O Novo BlogGeraçãoBenfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Um espaço de opinião individual, alheio a quaisquer interesses individuais ou colectivos.
Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


Qual vai ser o resultado do Derby?

sexta-feira, 6 de fevereiro de 2015

Avatar

Notícia Bloomberg sobre a FPF (querem ver que também é um pasquim)

 ●  + 21 comentários  ● 
Spain and Portugal’s soccer leagues filed a complaint to the European Commission challenging a FIFA ban on clubs selling the transfer rights of players to investors, three people familiar with the situation said.

The European Commission received a complaint related to FIFA plans to stop so-called third-party ownership, spokesman Ricardo Cardoso said yesterday, without identifying who filed the document. Soccer ruling body FIFA will ban TPO starting May 1 amid concerns investors may interfere in the $4 billion player-trading market.

Spanish and Portuguese league officials traveled to Brussels to lodge the complaint, the people said. They asked not to be identified because the leagues still need to complete the submission of other documentation. The leagues are receiving assistance from lawyers including Jean-Louis Dupont, two of the people said.

Atletico Madrid, the Spanish champion, and Porto, a two-time European title winner, are among teams from the south of the continent that have turned to TPO deals since the financial crisis began in 2008. Banks including Bankia SA have reined in their overdraft facilities to all but the biggest clubs because of tighter credit rules.

In a TPO deal, investors might acquire 50 percent of a player’s transfer rights from a club in return for half of any transfer fee when he is traded. Doyen Sports, part of a closely held London hedge fund, has done more than $100 million of such deals since 2010, according to the unit’s Chief Executive Officer Nelio Lucas.

Bosman Ruling

Dupont, who declined to comment, is also representing Brussels-based player agent Daniel Striani in seeking to overturn European soccer ruling body UEFA’s so-called Financial Fair Play rules that seek to stop clubs spending more than they earn.

The Belgian lawyer is best known for successfully overturning rules on player transfers in 1995 on behalf of Belgian footballer Jean-Marc Bosman.

Atletico Madrid CEO Miguel Angel Gil said in an interview last year that alternative financing had allowed his club to compete with richer rivals including Real Madrid and Barcelona, two of the world’s biggest clubs by sales.

In 2008, the English Premier League, soccer’s richest by sales, banned TPO after West Ham ceded control of Argentina striker Carlos Tevez to investment companies domiciled in the British Virgin Islands.
Bloomberg Business


Basicamente o que isto quer dizer é que Espanha e Portugal apresentaram uma queixa à Comissão Europeia relativa à proibição da FIFA aos fundos de Investimento

A queixa foi apresentada por representantes oficiais da liga espanhola e portuguesa que viajaram a Bruxelas para apresentar a denúncia. Esses representantes, de acordo com a notícia, pediram para não ser identificados porque ainda precisam concluir a apresentação de mais documentação. 

As ligas estão receber assistência de advogados, incluindo Jean-Louis Dupont. que também está representar um empresário de jogadores, Daniel Striani, na tentativa de derrubar o Fair Play Financeiro imposto pela UEFA. O advogado belga é conhecido por ter feito vingar a lei Bosman.

Agora recordem estas declarações de Jorge Mendes há uns dias:

«É ilegal, completamente ilegal, ilegal, ilegal, as duas coisas são ilegais.

A maioria das pessoas nem sabe do que está a falar. Não têm o direito de impedir um jogador de encontrar um emprego melhor e é isso que estão a fazer. Estão a impedi-los e isso não é lega

Esta é a forma de ajudar clubes mais pequenos. O Benfica e o FC Porto, por exemplo, não recebem mais de €18 milhões da TV e em Inglaterra um clube pequeno recebe €80 milhões. Isto mata a competição. Em Espanha o Atlético Madrid nunca teria sido campeão, impossível! Querem uma competição apenas entre Real Madrid, Barcelona, Bayern e Manchester United?

Com um milhão por cento de certeza que em tribunal as decisões serão travadas. Se sou presidente de um clube e quero gastar o meu dinheiro a contratar jogadores, vão impedir-me. É completamente estúpido.»

in A Bola

O Mendes está a ver o chão a fugir debaixo dos pés, à escala global, tal como o Oliveira estava a ver o mesmo à escala nacional.

21 comentários via blogger

  1. Escrevias tu que a NOS já não queria saber de futebol e até ponderava vender a participação na SportTV. Viu-se :)
    O Oliveira utilizou a influencia que lhe resta para mexer cordelinhos no futebol

    Ele perdeu a influencia na PT e a maioria da influência/capital na Controlinveste Media (agora Global Media Group).
    Ainda lhe resta a NOS ... porque são sócios 50/50 na SportTV.

    Quanto ao Mendes, é ele o grande promotor dessas queixas sobre os fundos.
    Ele e outros Agentes e Fundos andam chateados. O Mendes tem várias percentagens de jogadores que não conseguiu colocar em Portugal... porque as transferências com fundos em janeiro já só podiam ter validade de 1 época. A galinha dos ovos de ouro do Mendes, da Doyen, do Zahavi... têm sido os fundos.

    Por outro lado, quer ajudar o amigo Lim a criar um novo "Chelsea" ou "Man. City", e com as regras do fair-play será mais difícil.

    Veremos as cenas dos próximos capítulos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. PS: A candidatura do Figo à FIFA também não foi inocente. Mendes, Doyen e companhia a trabalhar :)

      Eliminar
    2. Bruno Paiva06/02/15, 12:34

      Totalmente de acordo Benfica Eagle.

      Ilegal porquê ? Então agora é ilegal ter uma regra / lei que diz que os jogadores só podem pertencer aos clubes desportivamente e economicamente ? Os fundos que vão para um sítio que cá sei... Espanha é dos países com melhores jogadores do mundo inteiro e ainda vêm com a desculpa que estão a matar a competição ???

      Por acaso a premier league e a ligue 1 morreram quando proibiram a partilha de percentagens de passes entre fundos e clubes ?
      NÃO !

      O que os fundos querem sei eu, dinheiro!!! zero regras, zero regulação. Querem aproveitar-se desta industria que rende milhões. Os clubes quando mais usam os fundos mais dependentes ficam deles.

      Ilegal é o que se tem feito em Portugal com a maior agremiação corrupta do mundo inteiro conquistar trofeus atrás de trofeus e continuar na primeira divisão e ninguem fazer um cu sobre isso.

      O jorge mendes que vá mamar para outro lado. Ainda por cima o Mendes é totalmente contraditorio, diz que os clubes portugueses têm pouco dinheiro e que não podem competir com outros que recebem 80M, mas depois quando fala de um multi-milionario injectar o dinheiro do gas ou petroleo no clube ingles ou xpto aí já não há problema de competitividade. hahahaah Nesse caso já tem todo o direito de usar os milhões para comprar tudo e todos e ganhar competições uma atrás da outra

      Eliminar
    3. A NOS precisamente tem que alinhar com o Oliveira ate poder vender, para que a Sporttv nao valha cada vez menos e com isso o encaixe da venda seja cada vez menor.

      A questão que se coloca à NOS é mesmo "mas quem é que compra esta merda"?

      Eliminar
    4. LOL.. exageras nessa análise.
      Os conteúdos desportivos são dos principais conteúdos adquiridos a nível mundial.
      São os conteúdos mais valorizados e que mais rapidamente têm aumentado de preço.

      Continuo a discordar de ti nessa análise.
      A NOS não tem qualquer intenção de sair do futebol.
      E atenção à "nova" PT/Altice, que vai ser um novo player com "cash" para investir na MEO.

      Eliminar
  2. Acho que é isso mesmo. E ele com essa conversa do «impedir jogador de trabalhar» ainda se habilita é que sejam revogadas as transferência milionárias, cujas comissões tanto dinheiro lhe valem, pois as transferências milionárias , o dinheiro que se pede, pode ser visto como impeditivo de um jogador trabalhar onde quer, ou não?

    Já agora, seria interessante saber como está ou ficou a queixa que Mario Figueiredo fez relativamente aos direitos tv

    ResponderEliminar
  3. O Mendes a ver o chão a fugir debaixo dos pés? Incrível, só alguém totalmente fora da realidade pode fazer uma afirmação destas.
    Seja qual for o resultado o Mendes está sempre seguro.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. não tem mesmo a noção das coisas:

      1º) proibição dos fundos, por parte da FIFA, onde Mendes andava envolvido, e tem ganho milhões.

      2º) desregulamentação da actividade de agente de futebol por parte da FIFA, e limite de comissões a um máximo de 3% na transferência ou salários! O Mendes cobrava 10% ou mais por comissões em transferências. LOL

      Leituras aconselhadas:
      http://www.abola.pt/nnh/ver.aspx?id=472435
      http://www.lancenet.com.br/minuto/Fifa-desregulamentar-atividade-agente-futebol_0_1088291395.html

      Eliminar
    2. Amigo nao percebes nada.... aonde pensas que há mais dinheiro nos fundos ou na comissoes? Sem fundos os valores da comissoes vao baixar.

      Hugo Neto

      Eliminar
    3. Hugo Neto além dos fundos serem proibidos também a actividade dos agentes fica desregulamentada (maior concorrência) e as comissões ficam limitadas a 3%.

      Este verão só em transferências o Mendes ganhou 50 MILHÕES em comissões!! Quase 25% do valor das transferências
      http://visaodemercado.blogspot.pt/2014/09/jorge-mendes-ganhou-50-milhoes-em.html

      Com 3% de comissão só tinha cobrado 6 Milhões no verão passado!

      Juntando a esse valor as vendas de partes de passes, são outras dezenas de milhões/Ano.

      É esse império que está em risco de ficar reduzido a um valor muito mais pequeno.

      Eliminar
    4. Mas qual é a diferença, o negócio de intermediação nunca irá terminar, há muita maneira de dar a volta. Só gente ingénua ou ignorante que não percebe nada pode fazer afirmações do tipo, "ver o chão a fugir debaixo dos pés".
      O Mendes não ganha 50M mas ganha 10M ou 20M qual é o problema? Há uns anos nem 5M ganhava.
      Legalmente ele até tem razão. A própria proibição dos fundos irá fazer com que eles passem a actuar de maneira diferente mas nunca irão terminar. Garanto-vos!
      O Bruno Carvalho parece-se cada vez mais com o D. Quixote. Palhaço!

      Eliminar
    5. 3% de comissão não representavam 50M€/Ano, mas sim 6M€/Ano.

      E nesse cenário ficava a perder 46M€ para andar a adquirir jogadores (via fundos) com um orçamento superior ao Benfica ou ao Porto, e concorrer pelos jogadores que nós pretendemos contratar.

      Eliminar
    6. Eagle, nem contas sabes fazer. 3% corresponde a 7% de perda isto é, 35M. Tinha lucro de 15M.
      Continuo a afirmar o mesmo que afirmei. Não sabes mas digo-te que o Mendes não ganhar apenas nos 10% que ele tem nas transferências. Falar sem conhecer o negócio dá nisto.

      Eliminar
    7. Ó "INTELIGENTE"... Este verão só em transferências o Mendes ganhou 50 MILHÕES em comissões!! Quase 25% do valor das transferências (Fonte: http://visaodemercado.blogspot.pt/2014/09/jorge-mendes-ganhou-50-milhoes-em.html)

      Cobrou 25% do valor das vendas! Se em vez de 25% tivesse cobrado 3% onde é que tinha uma perda de apenas 7%?
      Perdia 22% do valor das vendas!

      E onde é que 3% de +-250M€ representa 15M€? LOOL
      Passava de 50M€ para apenas 7,5M€/ano, para ser mais exacto.

      E pode avisar o Mendes (já que sabe tanto sobre ele), que vai continuar lixado, já que este lobby não vai dar em NADA!
      A proibição dos fundos e o fair-play financeiro veio para ficar, e não são as "sanguessugas" dos empresários que irão alterar essa situação!

      Os fundos já eram proibidos em Inglaterra e nunca ouvimos o Mendes questionar essa situação LOL.
      O PSG e o Man City apanharam multas de 60M€ no fair-play financeiro e nem bufaram LOL

      Irei continuar a fazer campanha Anti-Mendes, tal como fiz campanha Anti-Oliveira!
      Não vai ser um livro autobiográfico que o vai ajudar.

      "Deal with it".

      Eliminar
    8. Visão de Mercado? Desde quando um blogue é uma fonte segura de informação e de estatística? Tente arranjar os r&c das empresas do Mendes e depois fale.

      Eliminar
    9. Já que você é o "contabilista" do Mendes coloque cá os links para os pdf's das contas e offshores do Mendes! LOL

      Eliminar
  4. Tem um estudo que diz, os fundos vieram a aumentar os ordenados e o preço dos jogadores, por isso os clubes pequenos não podem pagar ordenados tão altos, e ficarem com 15% de mais valias, os clubes como o real, bayer, barcelona etc. só tem 30 jogadores cada e de certeza que não são todos bons, ou seja se o mercado ficar sem fundos os jogadores tambem ficam mais acessiveis aos clubes, e os bons serão sempre comprados pelos grandes como agora somente não custam tanto dinheiro é isto que os fundos tem medo de o mercado ficar mais barato e sem o seu controlo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É óbvio que os melhores sempre irão adquirir os maiores talentos.
      É óbvio que o Benfica e Porto sempre conseguirão adquirir talentos emergentes.
      É óbvio também que os fundos eram CONCORRENTES do Benfica e no Porto pela contratação de talentos emergentes, em vez de serem parceiros.

      Viu-se agora em Janeiro o Joaquin Correa ser desviado do Benfica por um fundo de investimento do Jorge Mendes que o colocou em itália. E ele ainda acha que tem "moral" para falar.

      Eliminar
    2. Com a agravante (extra desportiva) que muitos desses fundos recebem capitais que é basicamente lavagem de dinheiro, ou seja dinheiro vindo de actividades criminais.

      Há clubes que funcionam como casinos : "gastam/investam o vosso dinheiro aqui que nós precisamos dele...não queremos saber de onde ele vem..."

      Os clubes que têm uma situação financeira equilibrada e dirigentes minimamente honestos não precisam de colaborar com os fundos

      Cumprimentos,

      J.Sousa

      Eliminar
  5. Oh anónimo nada na vida está seguro. Se estivesse, o Todo Poderoso não comentava sobre este assunto. Porque isto trinca lhe os seus calcanhares.
    TBBC

    ResponderEliminar
  6. Eu aceito que hajam alguns casos em que a parceria com um fundo seja possível, mas a intenção da FIFA em que os clubes não gastem mais do que podem tem que prevalecer. Os fundos estão a borrifar-se quais clubes abrem falência e recomeçam como a Fiorentina, mas isto é totalmente anti-desportivo. Se retiramos o desportivismo do desporto então a indústria morre. E se o desportivismo é dever para uns mas facultativo para outros também não é justo ou desportivo. Se os fundos não conseguem operar num ambiente de responsabilidade fiscal e de desportivismo fiscal então azaróides, adeus e boa viagem.

    Filipe A.

    ResponderEliminar

Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado.

Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado.

artigos recentes