O Novo BlogGeraçãoBenfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Um espaço de opinião individual, alheio a quaisquer interesses individuais ou colectivos.
Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


Qual vai ser o resultado do Derby?

quarta-feira, 27 de agosto de 2014

Avatar

A face da incompetência.

 ●  + 10 comentários  ● 


"Fomos incompetentes." 
É a frase chave de Fernando Gomes, presidente da FPF, sobre a campanha no Mundial do Brasil.

E como em tantas outras situações neste país, a incompetência tem com consequência...nada.

O presidente não assume qualquer responsabilidade específica nos maus resultados. Os directores não assumem directamente qualquer responsabilidade específica nos maus resultados. 

O seleccionador, o tal que escolheu os jogadores e tomou as opções com critérios de amiguismo e lealdades incompatíveis com profissionalismo e respeito pela responsabilidade que lhe foi confiada, também não retirou consequências.

Pelo contrário, o seleccionador que foi incapaz de renovar a selecção e desperdiçou uma oportunidade enorme de fazer um bom mundial num país cuja familiaridade com Portugal é única, vê a sua incompetência ser recompensada com um reforço de poderes.

A falta de liderança na FPF evidencia-se nestes momentos. Assim como no Brasil ninguém deu a cara pelas opções de estágio e preparação, e Fernando Gomes bem ao seu estilo andou fugido das câmaras e dos micofones até a "tenda estar bem a arder", como o tem feito no caso da LPFP, também agora se consiera que "fomos incompetentes" mas afinal tudo foi bem escolhido e decidido.

Então falhamos onde? Em quê "fomos incompetentes"?

Parece que o médico, que colocou em causa as opções de Paulo Bento devido à deficiente condição física que muitas dessas primeiras opções apresentavam, foi o culpado e o único a ter que retirar consequências.

O futebol português é um reflexo de parte do país que nunca retira consequências dos seus erros. Ou não os assume, ou assumindo, agarra-se aos seus lugares até a tempestade passar, acabando por culpar a má sorte pelas suas teorias não resultarem em algo grandioso e repete depois aquilo que já de mal 

Este futebol velho, corporativista e repleto de gente com vícios e lealdades mais mportantes que o profissionalismo que os largos milhares de euros que auferem exigem, continuam a estrangular o que poderia ser algo bem melhor. Alimentam e alimentam-se do entusiasmo e da crença dos adeptos para apenas continuarem a manter os seus interesses bem vivos.

Pobre adepto do futebol. Enganado, iludido e sem força para mudar seja o que fôr. 

10 comentários via blogger

  1. BENFIQUISTA DE GAIA27/08/14, 11:51

    por isso e que o vieira o apoiou.....

    ResponderEliminar
  2. Miguel Silva27/08/14, 12:01

    Se fossem pessoas sérias, demitiam-se. Eles que vejam o caso da Selecção Italiana.

    Cumps

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. caro Miguel Silva, pessoas sérias???? queres seriedade numa estrutura que tem um vice-presidente - João Vieira Pinto - condenado por fraude fiscal!!! Veja-as e o exemplo da itália no que concerne na assunção de responsabilidades desportivas e a Alemanha, neste caso o ex-presidente do Bayern, no que diz respeito a ilícitos criminais.
      Cumprimentos,
      Pedro

      Eliminar
  3. Sobre isto não me apraz dizer nada porque para mim a gota de águajá foi e agora recuso me a ver a seleção,enquanto certas merdas não mudarem,o Fernando gomes que vá para o super tacho e o paulo bento pode ir para marte,enquanto aquilo não mudar não consumo mais certas vergonhas. Só sofro pelo glorioso. M.g

    ResponderEliminar
  4. ... " O futebol português é um reflexo de parte do país que nunca retira consequências dos seus erros. " ...

    O futebol português é um reflexo do país e de quem o tem governado ao longo dos anos, que nunca retira as devidas consequências dos erros que tem cometido, escolhendo as pessoas erradas para lugares onde deveriam estar " oficiais do ofício ", e NUNCA os sócios do partido, os amigos dos copos, os companheiros de viagens ... e oficios correlativos !

    ResponderEliminar
  5. Com o paulo bento nao vao mudar absolutamente nada...esse tipo tem medo da mudanca e sim gosta do conservadorismo barroco...

    ResponderEliminar
  6. 1º Erro: Renovaçao com Paulo Bento antes do mundial. Ficou com muito menos margem de manobra caso acontecesse o que aconteceu. Mas apesar disso, é futebol poderia sempre acontecer, deveria ter-se acautelado. Deve acreditar muito no PB que para mim é mediocre!!!

    2ª Erro: Reforço de Poderes do Paulo Bento. Se com menos poderes as coisas não correram bem, como poderá correr melhor com o reforço dos mesmos?? Ou terá a preparação planeada a revelia dele??? Não me parece... ele terá concordado, logo nao vejo no que isto poderá melhorar! O FG deve acreditar no azar... foi azar com certeza!! Ou não terá sido o Europeu anterior sorte?? hummmm.... fica a questao!!

    3º Erro: Haver adeptos que pensam que temos selecçao para fazer muito mais do que temos feito. Por mais que seja ocupamos um lugar no ranking que para mim nao é nosso, face ao nivel da nossa seleção em relação a muitas outras. Também pensam que o fútebol é uma ciencia exata, ou seja, somos melhores que os Estados Unidos teriamos de lhes ganhar 10 em 10 jogos.

    4º Erro: Pensar que basta mudar as pessoas para as coisas melhorarem. Mas NÃO é bem assim. Apareça uma alternativa com um projeto crédivel autêntico e realista. E que tipo de projeto poderia ser esse? Bem isso agora é bem mais complicado. Retirar a possibilidade aos clubes de encontrar talentos "escondidos" pelo mundo fora, e que na última decada nós tem permitido ombrear com os principais emblemas europeus, para obrigar a formar mais e melhor, que poderia ou nao resultar numa mais valia da nossa seleção? Será que queremos mesmo ter os maiores clubes ao nivel de os de uma liga belga ou mesmo escocesa?? Sinceramente no que a mim me diz respeito, prefiro ver o meu FCP, se fosse benfiquista, o Benfica, no topo europeu, do que uma seleção ligeiramente ou mesmo que fosse muito melhor do que é atualmente, em prejuizo da competividade dos nossos clubes. Como fazer para conciliar as duas faces da mesma moeda?? Haja ideias, pois não parece nada facil de concretizar, nem vejo como...

    Criticar tudo e todos só por criticar é que facil!! e não estou a dizer que esteja tudo bem, há indiscutivelmente coisas a mudar, mas uma coisa é certa... Não quero um novo Queiroz a frente da seleçao nacional!! Prefiro o Paulinho Bentas!!!

    ResponderEliminar
  7. O Fernando Gomes tem é que seguir o desafio do Bruno de Carvalho e levar com o balde de água gelada. A propósito disto, a forma como o presidente do zbording tomou o banho (umas gotas de água do sistema de rega do relvado) é bem elucidativa de como esse individuo vê as regras de tudo na vida. Ele achou-se no direito de poder desafiar outros, pelo facto de também se ter molhado (vejam o vídeo). Esqueceu-se que um banho público de água gelada não é bem aquilo que ele fez. Mas enfim, apenas fica demonstrado que Bruno de Carvalho altera regras e contratos a seu bel prazer. Não era este o tema, peço desculpa ao shadows, mas tinha que falar nisto. obrg.

    ResponderEliminar
  8. O Paulo Bento levou jogadores lesionados ou em baixo de forma e a culpa é do médico...ok... grande bode expiatório.

    ResponderEliminar
  9. Tens toda razão GB: este país tem o futebol que merece, e nós temos os diregentes que merecemos! Se vocês pensam que o resto da Europa chegou onde chegou com conversas de café e blogues e o cara£££@, bem que podem ficar sentados. Meus amigos, menos conversa e mais acção. Simples. Deixem-se estar nessa letargia e nesse conforto intelectual sem mexerem um cú que o poder agradece. Ao tempo que andas nestas andanças bem que já podias ter tido uma iniciativa nem que fosse promover uma ideia qualquer no facebook etc mas não, preferes vangloriarte por aqui e satisfazer o teu ego com uns quantos seguidores. Pois bem, quando pensares em criticar quem manda neste país, olha-te primeiro ao espelho. Tens um grande potencial neste blog pra fazer algo mais se não criticar. Como te disse noutro comentário (há anos luz atrás!), a crítica intensiva sem acção acaba por perder a intensidade ou seja, ficas a falar prás paredes!
    Um abraço e até o dia em que resolveres mexer esse cú dessa cadeira
    CG

    ResponderEliminar

Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado.

Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado.

artigos recentes