completamente em desacordo com o post, faço até uma correção, existem sócios de primeira e sócios de segunda!!! Sempre existiu pá!

    ResponderEliminar
  16. Caro GB,

    Tem que haver uma diferenciação, e o Chelsea fez o mesmo (loyalty points).

    O que no nosso caso está errado, é o facto de não conseguirmos diferenciar os sócios que vão ver os jogos fora (seja em Portugal ou no estrangeiro).
    Não o conseguindo, e esse é um aspecto que tem que ser corrigido urgente, esta é, no meu entendimento, a abordagem mais correcta.

    Acho que é fácil, com uma pequena alteração informática, carregar loyalty points no cartão de sócio, por:
    compra de bilhetes para jogos na Luz;
    compra de bilhetes para jogos fora, desde que sejam comprados na Luz e em casas com bilhética;
    (no jogos no estrangeiro, se for o caso, um sócio scanneriza o cartão e o bilhete e envia para o Dep. Sócios para carregar)
    compra de merchandising em lojas oficiais e casas (passagem do cartão quando do pagamento);
    abastecimento na Repsol;
    etc, etc, etc...

    Fazendo isto, sim, premiamos os benfiquistas "mais empenhados"
    Escreve um sócio Fundador que, infelizmente, não vai ver o jogo.

    Abraço

    João

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não quer ceder o seu bilhete? :)

      Cumprimentos,

      Silvestre

      Eliminar
    2. Já o cedi e a pessoa já tem o voucher

      Abr
      João

      Eliminar
  17. Totalmente de acordo com a "hierarquização" efectuada pelo Sport Lisboa e Benfica.

    Há que beneficiar aqueles que no início da época "avançam" com o dinheiro para a época inteira.
    Não é o Benfica que hierarquiza os adeptos. São os adeptos que se hierarquizam entre eles.

    Por via das dúvidas, adquiri um bilhete para a final através da UEFA em Dezembro passado.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro Gandaia
      A generalização é muito perigosa.
      No entanto, há que reconhecer que ao longo dos últimos anos os adeptos Fundador/Centenarium/RedPass têm sido maltratados.
      São borlas, convites, etc...

      Agora em que, com base na informação informática que existe, a Direção resolve premiar a fidelidade, aparecem as criticas??
      Acima, dei a sugestão da melhoria que deve ser feita e, espero que a Direcção implemente.
      Caso seja efectuado na próxima vez será, mais justo. Acho que todos os processos podem ser objecto de melhorias, cabe-nos a nós, sócios e adeptos, sugeri-las. Se não forem implementadas então sim critique-se.
      Comos mais de 250.000 (último número conhecido sem renumeração dá menos de 1-25), somos para cima de 10.000.000 de adeptos a nível mundial.
      Actualmente como se controlava e premiava a fidelidade? Impossível.

      Já foi em 2003 que lá meti o dinheiro de Fundador, hoje não o poderia fazer. Em casa são mais três sócios que não têm lugar no estádio porque, em 2003 dois eram muito pequenos e agora, há infelizmente outras prioridades. Enchiamos o carro e lá íamos, assim vou ficar a beber minis (Sagres, claro).

      Abr
      João
      PS: apenas o 1º parágrafo é que “te” é dirigido

      Eliminar
  18. Se calhar o mais justo para todos seria fazer um sorteio.


    Aqui o problema disto tudo é dinheiro como em 99% da vida. Basicamente quem andou a gastar mais dinheiro ocm o clube, quer agora ter privilélgios. O que compreende-se ehhe
    Vejamos outro exemplo porque quem foi a quase todos os jogos do Benfica e não tem Red pass vai sempre dizer porque raio o tipo que tem Red pass e foi a apenas 4 ou 5 jogos do Benfica tem direito de preferência ? a mim ?

    Acho que o sorteio traria o tal indice aleatorio que não ponha prioridades e estava feito. Cada pessoa interessada ia ao estádio metia o nome e numero de socio num papelinho e pronto saiam 9807 bilhetes sem as pessoas se queixarem que deviam ter prioridades porque gastaram mais dinheiro que os outros a ir ao estádio.

    Este sistema é mais justo que outros, no entanto podemos sempre encontrar espaço para melhorar certo ?

    ResponderEliminar
  19. Ainda bem que estamos aqui a debater um tema tão importante como este.

    Só espero é que este CASO de fácil solução, se repita por muitos anos e bons !!!!!!!!!

    ResponderEliminar
  20. Respostas
    1. Nunca houve viscondes na Luz. Esses mijam azul e moram para os lados do Campo Grande e como todos os visconde, estão falidos. Ia a escrever f*didos.

      Eliminar
  21. Não concordo com esta opinião. Se o Benfica só dispões de pouco mais de 9.000 bilhetes, o mais lógico seria arranjar regras para a sua venda. Julgo que esta foi a melhor regra. Se por exemplo os bilhetes fossem colocados à venda indiscriminadamente para sócios, é lógico que aqueles que residem longe de Lisboa não estariam em pé de igualdade daqueles que moram na capital ou arredores. Portanto fosse qual fosse o critério nunca satisfaria todos os interessados. Apesar de haver 18 mil Red Pass a esmagadora maioria, como é o meu caso, não tem capacidade económica para ir a Amesterdão. O autor do texto parece que nem se dá conta das dificuldades porque passa a maioria do povo. Não nos esqueçamos que grande parte dos sócios do Benfica se enquadra nesse povo.

    ResponderEliminar
  22. Apesar se ser apenas sócio, julgo que deve haver algumas prioridades, mas...
    Como é possível o sócio fundador vir defender a diferenciação entre sócios, quando não podendo ir ver o jogo, cede o seu lugar a outro, podendo a pessoa que vai usufruir do seu lugar nem sequer ser sócia.
    Se a UEFA exige que se dê certas informações aquando do levantamento do bilhete (Nome completo; Número do B.I.; Morada completa; Contacto telefónico; Meio de transporte a utilizar e data de ida e volta), cabe ao benfica a responsabilidade de verificar se os dados dessa pessoa corresponde ao nome do cartão que serviu para a reserva do voucher. Se não coincidir, esse voucher deveria ser considerado inválido. Assim as coisas seriam mais claras, mais justas!!!
    E para o Jamor deve ser igual...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Águia Preocupada06 maio, 2013 17:44

      O nome e elementos que tem que ser dados são de quem vai assistir ao jogo! Cabe, portanto a quem cede o bilhete, cedê-lo a quem o merecer.
      Hoje, ao levantar o meu vaucher, abeirou-se de mim um fulano perguntado se tinha dos tais RedPass. Perante a minha afirmativa, perguntou-me se não queria cerder-lhe o bilhete ainda que tivesse que me pagar mais por ele. (Isto à boca da bilheteira com o homem que estava a vender, a ouvir e a rir-se!). Respondi-lhe que tendo apenas um bilhete não poderia cedê-lo!
      Levantei o vaucher e conversa puxa conversa, e ele lá me confessou que é sportinguista, mas que o bilhete é para o irmão que vive em Inglaterra e é benfiquista! Tretas, claro!!!
      Cabe-nos a nós ceder o nosso bilhete a quem conhecemos e que merece...
      Estou a ver se consigo mais dois bilhetes, para amigos meus que vivem em Paris. E se um é para um benfiquista que mo pagará, o outro é para um sportinguista a quem tenho o maior gosto em oferecer... Porque merece!

      Eliminar
  23. À falta de melhor, concordo com o esquema que foi montado (em cima do joelho, imagino), por oposição a um que pusesse todos os sócios em pé de igualdade, pelos motivos apontados pela grande maioria dos que aqui escreveram.
    Mas como já foi sugerido acima por outro consócio, também eu sou apologista de um sistema de pontos que premeie a "lealdade". É uma coisa que já por várias vezes sugeri ao Benfica (aquando de jogos fora com çeportéim e porco em que 90% dos bilhetes iam parar às mãos das claques que nem se tinham de deslocar às bilheteiras, enquanto os restantes bilhetes se esgotavam em poucos minutos depois de grande confusão junto às bilheteiras).
    Todos os clubes em Inglaterra, país de grandes tradições democráticas, têm um esquema que premeia a lealdade. A título de ilustração, deixo-vos o exemplo do Chelsea para o jogo de Amsterdão:

    EUROPA LEAGUE FINAL TICKET UPDATE

    Posted on: Mon 06 May 2013




    The latest ticket selling arrangements for the Europa League final against Benfica in Amsterdam have been announced.

    Tickets for the match, which takes place on Wednesday 15 May, kick-off 7.45pm, will be sold as follows:

    Tuesday 7 May until 12noon: season ticket holders with 96 loyalty points or more can purchase one ticket per person.

    Tuesday 7 May ONLINE ONLY from 12.30pm until 3.30pm: season ticket holders with 87 loyalty points or more can purchase one ticket per person.

    Tuesday 7 May ONLINE ONLY from 4pm until 12midnight: season ticket holders with 79 loyalty points or more can purchase one ticket per person.

    Wednesday 8 May ONLINE ONLY until 12noon: tickets will be sold to season ticket holders on a loyalty point basis. The number of loyalty points required will be announced on Tuesday 7 May.

    Wednesday 8 May ONLINE ONLY from 12.30pm until 3.30pm: tickets will be sold to season ticket holders on a loyalty point basis. The number of loyalty points required will be announced on Tuesday 7 May.

    Wednesday 8 May ONLINE ONLY from 4pm until 8pm: tickets will be sold to all remaining season ticket holders. All season ticket holders who have made a booking with Thomas Cook Sport will be confirmed in application date order.

    Further announcements will be made if tickets are available after season ticket holders have purchased their tickets.

    ResponderEliminar
  24. Outros promenores que não referi no meu comentário anterior:
    1) É uma verdadeira vergonha que a UEFA apenas distribua 40% da lotação pelos clubes finalistas; tudo o que seja menos de 80% é pouco;
    2) Concordo que os RedPass possam ser transmitidos a outros, quando se trata de deixar alguém (quem quer que seja) ir ver um jogo, no nosso estádio, no nosso lugar (é um incentivo à compra de RedPass para além de que, de outra forma, o lugar ficaria por ocupar); já não me parece bem que possa transmitido a outrém (que pode nem sequer ser sócio), numa situação em que o rateio se prevê muito forte e que pode deixar um sócio assíduo de fora de um jogo com que ele passou a vida a sonhar.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro jag,

      Apesar de escondidos atrás do monitor, concordo plenamente com o que escreveste, como aliás já tinha defendido acima.

      É mais uma vergonha da UEFA em relação ao número de bilhetes.

      No nosso caso, a Direção tem que começar a premiar quem é fiel ao clube.
      Daí achar que o esquema do Chelsea é mais justo que o nosso mas, os ingleses estão nestas coisas mais avançados.

      Como Fundador defendo que devam ser prioritários os bilhetes para quem seja sócio e segue o Benfica no Estrangeiro, depois num segundo escalão adicionam-se pontos em função de Fundador/Centenarium/RedPass/Sócio, presenças no estádio, aquisição de bilhetes com cartão de sócio para jogos em casa e fora, etc...

      Só para que fique claro, vale o que vale, o Voucher que cedi foi a um sócio com RedPass.

      Abr
      João

      Eliminar
    2. nao concordo, eles têm que distribuir de qualquer forma, e eles decidiram que ia ser essa, se eles pusessem a venda para toda a gente iam haver muitas reclamações dos detentores de red pass, por isso, eles fazem assim , e apesar de as vezes também ficar irritada por não puder ir ver, concordo, por isso é que agora mudei para red pass centenarium..

      Eliminar
  25. Parece-me que o principal problema está associado ao facto de a Uefa ter vendido bilhetes em Janeiro de uma forma completamente irresponsável e sem qualquer consideração perante os efeitos que tal medida teria ao nível do mercado negro. De resto, é apenas mais uma situação que revela a podridão deste "futebol moderno" que, infelizmente, é o único que tive oportunidade de conhecer. A partir do momento que só existem aproximadamente 10.000 bilhetes para o Benfica, é lógico que nenhum sistema será justo. Perante esta situação, apesar das injustiças associadas a esta forma de venda (nunca na vida eu arranjaria um bilhete para Amesterdão nestas condições, nem que dormisse duas semanas acampado em frente ao estádio e, como eu, haverá muitos outros que até terão feito bem mais para o merecer) parece-me que a direcção arranjou uma forma de vender os bilhetes evitando grandes confusões (os milhares de almas que deambulariam pelo estádio estes dias...) e, sendo esta a grande vantagem, incentivando a compra do Red Pass. Se muitos se queixavam do desrespeito perante aqueles que, no início da época, investiam "às cegas" no clube, nesta situação torna-se inegável a vantagem proveniente desse mesmo investimento. Quanto à suposta existência de sócios de 1ª e de 2ª acaba por ser uma consequência deste futebol que vê em adeptos, clientes, e que há muito se deixou de alimentar da paixão, passando a apreciar mais remessas de dinheiro em quantidades industriais...

    ResponderEliminar
  26. Estou totalmente de acordo com esta opinião, trata-se de mais um sintoma da elitização crescente do Benfica.

    A única hierarquização de sócios dentro do clube tem apenas em conta a sua antiguidade, não se é mais rico ou menos rico, se sabe muito ou sabe pouco. E tal acontece porque é uma associação privada, e cada sócio é livre de decidir o que fazer com o clube pela sua própria cabeça (desde que o não estrague, obviamente). Se quiser assistir aos jogos no sofá tem esse direito e não é menos benfiquista do que um membro de uma claque.

    Um sócio fundador não deveria ter mais regalias, nem tão pouco fica provado que é mais leal ou não. A única coisa que fica provado é que tem dinheiro.

    Portanto, a direcção do Benfica está a proteger quem tem dinheiro, não a antiguidade dos sócios do clube, que é um critério básico do associativismo benfiquista. São critérios.

    Sou pois completamente contra o critério escolhido. Aliás, na minha perspectiva, não devia haver critério algum, a venda devia estar aberta a todos. Nesta perspectiva, tenho de estar de acordo com o que Barcelos escreveu.

    A propósito, comparar o Benfica com o Chelsea é ridículo...

    ResponderEliminar
  27. Vamos supor que é venda para todos.

    Como se processa a venda?

    É on-line e excluimos quem não tem internet?
    É presencial e têm que se deslocar a Lisboa na expectativa de conseguir um bilhete? Voltamos aos 50 cartões por pessoa ou um bilhete por pessoa (como é com os filhos e a mulher, tambem faltam À escola e ao trabalho)?
    Coloca-se também nas casas e, nalgumas juntam os cartões e começam a passá-los em alta velocidade?
    E os sócios que vivem no estrangeiro e que seguem o Benfica?
    E o Barcelos que vive nos Açores, vinha a Lisboa de propósito na expectativa de conseguir alguma coisa?

    Ontem à noite estavam 60.000, segunda-feira à noite às 20h00 porque hoje os miúdos estão de férias. Ops enganei-me, hoje é dia de aulas e para alguns até há exame!!

    Há alturas em que nem 200.000 lugares chegavam.

    Já que comparar com o Chelsea é ridiculo, seguidamente as condições "standard" (que achei mais relevantes) para a época do ManUtd.

    Can I apply for away tickets?
    Domestic away tickets are only available to Executive Club Members and Season Ticket holders who have attended all home FA Cup, League Cup and European matches in the current season.
    Executive Club Members, Season Ticket Holders and Official Members can apply for European away games.
    Criteria for domestic or European semi-finals and finals will be announced upon qualification.
    http://www.manutd.com/en/Club/FAQs/Ticketing/Question-6.aspx

    What are the Season Ticket requirements regarding home cup matches?
    Subject to certain exceptions, Season Ticket Holders are required to purchase a ticket for all home cup matches and must provide card details which will be used by the Club to make these purchases. Season Ticket Holders can opt out of purchasing League Cup tickets and under 16 Season Ticket Holders can opt out of purchasing tickets for the FA Cup / UEFA Champions League / UEFA Europa Cup - please see your renewal pack for full details.

    Any Season Ticket Holder that opts out of a home cup match will receive lower priority in any ballot held if we are oversubscribed with applications for any away match, semi-final and/or cup final in any competition.
    The number of home cup games to be played will depend on how successful the team is, and whether it is drawn at home.
    http://www.manutd.com/en/Club/FAQs/Ticketing/Question-15.aspx

    Abr
    João

    ResponderEliminar
  28. Numa primeira fase podia-se, por exemplo, dividir o número total de ingressos pelo número de sócios de cada região, seguindo uma forma proporcional. Assim cada distrito teria a sua porção de bilhetes, mais uma casa representativa de cada região internacional (uma América, outra Europa, outra África, etc.).

    A venda podia ser por carta, internet ou presencial. Cada agregado doméstico estaria limitado a dois bilhetes.

    Numa segunda fase, se sobrassem bilhetes, podia realizar-se um sorteio ou criava-se uma lista de registos na primeira fase para quem quisesse comprar bilhetes e não conseguisse.

    É apenas um exemplo.

    Volto a insistir que comparar o Benfica com o Chelsea, o Man. United ou outro clube não faz qualquer sentido.

    Não há seguramente nenhum outro clube num mundo que tenha construído um estádio com capacidade para 35 mil espectadores à custa de rifas e doações, tenha sido fundado por orfãos ou meninos cujos pais eram pobres e que foi despejado várias vezes dos seus pelados por questões de fundo, leia-se, estradas e pavimentos. São precisamente os sócios os representantes simbólicos dessa luta de sobrevivência até fazerem do Sport Lisboa e Benfica o segundo clube campeão europeu.

    O Benfica é dos sócios, não de membros de um clube executivo. Para se ser sócio do Benfica paga-se uma quota, não é necessário extras como "títulos" ou bilhetes de época. Para além disso, para sócios beneméritos, como Jorge de Brito, por exemplo, há os troféus próprios: mas esses têm uma conduta realmente diferente: oferecem "coisas" ao clube, e não esperam nada em troca (alguns até o fizeram de forma anónima e acabaram na miséria).

    ResponderEliminar

Atenção: O NGB mantém um registo completo de todos os comentários. Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado. Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado. Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no âmbito do NGB

ranking