A entrevista de Fernando Tavares ao NG - 1ª Parte
O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


sexta-feira, 22 de junho de 2012

A entrevista de Fernando Tavares ao NG - 1ª Parte

 ●  + Sem comentários  ● 
1ª Parte


Introdução:
Esta entrevista é mais um motivo de regozijo para os coordenadores do NG, que desta forma se está a converter num autêntico espaço de debate aberto sobre o universo Benfica. Os meus parabéns. Oxalá os colegas Benfiquistas correspondam a este esforço com o empenho que ele merece.
Recebi a notícia da saída de Fernando Tavares do Benfica com grande surpresa, deceção e preocupação, pois tinha a convicção de que estava a fazer um bom trabalho nas amadoras. A parca explicação da Direção, aduzindo divergências de ordem orçamental sem as quantificar publicamente, levantava a suspeita da “marginalidade” de tal discordância. Fernando Tavares tinha lutado bravamente pelo Benfica e a sua saída fazia temer o pior! De qualquer forma, é legítimo pensar que, a sua saída, tenha provocado um retrocesso ou atraso no desenvolvimento das modalidades.
Nesta entrevista, Fernando Tavares revela um profundo conhecimento das estruturas desportivas e administrativas do clube e seus adversários, bem como ideias claras de promoção do desenvolvimento das modalidades, demonstrando sempre um amor incondicional ao clube, uma consideração ambígua pelos atuais dirigentes e a assunção de erros próprios, sem se coibir de fazer a identificação dos impedimentos ao crescimento competitivo do clube.
Tal postura, até porque se trata de uma pessoa de elevada competência, deveria suscitar uma resposta séria dos Dirigentes, os quais deveriam ser convidados pelo dono do Blogue a pronunciar-se, quer pelo respeito pelo princípio do contraditório, quer pela necessidade de esclarecimento adequado dos sócios, acionistas e adeptos. É assim que se consubstancia a Democracia que nos é cara.
(continua)

0 comentários blogger

Enviar um comentário

Atenção: O NGB mantém um registo completo de todos os comentários. Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado. Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado. Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no âmbito do NGB

ranking

recentes

Mensagens populares