O Novo BlogGeraçãoBenfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Um espaço de opinião individual, alheio a quaisquer interesses individuais ou colectivos.
Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


O Benfica deve vender em Janeiro?

sexta-feira, 15 de maio de 2015

Avatar

É importante perceber-se a formula da sustentabilidade futura

 ●  + 38 comentários  ● 
Futuro sustentável e com títulos = Orçamentos mais baixos + mística + receitas com vendas de jogadores + uma/duas aquisições estratégicas por ano + jogadores da formação.

Podem dar as voltas que quiserem... acabou o tempo dos orçamentos de milhões, senão vamos voltar a andar 10 anos para trás a recuperar do embate. Não há outro caminho senão o de ter orçamentos mais baixos, pois é incomportável ter na mesma equipa quatro ou cinco jogadores a ganhar mais de 2M€/ano.

O SLBenfica claro que vai poder ter desses jogadores, mas sempre temporariamente e nunca em grande número. 

A solução passa então por manter um nucleo duro de jogadores sólidos e que experientes como aconteceu este ano com Julio Cesar, Luisão, Maxi, Eliseu, Amorim e Lima. Estes jogadores, não sendo craques que decidem jogos sozinhos, representam a sustentabilidade sem a qual os ditos craques não o fazem. Além disso, não precisam de "nascer no Benfica" para transportar com eles a mística do clube, seja por serem benfiquistas (Eliseu e Amorim) seja por cá estarem à anos suficientes para sentirem o clube (Luisão, Maxi e Lima) seja pela experiência que os faz "beber da dimensão" do clube (Julio Cesar).

O SLBenfica tem sempre que ter três a cinco jogadores destes e, preferencialmente, com capacidade e dimensão futebolística para integrar as escolhas regulares.

Depois a política de investimento em jovens jogadores de grande potencial, em parceria com outros grandes clubes (como aconteceu com o Ramires ou Markovic), dado que os fundos já terminaram, mas também em parceria com empresários. Esses são as "futuras estrelas" que vão valer os encaixes anuais e que, preferencialmente, deveremos vender campeões. Ou seja, esses jogadores irão sempre valer mais depois de fazerem parte de conquistas, de títulos.

Não obstante, haverá sempre espaço para uma ou duas aquisições de jogadores consolidados por ano. À semelhança do que aconteceu com Saviola, Garay, Aimar, etc., jogadores que procuram relançar a carreira ou que estão nos seus clubes "tapados" por estrelas ainda maiores.

Até aqui é facil perceber que o SLBenfica já faz 99% disto... O que tem efectivamente tem que mudar é o resto dos jogadores que "compõem" o plantel. Actualmente continuamos a investir nos Taliscas, Derleys, Ola Johns, Sulejmanis, etc quando temos jovens jogadores na formação que não lhes ficam atrás e que estão ali para ser aposta. Como diz o Presidente, vão errar sim... mas é nessa altura que os benfiquistas têm que lá estar para eles ao invés de os querer trocar por um qualquer sul-americano à primeira oportunidade.

O SLBenfica pode ter no plantel todos os anos quatro a cinco jogadores-chave no suporte e continuidade da mística do clube, porém jogadores de qualidade. Ter igualmente dois a três jogadores de elevadíssimo potencial futuro com vista a vendas que permitam encaixes signitificativos. Investir em aquisições ou empréstimos de um ou dois jogadores consolidados que representarão um maior esforço salarial. Assegurar a permanência de outros jogadores úteis já existentes no plantel e que se destacam pela qualidade e evolução (à semelhança do que vemos hoje em Jardel, Fejsa, Almeida, etc.) e depois ter três, quatro ou mesmo cinco jogadores da formação que representam uma injecção de juventude, determinação, irreverência, capacidade de integração, mística e qualidade que completem o plantel.

Sim, apostar na formação é isto! Não é ter um plantel de 11 jogadores feitos no Benfica como alguns tontos tentam sempre dizer para alegar que não se deve fazer esse tipo de aposta.

38 comentários via blogger

  1. Falta o mais importante, as especiarias, alho, cebola, sal e pimenta.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. sim porque a estupidez já está... no teu comentário...

      Eliminar
  2. Respeito pelo talisca. Se formos campeões muito será por culpa dele, dos golos dele que deram pontos importantes... tu és um benfiquista mal agradecido!

    Nota: aposto que quando ele marcou aqueles golos todos tu eras como o chourinho e fazias dele uma coisa que ainda não é...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. sim, foi um favor que nos fez, não foi.

      Respeito pelo Talisca? LOL! Respeito pelo Benfica amigo. Ele é funcionario tao respeitado como quem trata da relva onde ele há meses que não joga um boi...

      Eliminar
  3. Certeiro como sempre.
    A questão é que a certos interesses convém radicalizar o discurso como dizer que não se é campeão com formação.

    Ninguém com juízo quer um plantel com 90% de formação. Mas como dizes e bem, em vez de apostar em jogadores de qualidade duvidosa e caros, como os da Doyen, é dar espaço aos miúdos.

    Gostava de saber quem é que nasceu ensinado. Ou se serão clubes sem cultura de títulos que vão ensinar o que é estar num clube de topo.

    ResponderEliminar
  4. Muito de acordo. Falta na minha perspectiva só referir que todos os jogadores têm de saber esperar pela sua oportunidade. Isto ainda é mais importante e verdadeiro num clube estável

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. qual oportunidade? Esperar por algo para o qual estás a ser preparado é uma coisa... esperar que se conjuguem 205 coisas no universo para que te façam o favor de jogares... é outra. Ninguem inteligente espera por isso. E é por isso mesmo que eles saem.

      Eliminar
  5. Correctíssimo, com essa filosofia, podemos abater o passivo (que urge ser renegociado no que diz respeito às taxas de juro, qualquer taxa superior a 3% é ridícula, nas actuais condições do mercado, com deflação...) de forma convincente,e dentro de 3 ou 4 anos poderemos começar a contratar jogadores mais experientes e tornar-nos competitivos a um nível mais elevado...

    ResponderEliminar
  6. Totalmente de acordo, so pecou por nao esclarecer o caminho da formaçao até chegar ao plantel principal........é q ha tb quem pense q basta dar 2 chutos na B pra se merecer estar na A........

    Escaloes de formaçao => equipa B => emprestimo primeira divisao => equipa A.

    O q tem faltado é o emprestimo a equipes de primeira divisao, muitos das aquisiçoes ja tem rotinas de equipa principal e é a mais valia q faz encostar os nossos miudos.

    Concordo qd diz q tem q se dar tempo para os miudos errarem, mas isso nao acontece nem nunca ira acontecer, os adeptos querem sempre resultados e nao ha paciencia pra deixar errar, logo têm q ser emprestados pra errarem noutro lado e voltarem mais maduros e menos sujeitos a erro.

    Zé Moina.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Discordo em absoluto. Nao há um caminho obrigatorio para essa passagem.

      Nada impede um jogador de 16 anos de ser titular ou integrar a equipa principal se tiver qualidade e características para tal.

      Porquê ter que ser emprestado e passar pela B? O Guedes é um caso claro de que já teria evoluido muito mais se estivesse a ser opção na A.

      Eliminar
    2. Estou a falar de caso generico e tu vens com um caso isolado......

      O Guedes se estivesse na A estava no banco ou na bancada a ver os outros jogar pq simplesmente nao tem AINDA qualidade pra tirar o lugar aos titulares e alguns suplentes.

      Nao venhas de novo com a historinha do tosco do Ola John pq todos sabemos q esse nem la devia estar.......é do nivel do Nelson Oliveira (lugares diferentes) q tanto elogias........jogadores q prometem muito mas q nao passam disso.

      Zé Moina.

      Eliminar
  7. Mística = Ganhar

    Quem não sabe isto percebe 0 do Benfica.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. eu diria mais:

      Quem pensa como tu ou tem 15 anos ou não sabe o que é o Benfica.

      Eliminar
  8. Gostaria que justificasses os teus pontos de vista e opiniões desta forma e não com aqueles posts que fazes com 2 ou 3 linhas carregados de sensionalismo, extremismo e falta de clarividência de todo. É, portanto, o primeiro comentário que aço num post teu, fazendo este pequeno reparo.
    Quanto ao conteúdo do mesmo, 100% de acordo, voltando a frisar que pelas tuas palavras, às vezes dê a sensação de que queres 11 nelsons olivera (11 nulidades) na equipa titular do Benfica.

    Abraço.

    Guilherme

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Os meus posts podem dar-te as sensações que quiseres... desde que isso te faça sentir bem, por mim é na boa! LOL

      Eliminar
  9. Benfica By GB como disseste e bem 99% está feito; o tal 1% que falta é aquilo que o presidente do Benfica falou em relação á inclusão de alguns jovens vindos da formação e quando se fala da formação, tem que se incluir obviamente a equipa B; que serve de trampolim para quem vem dos escalões mais jovens do clube, mas também é dada a oportunidade de jogadores como o Vitor Andrade por exemplo de evoluir e adaptar a ao futebol português.

    Quando falas em orçamentos mais baixos, dá para perceber que percebas pouco do que falas. Os futuros orçamentos até podem ser mais elevados; têm é que ser equilibrados e sustentados como ultimamente tem acontecido... mas tendo em conta o custo do serviço da dívida e a redução do passivo para outros patamares que aliviem esses custos, o ideal é que no fim de cada exercido de contas a SAD tenha lucros tendo em vista essa redução, como aliás também aconteceu nos últimos exercícios... mas que essa redução seja realizada tendo mais em conta o orçamento que diz respeito aos resultados operacionais do que aos resultados extrodinarios.

    Quanto aos exemplos que dás no teu texto em relação aos jogadores de forma a sustentar o teu raciocínio do qual estou de acordo... mas que depois em sentido contrário falas nos seguintes jogadores como exemplo a não seguir: Taliscas, Derleys, Ola Johns, Sulejmanis, etc

    É bom esclarecer que Talisca é se tudo correr bem e com previsto um dos tais investimentos em jogadores jovens que ao fim de uns tempos vão dar muito lucro ao Benfica; quer desportivo, quer em dinheiro. O que tu falas do Talisca é o que muitos falaram de Matic, Javi Garcia ou David Luiz quando ingressaram no Benfica; que eram uns flops, negociata etc... E depois quando saíram foi o que foi.
    Lembraste o que escreveste do Jonas quando está veio para o Benfica ou do Julio César?

    Olá John é um jogador que também está neste lote, mas que infelizmente ainda não explodiu o que era esperado e expectável; não porque não tenha qualidade futebolísticas inatas, mas porque não tem conseguido ser um jogador com intensidade e consistência suficientes para dar o salto há muito esperado. De qualquer forma o Benfica só tem 25% salvo erro do passe do jogador o restante é da Douyen com opção por parte do Benfica (riscos mais do que partilhados)

    (Continua)

    Evidencias

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. recuso discutir contigo estes assuntos porque tu não os discutes, limitas-te a procurar vir para aqui defender o status quo.

      tudo o que está feito está sempre bem. Isso é um indício de uma de duas coisas: Pouca inteligencia (que não me parece nada o caso) Muitos interesses (que estou mais inclinado para aqui).

      Eliminar
    2. Caro Benfica By GB, se queres realmente discutir algum assunto de modo sério, tens de começar a lançar os assuntos de forma igualmente séria, sem preconceitos e sem estarem alicerçados aos teus dogmas. Como te falei o teu extremismo leva a quem te lê a defender também de forma mais extremada ideias comtrárias ás tuas.

      Evidencias

      Eliminar
  10. (Continuação)

    Quanto ao Sérvio; este é um dos tais jogadores consagrados como tu mencionaste em relação ao Aimar, Saviola etc... Só que ele infelizmente está na sua 3 época sem quase competir; não porque lhe falte qualidades, mas porque na sua última época no Ajax não o deixaram competir por ele não querer renovar. Depois é o que todos nós sabemos, quando o jogador começou a ganhar ritmo e a começar a ter mais oportunidades de jogo, teve uma arreliadora lesão que o afastou muitos meses dos treinos e só agora recomeçou a jogar. Não esquecer que este jogador era pretendido por muitos clubes consagrados e veio a custo zero.

    Por último Derley, outro jogador que veio a custo zero, com as características naturais de ser o substituto natural de Lima (na forma de jogar) numa perspectiva de evolução como acabou por acontecer com a vinda do Jardel por exemplo.

    Evidencias

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. eu percebo pouco e tu é que acreditas em jogadores a custo zero? Ta bem...

      Eliminar
    2. Não sei se sabes quando um jogador chega a custo zero, significa que não foi pago nenhum valor pelo seu passe. Agora qualquer jogador que chega a custo zero a um qualquer clube é normal receber prémios de assinatura e respectivos vencimentos, prémios de jogo etc... mas não só; até os jogadores quando fazem parte do quadro dos clubes, normalmente também recebem prémios aquando da renovação ou renegociacao de novos contratos, caso do jovem Gonçalo Guedes. Mas esta é uma política normal há anos no futebol; por exemplo lembro-me bem aquando do regresso de Humberto Coelho e do Alves ao Benfica vindos do PSG, mas em épocas diferentes, livres de contrato, também eles receberam na altura as habituais "luvas" aquando da assinatura do contrato.
      Afinal queres lançar areia para os olhos de quem?

      Evidencias

      Eliminar
  11. Tem que ser este mesmo o nosso Assunto de Futuro.
    E tem que ser debatido com calma, ponderação e muita capacidade de Autocritica.
    Com as alterações que estão e vão acontecer a nível dos países mais fortes da Europa, em termos de transmissões televisivas e consequentes contratos, como é que o nosso clube vai poder ser competitivo a nível Europeu.
    Quando os últimos classificados de Espanha ou Inglaterra vão receber dezenas e dezenas de milhões de Euros, quando os Clubes turcos também vão receber um valor incomportável para a nossa realidade, qual vai ser o nosso futuro em termos de Receitas Financeiras.
    O Primeiro grande passo é só este: OS SÓCIOS E ADEPTOS TEM QUE SE MENTALIZAR, OU ESTÃO AO LADO DO CLUBE OU NÃO!!! ( Ao lado é contribuir financeiramente!!!)
    E ai a mensagem proveniente da Direcção e todos os antigos jogadores tem que ser forte e elucidativa.
    E passo a explicar:
    Atendendo ao que foi descrito anteriormente, temos que aumentar substancialmente as nossas receitas e todos têm que contribuir! Se somos 4/5 Milhões….Quase todos têm que contribuir financeiramente!
    Tem que se aumentar substancialmente as adesões á Benfica TV; Temos que aumentar e muito o numero de cativos vendidos ( actualmente devemos ter cerca d 50% do Estádio com cativos), temos que aumentar e muito o numero de Sócios.
    Além disso em termos de merchandising também os Adeptos /Sócios têm que contribuir e muito.
    Depois e por acréscimo tem que surgir a outra parte, em termos de Publicidades, contratos de Camisolas, Naming o Estádio etc etc.
    Resumindo: Se actualmente e analisado o ultimo relatório e contas, facturamos cerca de 100 Milhões ano, (sem incluir valores provenientes da venda de jogadores), quanto é que necessitamos para acompanharmos o Fenómeno Europeu que está a acontecer em termos televisivos?
    A minha opinião e com muita urgência, temos que chegar, numa primeira fase, aos 150 Milhões anos.
    Tudo o que esta mencionada neste Post é também relevante, mas ai tenho dúvidas se quem foi responsável pelas compras que a seguir vou mencionar, tem capacidade de reconhecer os erros e se tem capacidade de mudar:
    Dos cerca de 80 jogadores da era JJ, cerca de 40 foram e são :
    José Luis Fernández, Menezes, Patric , Jara, Sidnei, bruno césar, Julio Cesar, Airton, Roberto, Luis Filipe, Djavan, Derley, Eliseu, Benito, Éder Luis, Weldon, César Peixoto, Emerson, Cortez, Fábio Faria, Shaffer, Lionel Carole; Capdevilla, Nolito, Luisinho,bébé, nuno coelho, elvis,Yannick, rodrigo mora, Michel, funes mori, Keirisson, Eduardo, Djuricic, Farina, Kardec, hugo vieira, candeias,Leo Kanu, Wass, Artur, Paulo Lopes.

    Independentemente do valor destes jogadores, ai cada um tem a sua opinião, a questão é que em termos desportivos em quase nada contribuiram.

    ResponderEliminar
  12. E já agora caro Benfica By GB e não me leves a mal a chamada de atenção. Já reparaste que muitos daqueles que aqui escrevem aqui a comentar e a criticar, muita das vezes de forma até corrosiva, como algumas vezes é o meu caso :)))) os teus textos e ainda mais os do caro Shadows; ultimamente e com os vossos mais recentes posts isso não tem acontecido, mesmo quando continua haver em determinados pontos divergências de opinião. Já pensaste o porquê de tal acontecer? Como algumas vezes aqui escrevi os extremismo, os dogmas, a crítica destrtutiva, a crítica pela crítica, ou és por mim ou és Carneiro etc... só origina respostas extremadas de quem coloca acima de tudo os superiores interesses do Benfica.
    Já agora não me leves igualmente a minha seguinte sugestão, continuem a criticar a ser oposição a LFV, JJ etc... mas tenham sempre presente o lema do Benfica quando o fizerem... como o têm feito ultimamente, não sei se de forma consciente ou inconsciente; mas vão ver que serão muito mais respeitados por todos aquele que só querem o bem ao Benfica.
    Claro que com esta nova postura de forma natural, diria mesmo de selecção natural, os infiltrados do costume como o MPV Pinto, Benfiquista de Gaia, Duque de Leitão entre outros vão acabar por não aparecer por aqui como é bem visível no número de comentários e conteúdo dos textos aziados que colocam quando o tema e forma como é apresentado salvaguarda os superiores interesses do Benfica acima de todos os outros :D

    Evidencias

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. meu caro amigo, eu NÃO SOU NEM NUNCA SEREI oposição a Luis Filipe Vieira.
      Nos últimos anos apenas Jorge de Brito, João Santos, Manuel Vilarinho e Luis Filipe Vieira tiveram o meu voto em actos eleitorais... isto para não ir muito atrás. Curiosamente foram todos presidentes. Ou seja, o meu candidato só perdeu quando votei em branco por não me rever nao na pessoa, mas em atitudes eleitorais.

      Dito isto, digo e continuo a dizer: Não conheço MELHOR presidente para o SLBenfica que o actual. Não conheço treinador melhor que actual, que o SLBenfica possa pagar (sim, Mourinho e Guardiola, p ex. são melhores mas duvido que possamos tê-los).

      Agora, ao contrario de muitos, isso não me impede de pensar pela minha cabeça.

      O treinador sei que não, mas saberás melhor que eu :) que o Presidente aprecia bastante que as pessoas pensem pela própria cabeça e não sejam "yes man". Ora, dito isto, o Presidente gosta até de viver com as criticas /discordâncias... desde que honestas.

      Que eu saiba, no que me diz respeito nunca fiz uma critica desonesta.

      Eliminar
    2. Quando se crítica nem que seja algumas vezes na base da pura especulação; preconceito por exemplo... essa crítica é logo à partida desonesta... no caso intelectual.

      Evidencias

      P.S: Olha e só para tua informação, eu votei Ferreira Queimado, Fernando Martins, João Santos, Jorge de Brito, Luis Tadeu, Vale e Azevedo, Vilarinho, Abstenção, Abstenção e LFV.
      Mas no dia a seguir a qualquer eleição o MEU presidente passou a ser aquele que os Benfiquistas elegeram e quando tive ou tenho que criticar algum deles crítico, mas tenho sempre presente o Lema do Benfica e os superiores interesses do Benfica.

      Eliminar
  13. Eu acho que mais uma vez o Sr. Dr. Manuel Vilarinho prestou ontem mais uma vez um dos maiores serviços que é possível ao seu clube de coração, ao falar como só ele sabe com franqueza sobre o que se depara no futuro o Benfica e os demais clubes nacionais assim como o nosso País!
    Sem papas na língua abriu a porta ao nosso presidente para mudar o paradigma que já tem vindo a ser trabalhado a cinco anos para cá, a formação terá que ser uma aposta no próximo ano, agora cabe JJ no final da presente época escolher se pretende seguir nesses moldes ou seguir o seu caminho.
    O possível retorno dos meninos do Rio Ave Éder e diego Lopes não é por acaso(tarimba de 1ª liga) assim como acredito que outros voltaram a casa mãe.


    Ass: Madskinn

    ResponderEliminar
  14. O caminho passa por pôr a equipa B e talvez os juniores a jogar com o mesmo sistema táctico que a equipa principal e com a mesma filosofia de jogo, para que quando o jogador da B for substituir um da A não tenha de se adaptar.

    Sobre o resto concordo a 100%

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O problema é que o sistema e filosofia muda de treinador para treinador e é raro nos dias de hoje um que dure mais de duas épocas.
      ´
      Falta tambem um ponto importante que é reduzir o numero de jogadores com contrato profissional.
      É um absurdo a quantidade de jogadores que alguns já nem sabemos se ainda jogam à bola.

      Eliminar
    2. é verdade que a grande dificuldade de um sistema unico de jogo para a equipa principal e para os escalões de formação, incluindo a B, é as mudanças de treinador na equipa principal, que nem tem acontecido nos ultimos anos, e as consequentes mudanças de tactica e filosofia.
      mas isso tambem poderia ser alterado bastava contratar preferencialmente treinadores que se encaixassem na tactica defenida ja existem varios exemplos principalmente na escola holandesa, mas tambem no barcelona, a seguirem esse modelo.

      Eliminar
  15. Não concordo com a tua opinião e vou explicar porque.
    Engraçado como elaboras o teu post para transmitir uma ideia, sem que apresentes números que suportem a tua ideia.
    Estás-te a referir a que em concreto? Orçamento de milhões iremos ter sempre, nem me passa pela cabeça um dia vir a ter orçamentos de milhares... seria mau sinal.
    Os jogadores que referes que ganham 2M€/ano ou mais, são jogadores que estão na casa a bastante tempo, e o seu vencimento tem sido recompensado nas sucessivas renovações, em virtude do seu bom trabalho e a sua boa prestação desportiva. Se achas que os bons e mais antigos elementos do plantel nao devem ser recompensados então estás a cometer uma Passos Coelhice.
    Saudações Benfiquistas

    ResponderEliminar
  16. Xavier Reis15/05/15, 16:30

    O que eu não percebo é porque é que jogadores como Ola John, Djuricic e Sulejmani não são considerados investimentos do género do Ramires ou Markovic. São jogadores que antes de vir para o Benfica tinham o mesmo estatuto. Relembrar que os três que vieram do campeonato holandês eram dos jogadores mais bem cotados neste campeonato. Foram caros? Sim. Mas os exemplos que tu deste também o foram.

    O caso de Derley por exemplo é semelhante ao do Jardel ou do Lima. Jogadores que se destacaram em clubes mais pequenos da liga, mas que evoluiram no Benfica. Claro que dentro destes casos temos apostas falhadas como Luisinho, Djavan, Nuno Coelho, Candeias etc, mas também foram jogadores sem oportunidades para se mostrar.

    O ponto fundamental é que temos vários tipos de contratações: os jovens que são comprados com muito potencial, a um valor considerável (até 8M, diria eu) e que depois são vendidos acima dos 25M; os jogadores experientes, já nos 28 anos ou mais, e que vêm dar maturidade ao 11 e que normalmente até são as contratações mais acertadas a nível desportivo mas financeiramente não rendem como o primeiro caso; e os jogadores de destaque em clubes mais pequenos da nossa liga, que são sempre contratações de risco porque o peso da camisola benfiquista é diferente do peso das do Nacional, Marítimo ou Belenenses.

    Em relação ao plano que apresentas, concordo plenamente. A meu ver deve existir:
    1 - uma base sólida de 4 ou 5 jogadores titulares, com rotinas do treinador e que facilitam a integração das caras novos.
    2 - O mesmo número de jogadores que são os bons suplentes, como Amorim, André Almeida, Jardel que são jogadores cumpridores para entrarem na equipa quando a adaptação dos novos não corre logo bem ou quando há lesões.
    3 - Um número semelhante de jovens da formação, que vão sendo integrados e tendo oportunidades claras.
    4 - 4 ou 5 jogadores novos, com bom potencial de lucro no futuro.
    5 - 2 ou 3 jogadores que se destacaram em empréstimos na época passada, para mostrar acompanhamento do clube.

    ResponderEliminar
  17. Exactamente! É isso que penso. Será sempre necessário uma base e contratar bons jogadores (custem 8 ou 10M) para depois os poder vender por 20 ou 30M. O que tem que acabar é a compra daqueles jogadores que nunca vão ser nada de especial para o benfica. Para esses vêm os da equipa B.

    ResponderEliminar
  18. Trivialidades e atoardas zurradas aos quatro ventos em jeito de "expert-intelectualóide-futeboleiro", não te aliviam a canga nem te "limpas" perante os benfiquistas mais atentos.

    Se a imbecilidade pagasse imposto o país livrar-se-ia da bancarrota!

    Sei que não publicas 99% dos comentários que não se encaixam na tua albarda, mas de mim vais continuar a recebê-los e a levar com eles na corneta.

    ResponderEliminar
  19. BENFIQUISTA DE GAIA15/05/15, 16:51

    eliseu r.amorim j.cesar ..chamar a isto nucleo duro????? estamos na fim do mundo.....

    ResponderEliminar
  20. Dizes no post que deve-se manter um núcleo duro de jogadores sólidos e experientes como Julio Cesar, Luisão, Maxi, Eliseu, Amorim e Lima. Devido à idade, Júlio, Luisão e Lima só conseguem fazer mais 1 época, e mesmo assim não sei. Eliseu e Amorim também não caminham para novos embora concorde que podem transportar com eles a mística do clube.
    Depois concordas com a política de investimento em jovens jogadores de grande potencial, em parceria com outros grandes clubes (como aconteceu com o Ramires ou Markovic) mas mais à frente dizes que Taliscas, Ola Johns, Sulejmanis são um mau investimento. Isto é um contradição. Qualquer um dos 3 que referiste eram jovens com potencial de onde vieram e continuam a ser. Dou-te um exemplo: Quintero! Custou os olhos da cara e não mostrou nada até agora.
    Fala-se em investir nos jovens da cantera e só 2 poderiam jogar na equipa principal: Guedes e Teixeira e nem sequer para titulares. Como querem vocês continuar a ganhar troféus apostando só na formação??? Como é que vamos longe nas competições europeias, como tanto queremos, apostando só na formação??? O Sporting tem apostado em alguns e o que tem ganho com isso??? ZERO!!! Se a nossa formação é extraordinária, porque razão estamos em 7º lugar na 2ª liga e não em 1º ou 2º??? E o Porto aposta em que formação??? Quantos saem todos os anos para a equipa principal??? Compram como o Benfica, por vezes com algum risco, mas só assim são competitivos. Temos que apostar em alguns jovens da cantera, mas o Benfica tem que continuar a ir ao mercado todos os anos comprar 5, 6, 7 jogadores para continuarmos a ganhar e voltar a destacar-se dos rivais em termos de troféus. Lembro-me quando jovem que se dizia que o Benfica tinha mais campeonatos que o Porto e Sorting juntos. É isso que tem que voltar a acontecer

    ResponderEliminar
  21. De um modo geral toda a gente em todos os clubes do mundo concorda. Manter os melhores, acertar as contratações e apostar nos melhores da formação. Eu também gostava de 0% desemprego e salários de 5000 com 5h de trabalho por dia!
    A realidade mostra que os bons jogadores querem ir para clubes onde lhes pagam mais. Que as contratações experientes são tratadas como sendo velhos, gordos ou paralíticos (engraçado ver como o Júlio César passou de uma cadeira de rodas para ter mística). As contratações de jovens promissores tal como o nome indica podem resultar ou não e aquilo que um ano é flop pode despontar no seguinte. Se apostar na formação não é meter 11 no plantel também não é exigir que um júnior jogue grande parte dos jogos especialmente se o treinador acha que há melhor. Para dar um exemplo... O Jonathan que também não joga na equipa A na 2a liga já fez tantos ou mais golos que o Guedes... Ou seja, diferença entre o nível de jogar na equipa A e na 2a liga é muito grande.
    Pagando nos exemplos que deste de contratações falhadas: talisca, derley, ola e suleijmani. O talisca ajudou imenso no início,na fase em que jogamos pouco. Derley é uma contratação na base do lima, goleador em equipas pequenas, fez mais golos no marítimo que o amado Nelson como sénior, mas sem haver desculpas de o marítimo não jogar em ataque continuado. Ola era um miúdo de 18 anos, internacional holandês. Suleijmani é a contratação mais cara de sempre do ajax, uma aposta na onda do garay,jogador de qualidade mar que não jogava,simplesmente no Benfica os melhores jogadores jogam na sua posição. Por seja... Ninguém acerta 100%.. E esperar a perfeição é uma desculpa para poder criticar 1% sem olhar aos 99%.
    Nuno

    ResponderEliminar
  22. O que acho curioso e para quem acompanha o blogue é que usas o 1% que dizes faltar para criticares aquilo que se faz em 99%... Muitos dos jogadores que falas que são importantes já os desdenhaste como por exemplo o Julio Cesae e o Lima... Fiiquei foi surprrendido por sempre teres votado em Vieira depois de andares a dizer cobras e lagartos do homem aqui no blogue e em privado... Mas nunca é tarde para reconhecer o fantástico trabalho feito por Vieira, não perfeito, mas fantástico e também eu cheguei a dada altura a achar que se calhar o caminho de Vieira não era o certo mas tou feliz por me ter enganado...

    ResponderEliminar
  23. Certeiro como sempre...no que toca a ler os jornais e ficar atento ás entrevistas/desculpas do senhor presidente do Benfica, e embarcar em delírios e falsas promesas! Dá a entender e pelos teus posts feitos por aqui que a tua agenda é defender esta direção que tem como "cartão de vista" as negociatas ruinosas para o Benfica! Faz as contas aos jogadores comprados e vendidos faz uma relação entre eles e diz á malta como é possivel tanta negociata??

    ResponderEliminar

Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado.

artigos recentes