O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


sexta-feira, 13 de agosto de 2010

Por falar em dinheiro...

 ●  10 comentários  ● 
Numa altura em que LFV afirmou não ter capacidade (eu acredito mais em "vontade") para acompanhar a corrida por Wesley, gostava que os verdadeiros benfiquistas me ensinassem a perceber quanto custa o Caixa Futebol Campus?

Ou seja, o SLBenfica investiu 15M€ (mais custos de manutenção e operação) num centro de estágio em Setembro de 2006. Volvidos quatro anos olhamos para trás e, mesmo assumindo que antes do CFC "não havia formação", a realidade é que depois do CFC temos já bastantes mais valores com contratos de profissional com o SLBenfica, mas os vícios e a falta de coragem em lançar os jogadores mantém-se e no plantel principal temos... ZERO!

Roderick se não for emprestado será o quarto central e Miguel Victor já foi embora... o resto? Infelizmente apenas David Simão e Nelson Oliveira (a confirmar-se) jogarão na primeira divisão e o resto foi "empacotado" em Fátima ao abrigo de um acordo que considero muito interessante, mas que não deveria ser "a cura para o cancro", ou seja, a única opção para colocar jovens.

Num ano em que até o FCPorto tem o Ukra e o Castro no plantel (jogadores merdosos) e o Sporting lança André Martins, Cédric Soares e foi buscar Diogo Salomão, mantendo a aposta em Carriço e Saleiro... o SLBenfica continua a acreditar que os nossos jogadores devem estar eternamente ao cuidado dos outros.

Já todos sabem bem a minha opinião sobre este tema e o que considero que deveriam ser as bases para obter retorno desportivo e financeiro do investimento e custos do Caixa Futebol Campus, não vou aqui repetir.

Continuaremos durante mais quantos anos a aplaudir o Roberto porque precisa de confiança e apoio?
Continuaremos durante mais quantos anos a ter inícios de época com jogadores dispensados que custam balúrdios?
Continuaremos durante mais quantos anos a investir em jovens brasileiros, alegando que precisam de crescer, se formar e se adaptar?

Isto tudo enquanto continuamos com medo e falta de coragem para apoiar os nossos jovens jogadores... canalizando para eles o investimento, o apoio, a paciência e a dedicação...

Olhemos para o Barça, mais um ano e mais dois jovens a integrar o plantel principal e outros ainda, na ausência da melhor forma dos principais, a jogarem na Supertaça de Espanha. A que clube andaram emprestados? ZERO! Quantos anos andaram na equipa B, alguns apenas um ano outros nem isso! Ah já sei qual é a desculpa... Em Portugal não há equipas B? Então organizem-se para suprimir essa falha...

O exemplo flagrante para o SLBenfica (mas também para os demais clubes portugueses, feitos a burgueses) está nos clubes estrangeiros que cá vêem contratar os portugueses (muitos desconhecidos) que nós não temos coragem de apostar, ora porque são muito jovens, ora porque são portugueses... Só na formação do SLBenfica este ano temos já os casos de Pedro Rosário (de dispensado na Luz a profissional na Lázio) ou de Danilo Pereira (de dúvida na Luz a atenção de colossos como o AC Milan).

É preciso haver coragem! Bem sei que integrar, um David Simão no plantel ou um Nelson Oliveira não vende jornais, não entusiasma sócios, não vende camisolas, etc... Mas a verdade é que se há coragem para explicar aos sócios que os jogadores não vão sair (e saem), que só saem pela clausula (e saem por menos), que é preciso 300 mil sócios, etc. etc. etc., também é preciso sensibilizar os benfiquistas para a importância de estar presente nos jogos da formação (e modalidades), de conhecer os jogadores, de os apoiar, de lhes dar a estabilidade e suporte que precisam para avançar de camisola do SLBenfica ao peito.

Quando gastamos 1M que seja num Filipe Menezes que pouco ou nada nos trás, ou 3,6M num Eder Luiz que nunca mais cá volta (tudo isto mais salários), quando não poupariamos se investissemos um milésimo disso nos contratos dos nossos jovens e na sensibilização dos sócios para os apoiar?

Mas não...! O que interessa é contratar brasileiros, porque esses é que são bons mesmo antes de chegarem, mesmo antes de jogarem e mesmo que nunca cheguem a jogar... esquece-se rapidamente o quanto custaram e que para nada serviram. Até lá, vai-se tratando como uma criança um guarda-redes de 24 anos que só é criança na hora de fazer o seu trabalho, pois na hora de receber o salário é... uma estrela mundial.

Ainda vamos a tempo! E até admito que o primeiro passo não tem que ser da direcção, mas sim dos sócios... esses é que têm que demonstrar à direcção que os nossos "meninos" são e serão sempre mais acarinhados que qualquer "Ronaldinho" que apareça.

10 comentários blogger

  1. Achas que o caixa futebol campus não serve para nada? Queres que a equipa treine onde? Na luz ou com a casa às costas?

    ResponderEliminar
  2. Acho o problema da formação uma falsa questão, que persiste em ser levantada, sabe-se lá porquê... Ou se calhar até sabe...

    Ainda o ano passado tivemos o M Vitor no plantel principal... Quantos segundos jogou na liga?...

    Quem é que da nossa actual formação poderia aspirar a jogar?... Ou ficam nom plantel só porque sim... Porque é bonito... porque se aposta na formação...É essa a ideia?...

    Quantos clubes a nivel europeu tem jogadores vindos da formação a jogar na equipa principal?... Barcelona e mais quem?...

    Pois, tirando um ou outro caso de jogadores que se vêm logo de muito cedo que são especiais, e que aparece um em mil,arrisco-me a dizer que nenhum... Ou estou enganado?...

    ResponderEliminar
  3. GB, n me vou expandir. sabes o que penso. torna-se cansativo sublinhar a evidência e ser mal tratado!

    ResponderEliminar
  4. Tens razão Geração!

    Anónimo Impublicável !!

    ResponderEliminar
  5. O Benfica não pode ser perfeito!

    A perfeição não existe! O que fazem os Homens de bem é procura-la incessantemente, sabendo que nunca a encontrarão. Mesmo para os que acreditam em Deus ela não é possível, pois Ele, criou o Diabo e adiou tudo para o fim dos tempos (dele, que não dos meus)!

    É por o Benfica não ser perfeito que eu o adoro. É por a perfeição não ser possível que procuro compreender as razões para os erros e insucessos sem entrar pelo caminho da critica fácil e sem sentido! Ao fazer isso sou colocado no saco dos seguidistas que dizem amém a tudo o que a direcção faz! Mas tenho uma motivação forte: Estou apaixonado pelo o Benfica.

    Assim, procuro sempre defende-lo de todos os ataques, venham eles de dentro ou de fora! Isso não quer dizer que seja acrítico ou que concorde com tudo. Simplesmente, parece-me a melhor atitude. Depois aquando da hora da escolha faço a minha opção.

    Com todo o respeito, porque acredito que sente o Benfica como eu, não consigo entender este post sem achar que, definitivamente, não gosta dos actuais dirigentes e não os respeita minimamente. Esquece até (ou não) que são os actuais dirigentes do nosso clube!

    Quando ando na blogosfera benfiquista fico com a sensação de estar numa espécie de bipolaridade bloguista: Uns ao ataque e outros à defesa. Não seria melhor levantar-mos as questões, discuti-las, e tirar-mos conclusões no fim, em vez de posts que são sentenças de incompetência à actual direcção?

    Peço desculpa por fugir ao tema, e compreendo se não o publicar. Apenas pretendo alertar para algo que é prejudicial para todos nós e nos coloca em trincheiras separadas e incomunicáveis!

    Isto tudo para dizer que discutir o Benfica de forma positiva (criticando, com certeza!) o engrandece. Apontar defeitos e erros a tudo só o empobrece!

    E todos pelo Benfica!!!

    ResponderEliminar
  6. Grande post, e traduz exactamente o que eu defendo, a muito. Andamos a comprar rodrigos e alipios quando temos elementos na formação iguais ou melhores que esses referidos, exemplo de nelson oliveira, david simao etc. o problema é que aos rodrigos da-se oportunidades, e aos nelsons não se dá. porque razão? farto me de estar sempre a dizer o mesmo e no meu blog já fui bastante criticado por defender esta tese. no entanto tenho a certeza que contratar rodrigos, etc, a unica coisa que faz é gastarmos dinheiro para nada. E eu não gosto nada desta filosofia de governar o futebol do benfiac. ha que ser coerente.

    ResponderEliminar
  7. Geração tens razão.
    Mas para que se possa integrar os nossos jovens é necessário termos tecnicos á altura, não é com Diamantinos e Chalanas que vamos incutir, atitude, ambição, vontade, superação, etc.

    O Seixal não precisa de velhas glórias, precisa sim de verdadeiros profissionais.

    André

    ResponderEliminar
  8. RS a questão é que se a formação não consegue preencher os lugares de jogadores como Menezes ou Éder Luiz então estamos muito mal. Não faz qqr sentido gastar 2 ou 3 milhões em jogadores medianos vindos de fora e não aproveitar o que melhor temos na formação. Pq é que invês de ir buscar o Éder Luiz ou o Menezes não apostamos nos nossos jovens?
    Não estão em causa contratações como Gaitan ou Jara mas sim jogadores medianos, sem grande peso nos seus campeonatos q serão tanto incognitas como os nossos jovens.

    ResponderEliminar
  9. Jogadores que me agradam para pontuais retoques no plantel do Benfica:

    Sebastián Coates – Central do Nacional de Montevideu (se David Luiz sair)
    Andrés Guardado – Médio/Extremo do Deportivo de La Coruña
    Fernandinho – Extremo esquerdo do São Paulo

    ResponderEliminar
  10. o k o pedro disse é o k o benfica devia fazer, a vir estrangeiros para o benfica SÓ se for para fazerem a diferença, AIMAR, SAVIOLA; DAVID LUIZ, sao bons exemplos, o problema sao os k vêm e k nao passam de jogadores banais, pk nao, banal por banal, k sejam portugueses? alem de serem tds novos e terem margem de progressao? nao podem alguns deles ate vir a ser mais do k banais?

    alguns comentarios aki me deixam parvo...se fosse assim tao dificil trazer alguem bom das camadas jovens como dizem, entao nao haveria renovação dos jogadores de futebol como um todo, e a qualidade das equipas em geral começaria a cair...a quantidade de jogadores jovens k saiem é pelo menos tao grande como a quantidade de jogadores k abandonam a carreira, sempre foi assim e sempre sera! agr é so encontrar os moços certos k vao se tornar jogadores de craveira! mas pra isso é preciso apostar! ou nos benfiquistas so keremos a papinha ja td pronta? eu nao! eu me da 20 vezes mais gosto se o jogador for portugues, criado no benfica, e se tornar dos jogadores mais influentes! ele sim tera a mistica imbuida no sangue!

    ResponderEliminar

Atenção: O NGB mantém um registo completo de todos os comentários. Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado. Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado. Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no âmbito do NGB

ranking