O Novo BlogGeraçãoBenfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Um espaço de opinião individual, alheio a quaisquer interesses individuais ou colectivos.
Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


Qual vai ser o resultado do Derby?

sábado, 27 de dezembro de 2014

Avatar

Jorge Jesus em entrevista. Excertos.

 ●  + 4 comentários  ● 



"O treinador do Benfica, Jorge Jesus, não tem dúvidas que 2014 foi o melhor ano da sua carreira e tem dúvidas que algum treinador consiga repetir o feito de conquistar quatro títulos.

«Sim, sem dúvida alguma. Foi o meu melhor ano como treinador. E não sei se alguma vez vou repetir. Não é fácil ganhar num ano quatro títulos: Campeonato nacional, Taça de Portugal, Taça da Liga e Supertaça. Não sei se vou conseguir isso mais alguma vez. E não apenas eu. Não sei se mais algum treinador vai conseguir: 2014 foi fantástico», afirmou Jorge Jesus, em entrevista ao jornal A BOLA." - A Bola.

--------------------

"Em entrevista a A BOLA, Jorge Jesus confessa que a paixão pelo Benfica foi decisiva para ter continuado mais um ano no clube, recusando convites mais atrativos financeiramente.

«Sou apaixonado pelo Benfica», disse o treinador de 60 anos, na grande entrevista que A BOLA publica nas edições deste sábado e domingo, e que também pode ser vista em A BOLA TV.

A cumprir a sexta época consecutiva na Luz, Jorge Jesus fez saber que «a porta está aberta» para discutir a renovação de contrato." - A Bola.

--------------------

"Ao contrário do que sucedeu no final da época transata, Jorge Jesus não conta receber propostas de outros clubes no próximo verão.

«Não vou ter convites porque o Benfica não vai estar numa final europeia», justificou o treinador dos encarnados, em entrevista que A BOLA publica nas edições deste sábado e domingo, e que também pode ser vista em A BOLA TV." - A Bola.

4 comentários via blogger

  1. Pessoalmente, acho JJ muito bom treinador. Possivelmente, o melhor que o Benfica poderá ter, neste momento. Mas não confundir com o melhor de sempre, porque isso são outras conversas.

    Tenho para mim que JJ, num clube com um presidente, arriscava-se a ganhar campeonatos dez ou vinte anos seguidos e, eventualmente, uma ou outra prova europeia. Como no Benfica, desportivamente, só existe ele (porque os outros andam lá a tratar da sua vidinha/negócios próprios e estão-se a cagar para o clube), ganha menos campeonatos e nenhuma taça europeia.

    Como dizia, eu acho JJ bom/acima da média treinador. E sei que ele se acha o máximo, e isso também é bom, termos vaidade de nós próprios e das nossas conquistas. O que não me agrada tanto em JJ é que ele ainda não percebeu que é pago para ganhar 4 títulos todos os anos (ganha 1M€ por cada título, nada mau), não está a fazer mais do que o seu dever para com a entidade patronal. E alguém tem de lhe dizer que existirá quem tenha ganho muito mais e que tem um palmarés gigantescamente maior do que o seu. JJ não está a fazer nada inédito no futebol. Está apenas a fazer aquilo que, como dizia, é sua obrigação.
    É tudo.

    ResponderEliminar
  2. Se o JJ tivesse a possibilidade de manter o nucleo duro da equipa ano apos ano os resultados seriam aunda melhor. Mas essa nao e a realidade do Benfica. Se nao existissem dividas seria talvez mais facil, ou mais dificil pois nao teriamos tido esses planteis........bemvindos a realidade....

    Nelson

    ResponderEliminar
  3. Inevitavelmente tudo o que começa terminará um dia. Nestes cinco anos e meio tivemos alegrias e tristezas juntos. Apreciámos e orgulhámo-nos do seu trabalho muitas vezes.
    No primeiro ano ganhou o campeonato e impôs goleadas como há uns anos não se viam. Deixou de fora o nosso ídolo Mantorras no último jogo em casa negando-lhe o titulo de campeão que todos achávamos que merecia. Foi a primeira de muitas bicadas com que nos premiou ao longo destes anos.
    No segundo ano levou um banho de humildade que à maioria de nós serviria de lição. Andou a brincar aos guarda-redes, eliminados pelo Braga na meia final da Liga Europa, levámos 5 no Porto e ficámos a 21 pontos dos gajos da fruta. Foi o ano em que o miúdo humilhou o graúdo.
    No terceiro e quarto ano ano podia ter sido campeão, admito. Foram roubos descarados que ditaram o desfecho, a fruta voltou em força nos momentos cruciais. No quarto ano teve a final da Liga Europa que merecia ter ganho.
    No quinto ano teve o momento de glória. E o maior orçamento de sempre. Falhou o objetivo de chegar longe na Liga dos Campeões, mas chegou à final da L. Europa. Não a ganhou, mas todos sabemos porquê. Foi Campeão e ganhou as taças.
    Espero que este ano ganhe o campeonato e saia pela porta grande.
    Felicidades !

    Quanto aos excertos da entrevista:
    - nunca mais ganhará quatro competições num mesmo ano porque o dinheiro acabou (e mesmo assim sabemos quantos milhões foram gastos este ano em jogadores)
    - paixão pressupõe respeito pela instituição, da qual fazem parte dirigentes, jogadores e sócios.
    - convites de outros clubes por não ter estado numa final europeia ? não me lembro de Leonardo Jardim ou Nuno Espírito Santo terem estado em finais europeias. Ou se calhar não é uma presença numa final europeia que é fundamental.

    ResponderEliminar
  4. BENFIQUISTA DE GAIA29/12/14, 10:59

    entao que pessa ao pinto SEU AMIGO ....detesto mentirosos ..impostores...estes jesus nasceu pelo cu ...so pode

    ResponderEliminar

Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado.

Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado.

artigos recentes