O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


sábado, 14 de abril de 2012

Mas que rico futebol e que rico País...

 ●  6 comentários  ● 
Fico completamente repugnado com o escândalo de corrupção no Sporting não por ser um escândalo de corrupção no futebol e neste País (isso é novidade?) mas sim porque Paulo Pereira Cristovão já foi inspector da PJ na unidade de combate ao crime organizado.
Se antigos inspectores da PJ se envolvem em situações destas, mesmo já não trabalhando lá acabam por arrastar para a lama a própria credibilidade de uma das instituições do Estado que devia ser um baluarte de confiança para a população portuguesa. O único paralelo de que me lembro agora é da situação no México em que membros retirados da Polícia e Exército são a principal força dos cartéis de droga.

Tudo isto me leva a interrogar quantos mais PPCs estão dentro da PJ e que outros interesses servem lá dentro para além da Lei. Maçonarias, outros clubes de futebol (se percebem o que quero dizer),  Opus Deis ou cliques partidárias?...
E como todos os casos de corrupção neste País, também se prevê que este se arraste infidavelmente perdido nas varas dos tribunais portugueses até resultar em nada como aconteceu recentemente no Caso Portucale.

O mais patético de tudo, é que no que toca a resolver um caso grave de Justiça a maior parte dos agentes envolvidos nisto vão acabar por perder a objectividade que é um garante de uma Justiça funcional tal como aconteceu quando foi o escândalo Apito Dourado. Por envolver um Porto, um Sporting ou um Benfica os agentes de Justiça e Lei pura e simplesmente perdem toda a sua objectividade e passam a tratar isto como um "jogo de futebol" em que têm que defender o seu emblema clubístico em vez da Instituição que deviam fortalecer com a sua imparcialidade. É assim a vida neste rico País onde gente que supostamente devia ser séria vai continuar a minar os pilares de um Estado democrático por não saberem manter a objectividade e imparcialidade.

O que é que isto tudo tem a ver com o Benfica e o futebol? Pois é, nada. Infelizmente, o futebol em Portugal é isto. Não tem nada a ver com 20 jogadores a correr atrás de uma bola em campo mas tudo a ver com casos de Justiça como corrupção, crimes económicos, promiscuidade entre políticos, dirigentes desportivos e agentes económicos.

Suores frios matinais e outras coisas.

 ●  2 comentários  ● 
Com que então a equipa de Alvalade envolvida em escândalos de arbitragem e possível infundamentada corrupção? Surpreendido, perguntais vós? Nem um pouco. Se for provado que existiu crime (chamem-lhe cilada, chamem-lhe compra de árbitros, chamem-lhe banquete, o que quiserem), que o Vice-Presidente do clube dos leões e que o próprio clube verde sejam castigados adequadamente. E já agora podiam aproveitar e re-abrir alguns casos de suspeita (suspeitas... *risos*) de corrupção, se percebem o que eu quero dizer.

Relativamente ao jogo de logo à noite, isto é assim: acontece que hoje acordei e tive um mau pressentimento, associado ao jogo de logo à noite. Isto para mim é deveras grave e preocupante, pois quando tenho este tipo de "luzes", antes de tomar ao pequeno-almoço, eles mostram-se bastante reais.

Não, não são habilidades psíquicas. Não, não são poderes sobrenaturais. É apenas um pressentimento. Um péssimo pressentimento. Com algum fundamento, parece-me. Vimos de uma derrota que, certamente, não ajudou a aumentar a nossa moral (perder com um dos rivais, ainda por cima tendo as consequências a nível de campeonato que esta derrota teve, é sempre péssimo); temos uma equipa fisicamente desgastada; lutamos por um trofeu que é difamado e desvalorizado por toda a imprensa e, para ajudar ainda mais na coisa, vejo adeptos do nosso clube a desvalorizarem a equipa adversária, uma equipa teoricamente mais fraca e com um orçamento do tamanho de uma pulga (quando comparado com o nosso), mas que está realmente motivada em ganhar este jogo, realizando algo inédito na história do clube.

O Gil é uma equipa realmente bem montada, com um futebol atractivo e um treinador que sabe o que faz. Ganhar ao Benfica é a única coisa que desejam. Conseguem compreender o sentimento de jogadores de uma equipa de qualidade inferior quando defrontam equipas como o nosso clube? A garra e o desejo de ganhar triplicam. Acredito que o Gil vai deixar tudo em campo. Ah e não se esqueçam que o Gil é um "tomba-gigantes", tendo feito com que os principais candidatos ao título perdessem pontos.

Acredito que ganhemos o jogo. Mas estou com o tal pressentimento negro de que vai ser um jogo muito complicado e que o facto de muitos adeptos subestimarem o Gil Vicente vai deixar muitos de queixo caído.

A Taça da Liga - mais do mesmo

 ●  15 comentários  ● 
Portugal, 27 de Abril de 2011

A Taça da Liga proporcionou um espectáculo bem razoável considerando a diferença de orçamentos em presença, proporcionou mais uma excelente vitória do nosso Glorioso e proporcionou mais do mesmo em termos de arbitragem.

Terá de morrer um árbitro para isto mudar? Espero e desejo que não.
Começando pelo resultado, que para muitos foi equivalente a uma vitória “sofrida”, enfim, direi que mais uma vez prevaleceram as opiniões da comunicação social e dos tais analistas “encartados” que mais não são do que avençados deste “sistema” em que só uma equipa pode ser campeã (os do SCP acreditam que com eles têm mais hipóteses de ganhar e é o que se tem visto nas últimas 3 décadas).

Claro que quando o FCP no ano passado venceu a Taça de Portugal por 2-1 ao Chaves, equipa já despromovida para a 2ª B, isso não foi uma vitória difícil, foi “mais um troféu para a vitrina do FCP abrilhantado pela réplica pela equipa de Chaves, que terá enchido de orgulho todos os transmontanos”.

Para o FCP, a comunicação social enfeudada tem sempre o copo “meio cheio”, enquanto para o Benfica está sempre “meio vazio”. Mas têm a mesma quantidade de água.

Sobre a arbitragem, registou-se o seguinte com o jogador Leonel Olímpio. Faltas merecedoras de cartão amarelo: (1) 7,29 mn (2) 12,21 mn carga com cotovelo adiante nas costas de Aimar (3) 15,48 mn e (4) 36 mn finalmente o cartão amarelo por falta sobre Jara. À 4ª falta portanto, quando o lance com Aimar é aquilo que na gíria se designa de um “amarelo alaranjado”.

Luisão. Falta merecedora de cartão amarelo (1) 47 mn. E não é que levou logo à primeira? Ok, é do Benfica, está de acordo com o Manual da Arbitragem.

Penalty contra o Benfica aos 30 mn, por suposta barreira de Maxi Pereira, com braço ao nível da cara de Pizzi. Na 1ª imagem, a que o árbitro tem no campo até aceito a decisão. Nas repetições da televisão, verifico que foi mais um bom teatro do Pizzi, que simulou essa barragem e com a simulação atingiu a cara de Maxi (o veredicto do Tribunal o JOGO foi 2-1 a favor da marcação da grande penalidade).

Atropelamento de Saviola na área do Paços por Coehen, árbitro de frente para o lance, visão completamente desimpedida, 45 mn, mais uma vez não assinalado. Veredicto Tribunal JOGO: unanimidade na marcação do penalty.

Ou seja, Proença mais uma vez aplicou o Manual da Arbitragem nos casos de disciplina e nos casos técnicos. Na disciplina para variar teve critério tolerante com os adversários, em particular com Leonel Olímpio (há sempre um adversário que parece estar instruído para “carregar” em cima dos jogadores do Benfica, para além dos limites), ao contrário do que teve com os jogadores do Benfica aqui exemplificado por Luisão, internacional brasileiro, admoestado à primeira.

Nos casos técnicos, flagrante dualidade de critérios na marcação de grandes penalidades, critério onde é useiro e vezeiro nos prejuízos ao Benfica (esta época também não viu penalty flagrante a favor do Benfica em casa do Nacional, quando perdíamos 1-0, golo sofrido na sequência de uma falta assinalada contra nós, inexistente), com possível interferência no resultado e no estado anímico das duas equipas, prejudicando o Benfica também neste parâmetro.

Perante estas incidências de jogo, erros técnicos e disciplinares do árbitro com o mesmo padrão de erro de sempre, aos 49 mn escuto o comentador da Benfica TV dizer que “o árbitro não tem sido protagonista o que se apraz registar”.

Mais do mesmo: roubados e branqueados pela própria Benfica TV. Serão instruções da Direcção do Sr.º Vieira?

sexta-feira, 13 de abril de 2012

Última hora! Isto é que está aqui uma "açorda" hã?

 ●  23 comentários  ● 
Cristóvão teria rede de espionagem a árbitros! - Artigo SAPO Desporto
O vice-presidente do Sporting recorria alegadamente aos serviços das suas empresas de segurança e investigação para recolher informações e fazer chantagem.

Paulo Pereira Cristóvão será, alegadamente, o líder de uma rede de espionagem aos árbitros portugueses. Depois da polémica gerada na quarta-feira pelo 'caso José Cardinal', que de suposta corrupção passou a ser tido como uma "armadilha" ao árbitro auxiliar, o vice-presidente do Sporting decidiu suspender o seu mandato, sem que isso represente, porém, uma «assunção de culpa» da sua parte. Recorde-se que Cristóvão foi constituído arguido por simulação de crime e denúncia caluniosa qualificada.
A edição desta sexta-feira do Correio da Manhã revela que o dirigente leonino aproveitava os serviços das suas empresas de segurança e investigação para recolher informações - algumas alegadamente através de escutas ilegais - e depois fazer chantagem.

A Polícia Judiciária esteve ontem em Alvalade, mas também nas empresas, na casa e em residências de familiares de Paulo Pereira Cristóvão e de Rui Martins, ex-líder de uma das claques do Sporting e o funcionário que supostamente fez o depósito de dois mil euros na conta bancária de José Cardinal, situação que depois motivou a denúncia do Sporting e o consequente afastamento do árbitro assistente do jogo Sporting-Marítimo, em dezembro, para a Taça de Portugal.
Entre os documentos recolhidos pelos investigadores, ganha ainda força a alegada ligação das empresas de Cristóvão ao clube leonino, já que existem suspeitas de pagamentos pelos seus serviços.
AB

quinta-feira, 12 de abril de 2012

Culto de personalidade

 ●  18 comentários  ● 

Se há algo que me repugna imensamente na realidade actual do Benfica é que pelos vistos ninguém da estrutura encarnada se preocupa em defender o clube dos roubos sucessivos de que tem sido alvo (pudera, quando o Querido Líder apoia o Fernando das Facturas...) mas no que toca a defender figuras então saltam sempre logo á frente.

Caro Manuel Sérgio e que tal defender o Benfica em vez de empregados do clube, que ainda por cima são incompetentes??

«Recordo que o FC Porto preparou o futebol portista de Pinto da Costa com José Maria Pedroto durante uma série de anos. Hoje, o Benfica está melhor do que estava antes da entrada de Jorge Jesus. Em três anos foi primeiro [classificado do campeonato], foi às meias-finais da Liga Europa, aos quartos-de-final da Liga dos Campeões, onde não representou mal o Benfica nem o País, e, em princípio, vai ficar em segundo lugar do campeonato, o que traz mais uma vez dinheiro ao Benfica»


E desculpe lá mas comparar LFV e JJ a PdC e Pedroto só é para mim uma maior razão para escorraçar essas personagens do Benfica.
Estou farto de ver tanta gente a difundir esta falácia (nas palavras de um colega do blogue):
Não foi JJ nem LFV que foram roubados. Foi o BENFICA.
Não foi JJ nem LFV que foram prejudicados. Foi o BENFICA.
Não foi LFV nem JJ que venderam X milhões. Foi o BENFICA.

Tanto LFV como JJ são empregados do clube do qual os donos são os SÓCIOS. Está na hora de serem responsabilizados pelas suas falhas.


Desta vez é que é

 ●  12 comentários  ● 
O Correio da Manhã abriu titulando na 1ª pág. "Rede de subornos no futebol"! Na versão online apresenta uma breve crónica com o título "Vice do Sporting constituido arguido".

No desenvolvimento, informa do depósito de dois mil euros na conta do Sr José Cardinal - Portuense - dias antes dos quartos de final da taça de Portugal realizada em Dezembro entre o Marítimo e SCP, havendo suspeitas de outros subornos a árbitros. Segundo o CM, a investigação é mais vasta e irá ter novos desenvolvimentos, havendo resultados que poderão ter sido falseados, pondo em causa a verdade desportiva dos atuais campeonatos.

Foram extraidas várias certidões de outro processo, três da primeira liga e uma outra do segundo escalão, por terem surgido indícios de uma rede de pagamentos a árbitros. Tais indícios foram detetados em escutas telefónicas autorizadas no processo principal.

No caso de José Cardinal, a Polícia Judiciária sabe que o depósito foi feito em numerário, em Dezembro de 2011, na Madeira, e suspeita que esteja relacionado com o clube insular, havendo imagens do rosto do depositante, ainda não identificado, tendo sido pedido o levantamento do segredo bancário ao árbitro.

O caso foi despoletado por denúncia anónima de uma mulher ao SCP que por sua vez participou à FPF e esta à Procuradoria-Geral da República. José Cardinal foi afastado do jogo sob a alegação de motivos pessoais, tendo afirmado ao Conselho de Arbitragem da FPF desconhecer aquele pagamento insinuando que o depósito poderia ter sido efetuado por alguém ligado so SCP para o afastar do jogo, dadas as críticas que os verde-brancos lhe tinham dirigido na sequencia da sua atuação no jogo deste clube com o Belenenses.

A notícia online diz, que a Polícia Judiciária efetuou buscas na casa, empresa de segurança de Paulo Pereira Cristóvão, Vice-Presidente do Sporing, e no seu escritório na sede do Sporting. tendo sido constituidos arguidos este dirigente e um seu funcionário. Segundo a mesma notícia, a PJ suspeita de uma armadilha ao árbitro assistente José Cardinal, efetuada por um funcionário daquele dirigente que se terá deslocado à ilha da Madeira depositar dois mil euros na conta do árbitro-assistente.

Outras curiosidades:
O SCP ganhou o jogo ao Marítimo por 3 a 0. No final do jogo, ainda segundo o CM, Pedro Martins, desgostoso com o trabalho do árbitro disse: "Por vezes mais vale fazer como o Sr Cardinal e ficar em casa".
Ainda segundo o CM, José Cardinal, Bertino Miranda - árbitro auxiliar - e Olegário Benquerença, foram homenageados pela AF Porto, após a presença no Mundial de 2010.

O árbitro que substituíu José Cardinal foi...foi...foi...ainda não adivinharam?...Querem que faça um desenho?...Uau! Artur Soares Dias e os auxiliares Rui Licinio e João Silva!

O SLB tem fortíssimas razões de queixa quer de um quer de outro; aliás, tem razões de queixa de quase todos! Parece que quem mais prejudica o Benfica mais rápidamente sobe na carreira!

Como é habitual, a APAF, veio, pressurosamente, defender o seu associado, afirmando a sua inocência até trânsito em julgado. O Presidente da LPFP disse que se trata de um caso de polícia e o Presidente da FPF, remeteu o caso para a PGR.

Comentários:
A não condenação dos principais arguidos do Apito Dourado, entre outras, teve duas consequências vitais:
A generalidade do público assimilou a convicção de que os poderes político e judicial quiseram evitar essas condenações.

O encorajamento implícito à corrupção, perante a ideia de impunidade subjacente, mediante determinados cuidados.
Ainda acredito na Polícia Judiciária, mas, nesta matéria, lamento dizê-lo, não acredito naqueles dois poderes!

Para perceber se há ou não indícios de corrupção no futebol, não é necessária a apresentação de queixa de quem quer que seja; basta ver os jogos e investigar, instruir, acusar e condenar, se for caso disso!

A FPF, com a anuência da LPFP e da APAF, deveria suspender de imediato o árbitro e seus auxiliares envolvidos neste processo até trânsito em julgado! Se é verdade que podem estar inocentes, também é verdade que poderão ser culpados! Seja como for, não têm condições para continuar a dirigir jogos até à resolução do mesmo! Está em causa a verdade desportiva!

Quanto ao nosso Benfica; é mais uma excelente oportunidade de os nossos dirigentes mostrarem de que massa são feitos, apresentamdo um processo de impugnação de todas as competições desta época ou uma providência cautelar das mesmas, ponderando todas as consequências, nomeadamente as financeiras.

Deixem-se de paninhos quentes que só perpetuarão os prejuízos desportivos e económicos do Benfica!
Quanto às autoridades, têm agora mais uma oportunidade de mostrar á população a sua competência e determinação em acabar com a corrupção no futebol, a qual já produziu danos irreparáveis aos cidadãos adeptos do desporto.
Finalmente, mais uma vez, estão em causa os Jornalistas desportivos, os quais, salvo exeções, teimam em "branquear" os evidentes e sucessivos erros grosseiros e capitais de arbitragem, maioritáriamente em benefício direto ou indireto de um só clube e apesar das vicissitudes do célebre "Apito Dourado" atribuindo-os, estúpidamente à condição humana e reiterando, não poucas vezes, um alegado equilíbrio entre clubes em toda a época desportiva. Também eles, sobretudo eles, são, quanto a mim, cooresponsáveis pelo descalabro do futebol, incapazes de perceber que está em causa, também, a viabilidade económica a prazo, das suas entidades patronais, revelando a necessidade premente de uma vassourada geral e urgente no setor.
AB

À Benfica III

 ●  52 comentários  ● 

Portugal, 12 de Abril de 2012

Na continuação da análise ao entorno da derrota com o SCP (já agora, a 7ª da época em todas as competições, o Bayern na Bundesliga tem 7, Lyon de Cissokho e Lizandro já vai em 10, só na Ligue 1), não se pode obviamente deixar de analisar a contribuição da arbitragem do portuense e portista Soares Dias

A nomeação de Benquerença para o Braga – FCP e a de Soares Dias para o SCP – Benfica, foram a jeito dos interesses do FCP. Tal só é possível porque na Comissão de Arbitragem, está um sócio com mais de 50 anos de SCP, Vítor Pereira, que está controlado pelo FCP (sei do que falo). Com Benquerença, o FCP tem sempre mais hipóteses de ganhar (nos anos recentes com este árbitro, para a Superliga só tiveram 1 empate, o resto foram vitórias). Já Soares Dias esteve no mesmo SCP - Benfica da época passada, e tudo tentou para que o SCP ganhasse, incluindo a expulsão de Sidnei por encosto de ombro. Não tendo conseguido no ano anterior, repetiram a nomeação para que se cumprisse a matemática: a probabilidade de falhar 2 vezes seguidas é menor do que falhar 1 vez só (aliada à probabilidade do Benfica ganhar 7 vezes seguidas que é menos do que ganhar 6).

E resultou porque para isso também contribuiu uma arbitragem inenarrável, ao nível das arbitragens de Jorge Sousa em Braga no ano do título de há 2 épocas atrás ou de Carlos Xistra também em Braga na época passada. Jogos que perdemos e reconhecemos que ficamos abaixo do nível exibicional habitual, mas jogos em que a virilidade excessiva contra os jogadores do Benfica foi contemporizada pelos árbitros. Mas este tipo de arbitragens está tão vista, que de tanto ser vista alguns – mesmo benfiquistas - já acham normal! 

No penalty sobre Gaitan, aceito que o árbitro não tenha visto porque o corpo de Polga pode tapar a zona de contacto. O penalty que deu o golo, na minha opinião não existe, pois Luisão larga o ombro uns segundos antes de cair, e na TV vê-se o WW desistir de jogar a bola, ao contrário do que fazem os jogadores leais. Há um penalty cometido por Garay (embora a falta comece fora da área), mas se o árbitro não marcou porque não assinalou cartão amarelo ao Wofswinkel por simulação, como fazem aos jogadores do Benfica? Estaria comprometido com o erro do penalty do golo ou do penalty que não assinalou sobre Gaitan? Há um agarrão à camisola de Luisão, com ele a olhar de frente. Penalty claro já que a bola foi cair precisamente nesse local. Há outro lance que poucos deram importância e mostra como se aplica o “manual”. Quando da marcação de uma falta a favor do Benfica, antes da bola chegar ao destino (área do SCP) interrompe para marcar uma falta contra o Benfica. Falta que ninguém, nem os jogadores do SCP, viram.

Aos 3 mn Ínsua tem entrada em tackle deslizante por trás às pernas de Bruno César. Podia ter sido exibido cartão vermelho, mas nem amarelo foi (comparar com critério aplicado aos nossos jogadores). Aos 8 mn há um pontapé de Matias na cabeça de Javi. Não foi exibido cartão amarelo (no mínimo). A seguir temos o Shaars sobre Witsel onde lhe pisou o pé, o que para o Corado costuma ser considerado agressão, logo vermelho directo. Nem amarelo levou. Depois o festival João Pereira: derrubou e pisou Gaitan, admito que o lance não seja fácil de ver para o árbitro, mas não levou o amarelo que se impunha. Depois tentou agredir Nelson Oliveira com movimento de braço bem visível e aqui fico pasmado por não ser aplicada a lei 12 e consequente expulsão. Carriço, idem sobre Witsel com o árbitro a chamá-lo à atenção em vez de fazer como fez para o Benfica, cartão na 1ª oportunidade. Mas veja-se como expulsou Luisão por uma falta de corpo, sem cortar jogada prometedora...

A dualidade de critérios disciplinares do árbitro, ajudou os jogadores do SCP a terem mais “atitude”, mais “raça” sobre cada bola disputada. Só quem não jogou à bola desconhece a importância que estes pequenos erros disciplinares têm no aumento da confiança de uns jogadores, e diminuição na confiança dos outros. Na implicação directa na qualidade de jogo de uns, e diminuição na de outros.

Posto isto que deveria ser considerado escandaloso, como é que reagiram “à Benfica” alguns dos ditos “notáveis”? José Augusto no fim do jogo, diz na Benfica TV que aos jogadores “faltou atitude”. Nos dias seguintes António Figueiredo pede a Jesus para “ir treinar o FCP” e Gaspar Ramos diz que “ciclo de Jesus terminou”. (cont)

quarta-feira, 11 de abril de 2012

Vieira, o pior presidente de sempre?

 ●  42 comentários  ● 
É o que diz hoje Veiga em declarações à comunicação social. Em dez anos de Vieira (como presidente e como manda-chuva anterior na presidência Vilarinho) apenas dois campeonatos ganhos...mas a dívida disparou...o orçamento para a equipa de futebol é gigante (e o maior de Portugal)...nunca um presidente esteve tanto tempo em exercício e ganhou tão pouco...

Claro que tivémos outros que nos desprestigiaram, mas os sócios correram com eles em pouco tempo...

Reset!!! Pausa na discussão para desmoer...

Avatar
 ●  2 comentários  ● 

"Santos Laguna defender Felipe Baloy is more than happy to pose with fans of all ages, even if he just stopped off to buy the newest issue of Playboy. 
And when a young fan in Velcro shoes and a full Santos kit wanted a picture with Baloy, the Panamanian international kindly knelt down, smiled and accidentally held his transparent bag containing the Playboy in for the picture.
Of course, there was no harm done and it was very nice of Baloy to make a young fan's day by stopping and smiling for the shot, but the child will probably appreciate the amusing photo even more when he's a little older.
Currently in first place in the Mexican Clausura, Santos plays Club America at the Estadio Azteca on Saturday before playing Monterrey in the first leg of the CONCACAF Champions League final next week. And the accommodating Baloy clearly has his reading material ready for the difficult stretch ahead."

- Retirado do site Yahoo

Tenho saudades dos tempos em que os benfiquistas exigiam!

Avatar
 ●  29 comentários  ● 
...em que os benfiquistas tinham o 'sangue na guelra' e demonstravam publicamente a sua insatisfação pelo rumo do clube, quando as coisas corriam mal. 

E sejamos honestos: as coisas em especial nos últimos 20 anos têm corrido muito mal.

Recomendam muitos hoje que temos que apoiar a equipa. Concordo.
Que temos de aplaudir, mesmo quando perdemos para encorajar a equipa. Bem, concordo com isso num jogo como o da 2ª mão em Londres. Discordo nos outros todos.

Mas sejam sinceros: quantas derrotas tivemos assim esta época? Grande exibição, mas derrotados? Nenhuma.

Quer seja pela exibição da equipa ou do treinador, quer seja pelos roubos que nos foram sido aplicados pelas arbitragens, tornou-se quase proibido assobiar. Gritar de raiva. Mostrar lenços brancos!

Parece que estamos a lidar com crianças de 5 anos, e não com adultos, dos mais bem pagos no planeta, profissionais, que recebem vencimentos altíssimos para fazerem o seu melhor.

Se o Benfica é derrotado em casa, como o foi, com um golo irregular, o que fazem os benfiquistas? Acaba o jogo, ainda batem palmas à equipa e saem calados. 
Acabaram de ser ROUBADOS! Batem palmas?! Para encorajar quem??!! 

São atitudes que reflectem o espírito incutido no Benfica nos últimos 10 anos: é proibido criticar, discutir, assobiar, discordar! Todos têm de ter o apelido 'Carneiro' porque senão são logo catalogados de maus.

Encorajamento merecem os adeptos que GASTAM O SEU DINHEIRO!!!!

Pagam quotas, pagam cativos, compram merchandising, e tudo para quê? 
Para verem o seu clube ser roubado, ano após ano.

Entre as dezenas e dezenas de comentários com que os leitores do NGB nos honraram, li muitos que criticavam o facto de, por exemplo, no meu post anterior, afirmar que não devemos falar das arbitragens pelas razões que lá expus.

Eu defendo que para podermos atacar essa vertente, temos que primeiro limpar a casa. Nunca teremos um Benfica pronto a combater o sistema, se continuarmos com 'cavalos de tróia' dentro da nossa casa.
É isso que todos têm de perceber. 

Mas enquanto os benfiquistas acharem que no estádio todos têm de bater palmas, gritar 'Glorioso SLB' enquanto vamos sendo roubados e vencendo Taças da Liga, nunca poderemos ambicionar voltar a ser os primeiros em Portugal. Nunca.   

À Benfica II

 ●  19 comentários  ● 
Portugal, 10 de Abril de 2012

Depois de 6 vitórias consecutivas sobre o SCP (4 para a Liga e 2 para a Taça da Liga), o Benfica perdeu um jogo com um penalty (dos que não se assinalam a nosso favor), e como é hábito no nosso clube a derrota foi mal assimilada. E mal interpretada.

Não deve haver muitos clubes no mundo em que cada derrota ou resultado inadequado, seja tão esmiuçada pelos adeptos ou comentadores no plano técnico - teórico, com a sofreguidão de quem tem solução para o evitar: para ganhar sempre ou conseguir resultados satisfatórios. 

Vemos os milionários do Real Madrid treinado pelo alegado melhor treinador do mundo, perderem pontos contra equipas de orçamento 2 e 3 vezes inferior, e não percebemos que de facto é possível isso acontecer em países em que a bola é redonda e rebola de igual modo para todas as equipas. Aqui como se sabe (alguns teimam em não querer dar importância) a bola rebola mais depressa para um lado do campo, do que para o outro. Logo é mais fácil viciar o jogo.

Consultando as classificações de outros países, mais ou menos importantes que o nosso, vemos como equipas de grandes orçamentos perdem pontos com outras de menores orçamentos, e continuamos a não perceber que empatar ou perder faz parte da inevitabilidade do futebol e não há que explicar isso com razões que apelem ao perfeccionismo ou ao erro zero. Porque a perfeição depois do jogo acabado, é irrelevante. Se corrigirmos aquilo que nos pareceu ter sido mal pensado pelo treinador ou mal executado por alguns jogadores, e pudéssemos recomeçar o desafio, só por inconsciência se pode pensar que dessa forma corrigida poderíamos ganhar o jogo. Errado, não há dois jogos iguais...

O que me custa a entender, ano após ano, é continuar a ver tanta gente falar de futebol sem considerar o trabalho da equipa de arbitragem, mesmo após tantos escândalos que são conhecidos, desde o tempo dos “quinhentinhos”, à “fruta” e “café com leite”, envolvendo sempre protagonistas de um clube que por acaso é o que mais campeonatos ganha desde há 20 anos para cá!
Como é que pode escapar ao extraordinário sentido crítico dos adeptos ou analistas desportivos afectos ao Benfica, esta simples pergunta: porque cargas de água a arbitragem é importante para o FCP, ao ponto de comprarem decisões dos árbitros através de intermediários, e para nós no Benfica não é?

Saber responder a esta questão e implicações carreadas para a estrutura orgânica que organiza as provas (Liga primeiro, e FPF no momento), permite perceber porque razão o futebol do Benfica perdeu a hegemonia nacional e vai continuar em plano subalterno se não se mudarem as mentalidades dominantes na gestão futebolística, ainda e sempre feita na base da lógica do cheque.

O Benfica perdeu com o SCP, com um penalty que não se assinala a favor do Benfica, como já antes tinha perdido com o FCP com um golo em fora de jogo claríssimo e com o Guimarães, com um golo resultante de falta inexistente. Três situações que nunca acontecem ao FCP como se sabe.

O ênfase que a comunicação social está a dar à superioridade do SCP, só se compreende pela também habitual forma de proceder desta gente, hoje ligada ao “sistema”, hoje de uma forma ou outra ligada à Olivedesportos. Falando da superioridade do SCP não tem que ponderar os erros de arbitragem, todos na mesma direcção, nem a posse de bola de 63% que o Benfica teve, e como se percebeu, com pouca utilidade. Compare-se os critérios desta mesma gente quando o Benfica de Quique ganhou ao Braga de Jesus. Bem diferentes e opostos aos de agora, em especial no relevo dado aos erros do árbitro.

Ora perante esta conjugação de acções “comunicação social + arbitragem”, o que fazem os adeptos e analistas afectos ao Benfica? Reagem “à Benfica”: procuram os responsáveis da aleatoriedade dos resultados desportivos, dentro do grupo de trabalho. Contribuindo assim para minar a já de si abalada confiança de um grupo que desde o inicio da época tem aguentado agressões, injustiças, ingratidões, e sempre correndo e transpirando em nome do Benfica, dos nossos interesses e da nossa história.  

Há anos que isto dá mau resultado, como comprovam as estatísticas, mas os nossos adeptos e analistas gostam de ser “originais”, repetindo a “receita” ano após ano.
(cont.)

terça-feira, 10 de abril de 2012

Tributo a uma enorme Benfiquista !!!!!!!!

 ●  9 comentários  ● 
A Margarida Benfiquista  que é uma RAINHA vencedora, porque vai para três anos deu uma cabazada ao cancro da mama deixando-o KO ao primeiro assalto, delicia-nos no seu blogue com uma ODE dirigida àqueles que equipam da cor do ranho, que gostaria de partilhar convosco.
------------------------------------------------------------------------------------- 
GANHARAM O CAMPEONATO





Só alguém com GRANDE complexo de inferioridade festeja daquela maneira a vitória sobre o Glorioso, das duas três, ou porque estavam com as mágoas recolhidas pelo facto de há 3 anos não conseguir ganhar ao Benfica, e foi um extravasar porque finalmente e com a ajuda de artur soares dias lá o conseguiram, ou foi o festejo do 4º lugar onde se encontram por agora, porque um clube pequenino pensa pequeno, e nunca almeja mais do que aquilo que é capaz,ontem sentiram-se grandes apenas por alguns dias o que para eles é o suficiente, que lhes interessa o primeiro lugar, que lhes interessa serem campeões nacionais se o único e exclusivo objectivo deles é sim ganhar ao ENORME???..

Por um lado eu entendo essas reacções, não deve de ser fácil ser inferior, não deve de ser fácil lidar com a GRANDEZA dos outros (leia-se BENFICA) o seu único rival nesta liga portuguesa...

A inveja não é querer o que o outro tem, mas sim não querer que o outro tenha.... o Zbording não quer ter a História de vitórias, e patrimónios do Benfica, não quer ter os Troféus que o Benfica tem, não quer ser reconhecido como um Grande clube como é o Benfica, não, não é isso, porque eles sabem que nunca o vão conseguir, eles não querem nada para eles, o que eles querem é que o Benfica não tenha nada disso, eles não querem porque se sentem inferiorizados, o facto de ontem terem conseguido uma vitória ( depois de tanto tempo) sobre o maior clube, para eles foi muito mais importante que qualquer campeonato, que qualquer troféu.

Para isso, porque são pequenos e fracos, aliaram-se ao clube do norte, sim aquele que vive à conta de arbitragens e corrupção activa em forma de fruta,porque no alto da sua insignificância , não conseguem derrubar o MAIOR sozinhos, aliados esses que de vez em quando lhes dão umas enrabadelas, mas que importa isso, até os podem fazer de capacho que eles não se importam, se para isso o BENFICA for prejudicado, até se deitam no chão para que os corruptos limpem os pés....

Aí reside a nossa diferença, porque não precisamos de corromper, para brilhar em campo, para termos grandes jogadores mundialmente conhecidos, internacionais de gabarito, que iluminam os relvados, e que vos dão um banho de bola e vos fazem sentir perto deles uns simples ácaros, quiçá micróbios visíveis ao microscópio, claro que quando o não conseguem fazer é simplesmente porque existe um fdp que a troco de bens monetários, e que tem o poder de comandar o jogo, o faz constantemente de forma abusiva e sempre para o mesmo lado, e condiciona o jogo logo nos primeiros minutos, facto esses que já vem de uma grande e minuciosa escolha sobre aqueles que fácilmente se deixam corromper.

O facto de a equipa de arbitragem ser escolhida a dedo, por aquele que comanda as peças, já não deixa admirado os milhões de Benfiquistas, eles têm o poderio todo nas mãos, fazem o que querem porque sabem que a punição virá dia 30 de Fevereiro, e até lá isso rende e muito, enchem os bolsos, e conseguem deitar a cabeça no travesseiro e dormir o sono descansados.

O futebol de há 30 anos atrás, esse eu me lembro muito bem, esse sim se poderia de chamar de desporto, as rivalidades sempre existiram , mas eram saudáveis, os árbitros erravam, mas porque não sabiam fazer melhor, hoje erram porque isso lhes rende e muito...

E Voltando ao jogo de ontem aquela equipa que defrontou o Benfica só me consegue fazer sentir pena e dó, pena porque enquanto se mantiverem submissos vão continuar a ser aquilo que sempre foram, ou seja nada, um simples clubezeco da 2ª circular , mais propriamente do lumiar, que se contenta com um simples 4º lugar na liga, um clube que vive para e exclusivamente tentar fazer com que o seu vizinho não seja superior a ele, mas como isso é muito difícil, devem de viver em eterna frustração, e só a deitam cá para fora quando uma vez em 3 anos lá conseguem uma vitória paga a fruta pelos seus donos...

Que pena que sinto de vocês sportinguistas !!!! não se iludem, porque o jogo de ontem ganharam não porque o vosso Padrinho vos ajudou no sentido de se sentirem grandes, mas porque lhes era conveniente fazer com que o Benfica perdesse pontos, mas até aí já devem saber, existe o ditado que quanto mais me bates mais eu gosto de ti, e ontem foram beneficiados com a ajuda do corrupto do norte, mas esperem pelo próximo jogo, quando sentirem na pele o que é ser prejudicado pelas arbitragens, ah, estou a errar, por um momento veio à minha cabeça que vocês zportinguistas se importassem com isso, mas claro que não, até porque submissos como são quando defrontarem o vosso clube aliado,daqui a alguns dias vão abrir as pernas tal qual uma meretriz,e sair de lá alegres e contentes,porque perderam por uma boa causa, não deixar que o Benfica seja Campeão...

Parabéns, são pequeninos e não têm vergonha disso, há quem confunda esse precioso gesto com solidariedade, ainda vão ser apelidados de santa casa da misericórdia... tenham vergonha!!!!! não sejam capachos que envergonham o nosso país, se é que isso interessa para alguma coisa...

O vosso campeonato está ganho, há 3 anos que não o conseguiam ganhar, festejaram bem, a vossa alegria em campo no final do jogo mostrou o quanto estavam reprimidos há tanto tempo....
Enfim dignos de pena....

Eu graças a Deus não tenho que me envergonhar, porque não sou lagarta, se o fosse sentir-me-ia a pior das criaturas, que vergonha!!!


Infelizmente tenho um Pai lagarto, mas que querendo sempre o melhor para a filha me deu o livre arbitrio de escolher, por isso mesmo eu lhe agradeço, eu sou feliz porque escolhi o melhor... e ele sabe !!!

Já chega!!!

 ●  4 comentários  ● 
Meus caros amigos Benfiquistas, penso que já chega de andarmos a falar sempre no mesmo. Já toda a gente desabafou e disse o que pensa sobre o actual momento do Benfiica. Ainda faltam quatro jornadas para o campeonato terminar, que pese embora seja mesmo muito difícil, não podemos desistir da luta pela conquista do campeonato até que seja possível. Não podemos esquecer também que ainda não garantimos o acesso directo á Liga dos Campeões e isso é extremamente importante.

Depois do campeonato teremos muito tempo para fazer balanços e discutirmos mais a fundo o Benfica. Agora é tempo de continuar a apoiar a equipa porque ainda há muita coisa em jogo.

Além do campeonato temos um troféu para vencer já no Sábado e é importante que a equipa dê uma boa resposta e a vença, e nós adeptos temos de continuar a fazer a parte que nos compete neste momento, que é ir a Coimbra apoiar a equipa e ajudá-la  a trazer o caneco para casa. Eu sei que muitos desvalorizam a competição mas se ela existe é para vencer, aliás, mesmo que fosse um jogo a feijões, seria para vencer!!! Como é óbvio a conquista da Taça da Liga não limpa a mais que provável perda do campeonato mas enriquece o nosso palmarés de títulos, que é disso que o Benfica deve viver sempre.

O que eu proponho a esta direcção é que assim que a nossa posição esteja cimentada, seja no primeiro ou no segundo lugar, a direcção do Benfica deveria dar por terminada a época e o Benfica não compareceria nos jogos ou jogo que faltasse, como forma de protesto em relação á Liga.

Sei que jamais esta direcção irá fazer o que quer que seja para afrontar quem está no poder do futebol Português, pois é muito chato incomodar os amigos. Eu, pessoalmente, faria uma declaração de guerra á Liga, á FPF e aos árbitros!! Boicotes? Que venham eles!!!! Pode ser que assim a UEFA e a FIFA olhem para esta treta de campeonato e decidam ouvir o que move o Benfica. O Benfica que faça tudo para que, ou se mudam as coisas por cá, ou o Benfica faz tanto barulho que leve a UEFA e a FIFA a suspender os clubes e selecção de todas as provas da UEFA e da FIFA, depois quero ver quem é que tem capacidade para manter a competitividade sem as receitas das competições europeias. E nem me venham com a treta das indemnizações, porque os únicos responsáveis por tudo serão sempre a Liga e a FPF que não querem resolver seja o que for. O Benfica deve exigir uma limpeza e reorganização do futebol português!! Tem de exigir o afastamento da Liga e da FPF de gente que anda no futebol desde há 20 ou 30 anos, tipo aqueles observadores jeitosos que nós conhecemos.

O Benfica tem de fazer barulho aqui e nas instâncias que regem o futebol Mundial, não pode continuar mudo e calado!!!

Nos entretantos, no Sábado, o Benfica joga uma final e nós temos de ir lá apoiar e incentivar a nossa equipa, ou será que só conseguimos apoiar o Benfica quando este vence?

TODOS A COIMBRA A APOIAR A EQUIPA!!!!


Enfrentar o sistema.

 ●  37 comentários  ● 
Ainda que tenhamos a equipa perfeita, jamais ganharemos enquanto o gerente de caixa e seus correligionários se mantiverem no sistema, pela simples razão de que o Benfica não tem peso institucional, apesar dos alegados 14 milhões de passivos adeptos.


Há que enfrentar o sistema de forma frontal e decisiva; ao primeiro minuto estaríamos a ganhar 1-0 e o SCP ficaria reduzido a 10!


Proponho, falta de comparência da nossa equipa na final da Taça da Liga, como sinal de protesto!


Metam a taça da liga no olho do...!


Viva o Benfica!

O NOSSO BENFICA

Avatar
 ●  24 comentários  ● 
Caríssimos amigos e companheiros benfiquistas,

Sinto a dor que todos nós sentimos por sentir que perdemos (ainda espero por um milagre) o campeonato, mas tenho enormes dúvidas em relação ao nosso Benfica que irei explicar por pontos, já mais a frio:

Ponto 1: Presidência e equipa de dirigentes - Começo a ficar farto e cansado que as apostas desportivas do nosso presidente sejam avulsas, vê-se que não temos um fio condutor e uma linha de comportamento a nível desportivo onde possamos ver claramente um rumo, um caminho que nos diga que estamos a crescer desportivamente como crescemos, e desculpem mas tenho a certeza que crescemos, a nível financeiro. O Benfica é uma máquina de fazer dinheiro, pode gerar receitas nunca vistas em Portugal e por isso algo apetecível para qualquer pessoa que tenha como paixão o Benfica e que tenha tempo e meios para o fazer. Ora, infelizmente, AINDA não vejo alternativa. O Benfica precisa de um presidente que tenha amor ao clube sem qualquer mácula, espírito empresarial para fazer crescer o clube de forma sustentada em termos económicos e suficientemente inteligente para perceber que a política desportiva não pode depender dele mas sim de alguém com muitos conhecimentos futebolísticos (Rui Costa, Humberto Coelho e mais alguns) e acima de tudo humilde. O Benfica tem milhões de adeptos e ouvir um presidente falar na primeira pessoa do singular nunca me caiu bem. LFV fez bem ao clube, ajudou a salva-lo na minha opinião, pode talvez emendar a mão mas acho que já vai tarde, excepto se não aparecer a tal alternativa viável porque mudar por mudar, não me interessa.

Ponto 2: Direcção desportiva – Na minha óptica, uma direcção desportiva tem de definir o tal rumo (forma do Benfica jogar) independentemente do treinador com contratações feitas segundo essa estratégia e bem definida. Concordo que devemos ter uma equipa B (ainda há dias ouvi falar na equipa B e nunca ouvi nenhum dirigente dizer que não se irá criar) onde se possa ter jogadores jovens com qualidade e capacidade de poder eventualmente treinar com a equipa A, beber da sua experiencia e aprender a viver a realidade adulta de um plantel à altura do Benfica. Poderão ser feitas aquisições de jovens portugueses e de jovens estrangeiros (infelizmente não temos dinheiro para guardar todos os nossos jovens) que possam eventualmente aos poucos fazer jogos de taças da liga na equipa A pois os regulamentos o permitem. Quanto ao plantel sénior, existe uma base de equipa que permite que com 4 ou 5 jogadores, o nível exibicional aumente e sobretudo se mantenha estável ao longo de uma época. Esses jogadores terão de ser de qualidade e poderão ser perfeitamente de segunda linha mundial, pois jogadores de primeira linha nunca poderão ser comprados, ou apenas por sorte e arte de negociar do director desportivo (Aimar e Saviola trouxeram gente aos estádios, mas há poucos ao preço que vieram). Não podemos comprar mais do que 5 jogadores para o plantel principal. Gastar 25 milhões por época sim mas em poucos jogadores e manter a base, não deixando sair mais do que 2 jogadores nucleares por época e nunca sem antes ter o substituto garantido. Posteriormente se escolhe o treinador para seguir essa politica.

Ponto 3: Treinador – Um treinador tem ser contratado segundo as ideias da direcção desportiva, tem de jogar segundo o seu sistema táctico, com as rotinas criadas e enraizadas em que um jogador das nossas escolas, desde muito novo, saiba o que fazer na posição em que joga. Tem de ser, na minha opinião um treinador audaz, mas humilde, ou discreto pelo menos. Também precisa de ter uma equipa de trabalho com um adjunto BENFIQUISTA e um preparador físico que mantenha a equipa com capacidade para jogar muitos jogos. As equipas espanholas e inglesas fazem muitos mais jogos do que as nossas e não há tanta rotação como se fala. É óbvio que há mais do que com o nosso treinador actual mas um bom preparador físico consegue manter uma equipa estável durante uma época, de preferência com o pico no fim e não no princípio. Jorge Jesus, pecou por ser teimoso. Achou-se superior a estrutura do Benfica, achou que o Capdevila não tinha sido escolha dele, então não jogaria. Ora um treinador tem de respeitar o ponto 2 da minha análise e ele não o fez. Quis contratar o Yannick para provar que consegue fazer dele um grande jogador, para bem do Benfica? Apenas financeiro, com muitos riscos? Sim e por isso ele deveria se ir embora, embora a cláusula de saída dele funcione para os dois lados. Se ele sair contra vontade, terá de ser indemnizado no valor da cláusula de rescisão. Outro problema será, não sendo eu especialista e por isso medroso, arranjar uma alternativa em Portugal com capacidade para assumir com menor margem de erro possível a nossa equipa rumo à vitória.

Ponto 4: Adeptos - Que podemos dizer dos nossos adeptos? Vivemos em crise, somos pobres, temos muito afazeres, mas se só em Lisboa há mais de 1 milhão de benfiquistas, como é possível não termos 62 mil benfiquistas no estádio em todos os jogos? Estou a falar de 6% dos benfiquistas de Lisboa, fora os outros. Será que fazemos a nossa parte? Infelizmente eu não faço, pois nem sempre consigo ir, pois são 8 horas de viagem, dinheiro de transporte, mas 20% dos jogos em casa eu vou ver, fora os jogos do norte, em que não falho 1 (excepto no dragão por motivos óbvios).
Dizemos que somos 6 milhões, só em Portugal, e não conseguimos atingir os 300 mil sócios? Um adepto como eu, residente a mais de 50Km do perímetro da cidade de Lisboa, paga 25€/trimestre. 8,33€/mês. 0,30€/dia.
- Se encher um depósito na Repsol por mês dá cerca de 50 litros, dá 3€ de poupança por mês, mas há mais, muito mais em:
É apenas um exemplo que mostra que não fazemos tudo pelo nosso clube. Eu amo o meu clube quer ganhe, quer perca. Já ouvi barbaridades tão grandes como “se vier tal jogador rasgo o meu cartão de sócio” ou “se perdermos com esta equipa deixo de pagar as quotas”. Posso não gostar de pessoas que estão lá mas vou amuar e rasgar o cartão por cada decisão que não foi bem tomada? não vou ser sócio porque me custa pouco mais do que nada para o ser? Eu sei que há excepções e há pessoas que não podem mesmo e essas pessoas serão tão benfiquistas quanto eu, mas há muito casmurro que não o é por teimosia ou por preguiça…

300 mil socios a 100€/ano (o mínimo dos mínimos) = 30 milhões de euros
60 mil bilhetes a 10€ (mínimo dos mínimos para socio) x 20 jogos = 12 milhões de euros

Nota final: O Benfica é grande e tem problemas em diversas áreas. Não as queiramos imputar só a uma, muito menos a quente e só a partir daí é que poderemos imputar as culpas a terceiros (sistema, árbitros, menina bonita na bancada que distrai o nosso melhor jogador). A partir daí, O lobby ou Networking, se preferirem assim, é usado em todas as áreas porque não no Benfica?

Um abraço benfiquista que gostaria muito que o estádio da Luz fosse mais perto.

Crónica de uma morte anunciada

Avatar
 ●  50 comentários  ● 
Começo pelo fim. O Sporting foi um justo vencedor. As ocasiões de golo são quase praticamente todas suas. Jogou de forma inteligente e eficaz.

Artur confirmou com as suas palavras de que se há quem não mereça o que se tem passado são os jogadores. É triste ver uma equipa desamparada desta forma.

E de facto os jogadores não merecem, logo de início, um treinador medíocre como Jorge Jesus. Medíocre para o que se espera de um treinador do Benfica. 

Falha em todos os momentos chave. Não aprende nem emenda erros. Insiste nos métodos e tácticas que não resultaram. Não motiva os jogadores. Não antecipa. Não prepara. Não se adapta. 

Insiste em que sejam os jogadores que se adaptem ao que ele quer e não ele que se adapte às características dos jogadores que tem. 

As suas decisões na escolha de jogadores reflectem o seu espírito demasiado arrogante para alguém que não passava de um treinadorzeco de meia tijela antes de vir para o Benfica.

Coloca um Garay sem ritmo, um Luisão que esteve o jogo todo em dificuldades, um Emerson que é tão banal e tão burro como jogador que até se torna injusto para Emerson homem. É incapaz de tirar quem não está a produzir, mas sim retira quem não está no seu maior favor.

E há o resto que já foi repetido várias vezes por tanta gente, mas que nem JJ muda nem na direcção do Benfica alguém impõe mudanças. A equipa chega aos momentos chave com uma preparação física miserável. 

Desbarata uma vantagem de 5 pontos antes do jogo com os corruptos, pelo meio ainda despeja algumas bocas, e depois torna a perder em plena Luz perante o sapateiro Vitó.

Recebeu o melhor plantel e maior investimento dos últimos anos. Venceu um campeonato, e na última jornada. Ao contrário dos outros, vai ao Dragão podendo ser lá campeão e é derrotado sem espinhas.

Os interesses de quem tem servido JJ? Será que a troco de umas goleadas em jogos menores os adeptos do Benfica continuaram a defender um treinador que já mostrou que não quer evoluir?

E que dizer da arbitragem? NADA!

Não foi LFV que elogiou os árbitros quando tínhamos 5 pontos de vantagem? Não foi JJ que antes do jogo com o SCP disse que afinal até temos árbitros muito bons? Não foi o Benfica enquanto clube que endossou Vítor Pereira e Fernando Gomes, quer para a LPFP quer para a FPF?

Não é LFV que priva frequentemente com vários peões do sistema?

Então que razão há agora para justificar derrotas com arbitragens? Não era mais que previsível desde há muito tempo que isto iria acabar assim?  
Terão os benfiquistas da bancada algum dom especial para terem previsto tudo isto com tanto tempo de antecedência?

O que escrevi AQUI é mais verdade que nunca. 

Aconteça o que acontecer até ao fim deste campeonato, JJ terminou o seu ciclo no Benfica. Teve 3 anos com protecção total do presidente e falhou.

Quanto a LFV, insistiu sempre em ser ele a mandar em tudo, mesmo quando mostra incapacidade em liderar o futebol.
Por protagonismo ou por interesses obscuros que um dia se saberão, todos aqueles que se mostraram competentes, ele expulsou do clube. O exemplo do Veiga é gritante. Eu nunca gostei nem gosto do Veiga. Mas não mostrou trabalho? Resultados? Trapatonni com um plantel insuficiente, sem banco, aproveitou as dificuldades alheias e venceu. 

Quem encostou Rui Costa? Quem convidou Humberto Coelho para a estrutura do futebol do Benfica, mas impondo-lhe condições absurdas que saberia que ele nunca aceitaria?

Quem meteu dentro do clube peões do inimigo? O olheiro que diz que o 'Porto é uma religião'. O antigo director de comunicação do Braga! Onde anda o bufo? Quem foi responsável pelas fugas de informação com valores que permitiram que 2 jogadores quase contratados(Álvaro Pereira e Falcão) acabassem no inimigo?

Quem afasta o Benfica dos centros de decisão, quer nacionais quer internacionais enquanto outros enchem esses lugares de elementos seus?

Quem convidou para trabalhar no Benfica os Cervans e os Gomes da Silva, gente sem qualquer peso, influência ou capacidade agregadora? Gente que nem nos seus partidos são desejados. 

Quem boicotou uma candidatura conjunta SLB/SCP à FPF? Não foi o SCP, isso afirmo.

LFV não mostra vontade de lutar e acabar com o sistema. Antes, tenta viver entre ele. E isso será sempre fatal para o SPORT LISBOA E BENFICA. Adeus sr.LFV. 

Demita-se e convoque eleições para o fim da época. 

segunda-feira, 9 de abril de 2012

Cheirou a goleada!!!

 ●  66 comentários  ● 
Começando pela arbitragem... na minha opinião foram quatro a grande penalidades efectuadas neste jogo, duas para cada lado. A primeira do Gaitan é do tamanho do Mundo, a do Holandês também é penalti, ficou um penalti por marcar sobre Luisão aos 43 minutos e outro sobre o Holandês do Sporting, falta de Garay. Só um foi marcado e contra o Benfica, tem sido sempre assim durante o campeonato. Em relação a cartões, da forma como Luisão foi expulso, tanto Insua, Daniel Carriço e João Pereira seriam expulsos. Passo a enumerar:

  1. Aos 3 minutos de jogo foi perdoado um amarelo a Insua, mais tarde Insua joga a bola com a mão e nem falta, nem amarelo, que seria já o segundo;
  2. Aos 25 minutos  fica um amarelo por mostrar a Schaars por falta por trás sobre Gaitan, aos 39 Schaars leva amarelo, deveria ser já o segundo;
  3. Após o amarelo, Daniel Carriço faz mais duas faltas, que mantendo o critério sobre Luisão, seria expulso;
  4. João Pereira quando leva amarelo já levava quatro faltas no jogo, estive a contabilizá-las, mesmo depois do amarelo fez mais uma falta, que seguindo o critério sobre Luisão, seria o segundo e expulsão.
  5. Uma nota só para o Djaló, o árbitro não marcou três faltas claras sobre Djaló, uma delas igual ao penalti do Luisão sobre o Holandês.
Quanto ao jogo jogado, eu sou da opinião que o Sporting foi mesmo muito superior ao Benfica em todos os aspectos. Hoje o Sporting de Sá Pinto deu uma lição de bem defender e bem atacar ao mestre da táctica. O Benfica só conseguiu criar uma única situação de golo, quer dizer, quem a criou foi o Patricio e o central do Sporting  que se embrulharam, depois Insua tira a bola da linha de golo. Quanto ás do Sporting, perdi a conta e ainda levamos com uma bola na barra, sem contar com os vários ataques em que o Sporting poderia ter criado muito mais perigo, não fossem alguns passes mal efectuados no último momento.!!!! O Sporting poderia ter construído um resultado histórico e impensável antes do jogo!!

JJ é "burro velho", e burro velho mais vale "matá-lo" que ensiná-lo!!! A forma como escalou a equipa foi absurda!!! Eu sempre pensei que um dos centrais jogaria, para mim era o Luisão e que Javi teria de ser o central mas JJ quis colocar Garay ainda em recuperação. Foram notórias as dificuldades por que passou Garay durante o jogo todo. Depois, continua a insistir num meio campo só com um construtor de jogo, ou seja, basta marcar bem Witsel e o Benfica não consegue sair a jogar. Há muito que disse que na ausência de Aimar no apoio a Cardozo, no 4x2x3x1, tem de jogar Gaitan ou Bruno César, mas não, colocou o Rodrigo a tentar vir buscar jogo atrás, de costas para a baliza, quando ele é forte a descair nas alas, em diagonais ou a furar a defesa com bola controlada. O problema de JJ é que não consegue entender as posições e os movimentos que beneficiam o jogo dos jogadores. Toda a gente vai falar que Djaló é ridículo e não se que mais, eu digo que Djaló é perigoso quando colocado como segundo avançado, jogando móvel e nunca encostado a uma faixa do terreno. Gaitan joga muito melhor colocado na direita, mas hoje jogaria Nolito na esquerda e Gaitan no meio.

Ando a dizer isto há quase três anos, o problema do Benfica nunca foi o Quim, o Roberto ou outro guarda-redes qualquer, o problema do Benfica é que simplesmente não sabe defender, quando falo em não saber defender, não me estou a referir á linha defensiva, estou a dizer que o mau posicionamento começa logo no meio campo. Somos um equipa que a defender não antecipa nada, reage e por vezes vemos os jogadores do Benfica a recuar no terreno em completo pânico e sem saber o que hão-de fazer. No Benfica, a pressão alta ou até qualquer tipo de pressão simplesmente não existe e quando existe é sem mal feita de forma que na maioria das situações de pressão os nossos adversários conseguem sair a jogar com relativa facilidade.

Para mim JJ está esgotado!!! Não consigo ver evolução quase nenhuma na equipa, sem falar que JJ falhou TODOS OS MOMENTOS DECISIVOS, tirando a Taça da Liga!!

Outro que está esgotado é Luis filipe Vieira!!! Fez um bom trabalho na estruturação do clube e em termos empresariais é um excelente presidente, mas na defesa dos interesses do Benfica tem sido uma nulidade completa!!! Hoje tive de assistir, mais uma vez, ao desabafo de um jogador do Benfica, neste caso de Artur, que se ouvirem bem ele quase que diz que quem deveria falar era a direcção e não ele mas como a direcção não os defende, prefere defender a seu apoio ao Fernando das escutas, eles têm de exteriorizar o que lhes vai lá dentro.

Ao Sr. vieira eu peço-lhe que faça um favor ao Benfica e não se recandidate!! O resultado dos apoios ao homem das facturas, aquele que aparece nas escutas, foi, certamente, a perda de mais um campeonato!! O Sr. Presidente é,sem dúvida, o maior responsável numa eventual perda deste campeonato, logo de seguida vem o JJ!! Já agora JJ, como achas que é com muito avançados que ganhas jogos ou que goleias sempre, porque não colocares uma equipa só com avançados?

Hoje foi humilhante ver aquela equipa da tanga fazer da nossa equipa gato-sapato...

Para alguns já sei que me vão bater como se não houvesse amanhã e vão agarrar ao penalti sobre Gaitan e aos outros roubos, mas eu pergunto-lhes... Porque Vieira não defende a equipa do Benfica? Será que o Benfica é mais importante que um apoio que em nada beneficiou o Benfica? Olhem, o castigo do Aimar é dedicado a Vieira e todos aqueles que acham que está tudo bem!!!!

Uma palavrinha para o Emerson que hoje fez um excelente jogo!!! Eu teria colocado o Cap que tem estado bem, mas que Emerson hoje jogou bem, jogou!!!


À Benfica

 ●  9 comentários  ● 
Portugal, 9 de Abril de 2012

Começo por referir que apesar do título poder ser sugestivo, este texto não versa sobre o próximo jogo com o SCP, mas sim sobre o jogo da 2ª mão dos quartos de final com o Chelsea, que perdemos por 2-1.

Antes do jogo e perante um enorme conjunto de contrariedades, que incluíram a indisponibilidade dos defesas centrais, com implicações também na constituição do meio campo, escrevi um texto que apelava aos jogadores que tivessem “personalidade de equipa, rigor na interpretação do esquema de jogo e total entrega até à última gota de suor”. O que verificamos na exibição da nossa equipa foi que para além disso tudo, os jogadores acrescentaram paixão e talento, resultando uma exibição de grande qualidade. 

Como atestam as estatísticas: fomos, a equipa que mais remates fez à baliza adversária (20), à frente de Real Madrid (19) e Barcelona (17). Se considerarmos os remates enquadrados com a baliza, continuamos os melhores, a par de Real Madrid e Barcelona todos com 8 remates. Bayern com 7, APOEL e Chelsea com 4, Marselha 3 e Milão com... 1. Na posse de bola repetimos os 50% da 1ª mão, à frente de Milan (40%) e APOEL (36%). No Bayern - Marselha também houve 50% para cada lado. Se considerarmos que estes dados foram obtidos jogando com 10 jogadores durante 50 mn, mais relevantes se tornam.

Por último nas faltas efectuadas, fizemos 11, mais que Real Madrid (10), Barcelona (9), Bayern (8) e Marselha (10). O Chelsea fez 17...

A generalidade da comunicação social foi unânime no reconhecimento da qualidade da exibição benfiquista, a somar a uma má arbitragem onde prevaleceu o princípio “na dúvida favorecem-se os mais fortes” (tal como havia acontecido na 1ª mão), dando a ideia que tal como cá, as regras na UEFA regem-se por bitola extra futebol, como por exemplo o poder económico ou importância mediática. Por cá prevalecem os interesses do FCP como se sabe.

Fomos eliminados mas foi-nos atribuída mais uma vitória “moral”, que vem de encontro a boa parte da nossa história recente: jogamos bem mas isso não chega para atingir os objectivos. Falta-nos sempre qualquer coisa. Ou é um erro individual ou quando não vislumbramos esta hipótese, dizemos que tivemos azar. 

Penso que voltou a estar bem presente o que referi após o jogo da 1ª mão: ao Benfica sobra em generosidade e lealdade ao jogo, o que falta em malícia e anti-jogo. Mais uma vez o Benfica dominou o jogo com a excelência do futebol dos seus jogadores, de onde resultou (1) o encaixar do adversário atrás da linha da bola, (2) de onde resultou maior aglomeração de jogadores no nosso percurso atacante, restringindo as linhas de passe, (3) o que implica pensar o jogo mais rápido e executá-lo com mais velocidade. 

Ora estes aspectos são, normalmente, inimigos da eficácia, pois o jogo nem sempre pode ser pensado rapidamente e executado tal como foi pensado. O que quer dizer que o Benfica domina o jogo mas sem conseguir tirar partido desse domínio, dessa excelência de futebol praticado. E como prova, o nosso golo foi marcado de bola parada e não de bola corrida.

Penso que deveríamos trabalhar mais as opções de jogo que permitissem embalar mais o adversário, obrigá-lo a correr mais para a nossa zona de meio campo de modo a podermos depois explorar o espaço nas costas dos seus jogadores mais avançados.

Não é fácil criticar modelos de jogo e com isto não quero beliscar a enorme exibição de carácter, de talento, de paixão, de entrega, que os nossos jogadores e equipa técnica conseguiram produzir em condições tão adversas. É algo que nos deve encher de orgulho, mas não nos pode desviar da realidade fria dos resultados desfavoráveis. 

Embora esta época, ao contrário da anterior, a nível da Champions possamos dizer que o balanço foi muito bom. Recorde de receita arrecadada (quase 20 milhões), 6 vitorias e apenas 3 derrotas em 14 jogos, 3ª melhor equipa da prova até aos quartos de final. Não foi mau de todo mas se corrigirmos certos pormenores, quem sabe conseguimos aquilo que ambicionamos: voltar a uma final da Champions?

Lagartada - Sport Lisboa e Benfica

Avatar
 ●  13 comentários  ● 
Desde já um aviso: o termo lagartada não pretende insultar ninguém. Trato por lagartos os sportinguistas que conheço assim como eles me chamam de lampião.

Este é o jogo capital desta época. Vai marcar o que pode ser um final de euforia ou um fim de época deprimente.

Ao contrário do que leio e ouço, eu não quero nada um Benfica à imagem do que jogou em Londres. Esse perdeu, lembram-se?

Quero sim um Benfica focado, concentrado e com a consciência da importância que tem vencer em Alvalade hoje.

O meu palpite para o onze a lançar por JJ: Artur, Maxi, Luisão, Garay, Capdevila, Javi, Witsel, Bruno César, Gaitán, Rodrigo e Cardozo.

Os centrais apenas escolhi com base nos convocados. Como parece que JJ encara Nelson Oliveira como substituto no lugar de Cardozo, a sua escolha deverá recair sobre o Rodrigo. As exibições de Capdevila não deixam qualquer dúvida sobre quem deve ser o escolhido para defesa esquerdo.

Claro que isto vale o que vale. Nada. O que tem que se esperar é que sejam quem forem os escolhidos, o Benfica vença. É o único resultado aceitável para ainda acalentarmos alguma esperança.

Fora de campo, o árbitro secreto parece que é o palhaço ASD. Um filho do sistema. Nada de bom se pode esperar dele.

Apelo ao bom senso dos benfiquistas que vão estar em Alvalade para não alimentarem altercações ou distúrbios. Isso apenas serve os corruptos. 

Força Benfica! 

Como a violência faz parte do jogo na doentia mente dos "andrades"

 ●  7 comentários  ● 
"Achamos estranho isto ter acontecido nesta altura e, além disso, o facto de o verde ter sido a cor utilizada. O Sporting não está a lutar por nada com o FC Porto, e não temos quaisquer registos de problemas com os seus adeptos." 
Responsável pela núcleo do Grémio da Fruta em Coimbra

São muito interessantes estas declarações, não são? De alguns dias para cá, as Casas do SLB também têm sofrido danos, registanto também a cor verde... Será que a JuveLeo se revoltou? Será que o Sá Pinto já anda a espalhar "a palavra" pelos adeptos? Olhando a estas palavras existe aqui o típico pactuar "andrade" com a violência e a intimidação, como se fossem regras do jogo. O Sporting não está a lutar por nada com o FCP, logo é incompreensível. Mas se tivesse, aí já seriam "danos colaterais". Mais: como as Casas do SLB também têm sido vandalizadas, deduzimos pela escolha de palavras deste responsável que muito provavelmente tratam-se de actos levados a cabo por portistas, uma vez que estão a lutar connosco por um objectivo...
Para finalizar, a mentalidade servil que o "andrade" impõe ao lagarto, ao estranharem o verde, pois não há problemas com eles... Doentia a mentalidade desta gente!

domingo, 8 de abril de 2012

Como é enorme a nossa História!!!

 ●  8 comentários  ● 
A propósito de jogo de amanhã contra o clube cujas camisolas têm a cor do RANHO, convém recordar  vitórias,  traições e canalhices antigas.

Época 1909/10

Nesta primeira conquista,
A malta não se despista
E o Benfica bate a asa,
Foi na época nove e dez
Vence os Leões dupla vez
Tanto fora como em casa

Com dois a zero em casa
O Benfica bate a asa
Ao vencer esta aposta,
Mas no covil dos leões
Que mantinham ilusões
Dá-lhe quatro sem resposta

Falando da sua claque,
Que nem pensava em empate
Mas ganhar e ir na frente,
Em vez de torcer que parta,
Era uma imagem de marca
Na vida daquela gente

Com esta forma de estar,
A claque a ver jogar
Com espírito de conquista,
Deu origem a nascer,
E com o tempo a crescer
A tal mística Benfiquista

Daí nascer a versão,
Com alma e coração
E porque a equipa capricha,
Era o adágio do povo
Só faltar em qualquer jogo
Um quarto de hora à Benfica.

Benfica, ó Glorioso,
És o ídolo do povo
Onde quer que vás jogar,
Com bairrismo e alegria,
Te seguimos por magia
Sempre prontos a apoiar.

Perante esta afirmação,
Feita com toda a emoção
Que ninguém leve a mal,
Com tal determinação,
Era a melhor formação
Que havia em Portugal.


    1915  (nova sacanagem do ceportém...)

Por melhor que a coisa corra
E por mais que se promova
Nada tem eternidade,
Sempre depois da bonança,
Em que o povo canta e dança
Vem sempre a tempestade.

Perdeu Álvaro Gaspar,     ( por doença grave)
Uma lenda de pasmar
Do futebol Português,
Como isso não bastou,
O Sporting atacou
E então levou mais três    (
Em Março de 1907 roubaram-nos 8)

O vizinho de Alvalade,
Senhor de imoralidade
Que sempre a corda estica,
Nunca há duas sem três
O Sporting mais uma vez
Reforça-se no Benfica.

Leva o melhor da dianteira
Sendo Artur José Pereira
O melhor de Portugal,
Foi o primeiro Português
Com salário fixo por mês
E prioridade no banho especial

Este banho especial
Era novo em Portugal
Do Algarve até Caminha,
Sendo caro e muito bom
Era luxo de ocasião
Que só o Sporting tinha

Com esta atitude malvada,
O Sporting violava
O contrato celebrado,
E ainda por sua vez,
Dá-lhe trinta escudos por mês
Um chorudo ordenado

Esta baixa atitude,
Não caiu bem no clube
E criou tais confusões,
Que o nosso Glorioso
Com o todo poderoso "$"
Cortaria relações.
------------------------------------------------------
retirado do livro O GLORIOSO

O Olegário tentou....

 ●  27 comentários  ● 
Nós temos vindo a alertar para a importância de o Braga ser campeão este ano... Hoje, curiosamente assistiu-se a uma arbitragem que em caso de dúvida decidia sempre a favor............. do SCBraga, pois claro.

No final, o Leonardo Jardim falou pela primeira vez no "objectivo título" e na possibilidade de "ainda subirem um lugar" (para 2º, portanto).

Ganham vital importância os jogos com o Marítimo e SportingCP - por parte do SLBenfica e FCPorto (como mandam as regras da corrupção, sempre com o SLBenfica a defronta-los primeiro para que os corruptos beneficiem do cansaço, mazelas e castigos...).


ranking