O Novo BlogGeraçãoBenfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Um espaço de opinião individual, alheio a quaisquer interesses individuais ou colectivos.
Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


O Benfica deve vender em Janeiro?

quinta-feira, 16 de abril de 2015

Avatar

O Binómio: Vendas de Jogadores e Sustentabilidade

 ●  + 25 comentários  ● 
Ao longo dos últimos anos as teses e o populismo é mais que muito:

- Já ouvimos a tese de que tínhamos que vender ao desbarato porque não tínhamos "para comer".

- Já ouvimos a tese que houve uma fantástica recuperação financeira e agora já não era preciso vender.

- Tivemos mais recentemente a tese (realista) de que teremos sempre que vender para sobreviver.

- Quando se começou a vender alguns jovens que ainda cheiravam a leite apareceu a tese que vendíamos do Caixa Futebol Campus para não ter que vender os da equipa principal.

Enfim... é à escolha! Cada um usa a tese que lhe der mais jeito para defender a sua paixão pelo Presidente, pelo Treinador ou pelo cortador da relva. O Benfica depois logo se vê!

Há uns tempos apareceu por aí uma contabilidade do Record que dizia que o SLBenfica com Jesus vendeu não sei quantos milhões e comprou outros tantos, tendo um saldo positivo de 24M€ na era Jesus. Bom, assim à merceeiro eu diria que estamos a falar de 4M€/ano em lucro que na prática dá para pagar o salário ao treinador.

Assim à bruta, o resultado destes 200M€ de investimentos em 6 anos, numa média de mais de 33M€/ano é: Desportivamente são dois título de campeão (esperemos que venham a ser três), duas finais europeias e umas taças nacionais. Financeiramente as vendas pagam as compras e o treinador, o Clube suporta os salários... e as comissões!

Claro que não é bem isto, mas a analogia extrema serve para suportar o essencial da questão que é:

- Onde está a magia deste processo todo que tanto tem sido apregoada por tantos defensores do status quo?

Compramos jogadores bons (temos uma prospecção do melhor que há no mundo) mas para isso temos que comprámos por valores já representativos (mais de 5M€ na generalidade, bem mais alguns deles) e temos um treinador que, por ter bastante qualidade técnica-táctica, tira o melhor desses bons jogadores e, pelo caminho e ao sabor das suas teimosias "queima" áreas extensas de terreno onde deixa de poder nascer seja o que for...

O saldo é o que vimos acima: O clube, na verdade, com isso "paga o nível de vida" que quer ter, não garantindo a sua sustentabilidade sem essa dependência de receitas extraordinárias (vendas de jogadores), não tendo capacidade para "segurar" os seus melhores jogadores (normal, em Portugal!) e nem sequer segura e desenvolve dentro do clube os melhores jogadores que forma (vende na "primeira" oportunidade).

Olhamos para outros clubes e estão financeiramente num estado ainda mais lastimoso que o nosso! BOA! É suposto isso tornar-me complacente com alguma coisa? Não...

Então qual é a receita milagrosa?

Fácil... o Presidente já a deu!

- O SLBenfica tem que baixar fortemente a massa salarial (sim, é complicado, porventura impossível) voltar a ter na mesma equipa jogadores com níveis salariais de Luisão, Enzo, Gaitan, Salvio, Aimar, Cardozo, Julio Cesar, etc. como aconteceu recentemente, o que não quer dizer que o SLBenfica não venha a poder ter um a dois jogadores-chave por ano na equipa.

- O desafio do treinador que ficar no SLBenfica é fazer mais com menos! Isso é um desafio que está exposto à sociedade portuguesa desde as famílias às empresas. Não vai continuar a ser possível comprar um excelente Witsel e vender um fantástico Witsel. Vamos ter que comprar um desconhecido Jonathan Rodriguez e vender um fantástico Jonathan. Vamos ter que formar o Renato, o Gonçalo, o Nuno, o Bruno, o Guga, o Teixeira, etc e vender fantásticos ou pelo menos excelentes Renatos, Gonçalos, Nunos, Brunos, Gugas, Teixeiras, etc.

Vai baixar a competitividade da equipa? Pois não sei.. O José Mourinho venceu uma Liga Europa e uma Champions com jogadores do Leiria, Alverca, Setúbal, etc.

Para transformar diamantes em diamantes lapidados, basta ser bom... Para transformar latão em ouro, já é preciso ser fantástico e os fantásticos merecem receber 4M€/ano. Eu penso que o Jorge Jesus, como treinador, é fantástico se quiser melhorar o que o impede de ver a sua capacidade para transformar latão em ouro ao invés de andar a querer apenas a lapidar diamantes...

Como diz o Presidente, "não há volta a dar", o caminho vai ser por aqui.

25 comentários via blogger

  1. Portanto, grosso modo é continuar a sportinguizaçao do Benfica. Nisso Vieira tem feito um grande trabalho. Pena foi o chorrilho de barretes que ja enfiou aos benfiquistas. Podia ter sido franco desde o início.

    É este o Benfica que queremos? Olha, o porto regional arrisca-se a estar na meia final da champions. Culpa do sistema e do vale e Azevedo...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. meu caro, vês alguma solução para pagar esses investimentos brutais em aquisições, comissões, salários e afins?

      Eliminar
    2. Eu vejo! Demissão de LFV,a renegociação das dividas, clara aposta desportiva em treinadores que nao sejam bons para Academicas, Aroucas, e etc e jogadores com amor á camisola, Benfiquistas e acima de tudo disciplinados pella direção, não pode haver jogadores a roer a corda sempre que lhes apetece....

      Eliminar
    3. Paulo Geraldo16/04/15, 15:09

      A sportinguização do Benfica? Há gente que não tem noção do que diz! Eles nem nas modalidades ganham e depoia já gente que vem falar em sportiguização...

      Eliminar
    4. Paulo Geraldo16/04/15, 15:11

      Redwing, e o saudoso regresso aos anos 90... Saudades do tempo em que os campeonatos de decidiam no fim da 1ª volta...

      Eliminar
  2. Jorge Vieira16/04/15, 11:13

    - Quando se começou a vender alguns jovens que ainda cheiravam a leite apareceu a tese que vendíamos do Caixa Futebol Campus para não ter que vender os da equipa principal.

    Vendemos quantos do Caixa? UM! Não vendemos 50 nem 25. Não vendemos sequer 10 ou 5. Vendemos UM que não encaixava no nosso modelo de jogo e rendeu muito dinheiro

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não vendeste um! Vendeste o Bernardo (e não foi por não encaixar no modelo, pois o Talisca faz exactamente o mesmo que ele está cá e até pagaste por ele, so deixou de jogar porque deixou ter o ascendente de vir com ritmo e passou a ser evidente que não é nada do que diziam dele). Vendeste o André Gomes (que nao é formado no Benfica, mas veio das camadas jovens), vendeste na mesma condição do André, também o Oblak. Vendeste/Despachaste o Ivan Cavaleiro, o Cancelo e o Helder Costa.

      Tudo jogadores que poderiam estar no SLBenfica como alternativas aos titulares no caso dos mais jovens. No caso do André Gomes terias evitado a compra do Pizzi por 11M€ (fala-se em 6+5M, mas pelo menos 6 foram certos, os outros 50% veremos a realidade no RC). No caso do Oblak se lhe pagasses bem antes de ele ser desafiado fora do Benfica, aquilo que pagas ao Artur ou ao Julio Cesar, talvez o jogador se sentisse reconhecido e valorizado e não tivesse tomado aquela decisão...

      Eliminar
  3. Os custos do Benfica não são apenas os custos da equipa principal. Todas as modalidades têm custos assim como todas as estruturas do clube. Os proveitos terão de ter várias origens mas isso é demasiada areia para as inteligências que escrevem aqui. Só sabem falar de uma coisa de cada vez sem perceber nada disso.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se tivesses tido o cuidado de ler o texto, vias que estamos a falar de futebol, da SAD portanto.

      Mas é bem mais giro escrever um comentário a fingir que se é inteligente e se tem uma sabedoria superior.

      Deixa lá... se isso te faz feliz podes continuar

      Eliminar
    2. Como benfiquista não destrinço entre SAD e clube. Mas quando convém já dá jeito fazê-lo? Sabes é muito!

      Eliminar
  4. Como sempre costumo dizer, sobre Posts de politica interna do SLB não me meto.. mas como aqui se fala na Contabilidade Record/CMTV
    dizer só que essa contabilidade não está correcta. Pois toda a gente sabe que os números apresentados não correspondem à realidade.

    Veja por ex., o caso do Julio César do Jonas, jogadores contratados a 'custo zero', no fundo de desemprego. Para a contabilidade Record/CMTV
    eles foram a custo 0. Mas, para quem percebe de futebol, sabe bem que eles para assinarem receberam uns bons milhões em luvas, em prémio
    de assinatura! Logo essa 'contabilidade' cai por terra, pois não corresponde à verdade. É apenas conversa da treta para meninos de oito anos ler.

    Outro exemplo. O jogador Gonçalo Guedes assinou contrato de profissional com uma clausula de 60 Milhões. Ora, ele, para decidir assinar, teve
    certamente que ser aumentado e ter um prémio para assinar. Certo?! Assim que, a tal 'contabilidade' do Record é um logro.

    E, dar mérito à prospecção do SLB.. que em 5 anos contratou quase 200 jogadores. Assim é fácil: em 200 aparecerem meia dúzia de Witsels...
    só se esquecem é de referir que para cada Witsel, falham em 10 Freddys Addus!!!

    MPV Pinto





    ResponderEliminar
    Respostas
    1. MPV Pinto preocupa-te com a vida do teu clube sff!

      Eliminar
    2. Por haver assim, muito como tu, é que eu tive o cuidado de dizer, de prevenir:

      "Como sempre costumo dizer, sobre Posts de politica interna do SLB não me meto... mas como aqui se fala na Contabilidade Record/CMTV dizer só que essa contabilidade não está certa, correcta. Pois toda a gente sabe que os números apresentados não correspondem à realidade."

      E, quanto ao meu clube, não preciso de me preocupa, está tudo bem. Ontem por ex., foram mais de 3 milhões em receitas de bilhetes, Tv, publicidade e prémios de jogo..

      E por isso é que temos quase 1/3 a menos do vosso Passivo, metade das vossas dívidas bancárias... e não precisamos de fazer campanhas de vendas de bilhetes em promoção.. nem de vender Garays e Cardosos em saldo a 3 milhões !!!

      MPV Pinto


      Eliminar
    3. O meu nome é Carlos Borrego e sou portista.
      Caro consócio pela primeira vez comento aqui um comentário teu porque fico estupefacto quando um Portista escreve o que tu escreveste em relação ás contas da nossa Sad; ou é para tentares enganar aqui os nossos rivais Benfiquistas ou é para te enganares a ti próprio. Por acaso não lês os R&C da FCP SAD? Infelizmente o nosso presidente pode ter muitos méritos em termos desportivos, agora quanto ao económico finamceiro estamos há muito a caminho da ruína. Comtinua a pensar que a BENFICA SAD é que está mal e vais ver como vão ser os anos de seca do nosso clube nas próximas decadas.

      Eliminar
    4. Oh meu... és tão portista como eu sou chinês!!

      Para já, entraste (meteste o bedelho) a meio da conversa.. e nem sabes do que falamos aqui.
      E depois, qual foi a parte que não conseguiste ler?!

      "E por isso é que temos quase 1/3 (um terço) a menos do vosso Passivo, temos metade das vossas dívidas bancárias... e não precisamos de fazer campanhas de vendas de bilhetes em promoção, tipo compre um e leve 4.... nem sequer de vender Garays e Cardosos em saldo a 3 milhões !!!"

      Rapazito, se não sabes ler português, é porque só percebes mesmo pretoguês, mas disso eu não tenho culpa!!

      MPV Pinto

      Eliminar
  5. Independentemente das contas que uns fazem de 1 maneira e outros de outra, para mim a solução será sempre esta : 15 jogadores de classe e portanto esses têm de ser bem pagos e o restante da casa (empréstimos/equipa B).
    O barato sai caro e reparem só no dinheiro gasto...SÓ ESTE ANO (djavan, candeias, Luis Felipe, César, Cristante, Bébé, V.Andrade, Derley, Benito), agora gostava que me demonstrassem por a + b que o Júlio Cesar e o Jonas são caros!!!!!
    Se juntar-mos a estes o Sulejmani e o Jonh(9 M)...então meus amigos tamos conversados em relação à politica desportiva a ser seguida

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pela parte que me toca, em lado nenhum eu disse que o Jonas e o Júlio César foram caros ou baratos. Apenas disse que o Record/CMTV na sua
      contabilidade criativa não tiveram em conta os custos envolvidos com a sua vinda para o Benfica. é que ninguém assina por um clube a custo zero.
      Há sempre despesas, luvas, prémios, comissões que têm de ser pagas.

      Agora, se me perguntarem, a mim, pessoalmente, acho que quer Júlio César, quer Jonas devem ter um ordenado mensal dos mais elevados do plantel.

      Mas, isso é outra conversa.

      Eliminar
    2. A ideia de termos 15-17 jogadores experientes e o resto do plantel ser um híbrido com a B parece-me uma solução vencer/vencer em todas as áreas do negócio e na vertente desportiva... apresento um plantel especulativo (próxima época) que no meu entender seria vencedor... Júlio César e mais um guarda-redes experiente e potencial titular...(2), Maxi, André Almeida, Luisão, Lisandro, César, Sílvio (6) [8], Salvio, Gaitan, Ruben, Samaris, Pizzi, Cristante (Fejsa), Talisca (7) [15], Lima, Jonas, Jonathan (3) [18] ... e os restantes seriam... Bruno Varela (?), Cancelo (faz a lateral dta e esq), Lystov (Lindelhof), Sanches, Cavaleiro, Guedes e Nuno Santos... dariam os 25!... acredito no entanto que Maxi, Salvio e Gaitan saiam desta equação e que Eliseu fique no lugar de Silvio e que Cancelo não volte, bem como o Cavaleiro. Mas depois do meu exercício penso que o número de jogadores experientes deve subir para pelo menos 18!

      Eliminar
  6. Se o Benfica se visse livre de toda a tralha desportiva (com o máximo respeito pelos jogadores) - Sulejmanis, Djalós, Bebéses, Farinhas, Candeias às avessas e todas as outras cenas... o Benfica poderia manter jogadores como os Salvios e os Gaitans... porque o dinheiro gasto com todas as envolventes desses negócios ficaria para se gastar com os ordenados dos jogadores que CONTAM...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ai sim? E se oferecerem 35M pelo Gaitan não vendias? Isso seria gestão danosa!

      Eliminar
    2. Gestão danosa? Deves estar a falar do Vale e Azevedo suponho...

      Eliminar
  7. Comentam o que não percebem, se analisarem os Relatórios e Contas, vem sempre mencionado esses valores que são pagos em prémios de assinatura, ordenados etc etc!!
    Quando se diz que é a custo zero, é o valor que não é pago ao anterior clube, pois os gastos decorrentes da contratação são contabilizados!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Grande mentira.. as luvas, gorjetas e prémios de assinatura não são mencionados nos R&C, tal como os valores dados por ex., ao Gonçalo Guedes para assinar novo contrato. Esses valores não são mencionados nem publicados.

      MPV Pinto



      Eliminar
  8. numa altura de aperto o que temos é que racionalizar os recursos escassos que temos, coisa que evidentemente não temos feitos nos últimos anos, basta só ver a quantidade de gajos que entraram e no ano seguinte já estavam na rua.
    só discordo de uma coisa este treinador não transforma, nem nunca transformara, latão em ouro não por não querer mas porque não tem capacidade, para o fazer ele tinha de adaptar-se aos jogadores e trabalha-los e o que acontece é precisamente o contrario os que tem mais rendimento são os que se adaptam ao estilo do treinador os que não se adaptam são corridos logo.

    ResponderEliminar
  9. Na perspectiva do dito anteriormente se sair algum dos titulares e "vedetas", tem forçosamente de entrar outro de nível e é aqui que entra a competência do departamento.....duas soluções :
    1 - carrada de bébés, djalós, etc.. e pode ser que um engate...
    2 - Ir ao mercado argentino, brasileiro (grandes clubes) ou outro e contratar um jogador feito para a posição em aberto, chega de adaptações isso é coisa de equipas pequenas, uma ou outra ainda vá que não vá, agora sistematizar....é por isso que para a champions não dá...o nosso meio campo está a aprender já repararam?O extremo aprende a 8, e o 8 aprende a 6.......

    ResponderEliminar

Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado.

artigos recentes