O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


sábado, 6 de junho de 2020

Ataque às redacções dos jornais - Força Bruta!

Avatar
 ●  68 comentários  ● 
Assim que foi notícia o ataque ao autocarro do SLBenrfica, a “máquina” de pressão sobre os avençados não se fez esperar. Poucos minutos depois já tocavam os telemóveis dos “jornalistas amigos” e a ordem era clara: “nos próximos dias tens que carregar no Benfica”.

Alguns jornalistas, enojados com a falta de vergonha dos mesmos que não hesitaram em espiar a vida pessoal e o empresarial do Benfica e dos seus profissionais, apressaram-se a mandar os amigos atacar o SLBenfica aproveitando-se de um ato de vandalismo inqualificável.

Se há coisa que a paragem do futebol tinha de bom, era que por dois meses fomos poupamos dos podres desta gente e desta “sociedade paralela” que vive de interesses e corrupção.

Até os mais agressivos e criminosos de Portugal tiveram coragem de criticar e censurar esta situação ignorando o mundo criminoso em que estão, dando como exemplo também Alcochete (como se fosse comparável)... e deixando entender que só eles é que são honestos e confiáveis 

A primeira página do Público, que não é uma notícia e muito menos suporta em factos mas em insinuações é apenas um exemplo do que vão ser os próximos dias... esqueceu-se esta notícia de incluir os casos do Portimonense (o caso mais escandaloso da Europa), do Marítimo e do Setubal... sem esquecer o Belenenses...

Cada vez gosto menos de futebol.... cambada de gente reles...

São todos uns ingratos

Avatar
 ●  90 comentários  ● 
Então os supostos revoltosos benfiquistas viram-se contra jogadores e treinador, e nem uma pintura sobre o presidente?

O senhor presidente responsável por vender os melhores jogadores à primeira oportunidade?

O senhor presidente que é o principal responsável pelas campanhas vergonhosas na Liga dos Campeões?

Ou será que os criminosos não são "ingratos", como dizem hoje os jornais todos sobre a conversa de Vieira com os jogadores?

Que grupo de trabalho fica intacto no seu espírito quando temos um presidente que em vez de dar a cara pelo resultado, aparecendo no final do jogo com o Tondela, manda os seus servos inundarem a imprensa de notícias de que foi ao balneário chamar ingratos aos jogadores?

Luís Filipe Vieira acha que está rodeado de ingratos por todos os lados.

São os jogadores, os treinadores, o presidente da Assembleia Geral, os sócios do SL Benfica...

Todos são uns ingratos.

Quando é que Vieira cai da cadeira para o regime acabar?

sexta-feira, 5 de junho de 2020

Uma reflexão sobre os ataques de ontem

Avatar
 ●  39 comentários  ● 
Não substimo a estupidez dos fanáticos ou de turbas que são todos "muita bons" quando estão juntos.

Mas ninguém até agora me prova que isto tudo não foi premeditado.

Que não importa o resultado do jogo de ontem, já alguém tinha pensado no ataque ao autocarro, às residências dos jogadores e até a algumas casas do SL Benfica.

Sabiam onde estar e a que horas estar para atirarem a pedra.

Sabiam onde moravam jogadores e treinador, deslocando-se e desdobrando-se rapidamente a esses locais.

O mesmo com as Casas do SL Benfica.

Como é que "adeptos furiosos" conseguem reunir tanta informação e organizar-se em tão pouco tempo para tantos alvos distintos?

Mais ainda: como é que em todos os locais ninguém os viu ou filmou?

Não digo que eram supostos adeptos do SL Benfica ou de qualquer outro clube.

O que não me convence é que isto tenha sido obra de um impulso ou de um acaso.

Nem pensar em demissão, Bruno Lage!

Avatar
 ●  44 comentários  ● 
Temos um campeonato para vencer! Nem que para isso Lage tenha que proibir os chibos, os parasitas e até mesmo Vieira de entrar no balneário.



Ao contrário do Benfica By GB, eu acho que agora é que Lage deve mesmo aguentar o barco e manter-se como treinador até ao final da temporada.

Bruno Lage, esta temporada, está a colher (para mal de todos nós) o que semeou quando abdicou da sua personalidade para ser um pau mandado de Luis Filipe Vieira e Jorge Mendes.

Por isso, assistimos à proscrição desde a pré-temporada de um dos jogadores mais importantes da temporada passada que foi Samaris, para a inclusão daquele que diziam ir ser o novo senhor 100 milhões: Florentino.

Infelizmente, Florentino estava muito longe da qualidade exigida para ser titular do SL Benfica.

Também o ter que meter à força não sei quantos jogadores da formação para agradar a Jorge Mendes e possibilitar mais negociatas, fez com que fossemos novamente humilhados na Champions, e eliminados da competição em que temos de estar sempre.

No campeonato, uma vantagem de 7 pontos esfumou-se perante o FC Porto mais fraco dos últimos 20 anos. Mais ainda: podendo ter ficado a 10 pontos, foi por incompetência da equipa e do treinador que tal não sucedeu no Dragão.

Ontem, com a liderança servida numa bandeja de ouro, a equipa e Bruno Lage tornaram a não corresponder. Incompetência.

Ainda tivemos que ouvir Lage na conferência de imprensa mais uma vez a descrever um jogo que ninguém viu. Só ele.

Lage tem do seu lado a justificação de que o plantel é cada vez mais fraco e que não é dotado de reforços à altura. Mas não foi ele que aceitou jogar com estes jogadores? Não foi Lage que até veio a público dizer que não precisava de mais reforços?

Então, meus caros, Bruno Lage só tem que "ser homenzinho" e assumir as rédeas da equipa, aplicando vários pontos:

1) Deixar de inventar posições novas para os jogadores

2) Não colocar como titular quem não corresponde em campo

3) Não ter receio de contrariar as ordens de cima, usando todos os jogadores do plantel

4) Deixar fora da convocatória as "vedetas" que minam a sua autoridade durante o jogo

5) Ser capaz de encontrar outras soluções durante o jogo que não sejam apenas colocar todos os avançados em campo

6) Treinar bolas paradas, centros e remates à distância, coisa que parece que até hoje nunca treinaram

7) Aprender a calar-se nas conferências de imprensa em vez de vir dar lições de táctica inúteis 

8) Deixar de ser ridículo falando em 20 anos de carreira de treinador quando nem 2 anos tem como treinador principal

Temos um campeonato para vencer! Nem que para isso Lage tenha que proibir os chibos, os parasitas e até mesmo Vieira de entrar no balneário.

A Lição que Bruno Lage daria aos Benfiquistas e Jogadores? DEMITIR-SE!

Avatar
 ●  45 comentários  ● 

Já vamos para o segundo treinador que a estratégia do Presidente do SLBenfica permite que os jogadores queimem... Aquela "porta sempre aberta" que constantemente tira autoridade ao treinador, faz com que da mesma forma que o "grupo da Picanha" tentou lixar o Jesus, mas o seu feitio torto não deixou...

O treinador do SLBenfica é hoje o que não era quando entrou e quando Luis Filipe Vieira olhou para ele a prazo com um "que se lixe, faz o que quiseres"... Hoje Lage tem que satisfazer os caprichos dos "meninos do Presidente" senão eles rebentam com ele.

Pelo caminho, a pressão de lidar com este balneário de víboras, que tantos treinadores faz cair pelo mundo em casos semelhantes (sejam eles bons ou maus, que o diga Mourinho)... faz com que Lage seja hoje um treinador já toldado no próprio juizo tecnico.

Já segue "cartas" que ninguém entende - Parece por exemplo que há um minuto obrigatório para o Weigl sair (aos 60) - e há jogadores que não se entende que se diga que por motivos desportivos não têm qualidade para ajudar.

O caso do Zivkovic é o mais flagrante! Com pouco ou muito empenho, sempre fez mais que o Jota, por exemplo. Mas parece que é pelo seu contrato que não joga... e que se lixem os objectivos desportivos.

Depois do que os adeptos fizeram ontem, ignorando a culpa do Presidente... sim, o único culpado disto, eu se fosse o Bruno Lage (que sendo um treinador de grande qualidade não tem mais nada a provar) "batia com a porta" para proteger a minha familia e a minha integridade... entregava a equipa a quem lhes atura os caprichos nas costas dos treinadores... e o Vieira que vencesse o campeonato, mais o seu delfim inexperiente... o rapaz que de umas criticas numa AG chegou a Director Geral.

Luis Filipe Vieira: quem é o verdadeiro anti-benfiquista?

Avatar
 ●  88 comentários  ● 


Ontem todos estávamos com uma ansiedade enorme para ver o nosso SL Benfica! 

Mais ainda quando assistimos à derrota dos andrades no dia anterior, que possibilitava um regresso em grande ao campeonato, recuperando o primeiro lugar!

Qual foi a prioridade do presidente do SL Benfica? Tudo menos isso.

Como se viu na entrevista dada à BTV, a prioridade de Vieira não é ser campeão, não é a vertente desportiva. Vieira quer é negócios!

Vieira só fala em vendas, como a história da possível venda de 2 jogadores por 200 milhões. Mas alguém acredita que este plantel vale 200 milhões sequer?! Quando nem a um Tondela consegue ganhar?

Com Portugal e o mundo numa crise sem precedentes, Vieira insistiu que as obras faraónicas no Seixal e em Oeiras, que custarão um mínimo de 50 milhões de euros, são para manter! Mas de que serve ter 50 campos de treino se não temos um 11 que seja capaz de vencer um Tondela?!

Depois de exposta a vergonha que foi a OPA, a sua inutilidade para o SL Benfica e quem seriam os beneficiados, eis que Vieira insiste que voltará à OPA. Ou seja, Vieira quer gastar mais 30 milhões de euros para compensar quem? Os benfiquistas? Não. O seu sócio dos frangos. Tanto dinheiro e tanto esbanjamento quando nem conseguimos vencer um Tondela?!

Vieira preocupa-se é em distribuir o dinheiro do SL Benfica por todos aqueles que acha que o podem manter no poder no clube.

A verdade é que nada no SL Benfica de Luis Filipe Vieira tem como objectivo o sucesso desportivo. NADA!


Se a prioridade fosse o sucesso desportivo, teríamos na SAD do SL Benfica gestores que percebam de futebol e não o gestor das dívidas das empresas do presidente ao Novo Banco.


Se a prioridade fosse o sucesso desportivo, teríamos na SAD um ex-jogador do SL Benfica que assumiria uma ruptura com quem não tem como prioridade o melhor para o clube. Ao invés, temos alguém cuja única preocupação parece ser o vencimento milionário.


Se a prioridade fosse o sucesso desportivo, teríamos na SAD gestores ou administradores que fossem uma mais valia para o clube, e não um inútil que nem sabia que o Emblema do SL Benfica tinha uma roda de uma bicicleta.

"Quanto é que custou o casamento, Domingos?"
Se a prioridade fosse o sucesso desportivo, teríamos um CEO na SAD que não prometia num dia contratar craques para a equipa de futebol e no outro diz que isso é impossível pois iria desestabilizar o balneário. 

Teríamos um CEO na SAD que não diria que só podemos fazer uma boa Champions daqui a 15 anos e noutro dia diz que temos que estar na Champions e ter uma boa participação agora para não perdermos o comboio da Europa.

Infelizmente, temos um CEO que nem do SL Benfica é, cuja única prioridade é utilizar o SL Benfica para seu proveito, como se comprovou nas despesas pessoais facturadas ao SL Benfica, bem como no vencimento milionário e prémios que aufere na SAD.


O SL Benfica hoje em dia é um meio de sobrevivência para Luis Filipe Vieira.
Todos os que o mantém lá são seus servidores e não mais que isso.

Os Alcinos, os Guerras, os Lages da vida olham para eles próprios como sendo empregados de Vieira e não colaboradores do SL Benfica.

A sua prioridade não é ver o SL Benfica vencer mas sim fazer a vontade a Vieira no que toca às suas conveniências.


O mundo que criou Luis Filipe Vieira já não existe. 

Ele, como criação de outros, precisa do SL Benfica para continuar a existir. Sem o nosso clube, fundado em 1904, terá que responder por muita coisa, inclusive as centenas de milhões de euros para que todos nós já contribuimos várias vezes.

Mas não só ele.

Também João Augusto, presidente do Conselho Fiscal da SL Benfica SAD, bem como todos os restantes membros do referido Conselho, terão de responder legalmente se um dia se verificarem e comprovarem negócios ruinosos para a SL Benfica SAD, que tenham tido a sua chancela ou que tenham falhado de forma escandalosa o seu dever de fiscalização.

Também João Ramos, representante do Revisor Oficial de Contas PricewaterhouseCoopers & Associados, será responsabilizado caso se comprovem falhas graves nos seus deveres.

Quando alguém tem o SL Benfica para gerir, e não o faz tendo em vista o sucesso desportivo do clube, mas os seus próprios interesses, isso não o torna no verdadeiro anti-benfiquista?

quinta-feira, 4 de junho de 2020

Oferece-se recompensa a quem possa identificar...

Avatar
 ●  105 comentários  ● 
... os responsáveis pelo ataque ao autocarro do SL Benfica.

Enviem pf para o e-mail do blogue.

Só preciso que me expliquem o seguinte...

Avatar
 ●  101 comentários  ● 
... até porque devo ser eu que não percebo nada de futebol.

Expliquem, devagarinho, como é que Samaris e Zivkovic não têm lugar nas opções do treinador.

É porque andamos a jogar muito? 

Queremos todos puxar pela equipa, pelo grupo mas depois levamos com mais um jogo medíocre e no final o treinador ainda vem falar como se não fosse nada com ele.

A sério que vamos perder este campeonato para o pior FC Porto da história recente?

Lage tem ou não tomates para usar Samaris e Zivkovic? Ou será que o Pizzi, o Seferovic, o Jota ou o Weigl estão a jogar assim tanto?

Acordem pah!

SL Benfica - Tondela

Avatar
 ●  179 comentários  ● 

ONZE DO SL BENFICA: 

Odysseas; André Almeida, Rúben, Jardel, Grimaldo, Weigl, Gabriel, Pizzi, Rafa, Taarabt e Vinícius.

Suplentes: 

Svilar, Tomás Tavares, Ferro, Cervi, Jota, Seferovic e Dyego Sousa.

----------------------------

Vamos lá Benfica!

Esperavam outra coisa?

Avatar
 ●  57 comentários  ● 


Ontem assistimos ao regresso do nosso campeonato e posso dizer que todas as nossas expectativas não foram defraudadas.

Ficou evidente porque o FC Porto não queria jogar mais esta época e vencer na Secretaria. Não jogam a ponta de um corno.

Também, para os mais optimistas, ficou claro que o VAR com o FC Porto tem problemas de ligação às várias câmaras que cobrem o jogo. Até lá fora todos viram o que se passou...todos menos o VAR.

Mas não foi só isto. 

A pressão dos jogadores do FC Porto junto do árbitro e a intimidação aos jogadores do Famalicão foi constante. 

Pepe, num campeonato sério e em que os árbitros não tivessem receio de represálias do próprio Conselho de Arbitragem, não teria acabado o jogo ontem. Um ordinário reles sem carácter que, pasme-se, continua a ser convocado para a Selecção de Portugal.

Só que desta vez os esquemas habituais não funcionaram o FC Porto perdeu muito justamente.

Claro que no final a falta de vergonha teria que vir do responsável do grupo, Sérgio Conceição.

Só mesmo um tipo execrável é que ontem falaria em arbitragem. E só mesmo um treinador medíocre é que era capaz de olhar para o jogo de ontem e achar que tinha merecido ganhar o mesmo.

Hoje podemos ganhar ou não, mas aconteça o que acontecer, esperem isto até ao final.

O FC Porto, sem este título e os respectivos milhões da Champions, colapsa.

quarta-feira, 3 de junho de 2020

O FC Porto perdeu... mas nós ainda não ganhamos o nosso jogo!

Avatar
 ●  51 comentários  ● 

Por isso, pouca excitação ou soberba. Até porque falta muito até ao fim e todos vimos como o VAR analisa os lances contra o FCP.

Temos que vencer os nossos jogos e aí sim podemos festejar.

Neste momento, dependemos novamente de nós para sermos campeões.

Vamos a isto SL Benfica!

Isto não é hegemonia, meus caros...é propaganda usando os meios do SL Benfica

Avatar
 ●  40 comentários  ● 

News Benfica
É com este texto que a edição de hoje da "News Benfica" (a imitação dos Dragões Diário), anuncia uma aparente hegemonia do nosso clube no futebol português.

Ora, isto só pode vir de quem não é do SL Benfica ou não tem a ambição de estarmos no patamar que o clube pertence e merece.

Em primeiro lugar, o SL Benfica deve sempre apontar às 2 principais competições nacionais, que são o Campeonato e a Taça de Portugal.

E se olharmos para o score dos últimos 10 anos nas duas principais competições:

SL Benfica: 6 Campeonatos e 2 Taças de Portugal (8)
FC Porto: 4 Campeonatos e 2 Taças de Portugal (6)
Sporting CP: 2 Taças de Portugal (2)

Ou seja, ganhamos tantas Taças de Portugal, onde temos uma tradição e prestígio imensos, como o FC Porto ou o...Sporting! Podemos ainda vencer a deste ano, ou o FC Porto a arrecadar.

Nos campeonatos, estando este em aberto, vencemos mais 2 vezes que o FC Porto.

Isto não é hegemonia, pois em 10 épocas apenas em 2 vencemos a dobradinha, e em 4 delas ficamos em branco.

Claro que a ideia, para encher o chouriço, é somar a isto o troféu criado para dar peso à sala de Troféus do FC Porto, que é a Supertaça, e a Taça da Liga.

Assim sendo, o SL Benfica ficaria com 18 troféus e o FC Porto com 11 troféus, acrescido da Liga Europa que venceu.

Mas é interessante fazer outras somas, desde que Luis Filipe Vieira manda no futebol do SL Benfica.

O score atualizado da gestão de Luis Filipe Vieira (18 temporadas) é:

SL Benfica(22): 

- 7 Campeonatos Nacionais em 18 disputados

- 3 Taças de Portugal

- 5 Supertaças 

- 7 Taças da Liga

FC Porto(27): 

- 10 Campeonatos Nacionais em 18 disputados

- 5 Taças de Portugal

- 9 Supertaças

- 1 Taça UEFA

- 1 Liga Europa

- 1 Liga dos Campeões

Sporting CP(12): 

- 1 Campeonato Nacional em 18 disputados

- 5 Taças de Portugal

- 4 Supertaças

- 2 Taças da Liga

---------------------------------

Até o Sporting, na agonia que vive desde sei lá quando, venceu mais Taças de Portugal que o SL Benfica durante os 18 anos de gestão de Luis Filipe Vieira.

Para demonstrar como a propaganda paga com o dinheiro do SL Benfica branqueia a fraca prestação desportiva da gestão de Luis Filipe Vieira, lembramos que dos 18 anos de gestão do nosso futebol, Vieira em 9 deles, ou seja metade, não venceu nenhuma das principais competições nacionais. ZERO!

Se fossemos hegemónicos ou dominadores, nos últimos 10 anos não teríamos feito apenas 2 dobradinhas. Muito menos andavamos a ganhar campeonatos à rasca com equipas falidas.

Se as coisas fossem como Luis Filipe Vieira e o departamento de propaganda dizem (pago com o dinheiro das nossas quotas e lugares cativos) não estaríamos neste momento a depender de um falhanço do clube falido que é o FC Porto.

Talvez com a chegada da campanha eleitoral ao SL Benfica, e por obrigação legal que certamente será cumprida que é o controle de meios e a prestação de contas, o presidente do SL Benfica explique de onde vem o dinheiro para pagar a várias (mais de 2) agências de comunicação, todas para fazer o trabalho de apenas uma.

Espero que seja dada licença aos benfiquistas para verem na BTV debates entre os candidatos, entre as suas equipas, em que os programas de gestão sejam analisados e discutidos e em que todos possam usufruir do alcance da BTV.

Esperemos também que seja Luis Filipe Vieira a pagar do seu bolso a sua campanha e que não ande a utilizar os meios do SL Benfica durante esse período, como vergonhosamente o faz hoje.

Queremos benfiquismo, queremos paixão, queremos uma gestão orientada para o sucesso desportivo.

O futebol regressa hoje. Seja responsável: fique em casa!

Avatar
 ●  25 comentários  ● 


Será assim que os jogadores portugueses encontrarão as bancadas dos seus estádios: despidas de público.

Concordo que sem o ambiente frenético dos adeptos, o futebol não tem o mesmo encanto, pois de facto o desporto Rei é feito pelos e para os adeptos! Sem eles, está morto.

Mas também mortos estão todos aqueles que tiveram o infortúnio de estar expostos a este vírus perigoso e silencioso e que o seu corpo não conseguiu combater.

E se este vírus forçou a que o mundo quase todo ficasse fechado em casa, não é altura de lamentar a ausência temporária do público, mas sim de lidar com isto como tem que ser lidado.

Daí que considero de uma enorme irresponsabilidade as declarações de dirigentes desportivos que estão a exigir a presença de adeptos nos estádios ainda em Junho. 

A questão de ser infectado com o Coronavírus supera a questão de sobreviver ou morrer. A maioria das pessoas não faz ideia de que, mesmo quem sobrevive ao COVID-19, vai ficar com sequelas para a vida. Essas sequelas poderão ser pequenas, menos limitativas, mas poderão ditar que a sua vida em vez de durar 60 ou 70 anos, não passar dos 40 e poucos ou 50 anos.

Os médicos estão a descobrir imensos problemas nos recuperados como diminuição da capacidade dos pulmões, problemas de rins (alguns exigindo até diálise), problemas em outros orgãos como o coração, e tudo isso varia de pessoa para pessoa.

O futebol vale mesmo colocar em risco a sua vida? A vida dos seus familiares ou próximos? Não vale.

Hoje estamos todos contentes porque vamos ver "bola" novamente, mas não repliquem a estupidez que os Super Dragões vão fazer hoje. É um exemplo de gente estúpida, pouco inteligente, e que só dá maus exemplos.

Querem ver os jogos? Subscrevam os canais que os passam ou encontrem alguma aplicação que os transmita. Ouçam os relatos nas rádios, à antiga. Tudo menos ajuntarem-se nos cafés ou noutros locais públicos!

Para daqui a uns meses podermos estar novamente na Luz a gritar pelo Glorioso, hoje precisamos de puxar por eles em casa.

Seja responsável! Fique em casa!

terça-feira, 2 de junho de 2020

Exclusivo: Carta aberta a Luis Filipe Vieira, por Rui Gomes da Silva

Avatar
 ●  104 comentários  ● 
O meu benfiquismo não está à venda! Nunca esteve.



Caro Luis,

Vi – com o interesse merecido – a tua entrevista à BTV.

Afinal, ainda és presidente do Benfica e tudo o que possas dizer e fazer, nessa qualidade, será sempre relevante, pois cada uma dessas tuas declarações ou decisões “mexem” com a paixão de todos nós, benfiquistas!

Fui Vice-Presidente do Benfica durante 7 anos e 3 meses (entre Julho de 2009 e Setembro de 2016), em dois mandatos de uma Direção por ti liderada, como fui, durante 3 anos (2009/2012) administrador da SAD do futebol, cargos que desempenhei com muito orgulho, e dos quais saí com a plena consciência do dever cumprido.

Fui solidário quando tive de o ser, mas nunca abdiquei do meu benfiquismo, nem dos valores que defendo para o Benfica!

Enfrentei todos quando defendi sozinho – na SAD e na Direção – a não renovação do contrato com a Olivedesportos e a independência do Benfica quanto à exploração dos seus direitos televisivos.

Contra a tua posição, quase até ao último minuto (lembras-te da reunião de Órgãos Sociais que convocaste e quiseste ouvir todos os membros, para te validarem, então, a opção pela continuidade da Olivedesportos?), embora, hoje, todos percebam quão importante foi essa decisão para romper e desalojar de certos poderes no futebol português, quem os ocupava há anos e anos!

Como te posso recordar a minha voz assumidamente contra o “aburguesamento da estrutura” – que se tinha acomodado ao êxito – no primeiro ano de Rui Vitória, quando íamos a muitos pontos do líder, mas acabámos campeões!

Ou a forma como – lá dentro – contra tudo e contra todos, contra o riso de desdém de uns e o sorriso de complacência de outros (porque não conhecendo ou não sendo do Benfica, acham isso impossível), defendi sempre a aposta na Europa como o grande desígnio do Benfica, com base num raciocínio tão simples quanto uma equipa forte na Europa também o seria naturalmente no campeonato português.

Lembrar-te-ás bem que ninguém, ninguém mesmo, acreditava nisso nem sequer achava possível essa aposta!

E a minha pergunta, recorrente, sempre (como, aliás, referi, na minha ultima Assembleia Geral, como Vice Presidente, a única em que, nessa qualidade usei da palavra, tão grande era o desconforto quando eu queria falar e tão grande era o esforço para que eu não usasse da palavra), era a de se a geração do meu Pai tinha conseguido fazer do Benfica bi campeão europeu, o que teríamos nós a menos para o não conseguirmos?

Ou o que teria sido de Presidentes históricos como Borges Coutinho, Ferreira Bogalho ou Maurício Vieira de Brito sem essa ambição de fazer do Benfica grande?

Estive ao teu lado sempre que foi preciso, até à altura em que tu quiseste mudar.

E, para não teres uma voz incómoda dentro da Direção a clamar contra uma parceria que só prejudica o Benfica (como havemos, todos, infelizmente, de constatar), mudaste as regras para eu ficar sem legitimidade.

Nunca precisei de cargos para defender aquilo em que acredito!

Tentei fazer ver que aquele não era o caminho certo – como referi, em privado, no encontro de quadros de Junho de 2016, quando anunciaste essa “parceria estratégica”, mas também aqui houve razões que a razão desconhece!

Discordei dessa tua opção porque o Benfica que ambiciono, o Benfica com que sonho não pode ser um instrumento pessoal de ninguém.

Seria fácil para mim ter ficado, como querias – fazendo figura de corpo presente como a esmagadora maioria dos que tens a teu lado que, por um convite no Camarote Presidencial e um lugar nas viagens ao estrangeiro nas deslocações da equipa concordam com tudo (embora, em boa verdade, não saibam por que concordam nem sabem porque deveriam discordar).

O mesmo lugar no Camarote Presidencial e nas viagens com a equipa ao estrangeiro que me quiseste manter, na nossa última conversa comigo como Vice-Presidente, que te agradeci, mas recusei!

Porque – para além de, mesmo enquanto Vice-Presidente, ter continuado a pagar o meu lugar e o dos meus 3 filhos e o parque automóvel (como facilmente pode ser verificado) – há coisas que só se podem ter com base na legitimidade democrática, sob pena de deixarmos de poder dizer o que pensamos!

O meu benfiquismo não está à venda!
Nunca esteve.

Depois da salvação do Benfica, por Manuel Vilarinho e da recuperação financeira, pela tua mão, era chegado o tempo – como tantas vezes defendi – do projeto desportivo para o Benfica voltar a ser muito grande na Europa.

Mas tu mudaste, porque esqueceste o Benfica e começaste a privilegiar os negócios e a parceria estratégica, sacrificando a qualidade da equipa.

As humilhações na Europa a que temos penosamente assistido são da tua responsabilidade, pois só pensas em transferências, aliado a quem só pensa em comissões, e desprezas o fortalecimento do nosso plantel de futebol.

Infelizmente, o rumo a que conduziste o Benfica só nos tem enchido de preocupação.

Lamento que, hoje, o Benfica, gerido por ti seja o Benfica das comissões, do enriquecimento dos empresários – não me obrigues a dar nomes - e das OPAS dos teus amigos ou sócios, … dos negócios sucessivos que destroem a equipa.

Em Portugal, nos últimos anos, temos mais campeonatos, mas perante adversários falidos.
Quando não o estavam quantos campeonatos conseguiste vencer?

Lamento que faças da BTV um canal fechado e de veneração própria, algo que colide com os valores de sempre do Benfica, em que nunca nada foi obra de um só homem nem para a imagem e a projeção de um só homem, mas sim pelo e para o Clube.

Apelidaste-me de anti-benfiquista mas, claramente, confundiste-te nessa tua ânsia de repetires o que os teus homens de imagem te disseram para me chamares.

Sabes, que eles (muitos nem sequer são do Benfica) não conhecem a História do Benfica!

Sou – desde a última renumeração – o sócio 1812, sócio desde 23 de Agosto de 1958.

Sem interrupções como sócio e como benfiquista.

Nasci no Porto, com muito orgulho, mas nunca fui sócio do FC Porto.

Nem um dia, quanto mais 24 anos.

Nem descobri o Benfica já na idade adulta.

Nunca me sentei na Tribuna do antigo Estádio das Antas ao lado do presidente do FC Porto a vibrar com golos do clube da casa.

Nunca fiz negócios com o FC Porto, nem sequer fui visita de casa do seu presidente, muito especialmente numa altura em que o Benfica era semana após semana prejudicado pelo sistema de então, nos anos 90.

Não fui eu que, subserviente, me sentei, em S. Bento, ao lado de quem, ainda há muito pouco tempo, nos chamava de corruptos.

Estamos – portanto – esclarecidos quanto a quem terá sempre um lugar de privilégio no Porto Canal!

Sabes porquê?

Porque lá são todos portistas!

E sabendo que sou benfiquista a tempo inteiro e não em part-time, nunca me convidarão para lá ir!

Infelizmente, ser benfiquista a tempo inteiro não se pode aplicar a quem escolhes para estar na BTV ou ao teu lado nos últimos tempos, se nos recordarmos e quem estava, por exemplo, ao lado de Bruno de Carvalho, no Sporting, como seu mentor de imagem e de comunicação, com os ataques ao Benfica que conhecemos.

Não queres debater, não queres escrutínio aos teus atos de gestão, não aceitas ter o voto eletrónico confirmado com uma votação física ao lado...

Isso – Luís – nada tem a ver com a tradição democrática do Benfica!

Estás sem ideias, sem genica, sem paixão.

Pensas só em ti e não no Benfica e nos sócios.

A tua entrevista acaba por ser um exercício notável de hipocrisia.

A minha ambição, o meu sonho para o Benfica é continuar o trabalho que iniciamos juntos a 3 de Julho de 2009.

Tu abandonaste esse rumo para, em prejuízo do Benfica e do que deve ser a nossa preocupação única, te preocupares e sobreviveres nos negócios.

Estás tão preso nesse teu medo de perderes o controlo do Benfica que até falas em tomar decisões em 2028, daqui a 3 mandatos.

Não percebes que o Benfica não é teu nem nunca será de ninguém.
É de todos nós!!!

Tu sabes que eu julgo – e apesar desse teu esforço, tudo farei para que a minha convicção não se venha a tornar realidade – que esse é o teu desígnio último.

Ficar – em conjunto com os teus amigos – com a maioria da SAD do Benfica (ou com um acordo parassocial de gestão, primeiro, que conduzirá ao mesmo em pouco tempo).

Por isso é que quando falas em investidores interessados na SAD do Benfica, afirmo que, comigo, nunca, como te disse na penúltima conversa a sós, no teu Gabinete, antes da ultima que confirmou a minha saída da Direção!

Comigo como Presidente, o Benfica nunca será despromovido a um qualquer “Wolves” ou instrumento de qualquer testa de ferro.

Tenho uma equipa, um programa, um projeto para o Benfica e para os benfiquistas que passa por um clube e uma SAD independentes de poderes externos.

A seu tempo serão revelados, e nunca no tempo que outros querem.

O pensamento de qualquer Presidente do Benfica tem que estar sempre nos sócios do clube, e por isso apelei a que fosse devolvido parte do valor dos cativos aos sócios, apelo ao qual cedeste.

Apelei que o clube apoiasse as Casas do Benfica, apelo ao qual cedeste embora não na medida que acho ser necessária.

Apelei a que todos os benfiquistas mostrem aos atletas a força do clube por colocarem os seus cachecóis à janela nos dias de jogo até ao final do campeonato.

Sim, o Benfica não existe sem a paixão de todos os benfiquistas!

Eu vou retomar o rumo de um Benfica Europeu, empenhado, rigoroso e em que a prioridade seja encher de orgulho todos os benfiquistas com as conquistas no campo.

Foi esse rumo, feito de paixão, mas também de muito trabalho e rigor, que construiu o Benfica.

O Benfica que quero deixar, quando sair da presidência, é um Benfica que orgulhe todos os benfiquistas quer pelos resultados desportivos, mas também pelos métodos, pela postura e pelos valores.

Foi isso que me ensinaram e é esse Benfica que quero deixar e pelo qual vou lutar.

Rui Gomes da Silva, sócio 1812 do Sport Lisboa e Benfica

Exclusivo: Em defesa de Luis Nazaré, por Manuel Boto, sócio do SL Benfica

Avatar
 ●  58 comentários  ● 


Começo por dizer que sou amigo de LN, pessoa de caráter e honrada. Não gostei que a Direção emitisse um comunicado no fundo insultuoso para a pessoa e isso considero inadmissível. Foram 10 anos de colaboração leal com Vieira, pese discordâncias circunstanciais de maior ou menor relevância como foi o disparate da OPA. 

Vamos a factos que sustentam a minha afirmação que o Benfica tentou fazer desta situação de confronto um assassinato de caráter. Vou tenta despir este texto de emoções, cingindo-me a factos que, no meu entender, sustentam a legalidade da posição de LN, relembrando que não sendo jurista igualmente me considero capaz de interpretar qualquer legislação. Finalmente, relembro que fiz parte da última Comissão de revisão dos Estatutos.

Os Estatutos do Benfica dizem nos seus artigos 56º nº 1 e 3 que a AG se deve realizar na Sede ou instalações do Clube, podendo por motivos excecionais realizar-se noutros locais, referindo a presença dos Sócios. O art 57º nº 1 determina que decisões são por maioria absoluta dos votos presentes, podendo a votação ser efetuada por meios eletrónicos. Seja então assim, a necessidade do requisito de presença – entendida como física (não está escrito, relembro) como sustentam os juristas do SLB, em todas as situações normais.

Só que não estamos em situações normais. O futebol irá realizar-se sem público, as grandes superfícies continuam encerradas desde há cerca de 2 meses e todos os espetáculos musicais cancelados até 30 setembro. Todos conhecemos os momentos de exceção que vivemos e relembrar isto nunca é demais. Mas quando a CMVM recomendou em março passado que as assembleias gerais sejam feitas de forma não presencial, sendo altamente recomendável o voto eletrónico, o caso muda de figura.

Verdade que o Benfica (Clube) não é uma Entidade de Interesse Público. A sua SAD é. Mas caramba, se numa sociedade cotada isso é recomendável pela própria entidade reguladora e acredito que nenhuns estatutos permitam essa situação, porque não fazer a Assembleia Geral por meios telemáticos com votação eletrónica? 

Para resolver o tema da presença, LN sugeriu e bem o registo prévio de todos os Sócios que quisessem participar o que, salvo melhor opinião, demonstra bem a intenção de presença, ilidindo toda a base que sustenta a acusação, gratuita e ofensiva, de violação de Estatutos.

Resumindo para sermos breves: a Direção não quis, por razões que desconhecemos. Seria mais fácil argumentar a favor da excecionalidade do momento e defender a votação eletrónica depois de uma assembleia telemática que insistir numa presença física de dezenas ou centenas de pessoas quando inclusivamente os ajuntamentos de mais de 10 pessoas na região de Lisboa estão proibidos pelo Governo.

LN acusado de violar os Estatutos? Mas LFV e seus pares não percebem o insulto gratuito cometido em momentos de excecionalidade (ao que parece com promessas de futuras impugnações judiciais)? Ameaças e pressões sobre o Presidente da Mesa da Assembleia Geral depois de 10 anos? E os seus colegas da Mesa não se demitem por solidariedade?

Em suma, na minha opinião, LN, com as suas posições firmes e sustentadas no bom senso e prudência em momentos de exceção, honrou o Benfica! Um Homem com futuro sempre no Benfica porque, estes sim, fazem sempre falta no nosso Benfica.

Manuel Boto – Sócio nº 2.794 do SLB

segunda-feira, 1 de junho de 2020

Entrevista de Luís Filipe Vieira

Avatar
 ●  119 comentários  ● 

Um mentiroso compulsivo.

Qualquer psicólogo olha para o comportamento de Vieira ao responder a perguntas incómodas e percebe isso.

As mentiras deste senhor serão expostas nos próximos dias.

Está muito enganado se acha que vence as eleições em Outubro.

A demissão de Luís Nazaré será o golpe de misericórdia, conforme se provará.

Mentiroso compulsivo, e todos os que se mantém na direção de LFV serão como ele: sem carácter e dispostos a tudo.

Exclusivo: "UMA IDEIA, UM COMBATE, UM OBJETIVO ... POR TI BENFICA", por Rui Gomes da Silva

Avatar
 ●  91 comentários  ● 


FUTEBOL ... RUMO AO 38!

Depois de tantas semanas de expectativa ... é já na quarta feira (quinta para nós) que regressa o futebol!

Um regresso que deveria ter sido o único objetivo do Benfica, em toda esta pandemia!
Para podermos voltar a ser primeiros, para sermos Campeões!

Buscando na estabilidade a condição essencial para essa conquista!

CONFLITUALIDADE (EM VEZ DE ESTABILIDADE)

Apesar disso, apesar da necessidade dessa calma para ficarem reunidas as condições para o regresso do campeonato, o Presidente do Benfica tudo tentou para dificultar esse regresso!

Voluntarioso nas palavras, inconsequente nos actos!

Como as guerras com Proença por causas que não são do Benfica.

Como com os sucessivos anúncios de vendas de jogadores importantes, sempre com a mesma narrativa: “agarrem-me senão eu vendo" e como ninguém lhe liga ... ele vende mesmo! 

E finalmente, a guerra com o Presidente da Mesa da Assembleia Geral.

Será que não percebe que tanta guerra, por se sentir ameaçado e por só pensar nos seus interesses, não ajuda a equipa?

UMA IDEIA TÃO SIMPLES QUE OS INCOMODOU TANTO 

O que ajuda é apoiar a equipa, e foi nessa perspectiva que sugeri - com tanto apoio, reconheço - a ideia de UMA BANDEIRA, UM CACHECOL DO BENFICA, À VARANDA, À JANELA, NA MÃO, UMA CAMISOLA VERMELHA VESTIDA, EM CADA DIA E DURANTE OS ÚLTIMOS 10 JOGOS QUE FALTAM PARA SERMOS CAMPEÕES E NO DIA DA FINAL DA TAÇA!

A prova que vale a pena ter ideias pelo Benfica!

Independentemente do esforço da estrutura em arranjar um “apoio alternativo” (como o de nos desfazermos do nosso cachecol preferido, ... “o da sorte”) para, num momento de problemas com a saúde pública, o enviarmos para ser posto numa cadeira qualquer no Estádio!

Uma boa ideia para os parceiros do merchandising que fazem cachecóis, já que, ou muito me engano, a “estrutura” vai ter de comprar muitos para atingir o que anunciaram!

E como seria simples adoptar a medida que eu avancei, trabalhá-la, mas partir dela... seria demais para alguns. 

O F. C. Porto (de quem nunca fui sócio nem com quem nunca fiz negócios) não teve problemas em por em prática uma ideia parecida com a que dei!

Talvez por saberem que vão a votos ... mas não contra mim!

LUÍS NAZARÉ 

Luís Nazaré abandonou, por vontade própria, o cargo de Presidente da Mesa da AG do Benfica!

Saiu batendo com a porta farto de tanta desconsideração!

Ele que é um homem de carácter, de princípios, de valores!

Estou tão a vontade para o dizer quanto não comungo de todos os seus pontos de vista e nem sequer, no Benfica, coincidimos sempre!

Mas reconheço nele alguém que luta por aquilo que acredita, sem outro interesse que não seja o da paixão que tem pelo Benfica!  

Uma “guerra justa”, a de Luís Nazaré e cuja proposta não continha - num momento de exceção como o que vivemos - qualquer ilegalidade!

Ainda assim - e como julgam os sócios todos parvos, até por acreditarem em sucessivas mentiras, contraditórias, mesmo entre si - conseguem dizer que tinham dado tudo o que ele pedira, mas como se demitiu ... não têm forma de inventar mais nada.

Uma guerra, por certo, a única que o Presidente do Benfica não podia fazer ... mas tinha que fazer!

Porque, sem ela e com a forma de votação pretendida por Luís Nazaré, a eleição de Outubro deixava de - como ele ainda pensa - estar garantida!

A não ser que o sócio Ferreira continue a votar como tem votado!

A MINHA PREOCUPAÇÃO E O MEDO DELES

Confesso - por isso - que não posso deixar de exprimir a preocupação que gera o seu afastamento!

Um passo a mais para a unicidade de pensamento, uma voz a menos e uma vontade firme na garantia de independência que se exige a quem serve o Benfica!

Que lamentável é não existir uma única declaração pública de solidariedade por parte de nenhum vice-presidente para com Luis Nazaré. Isso revela também até que ponto estão todos no mesmo barco com Luis Filipe Vieira. Para memória futura dos benfiquistas...

Como hoje, à noite, veremos, infelizmente, em mais um ato de pura propaganda eleitoral como (quase, quase) todos os que são veiculados pelos órgãos de comunicação oficial do Clube!

O Presidente do Benfica fala tanto sem dizer nada, porque, não tendo ideias, tem de agitar as águas para dar ideia de as ter!

Se fosse de vendas e de compras de jogadores ... tudo seria mais fácil!

Mas o projeto dele acabou, como acabou o mundo que o conduziu à presidência do Benfica, como acabou o mundo de que ele dependia para continuar no Benfica.

Sem ideias e sem ser respeitado a não ser pelo que pode fazer como Presidente do Benfica (das compras que faz e dos empréstimos em que concede), o medo de perder é a única motivação para se agarrar ao lugar!

O que me dá a certeza, total e absoluta, de querer ver garantida a credibilidade e a veracidade dos resultados das próximas eleições do Benfica, através de uma prévia e imprescindível auditoria externa e independente ao sistema de voto e de apuramento dos resultados eleitorais no Benfica.

O FUTEBOL E A POLÍTICA

Estou tão a vontade quanto a minha participação na política, em diversos órgãos de Estado (como Deputado, membro do Conselho Superior do Ministério Público e Ministro) e Partidários (Vice Presidente) foi sempre desencontrada com a de membro dos órgãos sociais do Benfica!

Mas o que estranho é que os comentadores adeptos do F. C. Porto, donos da legitimidade ética e moral, não se tenham pronunciado sobre o facto de passarem a pertencer aos órgãos sociais do seu clube, Rui Moreira (Pres. C. M. Porto), Eduardo Rodrigues (Pres. C. M. Gaia), Manuel Pizarro (Vereador C. M. Porto), Tiago Barbosa Ribeiro (Deputado), entre outros políticos e alguns ex e futuros políticos!

E eu a julgar que o problema era o de o Primeiro Ministro e o Ministro das Finanças terem ido ver um jogo do Benfica ao Estádio da Luz!

Afinal, o problema - para esses arautos da nova inquisição azul - o problema não deverá ser tanto a confusão entre futebol e política!

Deve ser porque uns podem tudo e outros - os do Benfica - não podem nada!

E da parte do Benfica... silêncio total. 

ranking