O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


sexta-feira, 11 de novembro de 2011

Rodriguinhos e Nelsinhos ou como o futebol português é viável!

 ●  9 comentários  ● 
Que sorte! Como benfiquista sinto-me feliz por ver dois promissores futebolistas nos nossos quadros! Rodrigo e Nelson Oliveira são a nata dos pontas de lança do futuro imediato! E que não se desvalorize o português em relação ao pseudo espanhol, nem vice versa! São dois tesouros a explorar, a preservar e a moldar! E JJ deve-o fazer desde já! Mas há mais para jubilar aqui: o terceiro elemento desta equação, Cardozo. O paraguaio ainda é o ponta de lança! O jogador a temer. Mas JJ deve fazê-lo sentir que à sombra estão dois miúdos "esfomeados" por golos e glória! É a missão de JJ: aguçar o apetite dos dois "putos"! Rodrigo já anda aí, que não deixemos cair o Nelson, pois já está provado o seu talento... E por falar em miúdos, ainda temos o Melgarejo que com um ano de Paços de Ferreira pode entrar na Luz na próxima época. Os seus números até agora são interessantes!


Confesso que não percebo a preferência de muitos pelo jogador estrangeiro! Confesso que me aflige o argumento de defesa desta tese. O jogador argentino de 20 anos tem já dois anos de experiência sénior e o português, não! Pois! O português não tem porque o dirigente ou treinador também PORTUGUÊS não lhe dá essa chance! Vejamos: estar na lista Golden Boy não garante nada! Mas não garante nada nem ao Nelson Oliveira, nem ao Rodrigo! Nem ao português, nem ao estrangeiro! Qual a diferença? Uma estrutura que apoie os dois! Que dê aos dois as mesmas condições para evoluir e depois o talento e capacidade individuais farão a diferença!


O que se pretende é atenção igual ao mercado externo e à formação do clube! É perfeitamente possível termos uma dupla de avançados Rodrigo/Nelson Oliveira. Mas não porque sonhamos em ter miúdos no ataque e porque é uma coisa à Ajax! Mas porque é sinal que o Sport Lisboa e Benfica trabalha no sentido da alteração do miserável paradigma que mata o futebol português! É sinal que temos uma equipa técnica responsável e competente, que sabe que a relação de custos com futebolistas pode baixar ao apostar na formação, ao mesmo tempo que as vendas podem ser feitas com uma maior margem de lucro! E para justificar podemos pegar no caso de Oliveira e no que se falou na CS: o SLB teve uma oferta pelo avançado no valor de 5 milhões euros! Imaginem a margem de lucro por um jogador que nunca havia a vestido a camisola! Bem sei que o argumento tem muito que se lhe diga, mas é uma hipótese a considerar.


Em relação a Rodrigo: já mordi a língua e ele vale mais que 6 milhões de euros neste momento! Mas atenção: não mordo a língua por completo, pois por cada Rodrigo, não podemos ter um Alípio. Mas de uma coisa sei: Rodrigo vale mais que 6 milhões porque JJ teve a coragem de apostar nele! Que tenha a mesma coragem em acreditar nos demais: quer em Nelson Oliveira, quer em Melgarejo! A fórmula é simples: acredita-se nos miúdos, aposta-se neles umas quantas vezes e deixamos a sua qualidade revelar-se! Luís Martins não me desiludiu! Frente a Shaqiri, mais experiente que ele, lutou até ao limite! É continuar agora!


E é por isto que sou um apologista das equipas B! Contratar miúdos no estrangeiro e lançar dos nossos numa equipa B, num escalão de luta como a 2ª B era um excelente baptismo! Dois/três aninhos com a nossa camisola, mas com menos responsabilidade era o ideal!


adenda: não precisam de ser monárquicos, como eu ou o Viriato, para votar no King Eusébio! Por isso, é só irem aqui e exercer a vossa obrigação cívica!

9 comentários blogger

  1. Seria um benfiquista feliz se em cada Rodrigo houvesse um Alípio!
    Mesmo sem saber o que vale o tal Alípio!
    Digo mais, tomara qualquer clube ter um rácio de em cada duas ter acertado uma contratação.

    ResponderEliminar
  2. O problema Guachos é que nós não temos esse racio! E n podemos contratar 30 jogadores com a expectativa de acertar em 15, parece-me um pouco despesista, não? O ideal seria em 30, falhar 4 ou 5, no máximo um terço... Não te parece?

    ResponderEliminar
  3. Mas qual é o clube que não erra?

    Até o Barcelona gastou 14 milhões no Kerrison!!!!!
    E 25 milhões no Chygrinski para vendê-lo no ano seguinte por 15 milhões.

    Vai continuar a haver Alipios.

    A questão é que actualmente o Benfica acerta mais do que erra, e isso tem melhorado nos últimos anos.

    Quanto ao apostar no Rodrigo e no Nelson:

    O ano passado criticava-se a contratação do Rodrigo, agora já serve para meter o Cardozo no banco.

    O Nelson Oliveira vai ter as suas oportunidades mas não percebo esta pressa em colocá-los a jogar a titulares tirando um jogador que já tem mais de 100 golos no Benfica.

    Não há vacas sagradas, mas há que apostar com calma nos putos como tem sido feito.

    A gestão da entrada no Rodrigo no lotes das "verdadeiras opções ao 11" foi muito bem gerida.

    Tenham lá calma que o Nelson também vai ter as suas oportunidades.

    E já agora, uma pequena nota, é que o valor da selecção sub-21 da Espanha nada tem a ver com o valor da selecção sub-21 de Portugal.

    ResponderEliminar
  4. Anónimo:
    Portugal não tem o valor de Espanha pois em Espanha acredita-se na Formação! E eu não estou c pressa! Bem pelo contrário se leres bem o texto! E concordo com esta tua tirada:"A gestão da entrada no Rodrigo no lotes das "verdadeiras opções ao 11" foi muito bem gerida." É preciso é fazer isto com todos e não só com "alguns"!

    ResponderEliminar
  5. Tudo tem que ser feito com calma, porque o Benfica entra para ganhar naquilo que participa.
    Acho que deve reconhecer-se, como já foi dito num dos comentários anteriores, que o Benfica tem acertado mais, muito mais, e essas apostas têm sido de enorme importância em termos desportivos e financeiros.

    ResponderEliminar
  6. RUI,
    comungo da tua opinião.
    Antigamente tinhamos batalhões de Kings, Paredões, Luis Gustavos, Nelos, Melos, Luis Carlos, Totes, Tavares e outros que tais e que não rendiam mais valias.
    Agora temos Di Marias,D.Luiz, Coentrões, Saviolas, Aimares,Gaitans, Javis, Witsel e outros que, além de serem de outro patamar futebolístico, podem render bom pecúlio para o nosso Glorioso.
    Assim sendo, não há duvida que melhorámos e muito as nossas compras.

    ResponderEliminar
  7. @JediVermelho, quem não gostaria de acertar em 3/4 das contratações feitas?
    Achas mesmo que isso é possível?
    Indica um clube que o faça

    ResponderEliminar
  8. O Rui Gomes da Silva já disse que o Rodrigo custou menos que 6 milhões.

    ResponderEliminar
  9. Claro como água MINDFUK,
    O Di Maria foi vendido por 30 kilos e rendeu-nos parece que 35 (mais ou menos) esse remanescente dá para abater os 6 kilos do Rodrigo.

    ResponderEliminar

Atenção: O NGB mantém um registo completo de todos os comentários. Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado. Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado. Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no âmbito do NGB

ranking