O Novo BlogGeraçãoBenfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Um espaço de opinião individual, alheio a quaisquer interesses individuais ou colectivos.
Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


O Benfica deve vender em Janeiro?

quarta-feira, 19 de agosto de 2015

Avatar

Teria sido tão fácil tirar-lhes o pio!

 ●  + 27 comentários  ● 


Vamos ser francos: Bruno de Carvalho não começou a dizer disparates há dois meses. Bruno de Carvalho não começou sequer recentemente a disparar contra tudo e todos.

Essa foi a estratégia do Presidente do Sporting desde o início da sua Presidência, uma vezes com mais razão, outras com menos, mas com o claro propósito de se fazer notado e tirar o Sporting da letargia em que se encontrava.

Se a estratégia do Sporting teve um mérito foi o de trazer o clube de volta à luta pelo poder e pelos poderes do futebol português, numa guerra que abortou inquestionavelmente o plano Benfica – Porto para que essa fosse apenas uma guerra a dois.

Só que Bruno de Carvalho e a sua estratégia bélica do confronto permanente teve dois antagonistas de peso: O primeiro é que o Sporting desportivamente não incomodava ninguém e era fácil menosprezar; E o segundo foi esse mesmo menosprezo, quer dos Presidentes do Porto mas também do Benfica, que raramente lhe responderam e o deixaram quase sempre a falar sozinho.

Os últimos tempos porém, e especialmente os últimos dois meses mostram claramente uma inversão nessa tendência… da parte do Benfica.

Sim, da parte do Benfica! Porque no Porto, daquilo que eu vejo, a estratégia de ignorar permanentemente o Presidente do Sporting e recusar-se a descer ao seu nível mantém-se, resultou, e Bruno de Carvalho teve de se virar para outro lado.

E no Benfica encontrou a estratégia perfeita. Em primeiro lugar roubou-lhe o treinador, para muitos o responsável por grande parte do sucesso desportivo e financeiro dos últimos seis anos;

Por outro, com esse roubo fez o Sporting crescer e os adversários temer que talvez daqui em diante a Guerra dos campeonatos deixe de ser jogada a dois e passe a ser jogada a três;

E em terceiro aproveitou-se desse roubo para encher de raiva a estrutura Benfiquista, que não mais se conseguiu calar nem ignorar as bujardas que vinham de Alvalade e começou a ter de responder à letra, e quanto a mim, muitas vez até, com menos nível do que aquele que criticava no outro lado. As recentes declarações de João Gabriel são um bom exemplo disso.

E aqui pois é que surge o problema. Criou-se um clima de guerra mas...

Do Sporting as bujardas vêm sempre de cima e da primeira linha da Direção. Mal ou bem vêm do Presidente... ou do seu treinador.

Só que o Benfica não se pode dar a esse luxo, porque não tem Presidente talhado para essas batalhas públicas...

E se LFV teve nos últimos seis anos um treinador que adorava o confronto, alguém para quem as conferências de imprensa polémicas eram a sua praia, e que não tinha problema nenhum em andar nestas guerras sem necessidade de guarda-costas nem proteção presidencialista, agora, com Rui Vitória, temos o oposto: um treinador mais civilizado e recatado, que em muitas ocasiões prefere comer e calar para não levantar ondas.

E nesse contexto pois, temos agora um treinador calado, um Presidente que não tem jeito para a exposição pública e é incapaz de debitar um discurso espontâneo que não seja escrito por outros. Meteu-se numa guerra com o Sporting por causa do que foi acima dito, mas essa batalha tem de ser travada por gente do Benfica sem responsabilidade quase nenhuma, que até pode debitar umas larachas bem feitas de quando em vez, mas tiros de cabos rasos que não criam mossa nem aleijam ninguém, e que até dão azo ao gozo alheio (como se viu)

É que a nossa força também se vê aí. E ao Benfica só restam duas posturas:

Ou adota a via diplomática, a de evitar o confronto verbal, e procurar sim responder dentro do campo (aquela que prefiro);

Ou então, se vai à luta verbal, tem de ter o rosto do Presidente, e não os rostos dos Joões gabriéis e dos Pedros Guerras e de todos os rostos pagos da BenficaTV, soldados dispostos a morrer no campo da batalha em nome de um Presidente que nunca mostra a cara, e que dão a estas trocas de palavras um ar rasco, cobarde e impessoal.

No tempo de Vale e Azevedo, no meio de todos os males que havia (e eram muitos), todas as lutas tinham um rosto: o do Presidente. E é assim que eu gosto que seja.

E por isso, eu não entro seguramente nessas guerra assumida contra o “Gordo de Alvalade”, porque assumo claramente que neste momento já sou incapaz de dizer que é na Luz que estão os bons todos e em Alvalade que estão os maus.

Não. Eu poderia dizer que há bons e maus em ambos os lados, mas a cada dia que passa vejo mais maus e menos bons, e também em ambos os lados.

Estes últimos dois meses têm sido um desastre na minha opinião em termos de Politica de Comunicação do Benfica, esta perseguição diária e constante ao antigo treinador só nos fragilizou e mostrou o quanto a saída do ex-técnico nos afetou, mesmo que insistamos em dizer que não...

A história do tribunal é ridícula, não ser capaz de se por o ex-treinador em tribunal sem aproveitar a ocasião para dar entrevistas a jornais e denegrir o homem em público, o homem que afinal até queriam que continuasse!

O mais triste no meio disto tudo, é que todos estes degradantes episódios a que se têm assistido nos últimos meses teriam sido facilmente evitados se tivesse havido da parte de LFV alguma sensibilidade e capacidade de antecipação, e tivesse assumido a tempo e horas que não tinha interesse em renovar com Jorge Jesus, ainda antes deste ser anunciado em Alvalade... Não tínhamos sido apanhados com as calças na mão nem enrolados pelos acontecimentos!

E depois disso só eram precisas mais três coisas:

Silêncio, desprezo e trabalho... E deixar que a oportunidade de ouro da Super Taça tivesse servido para que o azeiteiro perdesse finalmente o pio.

Tudo o resto era desnecessário. E falhámos em toda a linha!

27 comentários via blogger

  1. Muito antes do enfoque jj já o gordo destilava ódio pelo maior clube Português.
    Não se esqueçam que ele era um claqueiro da juve gatinhos.

    ResponderEliminar
  2. Bom post! Depois de o Sport Lisboa e Benfica ter ganho 4-0 e poder serenar, porque raio deixaram o sr. Gabriel vir logo na segunda-feira vir para o Expresso outra vez com JJ?
    É estupido nao e? Ou será que, ao que parece á semelhança de 2013 em que o Sr Gabriel tambem se tera encontrado com Marco Silva, continua-se a fazer a cama ao Rui Vitoria para em Dezembro por ca o rapazinho do Mendes (Paulo Bento)?
    Será este o presente de casamento que LFV irá dar ao Jorginho? Ou anda apenas o Sr. Gabriel em desforras pessoais com JJ e o nome do Benfica a ser usado no meio?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Queixas-te tanto do Jg ter almoçado com Marco Silva mas ainda mão te vi nem a ti nem aos teus outros 100 nicks a queixarem-se do almoço do Judas com Bruno de Carvalho no dia seguinte da derrota do Benfica em Paços De Ferreira...

      Eliminar
  3. Grande entrevista para acalmar o adepto benfiquista do LFV em um qualquer canal televisivo / jornal diário em 3, 2, 1....

    ResponderEliminar
  4. A tua obsessão pelo JJ cega-te. O Benfica não perseguiu ninguém e foi o "Miolos" de Alvalade que, reconheça-se, à semelhança do que já tinha feito com o Domingos, no Braga, no primeiro ano de Benfica, não deixa de reclamar para si o mérito do sucesso de outrem à frente daquilo que ele acha que são as suas dádivas ao mundo, em termos de equipas de futebol. Foi o "Miolos" que gritou a inexistência de "miolos" no Benfica, porque os ditos estariam agora no Alvalixo, foi ele que começou com a tentativa de contratar profissionais do Benfica, desde pessoas do BenficaLab, até ao responsável da formação,foi ele que, demonstradando, uma vez mais, um profissionalismo abaixo de cão, contactou jogadores do Benfica, a propósito de jogos que teria que disputar connosco.

    A Direcção do Benfica só teve uma intervenção, relativa a esta questão do salário, como já disse aqui, BEM: é evidente que o "Miolos", em mais um exemplo de péssimo profissionalismo, começou a trabalhar para a lagartagem em Junho. Fê-lo publicamente e sem pudor. Parece-me muito bem que a Direcção não só não lhe pague, como intente ser indemnizada por isso. É inaceitável que isso aconteça com profissionais pagos a qualquer nível, muito mais a alguém que ganhava muitas centenas de milhares de euros por mês.

    Por isso, meu caro RedMoon, por muito que te doa, a Direcção não andou em guerras públicas com o "Miolos". Duas afirmações, excusadas, diga-se, do responsável da comunicação do Benfica não fazem uma guerra. O resto (a acção em tribunal) é a defesa legítima dos interesses do Benfica contra quem, achando-se acima das regras que a todos obrigam, faz o que lhe dá na real gana.

    Não gosto de dichotes dos que João Gabriel usou nem penso que o Benfica deva alimentar esta guerra pública, mas o Benfica não deve deixar de defender os seus interesses e se isso servir para prejudicar os interesses desportivos e financeiros dos lagartos, ainda bem! Quem começou foi o "Miolos", pode ser que lhe saia o tiro pela culatra.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Consegues ver aqui a obcessao pelo JJ?! Heheh mas sera que foste so tu q n percebeste q aqueles que mais o menosprezavam foram aqueles c mais dificuldade em seguir em frente?!

      Eliminar
    2. Podia ter sido esta a minha resposta. Fácil e clara

      Eliminar
    3. Redmoon disse outro o treinador do outro lado e quero ver-te assim

      Eliminar
    4. A obsessão do Redmoon não é por JJ é por criticar constantemente a direção do Benfica. Não temos de concordar com tudo mas também dizer mal de tudo não faz de nós "desalinhados"
      Foi JJ que começou esta guerra e acho muito bem que a direção e todos os benfiquistas defendam-se desta guerra

      Eliminar
  5. "Só que Bruno de Carvalho e a sua estratégia bélica do confronto permanente teve dois antagonistas de peso: O primeiro é que o Sporting desportivamente não incomodava ninguém e era fácil menosprezar;"

    O problema reside aqui, é que tudo isto no fim se resume a resultados dentro de campo, e portanto quem depois dentro do campo demonstra que é melhor, ganha moral perante os adversários para os jogos de palavras, e o que aconteceu??

    Pois bem, o Benfica ao perder o melhor treinador do campeonato para o Sporting e ao ir buscar um treinador medíocre RV, não só deu vida ao Sporting como depois de dar vida ao Sporting (ao dar-lhes de mão beijada o melhor treinador do campeonato), a seguir dá um tiro na própria cabeça ao contratar um treinador medíocre

    E portanto neste momento já todos perceberam o erro e o Sporting ao passar a entrar nas contas dos titulos desportivos ganhou nova "voz" na comunicação social, porque antes eles falavam falavam mas depois sabíamos no fim dentro de campo eles não entravam para as contas então era deixá-los falar, o problema é que agora eles falam mas a pseudo-super estrutura já percebeu que dentro de campo há a real hipotese de o Sporting se superiorizar ao Benfica e sendo assim cria-se o desnorte evidentemente

    - Uma coisa é tu dizeres "Eu sou melhor que tu", mas depois dentro de campo nada acontecer (era o que acontecia até Maio de 2015), ai fala à vontade...

    - Outra completamente diferente é tu dizeres "Eu sou melhor que tu" e depois dentro do campo provares que de facto és mesmo melhor (pode vir a acontecer esta época)

    N

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. "... ao perder o melhor treinador do campeonato ... e ao ir buscar um treinador medíocre"
      Por já ter lido isto umas quantas vezes, gostaria de deixar também a minha opinião. Acho que o Benfica foi buscar um homem que vai ser uma referência no futebol português, uma espécie de Ferguson português. Ou até uma mistura de Ferguson (pela competência) e de Mário Wilson (no carisma). A falar a sério...

      Eliminar
  6. O Jesus e o próprio Sporting podem sair por cima desta guerra de comunicação , já é assim com os SMS , o João Gabriel já tem alcunha ( já tinha sido dita pelo Dragões Diário , mas o Presidente do SCP tem outra expressão) , e com a história do tribunal e do salário de Jesus.

    JJ apenas tem de se vitimizar e dizer que por respeito aos adeptos do Benfica e tendo em conta proporção que as coisas tomaram apenas por querer receber o que é seu por direito , vai abdicar desse salário. Nas costas , o Sporting que assuma as contas.

    A intenção era apenas levar Jesus a processar o Benfica para desacreditá-lo perante os adeptos , por isso pagaram a toda a equipa técnica menos a ele. Deve desistir do salário e vitimizar-se.

    ResponderEliminar
  7. O Rui Vitória é calado e evita o confronto? Nao. Ele evita o confronto quando outros entendem que deve haver. A agenda do RV é a que ele decide. Chama-se nao der labrego arruaceiro e ser LIDER

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ah sim, por um lado exiges resposta qd nos cagam para cima, mas por outro ele ja pode ficar calado.

      Eu nao estava sequer a criticar a postura de RV. Estava a dizer que neste e em outros casos, ao teres um treinador mais diplomatico, vao ter de ser outros a dar a cara.

      Eliminar
    2. Se lfv não responde ao nível tasca é porque não é líder. Já rv não responde nem a nível desportivo mas é por ser líder.. ok.. vou ali e já venho!

      Eliminar
    3. Redmoon não é nada incoerente lol

      Eliminar
  8. Comer e calar? Muito bem... Qualquer dia cagam-nos em cima e ha quem diga que por ser o Jesus ou o clube onde ele está, pode ser

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tu queres fingir que nao percebeste mas la no fundo percebeste, e la ainda mais no fundo ate concordas:

      Se tem de haver resposta é do Presidente e nao dos soldados rasos. ou fala o Presidente ou nao fala ninguem.

      A politica de comunicacao do Benfica assenta nos soldados da comunicacao, no soldado RGS e no soldado Pedro Guerra... Ou achas coincidencia estar um na SIC e outro na TVI?!

      Achar se que quando RGS ou Pedro Guerra falam, e contam coisas que que sabem e conversas que tiveram, q o fazem em nome pessoal e nao da Direcao que se esconde atras deles, é de uma ingenuidade de todo o tamanho e ter uma perceçao que so alguns benfiquistas mais ferrenhos teem.

      Os neutros garanto-te veem pedro guerra e RGS como elementos da estrutura. Ja os mesmos neutros nao veem o manuel serrao nem o eduardo barroso como elementos de estrutura nenhuma. A responsabilidade é por isso outra!

      E depois veem dizer q a direcao nao falou e nao azeitou?! Nao azeitou pq se esconde atras de outros elementos da estrutura q azeitam por eles, para poderem depois dizer que nunca disseram nada.

      Nao perceber que todo o modelo de comunicacao do Benfica esta errado, é uma opiniao q ate podes dizer q tens, mas q eu sei q n tens.

      Eliminar
    2. Red não concordo que tenha de ser lfv a responder... o presidente do Benfica não pode baixar ao nível de provocações de escola. Mr burns? Isso parece um puto de 15 anos a chamar bart simpson a outro colega porque é loiro! E o presidente do Benfica vai entrar nesse nível?
      Rgs aprecio e acho que é coerente e defende o Benfica tendo opinião própria... como deixou muitas vezes expresso relativamente á olivedesportos e ao jj. Já o pg acho que é tipo alguns bloggers daqui mas ao contrário... está tudo sempre bem. Ele consegue dizer bem do sol e da lua ao mesmo tempo! Não tem opinião e apenas se limita a defender a opção que o Benfica seguir. Acho que as respostas da parte do director de comunicação são ao nível... é alguém que pode responder com ligeireza e simultaneamente não implicar totalmente o Benfica. Dando ao burro do caraxxx a importância que ele tem! 0. Mas ao jj a resposta tem de ser de rv e em campo! E por muito que queiramos a resposta é ai que se dá... o burro do caraxxx pode ter mudado de estratégia todos os anos, pode dizer as aldrabices que quiser (e não são poucas... o jota pe que as conte) que se ganhar os adeptos deles vão estar sempre contentes!

      Eliminar
    3. Eu quero um presidente para fazer uma gestão rigorosa e não para descer ao nível dos adversários. É no campo que devemos nos afirmar e só tenho pena que não o tenhamos conseguido na 1 oportunidade. Devíamos ter usado estas merdas do JJ para espicacar os jogadores e não para se borrarem como aconteceu

      Eliminar
  9. Pode vir a acontecer? Já começou.
    O resultado da supertaça era fundamental para fazer calar o JJ e ninguém da superestrutura percebeu isso descurando as condições de preparação para esse jogo. "Agora vai tudo começar do zero", dizia o RV, mas não é verdade. Já perdeu o primeiro troféu da época.

    ResponderEliminar
  10. Perdemos a super taça e depois?
    O gordo já vem espicaçando o GLORIOSO desde que se tornou presidente.
    E tenho pena que muitos benfiquistas acabem por dar ainda mais força a gentinha como esta utilizando(para o mal) nomeadamente o nosso actual treinador.
    Caguei bem de alto(desculpem o vernáculo) para zportens e corruptos pois nós somos fortes bem longe dessas duas trampas.

    ResponderEliminar
  11. Julgava eu que tínhamos uma estrutura competentissima (que até ganhou 4 campeonatos em 12. Os outros 8 campeonatos foi culpa do treinador, porque não é a estrutura que joga nem treina) e agora começo a ver questionar-se a incompetencia? Mau...

    Até li umas linhas dedicadas a vale e Azevedo, veja-se, ele que a propaganda tratou de baptizar do anti-cristo. Ainda um dia vamos chorar por ele, quando alguém puser a nu as vigarices que foram/estão a ser feitas...

    Carrega dragão de ouro, que a malta segue amestrada! Ainda vamos torcer a orelha e não vai sair sangue...

    Benfica em guerra é sinônimo do quê? Derrotas, pois claro. Bom é fazermos as coisas por outro lado, o pode ser ferreira. Isso que tanto criticámos. Cuspimos para o ar porque éramos muito sérios. Eu já vi o que aí vem mas não vou dizer nada para não parecer lagarto ou portista.

    O início da epoca já deu um lamiré sobre o futuro...

    ResponderEliminar
  12. Existem aqui alguns pseudo benfiquistas...A ânsia e vontade de criticar e tanta que nem param para pensar...Agarram se ao teclado e zás. Toca a debitar...so gostavamos de saber quem esta por tras destes nicks... alguem me diz quando ate ontem a tarde antes da declaraçao do sempre cavalheiresco presidente do zboording o Benfica se tinha referido ao Sporting instituiçao?!!! Zero...isso mesmo.
    .o Benfica tem trocado palavras sim com Jorge Jesus o homem... O otro desgraçado ( joao gabriel)responde lhe a letra e parece que foi ele o culpado disto tudo. SE NINGUEM respondesse tambem ja estavam a criticar... Começo a pensar que andam aqui infiltrados a tentar semear discordias e conflitos...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tens toda a razão.
      No passado Domingo os quase 54000 benfiquistas, deram uma resposta convincente.
      A Comunicação seria perfeita se estivesse a cargo de alguns dos críticos que aqui dão opiniões.
      Benfica Sempre

      Eliminar
  13. Bom post. No entanto onde eu acho que o Benfica errou foi em não ter aproveitado toda a polémica em torno da mudança de Jesus e o pré-supertaça para motivar os seus jogadores a lutar, mais que nunca pela vitória. Neste momento: Gordo/Judas 1; Benfica 0.

    ResponderEliminar
  14. O Benfica ao não responder pelo Presidente ou outro alto dirigente está excelente em matéria se comunicação... É para estas querelas que serve um departamento de comunicação e sim, tlvez também a BTV, onde a vassalagem não é assim tanta como se diz. Um presidente nao se deve desgastar com questões menores como é está nem no Benfica nem em qualuqer outra instituição (óbvio que no Sporting de Lisboa este livro não foi lido). Um presidente deve estar na primeira conferência de imprensa do seu novo treinador e junto dos que dão o seu talento ao Benfica só falando quando achar conveniente e com quem quiser. Considero irrepreensível a estratégia do Benfica

    ResponderEliminar

Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado.

artigos recentes