As contas das Eleições da FPF
O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


sexta-feira, 9 de setembro de 2011

As contas das Eleições da FPF

 ●  + 5 comentários  ● 
«As contas que o presidente do Benfica não sabe fazer nem tem quem las faça: A Assembleia Geral da FPF tem 500 votos divididos pela Liga e Assosiações. Pinto da Costa tem do seu lado, os 100 votos da Liga, 37 da AF do Porto, 25 da AF de Braga, 21 da AF de Aveiro, 21 da AF de Setúbal, 8 da AF da Madeira, 6 da AF de Castelo Branco, 12 AF de Coimbra, 9 da AF de Viana do Castelo, 7 da AF de Vila Real e salvo erro 12 da AF de Leiria. Isto dá 257 votos, o suficiente para Pinto da Costa colocar quem quiser na FPF»
Autor que prefiro não revelar, porque já sofreu demais por ser honesto

Segundo quem bem conhece estas manobras, o Soares Franco é só para «fazer figura» (e para a de parvo ele tem jeito) com o objectivo de unir forças em torno de Fernando Gomes que o Benfica simpaticamente promoveu ao apoiar para a Liga.

As eleições da FPF não serão só uma eleição, mas sim também início do próximo poleiro na Liga para o onde o Pinto já terá também eleito.

5 comentários blogger

  1. As contas que tu não sabes fazer!

    Artigo 35º Definição e composição da Assembleia Geral
    1. A Assembleia Geral é o órgão supremo da FPF.
    2. A Assembleia Geral é composta por 84 (oitenta e quatro) delegados, por inerência
    e por eleição, em função do âmbito nacional, distrital ou regional e da natureza
    profissional ou não profissional, nos termos dos presentes estatutos e do
    Regulamento Eleitoral da FPF.

    Artigo 37º Delegados e votos
    1. São delegados da FPF por inerência dos cargos que ocupam:
    1. Os presidentes das Associações referidas no n.º 2 do art. 10º;
    2. O presidente da Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP);
    3. O presidente da Associação Nacional dos Treinadores de Futebol (ANTF);
    4. O presidente da Associação Portuguesa de Árbitros de Futebol (APAF);
    5. O presidente do Sindicato de Jogadores Profissionais de Futebol (SJPF);
    6. O presidente da Associação Nacional dos Dirigentes de Futebol (ANDIF);
    7. O presidente da Associação Nacional dos Enfermeiros Desportivos e
    Massagistas de Futebol (ANEDAF);
    8. O presidente da Associação Nacional dos Médicos de Futebol (AMEF).
    2. São delegados da FPF por eleição os legitimados em processo eleitoral até ao
    limite de cinquenta e cinco.
    3. Sempre que a Assembleia Geral verifique que um dos presidentes referidos no nº
    1, não preencha os requisitos estabelecidos no Regulamento Eleitoral, deve a
    associação ou entidade respectiva proceder à sua substituição.
    4. Cada delegado tem direito a um voto.
    5. Apenas os delegados presentes têm direito de voto, não sendo admitidos votos
    por procuração, correspondência ou por quaisquer outros meios de comunicação
    à distância.

    São cinquenta e cinco os delegados da Federação Portuguesa de Futebol de acordo com o
    seguinte:
    1. Vinte (20) delegados são representantes dos clubes ou sociedades desportivas
    participantes em competições nacionais de natureza profissional;
    2. Oito (8) delegados são representantes dos clubes ou sociedades desportivas participantes
    em competições nacionais de natureza não profissional;
    3. Sete (7) delegados são representantes dos clubes participantes em competições de
    âmbito Distrital ou Regional;
    4. Cinco (5) delegados são representantes dos jogadores profissionais;
    5. Cinco (5) delegados são representantes dos jogadores amadores;
    6. Cinco (5) delegados são representantes dos treinadores das competições profissionais e
    não profissionais;
    7. Cinco (5) delegados são representantes dos árbitros dos quadros nacionais e distritais ou
    Regionais.


    Onde é que estão os 500 votos?

    ResponderEliminar
  2. Sou Portista , e digo-te acho que és a encarnação do espirito da perseguição, so te vou dizer uma coisa e que te sirva de um exemplo para a vida, nem sempre os que nos corre mal e fruto do vizinho, mas também pelo que fazemos por ela. Achas que 100% do mal que acontece ao Benfica é culpa do porto norte pinto da costa árbitros etc etc, não me parece, pois se uma dia as coisas te correrem mal tens q dividir as culpas pelo padeiro pelo gajo do cafe pelo gajo que limpa a rua, qualquer dia e culpa do ar que respiras. Acho que tens q ter um espirito mais critico a balbúrdia da organização do teu clube, onde se da um peido e toda a gente sabe.

    ResponderEliminar
  3. Madeira? O Marítimo não apoia, como tem a Madeira assegurada?

    ResponderEliminar
  4. Livra que esse gaijo manda mesmo em tudo,como tem todos esses direitos e os outros nao.

    ResponderEliminar
  5. nao é bem assim. so tera os 100 votos da Liga se o candidato for fernando gomes. seria descaramento demais votar no candidato do fc porto. Não tem garantidos necessariamente os votos da madeira, Aveiro, Setúbal, Castelo Branco, Vila Real e Viana do Castelo.

    ja Porto, Braga, Coimbra e Leiria é certinho. a madeira tambem seria por vontade do nacional.

    nao vejo e nenhum projecto para o futebol portugues nao sistema.

    ResponderEliminar

Atenção: O NGB mantém um registo completo de todos os comentários. Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado. Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado. Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no âmbito do NGB

ranking