Uma questão sobre a renovação de Jorge Jesus.
O Novo Blog Geração Benfica é agora um espaço aberto a outros bloggers benfiquistas. Os autores dos textos serão os únicos responsáveis pelos mesmos, não sendo definida qualquer linha editorial ou obrigatoriedade. email: novogeracaobenfica@gmail.com


quinta-feira, 7 de março de 2013

Uma questão sobre a renovação de Jorge Jesus.

Avatar
 ●  + 10 comentários  ● 

Um dos pontos mais discutidos sobre a renovação de contrato de Jorge Jesus é o seu vencimento.

Justo por ver o Benfica praticar o melhor futebol dos últimos anos e por um título de campeão nacional.
Justo por ter colocado o Benfica a discutir todos os anos o título.
Justo por durante o seu consulado o Benfica ter efectuado vendas por valores milionários e por se ter assistido à valorização de jogadores que eram considerados 'perdidos'. 

Elevado por em 3 épocas apenas ter vencido um título de campeão nacional  e as Taças da Liga em que participou. 
Elevado por ter perdido o acesso a uma final europeia com o Sporting de Braga, clube com orçamento inferior e com menos qualidade no seu plantel.
Elevado pelo fraco resulado obtido com o investimento feito em atletas internacionais e de qualidade superior.

Estes são alguns dos argumentos que se esgrimem, quer a favor, quer contra Jorge Jesus.

A questão que se coloca tem a ver com a diminuição do vencimento de JJ, a rondar os 334.000€/mês.
A troca dessa diminuição por um aumento compensador em prémios por objectivos atingidos.

Sabendo que JJ valoriza e muito o que tem feito no Benfica, não será fácil para ele aceitar um corte no seu vencimento, mesmo que compensado noutros campos do seu contrato.
Aliás, não é fácil para ele nem para ninguém.

Se o patrão do caro leitor do NGB vier ter consigo e lhe oferecer um corte no vencimento tentando compensá-lo num campo em que os resultados não dependem exclusivamente do seu trabalho, aceitaria?
Sabendo que terá trabalho garantido noutras paragens e muito provavelmente com um aumento no que aufere actualmente?

Quantos de vós aceitariam tal situação?
Duvido que a maioria aceite.

Na realidade, temos sempre aquela ideia de que os jogadores e treinadores sentem a mesma paixão que nós pelo clube, e por isso, farão tudo para cá ficar.
O que esquecemos por vezes é que acima de tudo são profissionais que apreciam ser bem pagos e de forma justa, tendo em conta a apreciação que fazem do seu trabalho. 

O Benfica não é um clube qualquer. O show dado pelos seus adeptos quer em Leverkusen quer em Aveiro deixam isso bem claro.
Mas os atletas e treinadores não vivem exclusivamente do reconhecimento da massa associativa. E tendo em conta o aumento brutal de impostos a que se tem assistido nos últimos meses em Portugal, a questão assume uma importância maior.

Veremos como Luis Filipe Vieira e Jorge Jesus conseguirão ultrapassar este tema.

10 comentários blogger

  1. Obviamente que JJ ñ pode ficar no SLB se ficar em branco mais uma vez! Este nosso clube não se pode coadunar com o fracasso, nem tão pouco com vendas, pois o mercado de certo irá contrair-se!
    No entanto, se a opção for a renovação, o ordenado terá de ser reduzido e muito! Ganhe ou não a Liga! É simples... Mais: não é preocupante ver que a viabilidade do sucesso desportivo esteja dependente de JJ, como acreditam muitos? Isso significa que a estrutura do futebol não é forte! Muito pelo contrário! E é isto que eu gostaria de ver dicutido neste espaço!

    ResponderEliminar
  2. Há que separar as águas.
    Primeiro que tudo, o ordenado base não será um mero ordenado mínimo, nem 2, nem 10, nem 100!!!
    Segundo o JJ é treinador há muitos anos e sabe perfeitamente que a continuidade destes profissionais depende sempre de títulos.
    Terceiro o JJ conhece melhor do que ninguém o futebol Português e acima de tudo a sua capacidade, logo ele sabe perfeitamente se o clube onde se encontra lhe pode dar as ferramentas para ganhar títulos ou não.
    Sim há corrupção e muita e toda ela virada contra o Benfica. Contudo não há clube em Portugal que tenha o poder de compra e um 12º jogador da magnitude do Benfica. A corrupção pode influenciar muita coisa durante um certo tempo, mas não em todo o tempo. Tem de chegar o momento de ultrapassar os limites e ser ela própria o maior inimigo às suas pretensões. 30 anos de corrupção devem estar a atingir o ponto de saturação.

    ResponderEliminar
  3. Parabéns Shadows, um dos teus melhores posts.

    Da minha parte, apoio absoluto à continuidade de Jesus, mesmo que não seja campeão. O seu índice de vitórias está entre os melhores treinadores da história do Benfica (3º ou 4º lugar) mas tem apanhado com uma concorrência que outros não tiveram (seja porque o FCP tem boas equipas ou porque conjuga isso com manobras escuras).

    Tanto se valoriza o trabalho de Fergusson no Manchester mas não se recorda que ele não chegou lá e começou a limpar tudo. Preciso de muitos anos, de paciência, de ele próprio aprender (como acredito que Jesus tem feito).

    Abraço,
    Calantrao

    ResponderEliminar
  4. eu ao vieira assinava contrato vitalicio com jj sem duvida um exelente treinador pena nao ter uma direcao tao capaz como ele...nos ultimos anos os benfiquistas tem se sentido capazes de vencer campeonatos tacas e ate competicoes europeias o que antes de jj era uma miragem e so se vivia os trofeus do passado...poe a equipa a jogar um optimo futebol por vezes falha e verdade mas e a primeira vez que treina um clube com a dimensao do benfica e tem aprendido com esses erros exelente trabalho...dem lhe tempo e acredito sinceramente que em poucos anos tamos a ganhar tudo..obrigado jj

    ResponderEliminar
  5. Na minha óptica, continua a ser um erro estúpido ter o melhor treinador que podemos ter se não temos presidente...

    Por falar disso, já houve alguma reacção às palavras sábias de "pedido de ajuda divina" do gravatas? Ou vamos voltar a ser "mamados" como no ano passado?

    ResponderEliminar
  6. Argumentos falaciosos.

    #1 - comparar alguém que ganha mais de €300.000 com gente que ganha €500 ou €1000 euros chega a ser insultuoso;
    #2 - JJ não vive (ou não devia viver) numa bolha - o país está em crise e ele devia ter consciência disso;
    #3 - a valorização e venda de jogadores conta zero para esta discussão, a não ser que o JJ trabalhe à comissão;
    #4 - JJ é, salvo erro, o 15º treinador mai bem pago do mundo - completamente injustificável;
    #5 - não acredito nem um bocadinho que ele consiga um contrato tão bom ou melhor noutras paragens.

    ResponderEliminar
  7. https://www.youtube.com/watch?v=gU7aE5aD20g

    ResponderEliminar
  8. Muito bom post Shadows!

    Na minha opinião deveríamos renovar com Jesus! Mas ele deveria baixar um pouco o ordenado base (tendo em conta que os tempos são outros) e aumentar os prémios por objectivos!

    ResponderEliminar
  9. Muito bom post Shadows.

    Apenas nao concordo que o JJ tenha ofertas superiores (ou mesmo equivalente) ao que aufere actualmente, logo tem poucas alternativas, nomeadamente:

    - Estrangeiro, nao acredito que haja muito interessados, é um treinador que tem uma capacidade de comunicacao muito fraca, falando Portugues como fala, imagina outras linguas
    - SCP, se puder pagar metade do que aufere no Maior já é muito, nao acho que seja uma grande alternativa
    - Porco, é a principal alternativa mas actualmente nao acredito que possam pagar 3mios/ano. De qualquer maneira é a ultima alternativa real que vejo para o JJ.

    Joao Pedro

    ResponderEliminar
  10. M. Silva, tal e qual. Subscrevo.

    ResponderEliminar

Atenção: O NGB mantém um registo completo de todos os comentários. Se não estiver registado, assine sempre o seu comentário. Se não o fizer, não se queixe se não for publicado. Seja moderado na linguagem. Se não o for, não se queixe se o seu comentário não for publicado. Comente o assunto do post, salvo algum off-topic que se enquadre no âmbito do NGB

ranking

recentes

Mensagens populares