O Novo BlogGeraçãoBenfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Um espaço de opinião individual, alheio a quaisquer interesses individuais ou colectivos.
Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


Qual vai ser o resultado do Derby?

quinta-feira, 15 de outubro de 2015

Avatar

O retrato de um certo Portugal sabujo.

 ●  + 42 comentários  ● 

No seguimento do post do Redmoon (cujo regresso à escrita saúdo), nunca escondi e a partir da sua segunda temporada no Benfica, que Jorge Jesus estava a desagradar-me como treinador e como gestor de um grupo com o valor e custos que o plantel do Benfica tinha.

No NGB nunca me coibi de dar a minha opinião sobre o treinador Jorge Jesus, os seus resultados(ou falta deles), a forma como tratava todos dentro do Benfica  e o prejuízo financeiro que as suas opções íam causando ao clube.

Alguém já contabilizou os milhões de euros perdidos com as miseráveis campanhas na Champions, por exemplo?

Mas discordo de quem insiste em dissociar o treinador Jorge Jesus da pessoa Jorge Jesus. São o mesmo e indissociáveis.

Mas nesta altura, até serei mais crítico é para a estrutura do Benfica que para o próprio Jorge Jesus. Foram eles que permitiram toda a liberdade de que o treinador gozou dentro do clube.

Foram os mesmos que sistematicamente enxovalharam quem expunha o que Jorge Jesus realmente era. Quando um exemplo de profissionalismo e benfiquismo como Shéu foi enxovalhado publicamente, foram eles que não exigiram um retratação pública do que esse crápula tinha feito a Shéu.

E por isso hoje quando esses vêm atacar Jorge Jesus publicamente, mostram os escroques que são. Gente sem amor ao clube e ao seu superior interesse, mas com muito amor ao seu cheque e ao populismo nojento que infecta muita organizações.

Refiro-me a João Gabriel ou Pedro Guerra, cujos discursos públicos a desmentir o que hoje confirmam foram recorrentes. Mas também me posso referir a outros responsáveis do clube que preferiram calar a exigir a defesa do clube.

Na verdade, só Rui Gomes da Silva ousou colocar em causa Jorge Jesus e a sua liberdade de acção dentro do próprio clube. E por isso foi afastado da SAD.

Em última análise, Luis Filipe Vieira foi sempre quem garantiu a Jorge Jesus que poderia fazer tudo o que queria.

Se o Benfica terá ou não razão no que alega, o futuro o dirá. Mesmo com a minha opinião sobre Jorge Jesus, não quero acreditar que tenha sonegado informação ou software de sua iniciativa.

Mas se o fez, que os tribunais o possam decidir. As minhas discordâncias com o ex-treinador do Benfica sempre estiveram relacionadas com a sua gestão.

O que deveria preocupar os adeptos do futebol português é que não há organismo que faça os dirigentes estarem calados. Quem não lhes permita inflamarem os ânimos.
O nível do dirigismo em Portugal está ao nível do país: muito baixo.

Daí que não haja um líder que venha a público mandar calar todos os incendiários que procuram o conflito.
Quer Fernando Gomes quer Pedro Proença são dirigentes fracos, demasiado comprometidos com cumplicidades perigosas e por isso sem autoridade moral para imporem nada além da vontade de terceiros.

Alguma da franja de adeptos de futebol é também parte desta festa, trágica diga-se. Dizem-se muito diferentes dos outros, mas utilizam a mesma linguagem baixa, rasteira, replicando o mesmo nível de ofensas e calão que criticam nos outros.

Reclamam liberdade, mas exigem para o seu clube a mesma falsa democracia que observam nos outros.

Apontam falta de objectividade e capacidade de auto-crítica nos rivais, mas são incapazes de olhar primeiro para o que o seu clube pode fazer melhor. A evolução começa sempre dentro de casa e não fora dela.

É um retrato de um Portugal atrasado, saloio, e que é obrigado a evoluir só quando sai para o estrangeiro.

Este conflito entre Benfica e Sporting não nasceu agora nem com a mudança de Jorge Jesus para Alvalade. Começou muito antes, nos bastidores de um futebol bafiento, podre, cheio de gente falsa.

Enquanto isso não for sanado, hoje são os almoços ou Jorge Jesus. Amanhã será a velocidade na Segunda Circular ou a quantidade de sol que ilumina o relvado. Desculpas para manter um clima de guerra.

Noutro país, estes dirigentes ou paineleiros incendiários seriam afastados pelos seus pares.
Em Portugal, a franja azeiteira bate palmas ao conflito. Até alguém sofrer as consequências físicas dessa fogueira.

Depois acontecerá o mesmo que aconteceu a quem elegeu Vale e Azevedo e aos 38% que nele votaram quando foi derrotado por Vilarinho: não foi ninguém.

 

42 comentários via blogger

  1. grande texto Shadows parabéns.
    R

    ResponderEliminar
  2. Parabéns pelo sentido critico.

    ResponderEliminar
  3. João Carlos15/10/15, 17:03

    Olha GB, podes ser mais específico e dizer concretamente quando é que afinal este conflito começou? Este sermão do redmoon colocou-te no sítio pelo que posso constatar. Pelo menos ja admites que não foi o Bruno no prolongamento que começou isto tudo.

    E se havia ja alguma coisa antes do final da época não se notou muito, pelo menos até à festa do campeonato nem nunca foi falado

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. João Carlos15/10/15, 19:08

      Pareceu-me um texto mais lúcido e pensei que fosse o GB (li mal).

      Peço desculpa Shadows

      Eliminar
  4. MAIS UMA VIRGEM OFENDIDA?
    "Presidente do Vilafranquese lamenta atitude do Sporting. LEÕES REJEITARAM CEDÊNCIA DE PARTE DA RECEITA"

    Aos poucos se vão vendo os princípios dos ditos DIFERENTES E ELITISTAS "Faz o que eu digo, mas não o que eu faço".

    Cumps.
    Zé dos nenucos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Eliminar
  5. entao se JJ enquanto pessoa nunca foi apreciado, quando ele supostamente defendeu o adepto da policia foi o que? é que na altura vi uma grande onda de solidariedade para com ele, quando ele faltou claramente respeito á justiça. era o JJ amigo dos adeptos e cenas, era o treinador que dava a cara quando devia ser o LFV e o mais parvo aqui é que com estes filmes todos o Rui vitoria no meio disto tudo e o que' com o benfica a querer perseguir o antigo treinador, que respeito ha aqui? quando foi com o Marco Silva tambem vi aqui que eramos isto e aquilo porque coitadinho do marco nao merecia. Parece-vos mal quando sao confrontados com a verdade, parece-vos mal quando alguma coisa nao está alinhavada convosco é a isso que estão habituados, é a serventia constante para passar o "maior" de portugal. Aqui o que está em causa é nao haver 2 pesos e duas medidas é por isso que Bdc tem falado tanto.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Referi-me a esses episódios no devido momento.

      Queres falar nos gastos astronómicos do Sporting na última década? Na vassalagem nojenta ao FCP? No processo de venda do Moutinho ou de aquisição do Miguel Lopes? Ou o Sporting só nasceu em 2013?

      Eliminar
  6. Foi essa liberdade dada pela estrutura que sempre me aborreceu.
    JJ é um bom treinador mas muito fraco noutros aspectos para ter essa liberdade toda.

    ResponderEliminar
  7. Eu contabilizei os milhões que perdemos com as miseráveis e cheguei a conclusão que foram 0 pois nenhum outro treinador obteve melhor! Campanha miserável seria estar habituado aos quartos e ficar pela fase de grupos... Não estar habituado a ir e passar a ir não é bem a minha definição de miserável. Se estou habituado a ganhar 5 e passo a ganhar 8 (embora pudesse ganhar 10) não perdi 2 mas ganhei 3. As contas não se fazem de acordo com o que se poderia ganhar mas de acordo com o que se ganhava.

    Mas focando no fundamental... Não há nenhuma guerra Benfica x sporting... Há um líder de seita religiosa que passa os dias a falar no Benfica (sobre isso nunca te li uma palavra diretamente.. Apenas aquelas críticas em que metes tudo no mesmo saco). Da parte do meu clube apenas silêncio e colocar processos judiciais que o gabinete jurídico acha adequados a proteger os direitos do Benfica!

    Quando começou ou quem começou? Acho que não há dúvidas. Não foi ninguém do Benfica que acusou o presidente do outro clube de falsas chamadas, de combinar campeonatos... Não vou ninguém do Benfica que disse que era preciso tirar o verde da bandeira... E finalmente não foi o presidente do Benfica que discursou 2h sobre outro clube numa ag do Benfica, que foi a um programa de televisão debater com um comentador e fazer acusações, nem que passou as últimas semanas a falar todos os dias para tapar os olhos a cegos! Tudo isto é muito concreto e objectivo! Não é fácil de branquear nem de meter tudo no mesmo saco com esses "não começou hoje" ou "cheio de gente falsa"... Isso é branquear todos os ataques que o Benfica tem sofrido da parte do presidente de um outro clube. Qual o interesse que um benfiquista possa ter nisso? Não sei. explica me...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nuno Martins O problema é que o pastor da seita parou no tempo(não cresceu).
      Continua com aquela mentalidade belicista de claqueiro quando tinha dezoito anos.
      Ora dando-lhe poder só pode dar nesta loucura a que assistimos todos os dias.

      Eliminar
    2. Caro Nuno Martins, tu tens uma obsessão com dar eco à conversa dos lagartos(não os sportinguistas).

      O que te pergunto é o que me interessa todo o barulho que BdC faz?
      Falas em processos judiciais, mas que na realidade não vão acontecer. Só o relacionado com JJ.

      És o exemplo do adepto sem capacidade de análise imparcial, o que vais revelando por essa blogoesfera fora.

      Olhas para os jornais, para as televisões, mas ignoras os jogos de poder que se desenrolam fora dos olhares.
      Tão preocupado com o BdC que estás...

      Eliminar
    3. Shadows eu tenho essa "obsessão" com todos os rivais e até com os não rivais.
      Perguntas o que te interessa o barulho do bdc.. E quando foi o Vítor Baía? Aquela indignação toda! Para mim é igual... Não faz diferença a origem.
      Eu não sou imparcial.. Sou do Benfica. Sou imparcial naquilo que acho que devemos ser imparciais mas perante ataques ao Benfica não sou imparcial... Tu és imparcial perante os ataques, ou melhor perante os ataques daquele lado!

      Eliminar
    4. Sou imparcial ....não sou imparcial!

      Grande contradição nessa cabeça, tens de começar a pensar num tratamento adequado.

      Eliminar
    5. Como anónimo que és nem só nome te deves lembrar. Tu podes ser imparcial ninar coisas e imparcial noutras... Ou não? Por exemplo... Na análise a um rc tens de ser imparcial... São números, aritmética... Não há espaço para interpretações. Na análise aos ataques ao Benfica... O que não falta é espaço para interpretações... Ai podes ser imparcial... Optar por estar de um lado ou do outro da barricada! Eu estou do lado de quem defende o Benfica sem mas nem meios mas.
      Não lhe chames contradicão... Chama se inteligência.

      Eliminar
    6. Caro anónimo Nuno Martins, pode existir imparcialidade na analise de números e o teu exemplo, rc é precisamente onde poderá haver maior imparcialidade e falo por experiência própria, repara a analise a um rc não pode resumir-se a verificar o valor total do activo ou o valor das vendas. Posso ter múltiplas interpretações relacionadas com os índices económicos. Por exemplo uma entidade que tenha uma óptima autonomia financeira, pode ter um índice muito fraco de rentabilidade do activo e agora vai depender de quem analisa valorizar mais um índice do que outro. Repara só falei em 2 índices mas tens dezenas de índices que podes analisar num rc. Chamar inteligência a quem defende o Benfica sem mas nem meio mas, para mim tem outro nome que me escuso a comentar, se porventura quem defende o Benfica, que pode muito bem também estar a defender interesses pessoais, com os argumentos e a defesa que faz me levarem a concluir que o interesse e a motivação é errada, podes ter a certeza que não terá o meu aval e julgo que de muitos Benfiquistas que não sejam acéfalos.

      Não percebo a tua embirração com os anónimos, já te respondi noutros posts que tu para mim e para a maior parte dos participantes és um anónimo que de vez em quando subscreve os postos como NM, mas de seguida podes subscrever como NoName, ou como viper ou como quid, o que te faz diferente de quem subscreve como anónimo?

      Eliminar
  8. Grande texto, para a rapaziada que destila ódio ao teu (?) clube.
    Limpinho, limpinho...Branqueador de serviço é contigo. Sobre o incendiário de TODOS os dias... nem uma palavra.
    Muita da argumentação é pertinente e transversal na perceção de não fanáticos pelos clubes... mas no desenvolvimento do raciocício omites o maior incendiário de todos? O Nero da atualidade desportiva nacional?
    Estranho... ou talvez não.
    Cumprimentos,
    Zé dos nenucos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Zé, conversa tipo "somos melhores que os outros " fica para iluminados como tu.

      Eu coloco o BdC ao mesmo nível de um Vale e Azevedo, um Pedro Guerra, um João Gabriel, um Dias Ferreira, um Poncio Monteiro, um Manuel Serrão ou de um Zé Eduardo.

      Fanáticos não têm cor.

      Eliminar
    2. Caro Shadows (se assim o posso tratar), eu não sou nenhum iluminado. De todo, sou um homem simples. E Benfiquista.
      Deixo o caminho livre para um intelecto superior como o seu.
      E não, não coloca tudo ao mesmo nível: uns refere-os (curiosamente todos do Benfica), os outros omite-os.
      Aproveita a narrativa como lhe dá mais jeito, e mistura tudo para uma vez mais por em causa a direção do Benfica.
      Insidioso? Nem por isso... não é seu apanágio.
      respeito muito a sua inteligência e a forma escorreita como escreve e explana o seu raciocínio. Pena é que raramente é abonatório para o nosso clube.
      E estamos a falar da atualidade: quer mesmo comparar o incomparável?
      Julga mesmo que cabe tudo no mesmo saco do pirómano/mitómano-mor? A sério?
      Eu não sendo um iluminado, como o meu caro, julgo que me fiz entender e que a sua superior sapiência bem o entendeu.
      Quanto ao fanatismo, não me cabe a carapuça: não me move ódio por alguém. Pode mesmo dizer o mesmo?
      Saudações Gloriosas,
      Zé dos nenucos

      Eliminar
    3. Embora aparente, o caro "não iluminado", tem que se convencer que lfv NÃO É O Benfica. Esta digna e honrada instituição, já existia antes deste a transformar em mais uma das suas empresas para as suas negociatas pouco transparentes.

      Cumprimentos,

      A.Martins

      Eliminar
  9. "Mas nesta altura, até serei mais crítico é para a estrutura do Benfica que para o próprio Jorge Jesus. Foram eles que permitiram toda a liberdade de que o treinador gozou dentro do clube."

    E pronto, fiquemo-nos por este parágrafo, que diz tudo. Nem precisamos de ler mais.

    Aqui poderíamos acrescentar as responsabilidades pela saída de Bernardo, Cancelo, as miseráveis participações na Champions, a falta de cultura BENFIQUISTA e de vitórias, etc. etc. etc.

    Está mais que a descoberto a cultura abjecta que implementaram no actual Benfica: a de meter a culpa sempre no do lado e, sobretudo, a total falta de espírito crítico, sempre com desculpas para os falhanços a que vieira nos habituou. E não, não me agrada ser hexacampeão de chinquilho porque isso não sustenta o clube.

    Desculpem a exigência a que presidentes como João Santos me habituaram.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Para quem não o conheceu, em especial o seu benfiquismo, bem como o de Jorge de Brito, pesquise.

      Eliminar
  10. Este texto vale mais que 1 Euro. O do GB vale para aí 30, 50 cêntimos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É exatamente o que vos falta no vosso clube, adeptos do Benfica, por isso é que estão falidos! Estão tão falidos que nem um 1 euro dão ao Vilafranquense!

      O Irredutível

      Eliminar
    2. Sempre vale mais do que a vossa camisola...
      Zé dos nenucos

      Eliminar
  11. Partes de um pressuposto errado, e a partir daí, o teu texto fica sem qualquer tipo de sentido.
    Tu quando contratas um treinador, não o contratas para o formar como ser humano. Contratas tendo em conta o seu passado, compreendendo os defeitos e esperançoso que as qualidades justifiquem o investimento feito. Se a cada falha na comunicação ou na estratégia futebolística por parte de Jesus, o Benfica emitisse um comunicado, isso apenas iria desestabilizar o clube( Marco vs Bruno Carvalho, Facebook, Guimarães, 3-0); Se o Vieira, a cada palavra infeliz do Jesus, o atacasse profissionalmente, ou chamasse atenção, passaria uma mensagem de desconfiança para o treinador. E isso faria com que mais tarde ou mais cedo, o treinador emitisse um comunicando, alegando que não tem condições para continuar tal a pressão interna de que é alvo.
    Tudo o que refiro, são situações que a história do futebol, já nos proporcionou em vários momentos. A um treinador de uma equipa enorme como a nossa, a responsabilidade deve ser total- Máxima liberdade para máxima responsabilidade. Vieira, afastando-se por completo das tomadas de decisões na construção do plantel, apenas provou que no Benfica, um treinador tem todas as condições para singrar, se realmente tiver qualidade para tal.
    O Real Madrid, o maior clube do Mundo, apesar de todas as críticas da comunicação social, nunca procurou mudar José Mourinho. Eles sabiam antemão que se o quisessem, teriam que levar "the whole package". Mesmo que, em determinadas situações, o seu bom nome pudesse ser afetado. Mas será que não valeu a pena? Eu penso que sim. Tanto no caso Real Madrid, como no caso do Benfica.

    Abraço

    ResponderEliminar
  12. Subscrevo!

    Principalmente isto: "Mas discordo de quem insiste em dissociar o treinador Jorge Jesus da pessoa Jorge Jesus. São o mesmo e indissociáveis."

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. João Vilela15/10/15, 19:52

      Bem, tu podes ser uma excelente pessoa e um mau profissional. Ou vice-versa, como JJ.

      Eliminar
  13. Shadows, estou a estranhar as muitas referências que tens feito ao RGS nos teus posts. Ainda por cima ele lê este blog. Mau Maria! :D

    ResponderEliminar
  14. Apesar de tudo é mais um post a bater no vieira, mais um a mostrar o quão mau é viera, hoje digo-te, prefiro ter 1 vieira por 100anos à frente do Benfica do que ter um bruno carvalho/vale e azevedo/pinto da costa qualquer de 3 em 3 anos e a ver o Benfica a ir ao fundo qual titanic!
    e para os verdes e simpatizantes deixo apenas esta frase - "Ser grande é amar os pequenos, ser pequeno é odiar os grandes!"
    E há tanta gente pequena neste país!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ainda há dias dizia que prefiro 1 Pedro guerra a 1000 shadows na defesa do Benfica.

      Eliminar
  15. "..Apontam falta de objectividade e capacidade de auto-crítica nos rivais, mas são incapazes de olhar primeiro para o que o seu clube pode fazer melhor. A evolução começa sempre dentro de casa e não fora dela..." Qualquer adepto de futebol devia ler esta frase, se bem que acho que neste momento, ela assenta muito bem...aos "incendiários" ...daqui a uns tempos, vão todos fujir tipo ratos...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. corrigindo...Fugir tipo ratos...:)

      Eliminar
    2. "..Apontam falta de objectividade e capacidade de auto-crítica nos rivais, mas são incapazes de olhar primeiro para o que o seu clube pode fazer melhor. A evolução começa sempre dentro de casa e não fora dela..."

      Se me pedissem para descrever o actual Benfica em algumas palavras, pegaria sem dúvida nestas.

      Parabéns pela partilha.

      Eliminar
  16. Águia Preocupada15/10/15, 20:45

    É tarde e muito difícil! As entidades que deveriam pôr cobro aos diletantes estão enterrados até ao alto da cabeça ou pelo que de mal fizeram directamente, ou pelo deixaram que outros fizessem. Não nos podemos esquecer nem branquear que durante 30 anos temos assistido e sofrido os mais bárbaros e vis ataques sem que quem os que os protagonizaram tenham sido enfrentados com os seus actos. Antes os achavam fina ironia! Antes riam das graçolas quais patetas rindo de si próprios! Antes consideraram inteligência de estratega nato! E agora o que temos? Macaquinhos de imitação de um lado e olho por olho, dente por dente do outro!
    Chegados aqui, só vislumbro como hipótese de solução, que passará pela mão pesada de UEFA, da FIFA e das autoridades policiais portuguesas. Mas quanto a estas, pouco poderemos esperar já que existem formas distintas de actuar, conforme estejamos a norte ou a sul!
    Começo a recear ir ao futebol. Ainda hoje almocei no Estádio e dei comigo a pensar: Não tardará, só aqui poderei vir nestas circunstâncias! Se nada for feito, caminhamos a passos largos para a debandada dos estádios.

    ResponderEliminar
  17. Quanto ao jj nos termos do seu vínculo perante a instituição SLB, houve a violação do princípio, que incluía instruções previstas e o seu cumprimento, (advogados da praça) NÃO ESTOU A FALAR DE DATAS , na fundamentação referem de uma forma clara os serviços e a determinação dos mesmos. Roubo ?!! de documentação, análises, dados sectoriais, o SCP tem de ser respeitado
    O erro existe e está fundamentado, qual é o problema?
    Ele sabe que o cometeu, qual é o problema?!!
    Isto não tem nada a ver com a instituição SCP.
    O BC defende o jj tal com nós o faríamos
    Sem stress#!! #Não vales uma guerra entre Grandes instituições

    ResponderEliminar
  18. Post muito lúcido de alguém que pensa o Benfica e o desporto numa perspectiva civilizada. Parabéns por isso.

    ResponderEliminar
  19. este é o retrato de um pais em que a maioria dos seus cidadãos vive pela maxima "pimenta no c* dos outros para mim é refresco".

    ResponderEliminar

Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado.

artigos recentes