O Novo BlogGeraçãoBenfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Um espaço de opinião individual, alheio a quaisquer interesses individuais ou colectivos.
Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


Qual vai ser o resultado do Derby?

quarta-feira, 2 de novembro de 2016

Avatar

Os jogos que faltam são fundamentais mas temos todas as razões do mundo para estar optimistas.

 ●  + 6 comentários  ● 
O Benfica venceu ontem o jogo com o Dínamo de Kiev. Foi justo e mais uma vez o que se destaca é a alma que esta equipa tem em todos os momentos do jogo. O penalty defendido por Ederson foi a expressão máxima dessa alma. O maior trunfo do Benfica é essa alma aliada a um sentido prático enorme. Utilizam cada metro do campo de forma inteligente.

Mas que fiquem longe as euforias ou as manias de que somos imbatíveis. A equipa continua com algumas fragilidades e em alguns momentos parecia estar a ver o mesmo filme do jogo com o Besiktas.

Se por um lado Luisão demonstra uma confiança em campo que parecia já irrecuperável e beneficia a equipa com isso, não deixa de ser evidente que frente a jogadores rápidos precisa de grande cobertura. O outro problema que vejo é a falta de combatividade do meio campo. Temos Fejsa preparado para isso(recupera homem!!) mas os restantes jogadores daí para a frente ainda estão a aprender a desempenhar essas funções.

Mitroglou esteve mais “zarolho” mas realiza um trabalho de combate e desgaste para o qual não temos mais ninguém com essas características. Gonçalo Guedes só precisa de aprender a libertar a bola em alguns lances do jogo e será mesmo um craque. Cervi tem muita garra e sentido de baliza. Salvio não dura o jogo todo mas parece aguentar melhor jogando mais por dentro e aí o seu futebol sai valorizado.

Lindelof está um central top, Ederson não deixa dúvidas de que é o dono do lugar, Semedo parece finalmente estar no caminho interrompido com a lesão do ano passado. Grimaldo torna a comprovar que é muito bom no plano ofensivo, mas desculpem os mais sensíveis, continuo a achar o espanhol mediano a defender. Para finalizar a grande paixão de alguns: Pizzi. Faz fluir melhor o jogo do que acontecia alguns jogos atrás, parece estar mais confiante com o lugar que agora ocupa no campo, mas ainda está longe de ser o 8 que precisamos.


Os jogos que faltam são fundamentais. Temos todas as razões para estar optimistas.

6 comentários via blogger

  1. Louvado seja esse discurso. Que já não é de extremismo. Nem nunca foram deuses no relvado ou inúteis como tantas vezes pintaste.

    ResponderEliminar
  2. mil novecentos e quatro02/11/16, 15:13

    Serei o único a achar que o Salvio está a voltar a um nível muito baixo e que talvez se justificasse a aposta num outro jogador?!



    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nao és o unico. Para mim Salvio é um jogador determinante no Benfica, mas ontem devia ter saido aos 60 minutos para entrar o Carrillo

      Eliminar
    2. Tivemos a substituição por lesão de Fejsa por isso considero correcto Salvio não ter saido. Mais tarde a opção por A. Almeida também foi acertada.

      Eliminar
    3. Tivemos a substituição por lesão de Fejsa por isso considero correcto Salvio não ter saido. Mais tarde a opção por A. Almeida também foi acertada.

      Eliminar
  3. Grimaldo já vai de banal a mediano. Está a melhorar; Pizzi de cepo a fazer fluir melhor o jogo: Bem também.
    Mas a melhor tirada é esta: "Salvio não dura o jogo todo mas parece aguentar melhor jogando mais por dentro e aí o seu futebol sai valorizado."
    Shadows à Jota Jota. Imparável! O Salvio que arranje uma cama quando vier para zonas interiores! :)

    Falando mais a sério. O Benfica fez um jogo medíocre com muitas perdas de bola e sem ser capaz de a segurar por largos períodos de tempo.

    ResponderEliminar

Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado.

Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado.

artigos recentes