Um homem íntegro e um homem vendido.
O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


quarta-feira, 13 de março de 2013

Um homem íntegro e um homem vendido.

Avatar
 ●  + 3 comentários  ● 

Retirado do 'Em Defesa do Benfica'. Um post a ler por todos.

--------------------------------------------------

Retirado do 'NDRANGHETA', que tira a máscara ao Serpa.

"Hoje, na versão online do pasquim do Serpa, pode ler-se "Maré Vermelha chega a Bordéus" (entre 2 a 3 mil).

Há uns anos, escrevia o Serpa, no seu pasquim, por ocasião da gloriosa deslocação a Manchester, sobre "uns míseros 3 mil benfiquistas": 


Como pode Jesus mudar a história

Por Vítor Serpa, em Manchester

O Benfica está de regresso ao teatro dos sonhos. Desde o tempo da velhinha Taça dos Clubes Campeões Europeus à neoliberal Liga dos Campeões, os encarnados subiram ao palco de Manchester três vezes e dele saíram sempre derrotados. 
Mas depois de um demasiado longo período de afastamento das luzes dos grandes jogos do futebol mundial já o Benfica, em 2005, conseguiu, com notável escândalo, afastar o enorme clube inglês dos oitavos-de-final da competição; no ano seguinte, foi a vez de o Manchester United se vingar, ganhando os dois jogos. A maior curiosidade está em saber como será agora e até pode muito bem acontecer que, independentemente do resultado do jogo de hoje, se qualifiquem as duas equipas.



Onde o Benfica nunca ganhou
A verdade é que o Benfica nunca ganhou neste palco imenso que faz parte da história do futebol. Nem no consulado da «velha senhora» Taça, nem no reinado da novinha «Champions». Será, então, uma missão impossível, aquela que, ao fim da tarde de hoje, que promete, aliás, ser fria e chuvosa, terá pela frente o Benfica de Jorge Jesus? 
Aqui, na grande mancha urbana que ganhou espaço para mais de 3,5 milhões de habitantes, divididos entre o United e o City, ninguém acredita que este Jesus seja capaz de mudar a história.
Resta, apesar de tudo, a esperança de uns míseros três mil benfiquistas, que mal se deverão ouvir na imensidade de Old Trafford, para acreditar no milagre de Jesus. E resta a natural fé de jogadores e técnicos que sabem bem - ou deviam saber - que têm muito mais a ganhar num jogo assim do que a perder".



(o link fica aqui - http://www.abola.pt/nnh/ver.aspx?id=300069 -, mas o texto já desapareceu. Eu, no entanto, já havia guardado a prosa para memória futura)."

3 comentários blogger

  1. Foi escrito na última página, na coluna da esquerda, não sei o nome da "rubrica" e foi na época passada na fase de grupos. Ouviu-se "Benfica" todo o jogo e bem alto!

    ResponderEliminar
  2. Lembro-me desta entrevista. Homens como este não merecem ver o seu clube assim.

    ResponderEliminar
  3. E pasme-se o Benfica empatou lá. PARVALHÃO!! Ainda gostava de saber quantos adeptos de outros clubes é que vão lá. E quantos é que se ouvem daquela forma. Uma coisa é ter a sua opinião, cada um tem a sua, outra coisa é faltar ao respeito ao clube.

    ResponderEliminar

Atenção: O NGB mantém um registo completo de todos os comentários. Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado. Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado. Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no âmbito do NGB

ranking

recentes

Mensagens populares