O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


sábado, 20 de outubro de 2018

Marco Silva no Benfica?! E que tal falarmos de coisas sérias?

Avatar
 ●  52 comentários  ● 

Vivemos na era das fake news, lançadas muitas vezes contra o Benfica mas das quais, na verdade, não nos podemos queixar.

Somos nós por exemplo que temos um “alto e prestigiado” representante que dá a cara na TV todas as semanas em nome dos “superiores interesses dos Benfiquistas”,  quem há mais de um ano atrás disse que havia jogo da mala no balneário do Guimarães num jogo contra o Benfica e que até sabia quanto cabia ao treinador Sérgio Conceição e aos jogadores. Obviamente, nunca concretizou nada e hoje foge sempre ao assunto como do rabo à seringa!

Foi o mesmo artista que, o ano passado, com a luta pelo título acesa e o acesso ao play off da Liga dos Campeões ainda em aberto, se lembrou de garantir que sabia que já havia contrato assinado para que Miguel Cardoso fosse o próximo treinador do Sporting, isto obviamente para tentar criar alguma instabilidade em Jorge Jesus.

Obviamente, nada se concretizou, e quem quiser assistir a esse tipo de programas porque gosta de assistir a uma acesa discussão na esperança até de conseguir ver alguém dar uma chapada a alguém em direto em vez de ter de vê-lo mais tarde pelo youtube, eu entendo. Mas não chamem por favor àquilo programa desportivo e muito menos informativo e ainda menos acreditem nas fontes seguras daquela gente!

Mas a última agora, e porque se gostamos de lançar fake news contra os outros não nos podemos queixar que eles também tentem lançar algumas contra nós, é esta “bomba” de que Marco Silva já terá acordo para ser o treinador do Benfica na próxima época!!

Esta á tão ridícula (e se acontecer cá estarei para me penitenciar), que só dá mesmo para rir e me apetecer dar chapadas a quem acredita e neste momento sonha com isso!

Se me dissessem Leonardo Jardim, eh pá, aí sim eu até ficaria desde já entusiasmado com a ideia com todo o respeito que Rui Vitória me merece, e até daria à notícia alguma credibilidade! Mas Marco Silva, eh pá, aqui nem se trata de apreciar ou não apreciar as suas competências. Até aprecio MAS...

Quem é o treinador que vem da Premiership, de um Everton que acabou de investir 115 milhões de euros no plantel, de uma Liga que é só a mais mediática do mundo para... e aqui nem se trata de ser o Benfica... para a Liga Portuguesa onde tudo começou para ele há cinco anos atrás?!?! Há alguém?!

Ou então vou colocar a coisa no sentido inverso: Apesar de haver muitos treinadores portugueses a treinar lá fora e estes estarem até na moda e serem muito bem vistos, quem é o treinador que saiu de uma Liga Portuguesa, mesmo vencendo tudo cá dentro, diretamente para uma Premiership?

Há dois que me lembre: Mourinho e André Vilas Boas MAS...

Estes não saíram por se terem mostrado na Liga Portuguesa! Estes saíram por terem vencido na Europa, que são coisas bem diferentes!!

Porque de resto, sem conquistas europeias, para onde vai um Nuno Espírito Santo ou um Carlos Carvalhal? Vão para a segunda divisão inglesa!

Para onde vai um Jesualdo Ferreira ou um Fernando Santos sendo campeões no Porto? Vão para a Grécia!

Para onde vai um Vítor Pereira sendo campeão no Porto? Vai para a Turquia!

Para onde vai um Jorge Jesus depois de Tri Campeão no Benfica? Tem de escolher entre o SCP e as Arábias!!

Para onde irá Rui Vitória depois de terminar o seu trabalho na Luz? Irá para a Premiership ou para um clube da Grécia?!

E esta é a realidade da dimensão da Liga Portuguesa meus caros, da perspetiva de carreira dos seus treinadores, mesmo que achemos sempre os nossos clubes os maiores do universo e extremamente apetecíveis para todo e qualquer mestre de tática.

Eu ainda me lembro de ter lido aqui comentários para que o Benfica fosse buscar o Klopp quando este foi despedido do Dortmund! É não ter-se noção nenhuma da realidade e de como a Liga Portuguesa é pequenina!!

Mas voltando ao Marco Silva... Este é o Marco Silva que o ano passado preferiu ficar no Wattford a ir para o FCPorto, ou já se esqueceram?

Este é o Marco Silva que saiu campeão de um Olimpiacos e entrou no Hull que ocupava o último lugar da tabela na Premiership e viu isso como um salto na carreira! Porque era a Premiership!

O mesmo Marco Silva que não conseguindo salvar o Hull da descida fez ainda assim uma excelente recuperação que lhe deu o lugar no Watford, uma equipa da Premiership uns furos mais acima!

No Watford fez um bom trabalho, saiu porque sendo treinador do Watford andou em contactos com o Everton e o Watford não gostou!

E agora chegou ao Everton, um clube de prestígio e de primeira metade da tabela que quer investir para se colar aos lugares de acesso à Champions League!

E a isto chama-se ascensão na carreira meus amigos!

Voltar ao Benfica nesta altura? Para quê? Para fazer 4 épocas, poder ser até campeão 4 épocas e depois sair do Benfica para onde? Para o Olimpiacos de novo? Para um dia poder sonhar voltar à Premiership quando hoje já lá está?!

Marco Silva de novo em Portugal? Claro que sim! Quando um dia falhar em Inglaterra e as portas da Premiership definitivamente se fecharem para ele e voltar a Portugal passar a ser um cenário apetecível!  ...Como para Leonardo Jardim talvez seja um bom cenário nesta altura, e agora aqui entre nós que ninguém nos ouve, um que até me agrada particularmente!

Marco Silva no Benfica?! Fake News obviamente! Acredite quem quiser!

sexta-feira, 19 de outubro de 2018

Calado: uma figura triste!

Avatar
 ●  88 comentários  ● 

Acabamos de assistir a mais um episódio triste da cartilhice que invadiu o Sport Lisboa e Benfica e uma rede de comentadores que não fala com o coração mas com a voz do dono.

Calado já tinha demonstrado isso várias vezes, uma delas recente com o episódio ridículo da defesa de Paulo Gonçalves e da história das missas ou da capela ou o raio que o parta...

Chamou mentiroso a Simões e por isso o antigo jogador campeão europeu foi obrigado a entrar em directo para defender-se de mais uma cartilhice vergonhosa.

Rasgou Calado com factos. Inclusive descreveu uma reunião com o próprio Luis Filipe Vieira.

Até onde irá isto? Defender execráveis como Pedro Guerra no SL Benfica contra jogadores que construíram a glória do clube?

Lamentável és tu Calado e todos os como tu.


Alguém que explique, por favor...

Avatar
 ●  65 comentários  ● 

23/01/2017
"Pizzi, O médio português, de 27 anos, prolongou o vínculo por mais três temporadas, até 2022, ficando agora com uma cláusula de rescisão de 45 milhões de euros, o que quer dizer que a SAD encarnada subiu em 10 milhões a anterior cláusula."

19/10/2018:
"O Benfica anunciou no Twitter a renovação de contrato de Pizzi. Através de um vídeo, os encarnados mostraram algumas das imagens mais marcantes da passagem do internacional português pela Luz, terminando com a fotografia 'da praxe' do médio ao lado de Luís Filipe Vieira.

Mais tarde, através da BTV, as águias deram conta de que a duração do vínculo se mantém - até 2022 - e Record sabe que também a cláusula fica igual: 45 milhões. Trata-se, assim, de uma melhoria salarial, como forma de premiar o rendimento de Pizzi." - Record.

----------------------------------

Ora então: Pizzi, assim como a generalidade do plantel, realizou uma época 2017/2018 miserável.

Perdemos o Penta, fizemos ZERO pontos na Champions e só fomos à Champions porque no SCP se passou tudo o que hoje se sabe e porque estava lá Jorge Jesus.

Esta temporada Pizzi continua com um rendimento fraco, tendo ainda por cima culpas óbvias em vários golos sofridos pelo SL Benfica.

O que a direcção faz? Renova para "premiar o rendimento" de um jogado que renovou o ano passado e que ainda tem 3 anos de contrato.

Ridículo. 

Taça de Portugal e António Simões

Avatar
 ●  121 comentários  ● 

Taça de Portugal:

Como se esperava, o SL Benfica eliminou o Sertanense.

Umas palavras de agradecimento ao Sertanense por ter valorizado a vitória do SL Benfica com um empenho e entrega notáveis. Se tivessem marcado um golo, seria um prémio justo.

Do nosso lado, muitas mudanças e algumas trocas de posição, típicas de Rui Vitória.

Deu para ver mais uma vez que temos miúdos cheios de qualidade e garra que merecem mais tempo em campo do que têm tido. Quando houver coragem para sentar Pizzi, Salvio ou Cervi...

Um apontamento também à dupla Jonas/Ferreyra. Acho que é assim que cada um deles pode render, com um companheiro no ataque. Prefiro Castillo devido a ser um "tanque" e poder ganhar as batalhas físicas para Ferreyra finalizar. 

De resto...siga a festa da Taça!

Parabéns à direcção do SLB por ter oferecido a sua parte da receita do jogo ao Sertanense. O papel do SL Benfica no futebol português também é isto.


António Simões:

O antigo campeão nacional e europeu pelo Sport Lisboa e Benfica teceu críticas violentas ao que se passa dentro do SL Benfica, mas que só surpreendem quem ande a dormir ou não saiba o que é a BTV hoje em dia.

"A partir do momento em que tive uma intervenção na Benfica TV onde fui coerente e verdadeiro e chamando as coisas pelos seus nomes” fui “proibido de ir à Benfica TV”, explicou o antigo jogador e capitão encarnado, lembrando as críticas que fez a Pedro Guerra, nomeadamente.

Questionado diretamente se está proibido de ir à Benfica TV, António Simões reforçou a frase.

Completamente, completamente”, revelou, assumindo quenunca” cobrou um “tostão” e “sempre” esteve “disponível para participar na Benfica TV”."

"Após essa minha intervenção houve gente que não gostou e imediatamente participaram ao senhor presidente para haver uma reunião de emergência no dia seguinte, às 10h00, para proibir o António Simões."

O antigo jogador aponta o dedo a gente que está “na comunicação do Benfica” para o seu afastamento da televisão oficial do emblema encarnado.

"Não vou mais ao Estádio da Luz, ao estádio do meu clube, enquanto esta gente estiver no Benfica… enquanto Pedro Guerra e… um parece que já está fora, foi corrido. O outro ainda está lá e enquanto eu não olhar para o meu Benfica como eu gosto, com o meu amor pelo clube, eu não vou."

"Gente como Pedro Guerra e Paulo Gonçalves, para mim, mesmo sem terem ido a tribunal já estão julgados."

"Estou chateadíssimo. Faz-me imensa falta a Benfica TV. Nem durmo”, disse em tom irónico, revelando que tem sofrido outro tipo de “represálias.

Dez vezes campeão nacional de águia ao peito, António Simões, de 74 anos, espera ter uma imagem “diferente” do Benfica daqui em diante.

António Simões, que reconheceu sentir-se “magoado” com o que vê no Benfica atual, mostra-se ainda apreensivo com os casos onde o emblema encarnado é suspeito.

"Enquanto Deus nosso Senhor me der saúde serei opositor a gente que não presta e não serve o Benfica”, salientou António Simões.

"Já não me tiram a mancha nem a dor do que sinto. Não me revejo nesta gente."

Na entrevista na CMTV, o antigo jogador do Benfica assumiu que se se vier a provar que Luís Filipe Vieiranão tem nada que ver com todas estas coisas”, então “tem todas as condições para continuar” a liderar os destinos dos encarnados.

Desejo que não tenha e que continue. Se for constituído arguido? Terá que ponderar a missão dele daí para a frente. Não sou futurista. Não sei qual vai ser a posição dele.” (PTJ)

---------------------------

A BTV há muito que deixou de ser o canal de eleição dos benfiquistas e passou a ser uma espécie de tempo de antena contínuo da direcção do clube, sendo dominada por gente que não honra nem os valores do Sport Lisboa e Benfica nem faz a mínima ideia do que é sentir o clube no coração.

Mercenários, dragartos, camaleões, chamem-lhes o que quiserem. São um pouco disso tudo.

Desde o desprezível Pedro Guerra, passando por quem foi instrumental no que Vale e Azevedo fez ao clube, por outros que nos anos 90 eram homens de mão do FC Porto nas visitas a Lisboa e aos arredores, por gente fanática que acha que defende o SL Benfica ao imitar andrades do Porto Canal ou lagartos da Sporting TV.

A BTV hoje em dia serve essencialmente a propaganda da direcção e a NOS que embolsa as mensalidades da mesma(afirmado por LFV em AG do clube) para pagar de volta ao SLB com esse mesmo dinheiro. Rico negócio!

Uma vergonha para um clube com os pergaminhos e valores do Sport Lisboa e Benfica!

quinta-feira, 18 de outubro de 2018

Injusta a comparação com o passado ou exigir-se a LFV o sonho europeu

Avatar
 ●  62 comentários  ● 

Apesar de tudo, ao contrário do Shadows eu não reclamo a LFV o sonho europeu! Posso reclamar do esforço que não vejo em certas alturas de se dar no Benfica primazia ao projeto desportivo em vez de ao projeto financeiro, posso reclamar do vender sempre à primeira oportunidade, posso reclamar do não se entender por vezes que um Benfica forte atrai receitas enquanto um fraco as afasta, mas não por causa de uma Champions League que estaria já ali à mão de semear tivesse LFV feito algo diferente.

Acho na verdade completamente descabido querer comparar-se estes tempos que se vivem hoje com tempos em que por um conjunto de circunstâncias felizes conseguimos disputar duas finais de Taça dos Campeões europeus em 1988 e 1990, como se essas duas finais tivessem sido o resultado de uma qualquer aposta extraordinária que o Benfica fez nessa altura pelo sonho europeu!

O que fez o Benfica nessa altura que não fosse aquilo que sempre fez? Fez algum esforço financeiro extraordinário para manter no plantel jogadores como Veloso, Silvino, Chiquinho, Pacheco, Hernani, Samuel, Elzo, Magunssen ou Rui Águas?! Andava algum Barcelona ou Man City na altura louco por algum destes jogadores e o Benfica disse: Não, não vendemos, porque este ano apostamos no sonho europeu?!

Ignorar que esses eram tempos em que para os melhores jogadores portugueses jogar num Benfica, Porto ou Sporting era o topo da escada, porque até os melhores clubes europeus estavam limitados a jogar com três estrangeiros, é ignorar que até o A C Milan, para poder jogar contra o Benfica em 1990 com Gullit, Van Basten e Rijkard no 11, os outros 13 da ficha do jogo eram todos italianos!!

Se lembrarmos o futebol nas década de 80/90 com 7 ou 8 grandes equipas europeias onde em cada uma delas jogavam 3/4 estrangeiros, estamos a falar de quantos estrangeiros no total? 30 no máximo para 7 ou 8 equipas?! E de Portugal iam quantos para essas equipas? O Futre e o Rui Barros?! É isso comparável com o que se passa hoje onde uma equipa como o Manchester City se pode dar ao luxo de ir buscar só para si os melhores 25 jogadores do mundo e até pode jogar com 11 estrangeiros?! E quando ainda por cima o fazem sem qualquer restrição financeira, fruto de fortunas pessoais, ao contrário de respeitando o orçamento de cada clube como acontecia no passado?!

Se nas décadas de 80/90, 7 colossos europeus juntos iam buscar os 30 melhores jogadores do mundo mas por isso ainda sobravam muitos Mozers ou Aldaires para os outros mais pequenos (como o Benfica), hoje as mesmas 7 equipas vão buscar os 250 melhores do mundo se contarmos com aqueles que também vão buscar para emprestar de seguida, e para os outros ficam literalmente as migalhas!

Já para não falar que em 80/90 a Taça dos Campeões europeus era uma competição com 32 equipas onde só jogavam os campeões de cada país! Não havia cá os 4 melhores de cada país todos juntos na mesma competição, com tudo o que isso implica ao nível das hipóteses que clubes mais pequenos passaram a ter para fazer uma gracinha. E em 80/90 participava na Taça dos Campeões Europeus um grande clube alemão, um grande espanhol, um grande italiano, um grande inglês, e com sorte esses 4 até se enfrentavam logo na primeira eliminatória ou na segunda e dois ficavam pelo caminho! Não havia cá cabeças de série!

E depois havia outras equipas também elas fortes, como um Benfica, um PSV, um Steaua de Bucareste e outras que também tinham as suas chances porque, felizmente para o futebol nessa altura, não podia chegar à Roménia um clube inglês com um camião de libras e levar de lá de uma assentada os 15 melhores jogadores romenos como acontece hoje e deixar o Steaua de Bucareste a jogar com albaneses!

Deve o Benfica de hoje querer ser o mais forte possível para poder competir com dignidade na europa esperando uma conjetura favorável num certo ano para conseguir um brilharete? Obviamente que sim! Mas fazer disso um “projeto”, é não ter noção nenhuma da realidade de como as nossas chances são tão curtas e de como colocar a saúde financeira do clube em risco por causa desse sonho não passa de lirismo puro!

Ainda se lembram de quem venceu a Liga dos Campeões nos últimos 3 anos?! Pois, foi o Real Madrid! E para o Real a vencer três anos seguidos, houve um PSG, um Man City, um Liverpool, uma Juventus, um Bayern, um Barcelona e tantos outros que investiram o que tinham e não tinham para a ganhar e também não conseguiram! Achar que o Benfica pode entrar nesta luta a não ser numa conjugação dos astros absolutamente perfeita é não ter noção nenhuma de como a balança está desequilibrada!

Ou então é achar que o Desportivo das Aves conquistou a Taça de Portugal o ano passado fruto de uma aposta forte da sua Direção nessa competição, que recusou vender algum bom jogador que andava a ser assediado por um qualquer tubarão para aumentar as suas chances de vencer!

Ou é achar que quando Mourinho foi com amendoins contratar Paulos Ferreiras, Nunos Valentes, Derleys, Macieis ou Maniches para o Porto e conquistou a europa de seguida, isso foi o resultado de uma aposta forte e assumida de Pinto da Costa no sonho europeu e não o resultado da competência sim mas também de um conjunto de circunstâncias felizes, onde com um treinador extraordinário todos os melões baratos que se abriram saíram também extraordinários!

Arrisco-me a dizer que hoje, para um clube do nível do Benfica fazer um brilharete na europa, só mesmo fazendo-o pela calada quando ninguém ainda deu por nós, fruto de um conjunto de circunstâncias felizes, onde podemos expressar todo o nosso talento enquanto o mercado de transferências ainda está fechado!

Porque senão meus amigos, no dia em que dermos o sinal à Europa de que ESTAMOS AQUI, no máximo seremos um Mónaco, que há dois atrás apenas chegou com brilhantismo a uma meia final da Liga dos Campeões, e nos dois anos seguintes apenas vendeu 600 milhões em jogadores (!!) (até um Mendy foi para o City por 70 milhões de euros para nem nos 18 do City ter lugar), tendo hoje o obreiro disto tudo, Leonardo Jardim, já sido despedido por ocupar o 18º lugar na Liga Francesa!

Tem isto alguma comparação com o futebol dos anos 80/90? Esse Benfica extraordinário que chegou a duas finais da Taça dos Campeões europeus em 1988 e 1990 foi desbaratado de seguida? Saiu o Mozer num ano, no outro o Ricardo, o Aldair e o Valdo, e quem mais?! Saiu algum português?! Ou saíram apenas os brasileiros que eram de facto de outro nível e só jogavam em Portugal por Portugal ser o único país europeu nessa altura onde não contavam como estrangeiros?!

Resumindo: Exigir um Benfica sempre o mais forte possível dentro de cada contexto financeiro, sonhar ganhar, não só cá dentro, mas querer ser forte o suficiente para também competir lá fora? Sempre! Mas cobrar a LFV esse sonho europeu porque outros Presidentes o conseguiram no passado em circunstâncias tão diferentes, isso, parece-me completamente injusto e descabido!


ranking