O Novo BlogGeraçãoBenfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Um espaço de opinião individual, alheio a quaisquer interesses individuais ou colectivos.
Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


Qual vai ser o resultado do Derby?

segunda-feira, 4 de abril de 2016

Avatar

Braga e Bayern: a desilusão que os outros procuram que tenhamos.

 ●  + 24 comentários  ● 

A grande esperança de quem quer ver o Benfica tropeçar era o Braga. Foi uma desilusão para muita gente.

Foram cerca de 15 dias em que foi repetido até à exaustão que o Benfica merecia estar em primeiro mas que a equipa que jogava melhor futebol era o Braga.

O jogo até começou mal com uma perda de bola de Jonas que deu em contra-ataque e bola no poste. Alguns minutos depois nova oportunidade para o Braga mas a bola vai pelo ar.

Acabou aí a ambição do Braga em ganhar o jogo. Porquê? Foram ultrapassados pelos acontecimentos. Os golos.

De certa forma, fez-me lembrar a derrota em casa frente ao Sporting. O Benfica não entrou bem mas a diferença é que teve colectivo, teve a sorte do jogo naqueles lances iniciais,  e teve uma ambição enorme em ganhar o jogo. Os golos e a exibição foram um reflexo disso.

Isto apesar de:

- Um Gaitan em baixa

- Um Pizzi que até ao golo brilhante que marcou perdia mais bolas ou lances do que ganhava

- Um Jonas que por mais boa imprensa que tenha não só perdeu lances e bolas(uma delas deu a bola na barra do Braga) até ao passe de costas que depois deu no remate para o terceiro golo como ainda consegue passar ao lado de grande parte das jogadas de ataque só aparecendo na segunda parte depois de o Braga já estar destroçado (Já agora vejam lá se o Jonas passa ou não a bola ao Mitroglou no quarto golo. Em vez de passar remata e depois fica impávido perante o golo do colega até o grego o procurar para festejar)

- De um Eliseu que perdeu umas 3 ou 4 bolas de forma completamente ridícula demonstrando uma falta de concentração enorme.

No entanto, como colectivo foram eficazes, quase brilhantes.

Mas quem tem um desbloqueador de defesas como Mitroglou provavelmente vai-se dar muito bem.

Alvalade, Mata Real, Restelo ou Estoril foram alguns dos campos tradicionalmente difíceis em que o grego desbloqueou com os seus golos jogos que se anteviam complicados.

Em especial o jogo com o Sporting que Mitroglou foi fundamental para neste momento estarmos com a crença de que o 35 pode mesmo ser real!

Quero voltar a destacar é Rui Vitória. Merece esse destaque em especial num momento em que vai enfrentar uma das melhores equipas do mundo na Champions.

Não, não vamos entrar derrotados à partida. Não, não estou convencido de que o Bayern tem a eliminatória na mão. Um benfiquista de gema tem sempre a crença de que o Benfica pode ganhar em qualquer campo do mundo. Era disso que, por exemplo, Graeme Souness se queixou quando passou pelo clube.

Eu sou desses. Para mim é sempre possível vencer em qualquer lado porque somos o Sport Lisboa e Benfica.

E volto a Rui Vitória. Teve os seus momentos tácticos menos bons esta temporada, mas a equipa tem melhorado imenso nesse capítulo e a campanha na Champions tem beneficiado desse acerto.

Inventou jogadores em que mais ninguém pegava quando Vieira lhe negou reforços de qualidade e o obrigou a fazer a pré-temporada com jogos de madrugada, estruturou a equipa à volta de peças chave, e por isso pode chegar de cabeça erguida a esta fase da temporada.

Amanhã estar em Munique com o cachecol do Benfica será um orgulho para todos. Estar a ver na TV o Benfica nuns quartos de final da Champions é como regressar ao nosso lugar.

A táctica para enfrentar o Bayern será o problema, mais um, para Rui Vitória resolver.

Mas ninguém nos tira essa crença, essa ilusão, de que nem sempre é o “melhor futebol” ou a “equipa de alguma imprensa” que vence.

Amanhã o mundo do futebol vai estar a olhar para o Sport Lisboa e Benfica, equipa com uma tradição quase ímpar entre os melhores do mundo.

Estar à altura dessa história é o desafio. Não foi sempre assim no passado?

24 comentários via blogger

  1. Ele passaa bola ao mitro com a parte exterior do pé direito e o redes ainda lhe toca. Não sejas inácio, revê o lance e respeita o pistolas, sff

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não inventes. Está no direito dele de querer marcar. Mas não venham é dizer que ele passa a bola porque não é verdade.

      Eliminar
    2. Caro Shadows, já roças o ridículo, com essa perseguição. Dizes, com razão, que o Benfica não é idolatrar um jogador, mas tu próprio cais nessa armadilha, elogiando Mitroglou, na vontade de denegrir Jonas.
      Obviamente, Jonas quer passar a bola, até eu do outro lado do estádio vejo isso.
      Abraço
      Pedro B.

      Eliminar
    3. Que doença!
      Sempre a chover no molhado!
      Já dizia a minha avó, "Cada um vê o que quer ver..." No que toca ao Jonas, só vês maldade... Não há maneira de gostares do homem! Craque, ainda por cima...!

      Eliminar
    4. http://www.dailymotion.com/video/x41eyuk#video/x41ez3l

      és mesmo capaz de dizer que o jonas quis rematar? Ve a posição do corpo e a parte do pé que toca na bola. Sê honesto e reconhece o erro. Como não sou um lagarto qualquer, já sei que não vais publicar isto

      Eliminar
    5. Claramente é um passe do Jonas, que até olha e tem o corpo virado para Mitroglou no momento do passe. E claramente ele dirige-se para os adeptos à espera do golo para festejar. A maneira como ele acolhe os colegas e o Mitroglou nos festejos também fala por si. Se ele quisesse rematar (e tinha todo o direito como diz o Shadows, aliás até penso que seria o mais lógico, visto a cerimónia que foi para o Mitroglou marcar), a bola nunca teria ido em direcção ao Mitroglou, como nota-se que foi quando saiu do pé do Jonas.

      Eliminar
  2. De q se qeixou o graeme souness? MCosts

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. De que os benfiquistas acham que o clube tem o direito divino de ganhar todos os jogos.

      Eliminar
    2. Das bolas do Thomas!

      Eliminar
  3. Tu dás as 10 ao meio dia, só pode.
    Ainda bem que és benfiquista.

    ResponderEliminar
  4. "Em vez de passar remata e depois fica impávido perante o golo do colega até o grego o procurar para festejar."

    Podes ter a opinião que quiseres, mas por favor respeita as pessoas que ainda se dignam a ler este blogue. O que está escrito a cima é ridículo, estapafúrdio e és a única pessoa no planeta terra a dizer tal idiotice.
    Não gosta do homem? Tudo bem! Ultrapassa a situação ou procura apoio.

    joao silva

    ResponderEliminar
  5. Mas sobre que jogo é que tu escreveste?
    Sobre o Benfica-Braga, da passada sexta-feira, não foi de certeza. Ou então, deves ser o único, dos 60 mil que lá estiveram, que vai a marchar com o passo certo...

    ResponderEliminar
  6. criticar Jonas não, já chega. 30 golos.

    ResponderEliminar
  7. Sem treinador e com o coxo do Jonas até não está a correr mal esta época.

    ResponderEliminar
  8. Imaginem esta equipa nas mãos do "cérebro"...

    ResponderEliminar
  9. Águia Preocupada04/04/16, 21:59

    Quem marca os golos pouco me importa! Eu quero é que o Benfica ganhe!
    Como disse o Ricardo Gomes:

    "Foi com o braço? Nem que fosse com a bunda da Roberta Close!"...

    Desde que sejam legais, seja com o joelho, com a cabeça, com o pé, de ressalto ou de jogo corrido, quero golos que dêem victórias!
    Quanto ao que os adversários desejam?! Que se danem... Eu também quero que eles percam sempre...
    Amanhã, não vai ser fácil e é bom que tenhamos os pés bem assentes na terra. Mas uma situação ninguém nos tira: O mérito de estar lá! Erikson colocou no mapa o Goteborg e a ele próprio! Porque ganhou mas também porque esteve lá!
    E nós amanhã estamos lá! Temos tudo a ganhar e nada a perder! E no futebol há três resultados possíveis! E se obtivermos o pior deles, paciência... Estamos lá e mostramo-nos ao mundo! E como ser benfiquista é ser grande e ter esperança, até ao final do segundo jogo temos que acalentar essa esperança! Que ela, a esperança, seja a última coisa a morrer!

    ResponderEliminar
  10. Se o Jonas marcar ao Bayern, o que irás tu inventar?...

    ResponderEliminar
  11. O Jonas não passa ao Mitro no lance do 4º golo?
    Todos temos o direito de embirrar com este ou aquele jogador.
    Reconheço que ao longos das várias décadas em que sigo o Benfica também já embirrei com este ou aquele jogador. Mas essa embirração passava-me logo quando esse jogador fazia algo de bom em prol da equipa (não era preciso marcar 30 golos, sequer marcar 1 golo ou sequer fazer uma assistência para golo).
    O que eu nunca fiz, e acho ridículo que alguém o faça, é embirrar por embirrar. Embirrar quando erram e embirrar quando marcam golos, quando são decisivos, quando marcam golos.
    Isso é Ridículo!
    Isso já não é do foro do futebol.
    Como já alguém disse aqui, "procure apoio".
    Fico a torcer para que consiga ultrapassar a situação.
    Cumprimentos Benfiquistas,
    CP

    ResponderEliminar
  12. Porra Shadows, já é demais! Que mal te fez o Jonas?
    Abraço.

    ResponderEliminar
  13. Qd partes para a análise dentro do campo, sinto vergonha alheia do que escreves. Criticas provavelmente os jogadores que melhor em forma têm estado. Volta para a guerra contra o Vieira pq assim desprestigias o blog e a nação SLB com análises tão deficientes. (Desculpa a dureza mas é isto que me vai no coração)

    ResponderEliminar
  14. mesmo assim o gaitan em baixa, o que até é natural pelas lesões, vale mais que muitos foi dele o corte que esta na origem do primeiro golo, é dele o passe longo no terceiro, não marcou porque acertou primeiro no mitroglou e depois duas vezes no guarda redes e depois é dele o passe a isolar o jonas no quarto tomara todos fazerem o que ele fez.
    neste jogo o jonas até tem desculpa chegar em cima do jogo sem treinar é sempre difícil já o cardozo nestas situações tinha muitas dificuldades.

    ResponderEliminar
  15. Bem, estiveste alguns dias a seguir ao intervalo do jogo para diluires isto. Incrível. Começas a entrar num ciclo difícil.

    Viveu-se um ENORME MOMENTO NA LUZ. Eu estive lá e senti-me muito grato pelo que a EQUIPA E ADEPTOS demonstraram. Humildade e Gratidão. O Jonas fez um jogão.
    Obrigado Benfica pelos excelentes momentos vividos na catedral.
    Teremos sempre alguns post's controversos para serem replicados, é assim a vida.
    Carrega Benfica já temos Coimbra de Vermelho.
    Eu acredito neste Benfica...

    ResponderEliminar
  16. Passas os limites do ridículo ao falar do Jonas. Eu não percebo é o porquê de ele querer passar ao Mitro ou a qualquer outro. Estava 3-0, só tem é que tentar meter golos para a bota de ouro.

    ResponderEliminar
  17. Por acaso tive uma relação de amor-ódio com dois jogadores recentes do Benfica (Cardozo e Maxi)... Entendo que se tenha uma relação de ódio com o Jonas. Mas a determinada altura, temos de nos saber calar.

    Podemos continuar a detestar o tipo, mas se o contributo de tal jogador é incontornável, não falamos nele e pronto. Continuamos na nossa.

    O Shadows é aquele tipo inteligente que todos conhecemos, é jocoso e bom rapaz, sabe muito de coisas obscuras e sujas, mas acha que já chegou a um patamar onde à sua volta já ninguém lhe ensina nada.

    O jogo evoluiu. Evoluiu com ele e não digas as barbaridades como as que disseste do Pizzi e sobretudo do Jonas.

    ResponderEliminar

Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado.

Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado.

artigos recentes