O Novo BlogGeraçãoBenfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Um espaço de opinião individual, alheio a quaisquer interesses individuais ou colectivos.
Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


Qual vai ser o resultado do Derby?

quarta-feira, 22 de junho de 2016

Avatar

Hungria - Portugal.

 ●  + 48 comentários  ● 


Quando vi o 11 inicial, ficou claro para mim que seria mais um jogo de sofrimento. E foi.

Fernando Santos é um treinador fraco, sem ideias para além daquele seu esquemazinho do costume. É medroso porque prefere a fraqueza das suas ideias do que arriscar e apostar na mudança.

Daí que a primeira parte tenha sido o sofrimento do costume.

Rui Patrício – Fez o que podia. Defender bolas que ressaltam é quase impossível. Continua com nota alta no Euro 2016.

Vieirinha – Nem serve para defender nem para atacar. Passes ou centros de qualidade: zero. Injustificável a sua permanência no 11.

Pepe – Continua desconcentrado, inquieto e é mais um factor de desestabilização da defesa. José Fonte deve estar com uma azia enorme. Eu estaria.

Ricardo Carvalho – Continua assim como Patrício a ser um bom elemento da defesa. Não tem é parceiros à altura na equipa titular de Fernando Santos.

Eliseu – Não é por ser a selecção que vou mudar de ideias. Eliseu perdeu quase todos os duelos directos que teve com jogadores da Hungria. Sempre atrasado face à bola, ficou a anos luz das prestações de Raphael Guerreiro.

William – Claramente prejudicado pela falta de posicionamento e ajuda por parte de Moutinho, revelou algumas dificuldades quando ficava sozinho frente a 2 ou 3 hungaros. Ainda assim dá fluidez ao jogo e é claramente superior a Danilo.

Moutinho – Ora chuta para o lado, ora falha passe, ora foge da bola. Não acrescenta nada e pelo contrário rouba velocidade e espírito ofensivo à equipa.

André Gomes – Foi o pior jogo dos 3 que fez. Ainda assim é claramente um bom elemento que procura levar o jogo para a frente e com qualidade. No entanto visto que temos no ataque jogadores que em jogo corrido não defendem acaba por se prejudicar.

João Mário – Assim que ficou solto, foi o João Mário que se viu no campeonato. Distribui jogo e com bastante mobilidade. Custa tanto a Fernando Santos perceber isto?

Nani – Tem sido uma boa surpresa no Euro. Não é o fução dos últimos tempos e até parece estar a fazer um esforço para descomplicar aquilo em que costuma falhar. Merece o golo assim como merece a titularidade.

Ronaldo – Na primeira parte foi o egoísta do costume. Um exemplo de como desperdiçar talento em nome de um ego gigante. Na segunda parte foi o grande jogador que podia até ser mais vezes na selecção. Quando deixa o seu egoísmo de lado e procura servir a equipa as coisas mudam logo.

Renato Sanches – Só o burro que treina a equipa é que ainda não tinha querido perceber a diferença. Mas mais uma vez quando precisou lá lançou o puto. Mexeu com a equipa e deu aquele empurrão tão importante.

Quaresma – Entrou e mexeu. Talvez seja o ideal para que tenha mais efeito na equipa.

Danilo – Não tem a culpa de ter entrado. Só faltou tirar o Ronaldo para meter mais um trinco.

Fernando Santos é um treinador ridículo. Com o historial do jogo, manda um recado para jogar para o empate correndo o risco de levar o 4 em vez de procurar matar o jogo e indo para o lado mais difícil do torneio em que apanharia os piores!

Em vez de utilizar os jogadores em melhor forma insiste nos jogadores de Jorge Mendes até não dar mais. É um palhaço que hoje teve uma sorte enorme. Desculpem a linguagem mas não dá para aturar estes teóricos sem sal.

O terceiro lugar é uma vergonha num grupo com algumas das selecções mais fracas. Hoje Fernando Santos pode falar de “galo” mas a favor de si.

Mais um 11 inicial destes e com a Croácia será limpinho, para eles.

48 comentários via blogger

  1. Ja disse que o Fernando Santos e um mito e este jogo so me veio dar razao.Ridiculo que com o jogo empatado a jogar com a Hungria se tira um extremo/a avancado para meter um trinco.Naquele momento era meter o Rafa e tentar chegar a vitoria.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mais uma achega, temos tido sorte com as arbitragens, os árbitros na dúvida e em lances divididos têm-nos favorecido.

      Contra outras selecções isso dificilmente irá acontecer, e provavelmente terão atitudes oposta, e estas pequenas decisões favoráveis no decorrer dum jogo, têm grande influência.

      Eliminar
    2. Não concordo com a opinião dos árbitros, temos sido vítimas de excesso de agressividade dos adversários e os árbitros têm pactuado com isso.

      Sobre o post é eexatamente a minha opinião. a rábula dos livres na seleção é uma vergonha!

      Eliminar
    3. Só tive oportunidade de ver o jogo com a Áustria, e concordo com a questão da arbitragem, pelo menos nesse jogo não tiveram muito por onde se queixar, pelo contrário

      Eliminar
  2. Estou a ver que é o Vieira e o Pizzi que te toldam o juízo no Benfica :)...na seleção difícil de discordar contigo. Tudo certo.
    A diferença é abismal de Renato vs Moutinho. O que ele tira é recompensado pelo muito jogo que dá.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Looool
      Curioso é que mais uma vez quando estava apertado FS lá sacrificou a maçã podre.

      Eliminar
  3. Peter Prospar22/06/16, 21:20

    É o meio do Sporting mais o Renato, não tem que saber.

    ResponderEliminar
  4. https://twitter.com/TheEuro2016/status/745702108918222848

    Fantástico Iceland.

    ResponderEliminar
  5. Shadows, 500% de acordo! Até na pontuação ;)

    ResponderEliminar
  6. Aquela substituição, do Danilo, não lembra a ninguém. Vieirinha só ele vê valor para ser lateral. Coitado do rafa e até do Eder.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eder não! :) É um borradito este FS.

      Eliminar
  7. Concordo 100%. É um comentário imparcial o que hoje em dia é difícil de ver. Parabéns.

    ResponderEliminar
  8. Como pode dizer o fernando santos que vai dar uma alegria aos Portugueses,mas alguem acredita que Portugal pode ganhar o Euro com Vieirinhas e Moutinhos o homem passou-se e fraquinho e ridiculo ainda bem que o Vieira correu com ele logo a primeira jornada eu tinha feito o mesmo,o santinho por acaso vio o jogo da Croacia esta Croacia com Portugal com este modelo de jogo ja fomos se nao formos goleados e milagre.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Com um onze à FS Portugal será enxovalhado.

      Eliminar
  9. É só a mim que me está incomodar enormemente a campanha do Dani na TVI24 para desvalorizar a qualidade do Renato, com argumentos parvos para justificar a sua opção de não colocar o Renato a titular?

    ResponderEliminar
  10. Tu não consegues mesmo perceber que a diferença do Ronaldo, da primeira para a segunda foi mesmo a entrada de Renato pois não?

    E o Ronaldo nem sequer esteve mal na primeira!!! É impressionante, como não queres pensar em futebol.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É a tua opinião. Tens direito a ela!

      Eliminar
    2. Eu gosto de ti, das tuas opiniões! Sabes disso. Mas quando embicas não há quem te pare. Fernando Santos é uma nódoa! É! Ronaldo é um mimado com atitudes de merda? Sim.

      Mas o jogo jogado não tem nada a ver com isso! Ontem não teve nada a ver com isso! É como a história do Jonas! Quando a bola não chega a esses intervenientes em qualidade não há como fazer nada!

      Ontem tanto Renato com João Mário fizeram a pressão ao portador na saída e romperam as linhas! Coisa que Moutinho só fez assim que inicio o jogo. Depois acabou a pilha e morreu. Não deve jogar! André Gomes lesionado, não deve jogar!

      Isso é tudo culpa do Fernando Santos, não é do Ronaldo. Ontem acompanho em boa parte do jogo à altura, rendeu. Rendeu e de que maneira.

      Até o Rui Costa disse isto: "Os portugueses têm de perceber que Cristiano não é o jogador que era há dez anos. E já não o é há alguns anos. Ele especializou-se em fazer golos"

      Abraço!

      PS Eu não disse que não pensas. Disse que não queres. Chateia-me por ser uma escolha. É só isso.

      Eliminar
  11. Montecristo22/06/16, 23:29

    É extraordinário como o Sr Engenheiro não aproveita o meio campo rotinado do Sporting. Adrien, William e João Mário juntamente com Renato Sanches dão muito mais a selecção que V ieirinhas e Moutinhos! Passamos mas o jogo foi uma desilusão. A jogar assim vamos encher o saco contra a Croácia! Btw... os últimos 10 minutos foram nojentos!! Deviam devolver o bilhete bilhetes quem os pagou...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mandar defender naquela altura quase foi suicídio. Teve a sorte do jogo e até do outro jogo também!

      Eliminar
  12. A Croácia, é muito mais equipa que Portugal, dá 10-0 a Portugal nesse vector!

    Patricio, Cedric, Pepe, Fonte (duvido que Carvalho "aguente" um 4º jogo), Guerreiro (dá 10-0 ao Eliseu)... João Mário, Adrien (Moutinho tá nas lonas), William (ou Danilo), Nani ... Renato (André Gomes intensidade muito baixa)... Ronaldo ... 4.4.1.1
    Meio campo do SCP com rotinas, Nani no seu habitat e Renato à solta a apoiar o Ronaldo... opções de Quaresma, Rafa e Éder...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Subscrevo esse onze mas sacrifico o Pepe e mantenho o RC.

      Eliminar
  13. Contra um grupo de bons rapazes vindos lá dos lados da Europa Central, fizemos mais um joguinho de merda, sem imaginação, ao sabor do improviso, com uma defesa atabalhoada a sacudir a bola com se ela queimasse, um meio-campo a jogar a meio gás sem capacidade de choque, com um André Gomes irreconhecível e um Moutinho amorfo sem chama e vazio de ideias, no ataque, mais do mesmo com a honrosa excepção do excelente passe do C.R. a abrir o caminho para o golo do Nani.
    Entretanto aos 24 mnts ficámos a saber que o Renato Sanches tinha recebido ordens para aquecer, como entrou só na 2.parte, devia estar a ferver ...

    Na segunda parte, com a entrada do Bulo as coisas melhoraram, o J.Mário apareceu mais solto, o jogo tornou-se mais fluído, com a entrada do Quaresma a dinâmica melhorou um pouco, mas o nosso jogo continuava a ser mais coração e muito pouca imaginação, e aos sofrermos dois golos perfeitamente evitáveis, tivemos o apuramento por um fio,e só a fragilidade dos húngaros, os golos do Ronaldo e um poste amigo, evitaram uma humilhação ainda maior.

    A continuarem a jogar tal como fizeram no apuramento, não auguro nada de bom no jogo do próximo sábado; é que os croatas não são exactamente um grupo de bons rapazes que se juntaram para vir fazer turismo à pátria de Napoleão Bonaparte...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mas viste o entusiasmo no fim? Parece que tinham ganho alguma coisa. Deviam era estar envergonhados.

      Eliminar
    2. É o entusiasmo de quem estava com o rabinho apertado.

      É claro que se eles acreditassem que tinham equipa para serem campeões, estariam tranquilos sem efusividade, pois o grupo teoricamente era dos mais acessíveis.

      Convém não esquecer, que as equipas adoptaram quase sempre uma postura defensiva, deixando muito espaço para poderem preparar os lances como queriam.

      Com outras equipas isto não acontece, disputam o jogo em quase todo o campo.

      Eliminar
  14. Desculpem a intromissão de cores alheias, mas gostaria dar os parabéns pela análise, sem os clubismos primários que se costuma ver na generalidade dos blogs afectos aos 3 grandes.

    Pareceu-me evidente existir muita cumplicidade entre Renato e João Mário (e até com as vacas sagradas - nota-se que gostam de jogar com o miúdo - quem não gosta de jogar com os melhores? - e o Renato é dos melhores), o que foi uma agradável surpresa.

    Acho que os dois juntos, Renato e João Mário, com o André Gomes a 100% (está um pouco cansado, mas tem sido dos melhores), e com o William atrás, fazem, de longe, o nosso melhor meio-campo actualmente. O Moutinho é grande, já deu muito, mas o Renato está muito melhor.

    Em relação ao Vieirinha, percebo as críticas, mas o Cédric é ainda mais instável, sobretudo a defender, acreditem.

    A minha aposta de 11 inicial para a Croácia:

    Patrício
    Vieirinha
    Pepe
    R. Carvalho
    Raphael Guerreiro
    William
    João Mário
    Renato Sanches
    André Gomes
    Nani
    Ronaldo

    SL

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O André Gomes parece desgastado. Mas tem sido dos melhores. Eu vou apostar no meio campo do Sporting mais Renato. Sem dúvida melhor opção. Obrigado pelo elogio.
      Saudações benfiquistas! :)

      Eliminar
    2. Para ti tudo o que vem do zebording e bom.

      Eliminar
  15. A GRANDE e UNICA diferença para MUITO MELHOR no jogo de hoje da seleção aconteceu na 2 ª parte e tem o nome de RENATO SANCHES. O miúdo ainda tem que amadurecer algumas coisas na sua forma de jogar, mas JOGA, FAZ JOGAR e erra menos que os outros que são mais maduros, que pouco jogam e fazem jogar.

    Por exemplo até ao final da 1ª parte jogo de hoje, a cotação da até então NULIDADE João Mário, tinha descido para valores da uva mijona. Foi a entrada de RENATO que tudo se alterou para melhor, através da sua habitual irrequietude, traduzida em constantes desmarcações para criar linhas de passe, transporte de bola e passes de rutura; ações essas que acabaram por finalmente criar os necessários desequilíbrios nas marcações até então feitas sem grandes dificuldades pelos Húngaros aos nossos jogadores. Só a partir dai o muito mais experiente e batido (dito e subentendido pelo cérebro) João Mário deu um ar da sua graça.

    Mas não foi só João Mário que andou ás cavalitas da irrequietude do jovem e inexperiente Renato Sanches; foi todo o meio campo de Portugal, em especial o amorfo e super lento, diria autentico travão de saídas para o ataque; sim estou a falar de William Carvalho que com a entrada do DINAMO Sanches, a sua presença como autêntico PINO que é passou a ser muito menos prejudicial á fluidez do jogo da equipa Portuguesa.

    Na verdade foi só a partir da entrada de RENATO, que os jogadores da defesa e linha média da Hungria começaram realmente a ser pressionados na saída para o ataque... quase exclusivamente por RENATO, o tal jovem que tem muito para limar, mas que mesmo assim é muito superior a todos os jogadores que estão na nossa seleção e também a quase todos das outras seleções presentes neste europeu.

    Infelizmente a casmurrice/burrice de Fernando Santos não tem só como alvo Renato Sanches, pois há um outro jogador que na minha opinião já merecia uma oportunidade e que tenho a certeza que em conjunto com o Renato, dinamitava aquilo tudo para muito melhor; e não é por jogar no meu clube de coração que o afirmo, é mesmo por convicção. Para quando também a titularidade para RAFA?

    Para finalizar uma palavra igualmente de apreço para um jogador do Sporting que me tem surpreendido pela positiva, não por estar a fazer exibições de encher o olho, mas sim porque ao contrário que é seu habito ainda não contribui-o para enterrar a equipa em momentos chave, de seu nome Rui Patrício.

    João Nunes

    ResponderEliminar
  16. aquele final de jogo foi mesmo uma vergonha, o renato a querer ir fazer o pressing, volta-se para traz e ve que esta ... sozinho.
    Da mesmo pena este espirito pequeno, isto nao e Portugal.
    Fred

    ResponderEliminar
  17. na primeira parte o cristiano foi tão egoísta que fez o passe para o golo do nani.

    ResponderEliminar
  18. Ate certa altura do jogo pareceu-me que ninguém passava a bola ao Renato. Ou foi impressão minha?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também me pareceu isso, mas se calhar seremos nós a achar isso , motivado pela campanha anti-Renato!

      Eliminar
    2. Não foi impressão tua, não. Foi mesmo como dizes, infelizmente.

      Eliminar
    3. Yup, fiquei com a mesma impressão. Por momentos ficou meio desenquadrado dos restantes elementos, e parecia que não lhe queriam dar a responsabilidade de distribuição de jogo. Vou assumir que deve ser normal, e que a entrada do Renato veio mexer um pouco com a estrutura a que estão habituados.
      Ver o Renato no fim ser o único a pressionar os jogadores da equipa adversária, foi do mais ridículo a que pude assistir em termos de raça e ambição, somos muito pequeninos a jogar com este tipo de mentalidade.

      Eliminar
    4. E não foi só ontem, em todos os jogos tem sido isso (particulares incluídos).

      Eliminar
  19. Renato e João Mário, mais Bernardo e William serão o grande futuro da seleção portuguesa nos próximos anos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Discordo. O william com 24 anos já é um caracol, só vai piorar...

      Eliminar
    2. Se ha uma campanha anti-Renato, que ha. Tambem me parece que ha uma campanha anti-William. Desde aquela freitaslobice do "so joga para tras e para os lados" sedimentou-se esse lugar comum. Fui so eu a ver o William a meter passes com conta peso e medida no jogador posicionado a extremo? O que e que o William poderia fazer face a inoperancia do Moutinho? Contra 3 por vezes? Nao tem um estilo de jogo frenetico, pode dar a aparencia de lento, mas quando esta em forma (como no terco final desta ultima epoca) e um jogador extremamente inteligente, com capacidade de desarme sem falta e muita precisao de passe seja ele curto ou longo. Eu sportinguista de coracao consigo ver para alem da campanha anti-renato das minhas cores, seria bom ver o cair das palas do outro lado em relacao ao William.
      Tiago Rodrigues

      Eliminar
  20. Por mim jogávamos em 4-3-3
    Cedric-Fonte-Carvalho-Raphael
    William-João Mario-Renato
    Nani-Quaresma-Ronaldo

    para entrar nesta equipa temos:
    Vieirinha ou Pepe
    André Gomes ou Adrien
    Rafa ou Eder

    ResponderEliminar
  21. Temos um historial fantastico com a Inglaterra e apenas não os desejo pois ficariamos no lado da morte com todas as potÊncias. Teremos uma final desnivelada, uma equipa candidata de um lado contra uma de 2ª linha do outro lado. Quanto aos 11 é um escÂndalo, Cedric, José Fonte e Renato Sanches tem de entrar obrigatoriamente nos titulares, ainda para mais agora que jogaram quase sempre os mesmos e o cansaço acumula nas pernas. Boa noticia, espero que tenha aprendido a lição com o moutinho. Quanto a vieirinha e pepe nada irá mudar, a teimosia persistirá para nossa infelicidade

    ResponderEliminar

Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado.

Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado.

artigos recentes